quinta-feira, 16 de maio de 2019

Idiotas “trazerão” o caos para Bolsonaro?


 Analfabetismo político e linguístico
no ato contra o Presidente Bolsonaro

Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Em meio a uma guerra ideológica, a verdade pode até libertar a consciência, porém corre o risco de beneficiar o lado errado. Em seu estilo sincero, emocional, sangue nos olhos, o Presidente Jair Bolsonaro não pensou nas conseqüências de chamar um bando de inimigos ideológicos de “idiotas úteis”. Resultado: o comentário conseguiu mobilizar, em São Paulo e no Rio de Janeiro, uma multidão que misturava servidores públicos, estudantes universitários e militantes profissionais do MST & afins.


As manifestações foram turbinadas com o apoio institucional e ampla divulgação da Rede Globo. Supostamente, o objetivo foi uma “greve geral em defesa da Educação”. Só que as atitudes, no evento, comprovaram outras intenções de pura politicagem. Havia bandeiras de sindicatos, faixas de partido de extrema-canhota, camisetas e bandeiras que destacavam “Lula Livre”. A retórica era Não à aprovação da reforma da Previdência, Não á privatização de estatais... Educação? Muito pouco... Vide a desastrosa agressão à lingua portuguesa na foto acima.

Novamente, Bolsonaro errou na estratégia do discurso. Jogou gasolina em um fogo que seria facilmente apagado. Em um momento altamente crítico da vida nacional, com a persistência da crise econômica, o Presidente jamais pode raciocinar com o fígado ou o intestino.

Massa na rua é prenúncio de problemas... Ainda mais se a equipe econômica não implantar medidas imediatas para solução da crise. Ainda mais se o Congresso não liberar o crédito orçamentário suplementar suplicado pelo ministro da Economia... O governo (na figura do Presidente) continua cometendo erros primários de comunicação. A extrema mídia reforça a visão de que Bolnaro é o Guedes não tomam as medidas ao alcance para destravar o caos...

Resumindo: Bolsonaro começa perdendo a guerra cultural, ao final do primeiro semestre de governo... Por enquanto, assiste-se ao triunfo dos idiotas. Bolsonaro indica que não está preparado para lidar com eles...

Bolsonaro precisaria seguir o conselho de Calipso, que o sábio grego Aristóteles reproduziu em suas notas sobre Ética ao filho Nicômaco:
“Naus, afastem-se do nevoeiro e do turbilhão”.

Bolsonaro não pode dar mole... Não pode continuar fazendo oposição a si mesmo. Ou, então, os idiotas e os canalhas (como conjuga na faixa a estudante) “trazerão” problemas para a governabilidade.

O Alerta Total insiste na única saída possível: Agenda positiva e com data para ser realizada, principalmente na economia. Depender, totalmente, do Congresso para aprovar as melhorias é uma aposta perigosa e incerta.









© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 16 de Maio de 2019.

20 comentários:

Loumari disse...

Os insultos explodem sobre todas as formas, os adjectivos injuriosos se espalham pelas páginas, é somente desta forma que a elite brasileira sabe se exprimir, frustrada acaba por sua ralé se expor abertamente. Todo malogrado tem esta tendência de usar palavrões para adjectivar os outros, efeito da desilusão porque se vem privado do resultado que esperava, defraudado, o malogrado aplica o velho método que só os frustrados recorrem a ele, usar da arma que consiste em atacar os outros injuriosamente como remédio a sua grave crise de frustração. A melhor defesa é o ataque? Que bárbaro! Isso só conduz ao retrocesso.

Anônimo disse...

Já está tudo engatilhado em Brasília para derrubar Bolsonaro. Mas você pode ajudar. (Daniel Lopez) https://www.youtube.com/watch?v=3c619n-s1UY

Anônimo disse...

Sem saber que o contingenciamento na Educação foi medida da Dilma, uma senhora no transporte coletivo falava com a nora estudante em universidade federal sobre a paralisação, incentivando-a a participar, e ligando depois para o neto o orientava a participar da manifestação no dia seguinte. Ela imprecava contra Bolsonaro, dizendo que havia visto alunos de 15 anos chorando porque perderiam suas bolsas de estudo, acusando o presidente de impedir o pobre de estudar. As situações criadas pela militância esquerdista têm por objetivo insuflar a participação da população verdadeira na insurgência contra o poder estabelecido. Essa senhora chegou a dizer que queria que o presidente morresse. Nesse particular, a atitude do governo pecou por não explicar a situação à população, a tempo de evitar a reunião popular contra ele.

