quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Bolsonaro tem competência para governar?



Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Pergunta que não quer calar: Jair Bolsonaro tem ou terá competência para governar o Brasil? Os inimigos, preconceituosamente, já pregam que não... No entanto, Bolsonaro merece, no mínimo, o benefício da dúvida a favor dele. Até agora, Bolsonaro tem uma vantagem sobre todos os adversários e políticos que o antecederam no cargo. Carrega a marca, consolidada, da Honestidade. Tal qualidade faz ou e fará a diferença. Oxalá que o poder do Mecanismo não consiga corrompê-lo, e nem seduzir seus principais assessores e aliados.

Outra indagação urgente: Jair Bolsonaro terá capacidade de enfrentar, neutralizar e vencer o Mecanismo do Crime Institucionalizado? Esta é uma missão prioritária. O Sistema considera Bolsonaro seu inimigo imediato. Já que não conseguiu vencê-lo, tentará assimilá-lo. A canhota revolucionária promete infernizar a vida do “Mito” Presidente. As facções criminosas - que faturam alto na parceria delituosa com a máquina estatal – também planejam acirrar a “Guerra Bandida” permanente contra Bolsonaro.

A previsão é de muito confronto violento, tiro e mais mortes que os já absurdos 65 mil assassinatos anuais. Além disso, Bolsonaro terá de agüentar o ataque direto e insistente do cínico discurso dos “direitos humanos” – sempre favorável ao Criminoso e não ao Cidadão-vítima (quase sempre fatal). Bolsonaro terá de ir muito além do folclórico discurso de que “bandido bom é bandido morto”. Não haverá espaço para errar no redesenho da atuação das nossas Forças de Segurança.

Bolsonaro sabe que a Legislação terá de ser alterada e consolidada a favor do combate à impunidade, com foco em investimentos na Educação (único jeito civilizado de fechar a fábrica de bandidos). Quem porta armas de guerra já sabe que será alvo da repressão legítima do Estado. Bolsonaro terá de enfrentar a oposição (às vezes covarde) da ala aparelhada ideologicamente e que toma conta da máquina Judiciária (principalmente do Ministério Público). Parcerias inteligentes com os governos estaduais serão fundamentais.  

Mais uma pergunta que não quer calar: Bolsonaro terá sabedoria para comandar uma nova política externa para o Brasil – totalmente contrária ao alinhamento ideológico radical com a turma esquerdista do Foro de São Paulo? Os inimigos já condenam Bolsonaro, previamente, por sinalizar uma aliança com os EUA de Donald Trump e aos sionistas conservadores de Israel. Os mesmos “torcedores-contra” sustentam que Bolsonaro já estaria afrontando a China e o mundo árabe – com quem o Brasil mantém imensa parceria comercial.

O que os preconceituosos não enxergam é que Bolsonaro tem a chance única, que não pode ser perdida, de inaugurar um capítulo inédito para colocar o Brasil, de modo inteligentemente soberano, no centro da diplomacia global. Se Bolsonaro agir com equilíbrio, conciliando em fez de antagonizar burramente e conflitar inutilmente, o Brasil tem tudo para ser um mediador para o equilíbrio do mundo. Se Bolsonaro quiser facilitar esta missão, basta nomear para o Ministério das Relações Exteriores um intelectual empreendedor: Luiz Philippe de Orleans e Bragança. Eleito deputado federal, o Príncipe daria um show no Itamaraty, já que seria respeitado pela realeza que controla o mundo globalitário.

Militares próximos de Bolsonaro, que elaboram planos viáveis de governo, compreendem que o Brasil deve (re)assumir uma postura soberana, porém integrada ao que existe de melhor no mundo. Basta de se aliar aos lixos ideológicos. Chega de abaixar a cabeça e balançar o rabinho para os “controladores” globalitários. Já passou da hora de o Brasil se integrar para se desenvolver, repartindo, de forma mais justa e perfeita, os lucros com o “mundo desenvolvido”. A chance é única. Não pode ser desperdiçada. Ou, do contrário, vamos aprofundar nosso imperdoável e nojento subdesenvolvimento.

Voltando ao cenário interno, ao contrário do que pregam seus adversários e inimigos, Bolsonaro tem plena condição de governabilidade, principalmente no começo de gestão. O “Mito” jamais poderá calçar salto alto – muito menos no velho coturno. Deve negociar, aberta a  soberanamente, com as várias bancadas do Legislativo. Precisará adotar, também, uma postura conciliadora, porém firme, com o Judiciário e o Ministério Público. No começo, é sábio falar menos e agir mais, não caindo nas armadilhas da mídia que, espera-se, deixará de ser comprada com verbas públicas. O caminho da pacificação nacional dependerá muito da serenidade e sabedoria de Bolsonaro.     

