quarta-feira, 5 de outubro de 2005

Deputados entram na Justiça para tirar da linha o “Trem da Rosinha”

Edição de Quarta-feira

O Ministério Público do Trabalho no Rio de Janeiro (1a. Região) está sendo acionado para investigar as contratações irregulares promovidas pelo Governo do Estado, graças à entrada em vigor, no dia 27 de setembro, da Lei 4.599, que permite a contratação temporária de pessoal para a administração direta, indireta e fundacional. O Procurador-Chefe do MP do Trabalho no Rio, Márcio Vieira Alves Faria, e sua equipe vão analisar o caso, a partir de denúncia formal dos Deputados Luiz Paulo Corrêa da Rocha (PSDB) e Alessandro Molon (PT).

A inconstitucionalidade da lei e a sua imediata suspensão já foram pedidas ao Tribunal de Justiça por nove deputados da oposição. O objetivo da representação, movida em 29 de setembro, é conter o “Trem da Rosinha” - que deve empregar 5 mil pessoas, sem concurso público, às vésperas do ano eleitoral. Considerando-se os salários médios de R$ 800 reais por contratado, o trem pode ter um custo mensal de R$ 4 milhões mensais aos cofres estaduais. O cálculo é do deputado Luiz Paulo.

“O Governo Rosinha quer usar a lei para promover indicações estapafúrdias de emprego com nítido proveito eleitoral” – denuncia Luiz Paulo, ressaltando que o propósito descabido da Lei é contratar sem concurso público, utilizando as Cooperativas para alocação de mão de obra, por interposta pessoa. “É a consagração da terceirização que tisna, assim, a Carta Magna Federal e burla as Constituições Estadual e Federal quanto ao Estatuto do Concurso Público” – destaca a representação.

“Não nos parece crível que, passados 2 (dois) anos e 8 (oito) meses de governo, se possa imaginar que não tenha havido tempo para preparação de Concurso Público para as funções de governo explicitadas no artigo 4º incisos I a IV da Lei em contestação” – argumenta, na representação, o advogado Jorge Bonfadini Paulo, em nome dos 9 deputados.

Os nove deputados pedem ao Desembargador Sérgio Cavalieri Filho que conceda uma liminar para sustar a eficácia dos artigos 2º e seu parágrafo único, 4º incisos I, II, III e IV e 12 da Lei Estadual nº 4599/05 e, mesmo, a Lei como um todo, até julgamento final da Representação. Ao final, também pedem que seja declarada a inconstitucionalidade dos artigos 2º, parágrafo único, 4º incisos I, II, III e IV e 12 da Lei Estadual nº 4599/05.

A Lei estadual , com apenas dois artigos e um parágrafo único, dá um drible de vaca na Constituição Federal. Logo em seu artigo 1º, a Lei destaca que “para atender a necessidades temporárias de excepcional interesse público, poderão ser efetuadas contratações de pessoal no âmbito da Administração direta, autárquica e fundacional do Estado do Rio de Janeiro, dispensado o respectivo concurso público, consoante o disposto no art. 37, inciso IX, da Constituição Federal.” As contratações serão feitas por tempo determinado, até o prazo de 02 (dois) anos. É admitida a prorrogação dos contratos pelo prazo máximo de até 01 (um) ano, desde que o prazo total seja de 03 (três) anos.

Na representação, os deputados lembram que o Supremo Tribunal Federal concedeu liminar para suspensão do artigo 2º da MP nº 2014/2000, através da qual o INPI – Instituto Nacional de Propriedade Industrial - pretendia recrutar servidores para uma série de funções permanentes da autarquia, sob o regime especial do artigo 37, IX, da Constituição Federal. O STF julgou a MP, a priori, inconstitucional, por se tratar de contratação por tempo determinado para atender necessidade permanente (ADIN-MC 2.125 – DF, Relator Ministro Mauricio Corrêa, julgamento 06/04/2000, in informativo STF nº 184, abril 2000). Raciocínio jurídico idêntico deve ser aplicado ao Trem da Rosinha.

