quarta-feira, 2 de janeiro de 2019

Agora sim, Feliz 2019...



“País Canalha é o que não paga precatórios”

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira
Ufa! Alvíssaras ! Aqui d' El Rey !

Cá estamos, queridos leitores, sob nova direção !

Oremos para que o Mito e seu ilustre vice, não escutem o canto das “sereias”. A primeira barganha esmerdeará todos os bons propósitos!

O melhor corretivo que pode ser aplicado à porcada corrupta é uma crise de abstinência forçada.

Já esperamos por mais de trinta e cinco anos para recuperar o rumo certo e, assim, aguardar um pouco mais a boa vontade do cão egresso não faz diferença.

Pelo amor de Deus, fechem as “torneiras” da corrupção e do desperdício do dinheiro dos contribuintes. Se necessário, usem todo o primeiro ano de mandato para consertar a “máquina”. Desratização geral!

Façam intensas e frequentes reuniões ministeriais para avaliar os projetos em estudo, os em andamento e corrigir eventuais equívocos.

Lembrem-se de que é uma “corrida” de longa duração. O veículo deve estar em boas condições, o combustível em quantidade suficiente e sem adulterações, e os pilotos descansados e bem alimentados.

Vigiem seus entes queridos e temperem sua impetuosidade.

Não experimentem o fel das chantagens.

Façam como São Paulo ! Lutem o bom combate !

A vitória depende sempre de Deus. Feliz Ano Novo !

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

3 comentários:

jomabastos disse...

Para uma verdadeira "limpeza" do país é necessária muita iniciativa popular e não ficarmos somente esperando que a governação resolva tudo.

Os governantes têm que respeitar a população e a Nação, estrangulando a corrupção e acabando com o esbanjamento do dinheiro público, apostando seriamente na Educação, na Saúde e no Saneamento Básico.

Há que incentivar e libertar a iniciativa privada e a livre iniciativa da imensa burocracia, da regulamentação e do excesso de impostos. Para que o mercado socioeconômico se desenvolva com qualidade e ligeireza, também necessitamos de uma boa infraestrutura rodoviária e ferroviária, transporte público bem estruturado e dimensionado, boas telecomunicações e do eliminar da violência.

Anônimo disse...

Se a Dilma torce pelo fracasso do governo, então, será a primeira vez que ela fala algo que sabemos o que é, mas na verdade está morrendo de inveja. Teve quase dois mandatos completos para mostrar a eficiência dela e do Lula e quase nos levou para uma falência geral. Deve ter sido dolorido ver o Bolsonaro subindo aquela rampa prometida pelo "poste", pisando no tapete vermelho, sendo cumprimentado até pelo Evo Morales e depois, um delicioso coquetel. O presidiário ficou lambendo os beiços!.

Anônimo disse...

Quando os liberais irão entender que a eficiência da esquerda está na destruição da sociedade?