Unknown disse...

Brasil um Pais condenado ao atraso por uma esquerda mediocre

Unknown disse...

Brasil um Pais condenado ao atraso por uma esquerda mediocre

Anônimo disse...

rvchudo
quarta-feira, 15 de maio de 2019

A ditadura da sucuri de duas cabeças.

O povo e o governo Bolsonaro encontram-se sequestrados por uma sucuri de duas cabeças: uma responde pelo codinome de Suprema Casa da Mãe Joana e a outra é conhecida como o Covil de Ali Babá e seus 594 ladrões (tudo bem, alguns não merecem essa qualificação).

Desde que delineou-se a vitória do Presidente Jair Bolsonaro, as duas cabeças fundiram-se em um só corpo, para forjarem a defesa mútua e enfrentarem a cruzada pela moralização que a sociedade escolheu e estava a exigir. Enquanto as cabeças engendravam planos para salvar suas peles, o corpo serpenteava ao redor da presa, aguardando as oportunidades para envolvê-la em seu abraço letal.

A primeira e desesperada tentativa veio por meio de um golpe de faca, que não foi suficiente para eliminar o Mito. Ao contrário, aumentou-lhe o prestígio e a certeza de que o inimigo estava disposto a tudo para evitar a sua debacle.

Frustrada a investida com arma branca, restaram-lhe as armas sujas que frequentemente usam: o boicote, as tramas de bastidores, as fofocas, as pautas-bomba, as liminares e toda sorte de atos deploráveis nos quais são especialistas.

Iniciado o período de governo, houve uma trégua devido aos recessos parlamentar e judicial (essa folga remunerada é injustificável, especialmente em ano de transição de governo).

Logo veio o primeiro golpe baixo: a eleição de dois investigados pela outra cabeça da sucuri para exercer as presidências da Câmara e do Senado, que rapidamente mostraram a que vieram, votando matérias contra o governo na calada da noite, arquivando CPI contra o judiciário e muitas outras manobras na contra-mão dos anseios da sociedade. Estava montado o circo e a sucuri começava a apertar o seu abraço letal.

As mais recentes demonstrações do “amigo chileno” foram a nomeação de um comunista e um socialista, respectivamente, para presidir e relatar na Comissão Especial que irá discutir o mérito da reforma da previdência, crucial para a retomada do crescimento do País; a aprovação do orçamento impositivo na calada da noite; e a retirada do COAF do comando do Ministro Sérgio Moro, privilegiando a corrupção. CONTINUA...

Anônimo disse...



rvchudo CONTINUA II E TERMINA...

Já a outra cabeça da sucuri, além de diversas solturas de padrinhos, tirou da lava-jato a ação sobre os crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, que passam a ser julgados na Justiça Eleitoral, quando estiverem relacionados a caixa 2 de campanha. Não satisfeitos, validaram as benesses de um indulto natalino obsceno concedido por um ex-presidente ladrão, ao final do seu mandato, reforçando a impunidade e aplicando golpe mortal à luta contra a corrupção sistêmica que assola o País, especialmente naqueles dois poderes.

Chegamos à beira do despenhadeiro e, no momento em que conseguimos fazer meia-volta e começamos a nos afastar dele, parte do Legislativo e do Judiciário tenta nos encurralar e fazer retroceder em direção ao abismo.

Nessa toada, seremos obrigados a escolher entre o bem da Nação e o mergulho na escuridão.
Moisés usou seu cajado divino para abrir a imensidão do mar ao seu povo. Nosso cajado não tem tal poder, mas aproxima-se o momento em que terá que ser usado, ou a sucuri nos esmagará e o vermelho que hoje colore artificialmente o Nordeste poderá vir a manchar profundamente as cores do nosso pavilhão.

BRASIL ACIMA DE TUDO, DEUS ACIMA DE TODOS!

MAJOR-BRIGADEIRO JAIME RODRIGUES SANCHEZ
Postado por Ricardo Oscar vilete Chudo às 02:16

Anônimo disse...