Os nove parlamentares que entraram com a representação contra o Trem da Rosinha foram: Luiz Paulo Corrêa da Rocha (PSDB), Alessandro Molon (PT), Cidinha Campos (PDT), Paulo Ramos (PDT), José Bonifácio (PDT), Paulo Pinheiro (PSOL), Glauco Lopes (PSDB), Andréia Zito (PSDB) e Georgette Vidor (PPS).

Olha a TV, Governadora!

Embora o artigo nº 37 da Constituição Federal exija concurso público para contratação de servidores para as prefeituras, governos estaduais, governo federal, autarquias, empresas públicas e fundações, muitos administradores públicos insistem em ignorar a lei.
Em todo o País, multiplicam-se as ações contra as administrações públicas que nomeiam servidores sem a realização de concurso. Esta irregularidade vem sendo combatida pela Coordenadoria Nacional de Combate às Irregularidades Trabalhistas na Administração Pública (Conap), do Ministério Público do Trabalho.

Esse é o principal enfoque do programa Trabalho Legal desta semana. O programa ouve o coordenador da Conap, o Procurador do Trabalho Fábio Leal Cardoso e o juiz do Trabalho da 10ª Região, Rogério Neiva, que apontam as soluções para o problema.
Trabalho Legal é transmitido semanalmente pela TV Justiça, nos canais Net (em Brasília - canal 10), Sky (95), Directv (209) e na Internet, no endereço www.stf.gov.br, sempre às quartas-feiras, a partir das 18h30min, com reprises nas segundas-feiras, às 9h.

Escândalo à vista

As fiscalizações do TCE, do Ministério da Previdência, do Banco Central estão sendo acionadas para investigar as operações do FIDC -Fundo de Direitos Creditórios- operado pela MELLON SERVIÇOS FINANCEIROS DTVM S/A -credenciada na CVM. O Fundo venceu a licitação por tomada de preços realizada pelo Rio-Previdencia na ordem de R$360.000,00.

A operação consiste em alienação de direitos creditórios de Royalties de petróleo e participação especial para o ano de 2006, decorrentes do artigo 20 , Parágrafo 1º da Constituição Federal, na ordem de 2 bilhões de reais, já descontados as porcentagens destinadas aos municípios, ao meio ambiente e ao abatimento da dívida do Governo Estadual com a União. A operação envolve o banco Itaú-Banerj, a ASM CARTEIRA IMOBILIÁRIA administrada pela ASM ASSET MANAGEMENT DISTRIBUIDORA DE TITULOS E VALORES MOBILIÁRIOS incluindo a BEM DTVM LTDA.A Lei 4004 de 31/10/02(Benedita da Silva), autoriza o Estado a transferir, para Fundos de Investimentos em Direitos Creditórios Constituidos sob a forma prevista pela CVM, créditos tributários objeto de parcelamento e créditos inscritos em dívida ativa.

A Lei 4237 de 05/12/03 (Rosinha) altera a Lei 3189/99 incluindo o direito de transferir para o RioPrevidencia as receitas que o Estado do Rio de Janeiro faz juz por força do disposto no parágrafo 1º do artigo 20 da CF. O Decreto 37.571 de 13/05/05, publicado 3 vezes por conter incorreções, incorpora ao patrimônio do RioPrevidência os direitos de propriedade do Estado sobre royalties e direitos de Participação Especial decorrentes do artigo 20 de CF. Esta operação de 2 bilhões de reais, com aparência de legalidade, é um mega-escândalo financeiro do governo estadual.

MPT contra os Banqueiros

A primeira audiência na Justiça do Trabalho em virtude das ações civis públicas iniciadas pelo Ministério Público do Trabalho contra a discriminação de gênero e raça nos cinco maiores bancos privados que atuam no Distrito Federal está confirmada para esta quinta-feira, a partir das 13h 45min. A audiência foi marcada pela juíza Elke Doris Just, na 16ª Vara Trabalhista do DF. A juíza negou a liminar pedida pelo Vice-Procurador-Geral do Trabalho, Otavio Brito Lopes, para que os bancos fossem obrigados a tomar medidas imediatas de correção das distorções em seu quadro de pessoal e discrepâncias salariais.

Em julho, o MPT concluiu as investigações que apontar haver discriminação contra negros e mulheres empregados nas cinco maiores instituições financeiras privadas que atuam no Distrito Federal. As ações pedem indenização de R$ 30 milhões, por danos morais causados a interesses coletivos pelos bancos Bradesco, Itaú, ABN-Amro Real, HSBC e Unibanco por discriminação de gênero e raça contra seus trabalhadores.

A Mão Pesada do Itagiba

A PM de São Gonçalo “perdeu” (como dizem os marginais, na gíria do submundo). O Secretário de Segurança Pública, Marcelo Itagiba, enviou ao Comandante Geral da PM, Coronel Hudson de Aguar Miranda, o ofício 2457/0001-05. O frio papel manda que “a Polícia Militar se abstenha da confecção do Termo Circunstanciado, instrumento previsto na Lei 9099/95, tendo em vista que a matéria não foi discutida e sequer disciplinada no âmbito desta Secretaria de Estado”.

È com uma canetada que se assassina uma experiência bem sucedida da PM – medida que está prevista no Plano Nacional de Segurança Pública que nem o Governo Federal consegue colocar em prática... A população é que “perdeu”, Dr Itagiba...

Culpa do Garotinho

Assa no PMDB a batata de Antony Garotinho. Lideranças e dirigentes do PMDB na Câmara e no Senado o responsabilizam pelo PT manter o status de maior bancada da Câmara. Garotinho influiu diretamente em cinco baixas na bancada federal peemedebista. O Senador Ney Suassuna reclama que, além de praticamente expulsar três deputados peeemedebistas, anunciando que lhes negaria a legenda para a reeleição, Garotinho tirou os dele para reforçar o PSC fluminense. Garotinho também pediu a dois fluminenses da bancada evangélica - os deputados Deley e Dr. Heleno - que trocassem de partido porque quer engrossar o PSC, transformando-o em sublegenda de seu grupo no Rio.

O PMDB teve a bancada reduzida de 89 para 80 deputados.

Só por bilhete

Aporrinhado com o noticiário político, o secretário estadual de Governo do Rio, Anthony Garotinho, terá de ficar calado por pelo menos dez dias para se recuperar. Ele foi operado na segunda-feira à noite, no Hospital Samaritano, para a retirada de um nódulo benigno nas cordas vocais. O presidente regional do PMDB passa bem. Garotinho ficará de repouso no Palácio Laranjeiras. Ele não sente dor e pode se alimentar normalmente, evitando apenas alimentos mais ásperos. A cirurgia foi feita pelo oncologista Jacob Kligerman, ex-diretor geral do Instituto Nacional do Câncer (Inca), que lhe deu alta.

Para se comunicar, só usando bilhetes ou gestos.

Sinais de fumaça

O Agente 171 do Alerta Total, infiltrado no Palácio da Ilha da Fantasia, jura por Deus que o Presidente Lula e José Dirceu se falam todos os dias, para afinar o discurso. Mas para o grande público um finge que está de mal com o outro...

Incontinência verbal

O deputado ACM Neto (PFL-BA) classificou de “errática e inconseqüente” a declaração do presidente Lula sobre a incapacidade das CPIs de provarem “a concretude” das denúncias que receberam. ACM Neto adverte que Lula precisava ter “cuidado com atos de incontinência verbal”...

