quarta-feira, 23 de janeiro de 2019

Tragimídia


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Henrique Abrão e Laércio Laurelli

Que a mídia brasileira joga para seus próprios interesses políticos e econômicos ninguém duvida, mas esse papel assume importância na medida em que desestabiliza a democracia e fragiliza as instituições. O anterior governo, generoso com suas dádivas e perdulário com recursos públicos, somente do BNDES saíram R$ 50 bihões para os países de centro esquerda, e a maioria não devolvida com o calote geral.

Enquanto a imprensa é badalada e recebe os dividendos, ela não se importa se a governabilidade está ou não em risco, já que o melhor é sempre fazer prevalecer a lei de Gerson. Não se fala de censura ou de triagem ideológica mas se olharmos hoje nossos periódicos iremos nos envergonhar. As concessões de tv nas mãos de poucos e por longo período, as rádios nem se diga, e as revistas praticamente insolventes, ou em recuperação judicial.

Talvez seja o traço da concorrência digital, mas em grande parte pela banalização dos programas, tipo BBB e outros que só chafurdam na lama e no pântano do ódio e da violência. Sem dúvida ao lermos as notícias hoje pela internet é grande a desesperança e falta de otimismo somente se propala o que é ruim e se escondem as coisas boas, e por que será?

A quem interessa manter o status quo de divulgar crimes, tragédias, violências contra a mulher, o idoso e a criança,além do malsinado comércio de drogas que se alastra e faz com que milhares de pessoas caiam na dependência química. A mídia brasileira está atordoada sem saber o que fazer e os programas são água com açúcar, muitos dos quais se repetem,quem tem tv a cabo também reclama já que a programação não é das  melhores e os canais estrangeiros pegam exibições de décadas atrás e até, não se surpreendam,em preto e branco.

Quem a elite pretende colonizar e manter seu domínio mediante projetos insondáveis de falta de educação e cultura. Hoje o que assistimos é uma contraimprensa, a falta de bom senso, de razoabilidade, amarguras e quem noticiar mais tragédia,ódio e vingança ele sairá com o Oscar por ter ganho a simpatia popular, havia no passado um jornal que se amassasse sairia sangue hoje quase todos são assim, infeliz e desgraçadamente,tudo está aparentemente contaminado e dominado pelas más informações,e coisas estranhas,vão catar a tragédia na Ásia, na áfrica em qualquer continente, continuaremos a ter pseudo exibições ou mudaremos as concessões em geral, da tv, do rádio e de outros grupos econômicos que apenas vislumbram quanto pior melhor.

Não é a toa que mais de meio milhão de brasileiros buscou a saída alternativa do aeroporto e assim continuará sem cabedal para que saiamos do subtribalismo da mídia e alcancemos patamares destoantes da vergonha nacional o que é regra na imprensa brasileira atual.

Carlos Henrique Abrão (ativa) e Laércio Laurelli (aposentado) são Desembargadores do Tribunal de Justiça de São Paulo.

4 comentários:

Anônimo disse...

Parabéns pelo comentário, pois é impossivel que só tenhamos horro, horror, horror...a imprensa et etc é venal.

Toloco

Anônimo disse...

A CARA DE PAU A MAFIA É ISSO, QUALQUER IMBECIL SABE QUE AS CONSSEÇÓES DADAS AS REDES DE COMUNICAÇÕES ESTÃO DEBAIXO DA DITADURA DE UM JUDICIARIO CORRUPTO,INCOMPETENTE E MAFIOSO... A MAIOR PROVA FOI FAZEREM PARTE DO ULTIMO GOLPE ONDE UM MAFIOSO COM CANCÊR FORJOU UMA FACADA PARA CONTINUAR SEU TRATAMENTO, QUE DE NADA ADIANTERA POIS O SEU FIM É EMINENTE E BREVE... JÁ OS SALARIOS PREVILEGIOS E ENVELOPES MILIONARIOS ESSES AINDA VÃO LONGE,GRAÇAS A VOCÊS...

jomabastos disse...


Os bilhões do BNDES foram completamente entregues a países comunistas - e não a países centro-esquerda - quando o Brasil vivia a época lulista/comunista.

Anônimo disse...

Confirmando a matéria divulgada pela Caneta.
http://www.caneta.org/noticias/gaguejando-jornalista-da-globonews-confirma-encontro-com-chefe-do-mp-rj-em-restaurante/