BLOG DO ALUIZIO AMORIM
quinta-feira, maio 16, 2019

MINISTRO DA EDUCAÇÃO ABRAHAM WEINTRAUBE EXPLICA TUDO O QUE O JORNALISMO CHULÉ DA GRANDE MÍDIA DISTORCE DE FORMA VERGONHOSA!

https://youtu.be/4kceWe71CCM

REPAREM QUAL É A CHAMADA DESTE VÍDEO DA JOVEM PAN: "MINISTRO DA EDUCAÇÃO MOSTRA HIPOCRISIA..." AS ASPAS QUEREM DIZER O QUÊ? SE HÁ ALGO MAIS TEM DE SER ESCRITO. É POR ESTAS E OUTRAS QUE A GRANDE MÍDIA JÁ PERDEU TODA A CREDIBILIDADE. E FICA PIOR AINDA QUANDO JORNALISTAS TENTAM SE APRESENTAR COMO 'IMPARCIAIS'. ORA, PARA TANTO, TÊM DE SER APENAS IMPARCIAIS!, NÃO É MESMO?

O Ministro da Educação Abraham Weintraub concedeu uma entrevista ao programa Pingo nos Is da Rádio Jovem Pan que vale a pena ser vista. Está aí acima na íntegra.

Quem quiser saber a verdade sobre o que está de fato sendo feito pelo Governo do Presidente Jair Bolsonaro no que tange ao contingenciamento nas universidades federais, que não é corte da verba total, mas uma diminuição de cerca de 3,5% em determinadas áreas tendo em vista o equilíbrio das contas públicas, tem de ver e escutar com atenção este vídeo.

O conteúdo deste vídeo não é apenas de análises e interpretações de jornalistas, mas as colocações diretas do próprio Ministro da Educação.

As coisas estão mais ou menos assim: Se o Presidente Jair Bolsonaro decidisse passar a mão na cabeça dos comunistas, incluindo-se aí coroadas personalidades do establishment e exercitasse o toma lá, dá cá junto aos parlamentares do Congresso Nacional, seria acusado de estar fazendo mais do mesmo. Se trata com seriedade as contas públicas e tenta evitar que o Brasil se transforme numa Venezuela é acusado de fraco e incompetente.

É isto que está posto. E não são apenas os grandalhões do establishment que controlam a grande mídia e seus asseclas que causam essa desgraça. Há uma enorme fatia da dita classe média alta constituída por altos funcionários públicos nos níveis federal, estadual e municipal que também conspiram contra o Governo Bolsonaro. Sim, porque querem manter suas mamatas!

Essa gente por diversas razões e interesses variados e que sempre viveu de benesses estatais alia-se à malta que tenta solapar as medidas de austeridade e que são impostergáveis tomadas pelo Presidente Bolsonaro.

A verdade é que a maioria dos brasileiros não aguenta mais esses desgraçados arrogantes de todos os matizes que se impõem como donos do Brasil.

E o Presidente Bolsonaro, bem como seu Ministro da Educação, estão fazendo a coisa certa. Estava na hora de passar a limpo toda essa história.

Postado por Aluizio Amorim às 5/16/2019 02:56:00 AM

Anônimo disse...

No vídeo do Daniel Lopez, há sugestão de ir às ruas em favor de Bolsonaro neste fim de semana.
A luta continua (Daniel Lopez) https://www.youtube.com/watch?v=AlAt-3zICTg

Anônimo disse...

Daniel Lopez está lembrando que o Brasil acordou apenas um lado do cérebro quando votou no candidato Bolsonaro, mas precisa acordar o outro lado para se conscientizar que o presidente Bolsonaro só conseguirá governar se tiver os quase sessenta milhões de eleitores como militantes de seu governo. Diz ainda que, quando o sistema entender que o outro lado do cérebro do país acordou, voltará a atentar contra a vida do presidente.
Alerta: o Brasil agora tem 2 presidentes ao mesmo tempo. De qual lado você vai ficar? (Daniel Lopez) https://www.youtube.com/watch?v=7y53hyStaDs

Anônimo disse...

Bom dia, Serrão.
Se eu disser quem é a pessoa que está segurando o cartaz com "trazerá", serei processado pelo MP, por injúria étnica? É que sou inimigo da praga chamada "politicamente correto".