A chave do sucesso para Bolsonaro será a Mudança Estrutural do Sistema estatal, junto com a liberalização na economia. Logo que assumir o governo federal, o primeiro passo para isto deve ser a Transparência total. O famoso Mecanismo não resiste a uma exposição pública... de verdade... Se aliviar, Bolsonaro será sabotado e detonado.

Além disso, a Transparência deverá ajudar na outra prioridade – que é a Austeridade. E se a Honestidade prevalecer, Bolsonaro tem tudo para enfrentar, neutralizar e derrotar o Mecanismo. O foco é na transparência e na verdade, tomando cuidado que o poder governamental tende, sempre, a esconder seus erros, quase nunca fazendo autocrítica. Não cair nesta armadilha é uma recomendação valiosa para Bolsonaro & equipe.

Resumindo: Jair Messias Bolsonaro e seu vice, General Antônio Hamilton Mourão, precisam ter muita competência, serenidade e tolerância para governar. O Brasil não pode, nem merece, perder a chance que Lula desperdiçou no passado. Torcer e jogar contra o sucesso de Bolsonaro e Mourão é burrice e canalhice.

Hit do Momento Eleitoral

  



Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 
A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 17 de Outubro de 2018.

3 comentários:

Anônimo disse...

NUTAVAEL DIZ...
Já entendi o interesse dos cachaceiros e de enfiar Portugal aqui dentro do pais outra vez. Nossa infelicidade foi ser descoberto pelos bandidos de além mar.Essa turma não desiste.
Portugal teve ....
.como soberano Salazar por quarenta anos. Eles são o atraso. O merda europa sempre foi o atraso do mundo. Eles nunca souberam fazer o dever de casa e agora querem se apossar do Brasil para fazer nossa favela o suporte dos desvarios ministrados pela merda europa.
O fato de ser um Orleans e Bragança não quer dizer que vai fazer o dever de casa como deveria.
Sua pagina esta sendo uma bosta para a nação.
Quem lhe da o direito de dizer isto ou aquilo como se fosse verdade absoluta.
Querer fazer o que bem entende e dizer o que bem entende em nome do Senhor do Universo traz uma responsabilidade enorme.
Já vi o que vcs estão querendo não e o bem o pais mas sim uma boquinha para se pendurar nele.
Nosso destino esta nas mãos do Grande Arquiteto Divino e quem usar o nome dele para se promover certamente sera punido na hora certa.
Sangue de Jesus tem força. Ele esta no comando. Se não tem nada de útil a fazer continue fazendo o que sua entidade manda fazer. Veremos no futuro quem esta certo.AMEM.

Anônimo disse...

Serrão, O que Bolsonaro precisa urgentemente quando assumir o poder, é revogar os decretos PNDH 1, PNDH 2 e PNDH 3, deixo um video para que se vc ainda não viu, veja e quem sabe oriente o Bolsonaro. Veja e entenderá o pq nossa justiça, inclusive o ministério público, a imprensa estão se transformando e até mesmo nossa educação. Segue o link do video.

https://www.youtube.com/watch?v=5wHlHMzQgs8

Veja como o que está neste video acima, está sendo aplicado no ceará no video abaixo.

https://www.youtube.com/watch?v=ElV2STJ-7Vo

Precisa revogar a lei da palmada que nada mais é do que pra jogar filho contra pai. Precisa revogar ou modificar o ECA.

Veja como esses PNDHs 1, 2, 3 estão prejudicando a agricultura tmb. Esses dias, em conversa com um sr agricultor; ele planta legumes e verduras. Ele me disse que agora tem um rastreamento por satélite das lavouras que o agricultor tem pagar trezentos reais, eu só não me lembrei de preguntá-lo se era por mes ou por ano. Ele disse que vai parar de plantar pq ja não ganha la essas coisas e ainda tem que pagar por esse rastreamento. Ele disse tmb os amigos deles que plantam vão parar de plantar tmb. Eu penso que isso é mesmo um estímulo para parar de plantar. É um absurdo paga pra ser vigiado. É a ONU dos George Soros que ta fazendo isso com nosso país. Essas organizações, como por exemplo, Diálogo Interamericano e Foro de São Paulo cumpre á risca o que determina o establishment da ONU. Eu sei que o Bolsonaro ta ha muito tempo na Câmara e sabe de tudo que rola mas às vezes precisamos lembra pq é muita coisa.

FOTO DO FATO disse...

O artigo está perfeito.
Quanto a S.A.I. Luiz Phillipe de Orleans e Bragança no Itamaraty eu diria " Habemos Papa"!
Quanto a Jair Bolsonaro na cabeça do poder de Estado e de Governo eu quero saudá-lo na extensão do que espero deleutilizando Lei eIrdem. "Ave Bolsonaro!"