terça-feira, 12 de março de 2019

A Democracia não depende das Forças Armadas



Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Gerhard Erich Boehme

A afirmativa-título é minha e a faço num contexto amplo. Bolsonro na sua polêmica declaração estava certo. Quem acompanhou sua declaração e o público ao qual foi direcionada entende a declaração. Se você  acredita que ela foi dirigida a todos, precisa rever suas conclusões. As frases não são jogadas ao vento..

Elas foram direcionadas a militares, e deles o nosso Chefe da Nação implicitamente cobra que devem saber colocar a nação acima de seus projetos pessoais ou projetos de poder político. A comparação foi feliz, faz os militares refletirem sobre o que ocorre na Venezuela e já ocorreu na Argentina em dois momentos, o das juntas e com os Kirchner's ou no Chile de Alende, quando militares se perderam, foram cooptados e levaram seus países ao fracasso.

Faria sentido também elencar o momento mais triste de nossa história, quando um grupo de militares se colocaram contra a nação, quando dividiram as "Forças Armadas" da época, destruíram uma da maiores Marinhas do mundo e leal ao povo e seu chefe da nação, criaram o que hoje pode ser denominado de Triângulo de Ferro. Endividaram para isso a nação e tudo foi feito sob o nosso pior regime de exceção: A República da Espada.

Bolsonaro não tocou no tema. Sabe que há esta mancha suja na nossa história e os efeitos ainda hoje são perversos, se fazem presentes, principalmente em Brasília. Não só porque deram sustentação a uma ideologia também coletivista, o positivismo comtiano, ou nos imporem o coronelismo que dividiu o país nestas últimas eleições. O resultado mais grave deste erro de alguns militares daqueles tempos é que nos impuseram um parlamentarismo às avessas e dele resultou um sistema de governo que não se sustenta democraticamente.

Elegemos nosso primeiro-ministro,  que era chamado de Presidente do Conselho de Ministros, o chamamos de Presidente, quando não presimente ou presidenta e ele chega para governar sem uma base aliada, e para que isso seja possível terá que ter apoio do povo, de políticos honestos que não coloquem o código EAN-13 na testa, de militares comprometidos e de uma imprensa responsável, que entenda este problema e não busque tirar partido dele.

De 21 de abril de 1985 até o 31 de dezembro de 2018 o que assistimos foi uma governabilidade criada dentro deste sistema viciado. Sem chegarem à chefia do governo com uma base aliada, como nas monarquias modernas ou nosso glorioso Império do Brasil, o "presidente" de plantão teve que compor uma base afilhada, com a farta distribuição de cargos e de emendas de parlamentares, quando não, até mesmo, vendendo ministérios com a porteira fechada.

Com base neste erro sistêmico permitimos que o Triângulo de Ferro se agigantasse, que a carga tributária somada ao imposto inflacionário superasse todos os limites, tornando os brasileiros escravos, seguramente metade escravos. Com base neste erro sistêmico tivemos de fato a imposição da ditadura. Uma pena que o brasileiro não entenda o significado claro desta palavra. Ditadura não é termos somente ditadores como os Marechais Deodoro da Fonseca e Floriano Peixoto, Getúlio Vargas ou outros déspotas que tinham seus projetos de poder, mas foram apeados do poder, muitos felizmente presos ou exilados.

Ditadura é a absorção do Poder Legislativo pelo Executivo.

Ditadura

Este é o desafio do Presidente Jair Messias Bolsonaro, e se não dermos apoio à ele, escândalos como o Mensalão, Petrolão, Tesourão e Quimicão poderão se repetir ou vermos novamente o Brasil caminhando para uma convulsão social.

O principal desafio do Presidente Jair Messias Bolsonaro é o de devolver o Brasil aos brasileiros. E é neste contexto que a nossa democracia, no atual momento, depende do compromisso de nossos militares, ou como o Presidente Bolsonaro afirmou a eles:

“Democracia só existe quando suas Forças Armadas assim o querem”.

E democracia não é oclocracia, como muitos nos querem fazer acreditar.

Oclocracia

“Triste ilusão daqueles que acreditam que o Brasil possa dar certo como República. Não há como convivermos com um parlamentarismo às avessas, quando elegemos o primeiro-ministro e damos a ele o nome de presidente, quando não presimente ou presidenta. Ele não virá com compromissos e uma base aliada, mas sim com interesses e terá que compor uma base, a qual acaba sendo a base afilhada, loteando o Estado e escravizando a população. E mais grave, em vez de termos na figura do Imperador o ombudsman da nação com seu poder moderador, o que temos são gritos pela intervenção ou armas contra a nação, e assim a continuidade da corrupção e da má gestão até as próximas eleições, quando não de um novo regime de exceção.”

Gerhard Erich Boehme é Professor, Pesquisador, Engenheiro e Administrador.

7 comentários:

Loumari disse...

RECADO PARA SÉRGIO MORO

https://www.youtube.com/watch?v=v2INo7SHvIo

Loumari disse...

OBS 21-08-2018: Estive ontem a analisar alguns documentos sobre as Forças Armadas do Brasil, e o que revelam dá claramente a entender que as Forças Armadas brasileiras estão envolvidas em absolutamente tudo. As Forças Armadas do Brasil, esta instituição é em realidade a ela só um estado, e um estado no interior de um estado. Quando as altas patentes do exército afirmam que as instituições estão funcionando, eles têm toda a razão. Pois são todas elas pertencentes e sob directivas das FFAA.
São as FFAA que exercem todo o poder e controle sobre todos os poderes e as atrai para si e as espreme a vontade.
Elas estão por detrás das urnas electrónicas e sobre a instauração do voto obrigatório. Quem pagou pelas urnas electrónicas? EMPREITEIRAS, BANQUEIROS E DOLEIROS.
E as altas patentes das Forças Armas são as que controlam o mercado das drogas e das importações ilegais de armas de fogo.
Grandes empresas brasileiras (as empreiteiras e as mineiras) são máquinas de lavagem de dinheiro dos tráficos das drogas e de mineiros. Este negócio gera benefícios que são bilhões de dólares americanos por dia.
Brasil é o maior exportador das drogas no mundo. E os donos deste frutuoso negócio são militares (das três forças)
O vosso generaleco de Mourão não jactavam nas suas reuniões a portas cerradas em loja maçónica que era necessário uma intervenção militar para aniquilar a quadrinha de Foro de São Paulo? Como nos explicam vocês que ele acabou por se tornar um cordeiro bem manso e se submeteu as eleições via tais urnas electrónicas quais se supõem que são produtos concebido pelo Foro de São Paulo?
Todos eles são maçons. Todo maçom é pião ao serviço do deus que muitos militares de alto grado chamam de grande arquitecto. Todo sensato pode facilmente conceber a mais primária das ideias que, um arquitecto não cria nada. Um arquitecto usa do que já existe para realizar a sua obra. Todo maçom pratica rituais religiosos invocando ao deus arquitecto do universo. Atrair-se os poderes de Satanás, e foram assim obrando de maneira a fazer prevalecer as obras do grande arquitecto. O arquitecto do universo. Estes maçons se autoproclamaram eles mesmos deuses. E são eles que são a origem deste slogan: Brasil acima de tudo. E jactam que deus é brasileiro. Deliberadamente eles colocaram o verdadeiro Deus, o Pai Criador, fora. São todos eles de carácter mui arrogante, são prepotentes, são racistas, abominam os pobres, são segregacionistas. Resumido: são eles os verdadeiros comunistas. Porque, eles se criaram um regime político, económico e social que só beneficia a elite e a seus subordinados. E o seu poder político, económico e social se exerce de maneira comunitário. Comunismo capitalista. The big Fish.
No Brasil até as igrejas, todas, pertencem a maçonaria (a legião de Lúcifer). Templos satânicos. A Bíblia na tradução e edição brasileira foi rescrita pelos maçons (os anjos caídos) e inseriram lá mentiras. O que faz que a Bíblia que têm os brasileiros está cheia de falsidade. Uma impostura. Fraude patente aos olhos de todos brasileiros mas o povo brasileiro prefere crer na mentira e se deixar arrastar pelo engano o que agrada aos satanistas.
Jessé nunca teve filho de nome Davi.
Isaac nunca teve filho de nome Jacó.
E lhes perguntamos: Qual é a origem do amém? Hebreu? Arameu? Latim? Português? Qual é a sua verdadeira definição e qual é o seu verdadeiro significado?
Aceitam coisas quais ignorais as suas origens?
Brasil nação cujo deus é o mesmíssimo Diabo. (Mamon).

Loumari disse...

Todos aqueles que cujos nomes não estão escritos no Livro da Vida do CORDEIRO adoraram a Besta. Quem como a besta? Quem como a besta? Todos os seguidores da besta são mentirosos e inventores de mentiras e com mentiras ergueram seu ídolo, falso messias, e como todos ídolos, como coisa ruim que é, cai por si mesmo.


2 PEDRO 2:12,17 Mas estes, como ANIMAIS IRRACIONAIS, que seguem a natureza, feitos para serem presos e mortos, blasfemando do que não entendem, PERECERÃO NA SUA CORRUPÇÃO,
Recebendo o galardão da injustiça; pois que tais homens têm prazeres nos deleites quotidianos; nódoas são eles e mácula, DELEITANDO-SE EM SEUS ENGANOS, quando se banqueteiam convosco;
Tendo os olhos cheios de adultério, e não cessando de pecar, engodando as almas inconstantes, tendo o coração exercitado na avareza, FILHOS DA MALDIÇÃO;
OS QUAIS, DEIXANDO O CAMINHO DIREITO, ERRARAM, SEGUINDO O CAMINHO DE BALAÃO, FILHO DE BOSOR, QUE AMOU O PRÉMIO DA INJUSTIÇA;
Mas teve a repreensão da sua transgressão: o mudo jumento, falando com voz humana, impediu a loucura do profeta.
Estes são fontes sem água, nuvens levadas pela força do vento, para os quais A ESCURIDÃO DAS TREVAS ETERNAMENTE SE RESERVA;


ROMANOS 16:20 E O DEUS da Paz esmagará, em breve, Satanás, debaixo dos vossos pés. A graça de Nosso Senhor JESUS CRISTO seja convosco. Ámen.

Loumari disse...

Os Estados Unidos de América fizeram eleger um idiota para presidente do Brasil para o governo do presidente idiota proceder com a venda de todas maiores empresas brasileiras, depois os Estados Unidos vão desmantelar as tais empresas e deixar milhões de brasileiros desempregados. No mesmo tempo, proceder com fechamento de empresas americanas no Brasil e repatriá-las aos Estados Unidos para dar emprego aos americanos, e tornar Brasil dependente das importações. Transformar o Brasil é um país do consumismo e não de produção. Esta estratégia consiste em asfixiar o Brasil economicamente, o país com fraco ingresso, sem produtividade, não vai poder honrar sua dívida externa. E, é aí quando os Estados Unidos vão começar a aplicar contra o Brasil sanções financeiras, vão gelar todos activos brasileiros no estrangeiro, e com as sanções em transacções financeiras, Brasil já não vai poder comprar nada de fora devido ao embargo imposto baixo pretextos que Brasil não honra sua dívida externa, e tão-pouco nenhum país no mundo vai poder comprar nada de produzido no Brasil, pois, todas transacções transitam por Nova York e haverá os Estados Unidos imposto o bloqueio. Fizeram com Venezuela e farão o mesmo com Brasil.
Os Estados Unidos de América na sua política expansionista estão a aplicar a Doutrina Monroe.
A partir do final do século XIX, os Estados Unidos deram à Doutrina Monroe carácter imperialista e começaram a fortalecer sua influência militar, económica e política na região do Caribe, inclusive por meio de intervenção militar. O objectivo é transformar este Mar do Caribe em mare nostrum, por sua importância estratégica e agora estender seu podério em países com forte potencial em recursos minerais.
Sabem vocês como os estado-unidenses apelidam brasileiros? "Chinfrim".
Devido a esta mediocridade, esta falta de personalidade, sem atitude própria, brasileiros acabaram feitos cachorros e dependentes do mestre Estado Unidense. E nos Estados Unidos agora os brasileiros são chamados pelos Gringos, "de chinfrim". Eu descobri esta atribuição dada aos brasileiros pelos americanos de boca de um coronel da reserva das Forças Armadas brasileiras, afirmando ele que, nos Estados Unidos os brasileiros são chamamos de chinfrim. Acreditem que eu nem conhecia esta palavra e tive que abrir o dicionário para conhecer a verdadeira definição desta rara palavra e descobri que é palavra de origem obscura a carácter bastante pejorativo que consiste em denegrir o já obscuro: Escândalo; e também é usada para tratar o que é rales; Hoje no mundo, nenhuma nação vê brasileiros de bom olho.

Loumari disse...

Resta saber quando os Estados Unidos vão fazer surgir no Brasil um Judas Guaidó Iscariotes!

Anônimo disse...

Realmente, a Democracia não depende das Forças Armadas,depende do Presidente já que ele é o Comandante em Chefe das Forças Armadas e elas fazem o que ele determinar.Simples assim!

Loumari disse...

Apagão na Venezuela foi provocado por ataque cibernético dos Estados Unidos

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, denunciou na segunda-feira (11) como foram os ataques cibernéticos perpetrados contra o sistema elétrico no país.
“A Venezuela é talvez o primeiro país do mundo a ser vítima da tecnologia de ataque cibernético dos EUA contra um sistema elétrico”, disse o presidente.
O presidente bolivariano garantiu que os danos causados ​​ao sistema de distribuição de energia elétrica foram causados ​​por tecnologia disponível apenas para o governo dos Estados Unidos (EUA).

https://www.youtube.com/watch?v=L3OJ_mNCnVA


OBS: Nas mensagens Celestiais que temos recebido e traduzido, vem de maneira repetida alertas sobre o uso da tecnologia, e nos é dado a saber que o homem está a usar da tecnologia para fins malignos.

Por acaso vocês já ouviram falar de HAARP?

HAARP é um dispositivo tecnológico designado como: High Frequency Active Auroral Research Program, do seu Acrónimo em sigla inglês "HAARP", o seu observatório está instalado em Gakona - Alaska (USA).

HAARP é um sistema de altíssima tecnologia equipado de instrumentos de observação e de operação militar, inicialmente era este o objectivo, mas, o programa evoluiu de tal maneira que são imensuráveis as proporções a que este sistema é capaz de alcançar e afectar ao nível global, que pode atingir qualquer dispositivo electrónico e neutralizar redes do sistema informático!

Havia sido criado HAARP em 1993 como base para estudar as propriedades da ionosfera, mas, com a tecnologia vinda do mais além, trazida por entidades extraterrestres, o sistema foi desenvolvido de maneira a que a tal tecnologia venha a servir de arma a provocar fenómenos que inicialmente são naturais mas agora é HAARP que os provoca na atmosfera. HAARP provoca tempestades magnéticas, cria distúrbios climáticos, provoca panes que afectam tempestuosamente meios de telecomunicações e altera as ondas magnéticas global, perturba sistemas de navegação por satélite e as redes de transmissão de longa distância e também provoca corte em redes de transporte de electricidade.
Também, há uma soda inserida nas profundidades da terra em Antárctica, de onde estão sendo efectuados ensaios baixo terra que estes ensaios estão a provocar estremecimento em diversos continentes e estão a provocar rachas na terra.
Muitos ciclones, incêndios florestais, intempéries que causam grandes inundações em diversas regiões do globo, alguns destes fenómenos são provocados por HAARP.
As guerras da nova geração já excluem armas a detonação, as guerras da nova geração são guerras silenciosas mas com efeitos mais devastadores como tendes visto em diversas regiões do globo que milhares de pessoas morrem pela fome, pela seca, e a tal guerra assimétrica usa de vírus criados em laboratórios e lançam na atmosfera em lugares escolhidos e isto provoca mortes e pânico. E, quando a população está em pânico devido as mortes em massa, virão eles como salvadores e vão obrigar a população a ser vacinada. Só que, também a vacina deles é veneno letal. A curto prazo, também os sobreviventes que não morrerem pelo vírus vão morrer lentamente por doenças misteriosas e isto vai já ser em silêncio e longe de fontes mediáticos.

Estes são os instantes da glória de Satanás. Ele tem pouco tempo e está a fazer tudo o que lhe apraz.

UM SÓ CAMINHO DA SALVAÇÃO, OUVIR A VOZ DO NOSSO SENHOR JESUS CRISTO QUE NOS EXORTA: VÊM A MIM. VÊM A MIM QUE EU VOS RECEBO. SÃO MEUS FILHOS, VOS AMO.


ROMANOS 16:20 E O DEUS da Paz esmagará, em breve, Satanás, debaixo dos vossos pés. A graça de Nosso Senhor JESUS CRISTO seja convosco. Ámen.