Caixa dois bem concreta

O ex-presidente da Casa da Moeda Manoel Severino dos Santos, que coordenou a campanha de Benedita da Silva ao governo do Rio de Janeiro em 2002, admitiu que praticou caixa dois. Ao depor nesta terça à CPI do Mensalão, Severino relatou que as despesas feitas depois do primeiro turno com o pagamento de fornecedores não foram contabilizadas e nem constaram da prestação de contas ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Segundo ele, as dívidas chegariam a R$ 170 mil. Manoel Severino é apontado pelo carequinha Marcos Valério como sendo o destinatário de R$ 2 milhões 670 mil dos recursos que o publicitário repassou a diversos políticos e dirigentes petistas, sob orientação de Delúbio Soares. O carequinha nega que tenha se encontrado com Severino.

Cada um por si

Os 16 deputados acusados de envolvimento no mensalão pelas CPIs dos Correios e do Mensalão serão processados individualmente no Conselho de Ética da Câmara, informou o presidente do órgão, Ricardo Izar (PTB-SP). A medida atende a uma reivindicação dos implicados.

Aprovada

Foram aprovadas ontem as contas de gestão da Excelentíssima Governadora do Estado do Rio de Janeiro, referentes ao Exercício Financeiro de 2004.Prova da excelente relação entre a excelentíssima Governadora e os excelentíssimos deputados estaduais...

Garotinhos perigosos

A Secretaria Penitenciária deve uma solução para o Instituto Padre Severino, na Ilha do Governador. Há várias violações aos direitos dos adolescentes internados no local. A Comissão de Direitos Humanos da Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) e defensores públicos do estado visitaram o local, após denúncia de superlotação feita pelo Jornal do Brasil. Durante a visita, foram vistos dois e até três jovens dividindo o mesmo colchonete de solteiro sobre um piso de cimento. Os “garotos” sobrevivem lá separados por facções criminosas.

Salvem os Leões!

O Superior Tribunal de Justiça decidiu trancar a ação penal contra os sócios da empresa Leão Leão, de Ribeirão Preto (SP), que eram acusados de crime contra a ordem tributária. Para a 5ª Turma do Tribunal, a denúncia não deixava clara a responsabilidade dos acusados pelo crime de omissão de informações ou prestação de declaração falsa às autoridades fazendárias.

Carlos Alberto Ferreira Leão, Adair Bueno Leão, Luiz Cláudio Ferreira Leão e Isabel Cristina Bueno Leão Santa Terra são sócios da empresa e responsáveis contratuais pela sua administração. Os ministros avaliaram que, nos crimes societários, em que a autoria nem sempre se mostra claramente comprovada, não se exige a conduta pormenorizada de cada agente. No entanto, os ministros do STJ recomendaram que Ministério Público estabeleça algum tipo de vínculo entre os denunciados e os fatos criminosos. Do contrário, a denúncia genérica vai para o arquivo.

Mundo do Lixo

Mas o Ministério Público e a Polícia Civil de Ribeirão Preto continuam investigando a suposta manipulação de licitações públicas por empresas de coleta de lixo em São Paulo e Minas Gerias. Segundo as autoridades, diálogos telefônicos interceptados com autorização judicial indicam acordos entre representantes da empresa de lixo Leão Leão e outras empresas participantes de licitações.

A Leão Leão ficou conhecida nacionalmente por causa das acusações de irregularidades nos contratos fechados entre a empresa e a Prefeitura de Ribeirão Preto durante a gestão do hoje ministro da Fazenda Antonio Palocci. Segundo Rogério Buratti, secretário da primeira gestão de Palocci na cidade e diretor da Leão Leão durante a segunda gestão, a empresa pagava R$ 50 mil mensais ao então prefeito. O dinheiro iria para o caixa 2 do PT...

Salvem os Irmãos Palocci

O ministro Antonio Palocci, que pode ser punido pela Maçonaria, da qual é membro, é salvo na CPI dos Bingos. A Comissão aprovou a convocação do ex-secretário-geral do PT Silvio Pereira, mas, por decisão da própria oposição, resolveu poupar o ministro da Fazenda, Antonio Palocci, e seu irmão Adhemar, diretor da Eletronorte e suspeito de traficar influência em favor da seguradora Interbrazil.