Rodrigo Almeida disse...

A única saída para o presidente agora é entregar todo o poder aos militares. Com o envolvimento de Michelle nas investigações de Flávio ou é isso ou renúncia. Olavo já se afastou hj, acho que é um sinal de escolha

Jayme Guedes disse...

Onde está a guerra ideológica, Serrão? Na maioria que elege? Impossível. Alguém acredita que o brasuca tem um nível mínimo de escolaridade para posicionar-se entre opções ideológicas? Além da trilogia - meu time, minha seleção e minha escola de samba - nenhuma outra aspiração seduz o brasuca. E então? A guerra ideológica estaria numa minoria de políticos que usam inocentes úteis. Também não. Idealistas de verdade não roubam para si. Sergio Cabral roubou centenas de milhões por paixão ideológica? Ou melhor, para encurtar: aponte algum corruPTo que tenha desviado dinheiro público por ideologia, por ser um idealista. A guerra, Serrão, se dá entre CORRUPÇÃO e INTEGRIDADE. O Bolsonaro não recebeu apenas um governo quebrado. Recebeu também uma máquina pública completamente aparelhada. O que estamos assistindo durará por todo o mandato atual e, talvez, pelo seguinte, se a presidência continuar ocupada por um patriota. Por outro lado sou contra a que o Bolsonaro não se mostre como é, com total transparência. O ridículo protesto de ontem ocorreria de qualquer forma, quer o Bolsonaro chamasse os manifestantes de feios ou belos, de burros ou gênios. A Globo fez mais pelo protesto do que os próprios autores da manifestação. Enfim, precisamos de políticos transparentes como o Bolsonaro se mostra. Quem quiser atores representando e repetindo scrips use a Globo.

Loumari disse...

PROVÉRBIOS 26:4 Não respondas ao tolo segundo a sua estultícia; para que também te não faças semelhante a ele.
5 Responde ao tolo segundo a sua estultícia, para que não seja sábio aos seus olhos.
6 Os pés corta, e o dano bebe, quem manda mensagens pela mão do tolo.
7 Como as pernas do coxo, que pendem frouxas, assim é o provérbio na boca dos tolos.


PROVÉRBIOS 13:15 O bom entendimento dá graça, mas o caminho dos prevaricadores é áspero.
16 Todo o prudente obra com conhecimento, MAS O TOLO ESPRAIA A SUA LOUCURA.

Anônimo disse...

So uma correção ao seu texto sempre muito lucido. Qdo Bolsonaro chamou os tais manifestantes de inúteis e imbecis a passeata ja tava rolando ha um tempão. Ele não atraiu as pessoas para caravana solta lula. Elas ja estavam nas ruas. E a palhaçada deles estava armada ha semanas

Anônimo disse...

Serrão: E diga-me, como pode Bolsonaro aprovar as tais 'medidas' se todas dependem, única ou quase totalmente, do tal congresso/senado?

Sugeres alguma via alternativa? Enfiando decretos-leis goela abaixo? Um pequeno 'golpe' fechando a pocilga de Rodrigo Maia (Eduardo Cunha volume 2) e Davi Alcolumbre (Alter ego de Renan Calheiros)? E quem daria cabo dessas alternativas? A opção 1 vai dar o tal do 'impixi' do capitão. A opção 2 é impossível, dado a sujeira nas cuecas dos nossos 'generais' de pijamas (quando falo de sujeira, não é dinheiro não! É merda mesmo! Merda derivada da falta de coragem).

Enfim, acho que dada as circunstâncias, é bem mais provável que Bolsonaro seja 'fechado' pela corja dada a inaptidão das nossas FFAA´s em realmente cumprirem nossa constituição, inaptidão essa que agora ficou escancarada nas escolhas militares do nosso presidente para ocuparem cargos de ministros.

Sabe Serrão, o Brasil mais parece uma novela da Globo. Sério! Daquelas com quatrocentos e poucos capítulos (estamos ainda nos primeiros!), mas é tudo muito previsível: muita putaria, traições e muita, mas MUITA ignorância. Toda esse imenso teatrinho do qual assistimos um novo capítulo, já se repetiu várias vezes nessa novela que iniciou em 1889. É sempre a mesma coisa: o Brasil acorda e encontra em sua cama hora as esquerdas hora os militares fud* com o gigante adormecido. E um acusando o outro de "traição". "Estratégia das tesouras"? Rsrsrs...

