domingo, 28 de outubro de 2018

Nossa Escolha



Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Renato Sant’Ana

"O ótimo é inimigo do bom!" Se deixamos de escolher porque as opções não vêm ao encontro de nosso ideal, então estamos infantilmente a optar por ser conduzidos pelas circunstâncias. A sabedoria está em pôr nosso cérebro "em modo razão" e jogar com as peças que houver no tabuleiro.

Na urna, diremos "sim" ou "não" ao uso metódico da corrupção como projeto de poder, coisa inventada, sim, pelo PT.

Teremos de escolher entre, por um lado, uma incerteza de mãos limpas e, por outro, a certeza de mãos imundas.

Ninguém, de sã consciência, quer ver o Brasil submetido a um regime igual ao da Venezuela - que é o que está no programa de governo do PT.

Votar contra a venezuelização do Brasil é votar em Jair Bolsonaro, ainda que possa haver incerteza quanto a seu governo. Se não é ótimo, é bom para romper com o "mecanismo" que nos condena à pobreza e à falta de
liberdade.

Sim, o mais urgente é a ruptura: se o paciente está com 40° de febre, a primeira medida é fazer baixar a temperatura para impedir que entre em convulsão. Depois, tomam-se as demais providências - sem perder o
sentido de urgência.

Votemos como adultos! A Pátria merece o nosso melhor!

Renato Sant'Ana é Psicólogo e Bacharel em Direito.

Nenhum comentário: