segunda-feira, 28 de janeiro de 2019

Sacocheísmo

Situação embaçada 

“País Canalha é o que não paga precatórios”

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

A singularidade dos novos tempos é de tal ordem que as antigas palavras já não são suficientes para explicar os fatos correntes.

Assim, fundemos o movimento Neologismos Já!

Este humilde escriba, desde logo, declara que não pretende nenhuma benesse oficial para tentar enriquecer a língua portuguesa.

Fa-lo-á “di grátis”. Depois de ter indigitado a pretensa reforma da (im)previdência de franquisteiniana, hoje botaremos o dedo na ferida.

O desespero da banca é igual a de uma porca no cio. Nós, pobres mortais, não somos capazes nem de imaginar os lucros que advirão de um novo “modelo” de capitalizaCão.

Embora torça para o ministro da Economia dar certo, sei muito bem que seu “track record” é de sacerdote, consciente ou inconsciente, da Nova Ordem Mundial.

De forma abrupta, quer fazer nascer à fórceps, a mal concebida proposta temerária. O correto seria recadastrar TODOS os funcionários públicos, ativos ou aposentados, pensionistas e beneficiários de qualquer outro tipo de pagamento feito pelo governo. Em paralelo, deve ser feito um ajuste de valores relativos pagos a TODOS os cargos existentes na administração pública. Não podemos mais tolerar que servidores com responsabilidades infinitamente maiores, recebam menos que um operador de fotocopiadora.
Foi noticiado, que o desgoverno anterior tinha nomeado uma dúzia de “técnicos” para cuidar de uma única máquina!

Já tentaram facada; agora, arapuca. O que virá depois ? Chantagem, ameaça ou intimidações de “terrorismo” pós-moderno. Envenenamento, ataque com material radioativo, “bullying”, etc.

Construa-se uma boa cerca de proteção. Mourão não falta.

Boa sorte ao Bolsonaro em sua Intervenção Cirúrgica: Ele já está de saco cheio daquela bolsa de colostomia. Manda ela para o saco de lixo hospitalar. Fora, Saco!

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

3 comentários:

jomabastos disse...

"O correto seria recadastrar TODOS os funcionários públicos, ativos ou aposentados..."
A era da digitalização ainda não aportou neste país. Ainda existe uma "Carteira de Trabalho e Previdência Social " há muito caduca, a qual é exemplo da falta de digitalização e da falta de privacidade. O subdesenvolvimento domina este Brasil.

jomabastos disse...

Lutar contra a "Nova Ordem Mundial", contra os senhores mundiais da alta economia e da alta finança? É algo impossível! É melhor e mais fácil o Brasil juntar-se a eles como elemento prioritário.
Mas infelizmente a corrupção vem dominando totalmente o país. A nossa grande adversidade, os nossos grandes males, vivem cá dentro e não lá fora. Não empuxemos as culpas para o mundo além fronteiras.

Anônimo disse...

A Nova Ordem Mundial sofreu um racha (ponto para a intercessão de Nossa Senhora de Fátima; não à toa os globalistas - comunistas e liberais - querem eliminar a influência da religião na sociedade) e são os dissidentes que estão trabalhando para desbancar George Soros e a esquerda.