Me diga você mesmo Serrão: Aqui nós 'escolhemos' o presidente ou o presidente 'nos escolhe'?

E me diga outra coisa: qual é a tara do brasileiro pelo presidente, se este, dada nossa ma-ra-vi-lho-sa constituição de 1988, não manda nada? Porquê depositamos tanta confiança em uma criatura que oficialmente é somente uma imensa figura decorativa? Porquê nos deslumbramos com um sujeito que claramente é um tremendo de um testa de ferro em uma instituição que só aparenta legitimidade em um lado mas é uma tremenda de uma máquina criminosa de outro?

Pode parecer ridículo, mas o ridículo no Brasil é que nem o óbvio: precisa ser dito! Se já tivemos um mensalão para provar ao mundo nossa competência criminosa, o que é comprar algumas urnas eletrônicas, aqui, acolá? Achas impossível? O que eu acho impossível no Brasil é a honestidade.

Voltando ao Bolsonaro, pode parecer hilário, mas nós nos deslumbramos com nossa própria 'sabedoria': aceitamos e oficializamos o jogo de poder justamente daqueles que querem somente nossa destruição. Sim! Falo de estarmos hoje dando corda ao peixe em aceitarmos na boa (é a democracia filho!) o jogo político de uma corja que mundialmente já matou mais de cem milhões de pessoas mundo afora (isso oficialmente). E mais irônico ainda é que essa mesma corja continua a matar impunemente e aqui do nosso lado! Isso bem debaixo dos narizes sujos e ranhentos de nossos velhos e decrépitos generais de pijama e seus capitães.

Não é irônico sequer estarmos tratando isso como parte de uma democracia? Bom, se serve de consolo, é pensar que o maior (mais poderoso) país do mundo também está passando pela mesma situação, e pelo visto o 'capitão' de lá é tão bestalhão quando o 'capitão' daqui, ou seja, ambos não mandam nada! Só obedecem.



Anônimo disse...

Os idiotas úteis deram um show no item assassinato de conhecimentos verbais! Para a maioria só existe o presente o indicativo e assim mesmo ainda é um mistério. Para facilitar, as professoras de portugues petralhas exigem o conhecimento de apenas duas pessoas-eu-ele As demais pessoas são existentes e englobadas por eu-ele. Exemplo-verbo ir: eu vou tu vai ele vai nóis vai nós-foi extinto eles vai Uma perfeição!!! Petralhas que moram na roça, mesmo sendo da quinta série, usam muito o verbo na seguinte frase: a galinha vai ponhá!!!!
O Lula também usa esta frase!

Anônimo disse...

O "trazerão" já mostra quem está por trás dos estudantes! Não preciso falar mais nada.

Gedeão Barros disse...

Sabe o que está quebrando a espinha dorsal dos esquerdopatas? É justamente a transparência do Presidente Bolsonaro. O que ele falou dessa cambada que saiu às ruas é a pura verdade. E o tiro dos comunistas saiu pela culatra. Quem está tomando na tarraqueta são os esquerdopatas. O mecanismo está atordoado, tal e qual durante as eleições. O pensamento politicamente correto entende que o Bolsonaro meteu os pés pelas mãos. Continuem pensando assim. Nós vamos avançando, mesmo que seja aos trancos. Bolsonaro que se cuide, porque a parte boa da população brasileira havia despertado um lado do cérebro, ao eleger Bolsonaro. Agora, estamos despertando o outro lado do cérebro, para fortalecer Bolsonaro. Aí, a esquerdalha se enlouquece e tentará matar Bolsonaro, como já aconteceu na primeira fase. Cuidado, Bolsonaro. Não facilite, até que acabemos com essa tralha politiqueira criminosa e enterremos o PT e seus satélites do inferno.

Anônimo disse...

Mas "idiota" é o termo técnico criado na Grécia para designar a situação dessas pessoas, não é ofensa. Foi o próprio comunista Lenin quem considerou os que apoiam a causa da esquerda sem conhecer seus planos como idiotas úteis aos propósitos da revolução.