sexta-feira, 10 de agosto de 2018

País Indefeso?





“País Canalha é o que não paga precatórios”

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Enquanto os ilustríssimos senhores generais hesitam em promover uma intervenção saneadora, o Brasil segue ameaçado pela cobiça internacional.

A China prepara uma invasão de nosso território em busca de COMIDA.

Sua condição de potência mundial jamais será viável à falta de alimentos e água potável. Toda sua tecnologia e crescimento econômico são verdadeiros tigres de papel porque o gigante tem pés de barro.

Se não aumentarmos o efetivo de nossas forças armadas para um número compatível com a grandeza do bem a ser defendido, em breve o país de esfacelará, facilitando a tarefa de rapina.

Não há verbas? O Congresso não vota as leis necessárias?

Troquemos os políticos e as leis numa efetiva apropriação de meios, sob pena de responsabilidade dos chefes.

Permitir uma eleição sob suspeita de FRAUDE, em que a corte eleitoral decide NÃO CUMPRIR A LEI do voto impresso, é no mínimo, ridículo.

Empurrou-se com a barriga a solução eficaz com o “impeachment” da anta. Mais de dois anos de sangria desatada.

O factóide eleitoral nos atrasará mais quanto tempo ?

A candidatura de militares na reserva não passa de um sonho romântico.

Alguém que adentra num cassino controlado pelo crime organizado e pensa que vai ganhar na roleta, é ingênuo ou idiota.

Um exército só de recrutas é igual a zero.


Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

3 comentários:

Anônimo disse...

No meio de tantas nulidades vai ser difícil prevalecer o bom senso. O caráter é corrompido. Tem que ser na pancadaria.

Anônimo disse...

Mantiqueira, a fé é nossa última esperança!

Não canso de pedir a Deus que dê coragem a esses senhores.

Se eles se "sintonizarem" no Senhor dos Exércitos nada lhes faltará...nem competência!

Oremos ao Altíssimo!

Anônimo disse...

Quando Maluf chegar na porta do céu e falar com o "Pedrão", primeiro, nem vai passar dali. A resposta vai ser:" Mas você sempre disse que não era você?".Depois ele aperta o interfone celestial e chama: "Satanás, mais um daqueles mentirosos que gostam de roubar o povo pra você.... não, não, não é o barbudo, não, ainda não".