terça-feira, 25 de setembro de 2018

As inacreditáveis pesquisas manipuladas



Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Nem a Velhinha de Taubaté – símbolo da credulidade inocente – consegue acreditar nos últimos resultados de “pesquisas” que indicam o crescimento na intenção de votos no candidato do PT. Além de mentirosa, a suposta tendência representa 13 facadas contra na realidade. A rejeição e revolta contra o PT pode ser medida, facilmente, nas ruas – exceto em alguns lugares da região Norte/Nordeste, onde o Presodentro Lula nunca deixou de ser endeusado.  

Meras enquetes com duas mil (no máximo três mil) pessoas, geralmente por telefone, não são cientificamente confiáveis para determinar a expressão da vontade de 143 milhões de eleitores. Qualquer idiota do jornalixo tupiniquim sabe disto. No entanto, os donos da mídia insistem em vender a mentira objetiva das caríssimas “pesquisas” de resultado manipulado nas manchetes dos noticiários. O pior é que as Velhinhas de Taubaté do Mercado acreditam nelas, e até ganham dinheiro com as especulações sobre resultados enganadores.

As recentes pesquisas deste ano estão ululantemente manipuladas. A manobra acontece na oscilação, subestimada, do número de votos brancos, nulos e abstenções. Números abaixo de 25% nesta quesito são totalmente inconfiáveis. Da mesma forma como as indicações de que Jair Bolsonaro ostente menos de 30% nas intenções de voto. Portanto, é muita canalhice levantar a pipa do Haddad, reanimando um eleitorado morto-vivo do PT. Os manipuladores só estão esquecendo que a bronca verdadeira contra os petralhas pode fortalecer ainda mais o voto útil em Bolsonaro.

A brincadeira é simplória. As pesquisas indicam Bolsonaro na frente, mas sem subir. O adversário que vem atrás oscila para cima, turbinado pelo voto nulo, branco ou abstenção desconsiderado. Outro fato engraçado é que as “pesquisas” (que tendem a errar o primeiro turno) ainda fazem uma projeção sobre vários cenários de segundo turno. É muito deboche com a cara do eleitorado que sonha com mudanças para o Brasil...

O que não muda é a situação vergonha dos tucanos – os primos dos petralhas. Agora, além de não decolar nem nas pesquisas inconfiáveis, Geraldo Alckmin vive o drama da traição interna. O grupo do ex-governador paulista suspeita que o candidato a governador João Dória estaria, por debaixo dos panos, apoiando Bolsonaro... Pobre Geraldo, que bate em Bolsonaro fingindo que também odeia o Haddad... Geraldo ficará sem palanque no eventual segundo turno que pode nem acontecer, dependendo da imponderável abstenção que as “pesquisas não conseguem medir...

Novamente, na hora do resultado final da eleição, os institutos de pesquisa devem sofrer mais uma desmoralização, pois errarão barbaramente suas “previsões” manipuladas. Nas eleições de 2014, Ibope e Datafolha erraram mais de 50% dos prognósticos. Parece que em 2018 a coisa será bem pior. Cada pesquisa nova que sai desmente a pesquisa anterior.

Eleição no Brasil é fraudada duas vezes. Primeiro, nas pesquisas falsárias. Segundo, no dogmático sistema eletrônico de votação, idolatrado pela tal “Justiça Eleitoral” que não permite recontagem física dos votos. É assim que o Mecanismo elege seus bandidos. É esse sistema criminoso que precisamos lutar muito para mudar.

Enquanto somos iludidos pelas subidas nas “pesquisas” eleitoreiras, sobem de verdade o preço internacional do barril de petróleo, o dólar, a energia, os combustíveis e o custo de sobrevivência do brasileiro...  



Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 
A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 25 de Setembro de 2018.

6 comentários:

Anônimo disse...

Vai se fazer de vítima da sociedade, vai ser libertado, eliminado e... pronto. Mais um. Para um pé rapado desses, receber a orientação de quatro advogados caríssimos???? Já disseram que era uma igreja, PCC, PT... O certo é que, quem paga, mandou fazer.

Anonipost disse...

Esse é o futuro do "país do futuro"... O bandido a mando de podero$o$ vira vítima e a vítima é condenada por ter entrado no caminho do vagabundo mal carater. E a mídia, comuna por natureza, faz apologia e torna o bandido uma celebridade. Devem estar levando muita grana para isso...

jomabastos disse...

O Brasil foi desmoronado e está manipulado pelo capitalismo de estado criado pelo comunismo(PT e outros da extrema esquerda)e assessorado pelo PMDB(MDB), pela corrupção e pela incompetência política em geral. Até o Tiririca irá ser candidato à presidência em 2022?!

É certo de que as pesquisas têm grandes probabilidades de estarem erradas e serem tendenciosas e as Urnas Eletrônicas sem auditoria a 100% condenarem a democracia.

Mas o Bolsonaro que prepare muito bem o segundo turno, fazendo o possível para não ferir os eleitores não comunistas no primeiro turno, se ele quiser conquistar os votos destes.

O Bolsonaro que mostre claramente que tem verdadeiras propostas liberais e socioeconômicas para o Brasil. Não vale a pena insistir nos erros cometidos no passado em seus discursos, mas sim apresentar no presente alocuções seriamente liberais, que faça conquistar outros eleitores para o seu segundo turno destas eleições.

Penso que somente uma Intervenção Constitucional cívica seguida de uma Intervenção Institucional liberal, é que poderá libertar a riqueza desta Nação rumo à democracia e ao desenvolvimento

Alcir disse...

Exatamente a região sul da qual a população foi rotulada de “nazista” por Ciro Gomes, a muleta de Addad, Bolsonaro “perde” oito pontos em menos de uma semana, segundo a pesquisa IBOPE. Dá para confiar? Conta outra IBOPE.

Anônimo disse...

Capitão Durval Ferreira diz que, se existem tecnologias para fraudar urnas, existem muitas tecnologias poderosas para fiscalizar, e que de qualquer forma as Forças Armadas estão presentes.

Unknown disse...

Muito boa a matéria isso é serto que eles estão armando alguma coisa pra cima do BOLSONARO