Rocha e o Carvalho

Além de aprovar a acareação entre o chefe de gabinete do presidente Lula, Gilberto Carvalho, e os irmãos do ex-prefeito de Santo André Celso Daniel, assassinado em 2002, a CPI dos Bingos também resolveu tomar o depoimento do juiz João Carlos da Rocha Mattos, preso em São Paulo por negociar sentenças judiciais.

Rocha Mattos afirma ter informações sobre o assassinato de Celso, já que teve acesso a escutas telefônicas feitas nos meses seguintes ao crime. Ele é outro que acusa Carvalho de ter conhecimento de todo o esquema de propinas em Santo André. Em entrevista à revista Veja que está na bancas, o juiz afirma que o hoje chefe de gabinete de Lula orientava os depoimentos de testemunhas do caso.

Corretores premiados da delação

A Polícia Federal investiga um grupo que atua como “corretor de delação premiada”. O ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, denuncia que existe uma quadrilha que oferece a réus condenados a redução de penas, em troca de pagamentos em dinheiro.

Quebra tudo

O ex-presidente dos Correios João Henrique de Almeida Souza teve os sigilos bancário, fiscal e telefônico quebrados pela CPI dos Correios nesta terça. A CPI que investiga as denúncias de corrupção na estatal aprovou nesta terça 52 requerimentos de quebra de sigilos, convocação de depoimentos e compartilhamento de informações, como as provenientes da quebra de sigilos bancário, fiscal e telefônico dos fundos de pensão Funcef, Geap, Petros, Eletros, Centrus, Real Grandeza, Serprus, Postalis, Portus e Previ, que já foram obtidas pela CPI do Mensalão.

Um fio puxa outro

A CPI dos Correios também aprovou a convocação do ex-presidente do Instituto de Resseguros do Brasil (IRB) Lídio Duarte e do proprietário da corretora Assurê, Henrique Brandão, para prestar depoimento. Eles confirmarão ou não a denúncia do próprio Duarte de que o ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ) lhe exigiu R$ 400 mil para o caixa de campanha do PTB. Brandão, por sua vez, teria negócios com a autarquia e teria intermediado a cobrança de propina.

Outro convocado para depor foi aprovada é o presidente da GDK, César Oliveira, que deu de presente para o ex-secretário-geral do PT Sílvio Pereira uma Land Rover. A CPI suspeita de tráfico de influência, já que a empresa tem contratos com a Petrobras. A fim de esclarecer o assunto, os parlamentares que compõem a comissão de investigação vão ouvir também o diretor de Exploração e Produção da Petrobras, Guilherme Oliveira Estrella.

Corretoras sem sigilo

A CPI dos Correios aprovou a quebra de sigilo de 11 corretoras, suspeitas de terem realizado negociações ilícitas que provocaram prejuízo de R$ 9 milhões para os fundos de pensão. Tiveram o sigilo quebrado a Elite, Socopa, Agenda, Millenium, Click Trade, Dillon, Quantia, Nominal, Euro, Walpires e Planner.

A Recordista

Dos R$ 9 milhões de prejuízo, R$ 4 milhões se deve a cinco operações da Planner com o Serpros (fundo dos funcionários do Serpro). O presidente da corretora, Carlos Alberto Borges de Souza, diz que apenas seguiu ordens do cliente, que teria sugerido o preço de compra e de venda dos papéis.

Palestra para governistas

O cientista político Emir Sader (Uerj) apresenta, às 9 horas, na UniRio, a conferência "Compromisso Ético e Social da Universidade". O evento faz parte da "Semana Nacional de Ciência e Tecnologia". O endereço é Av. Pasteur, 296 – Urca, Rio de Janeiro.

Bem que o pessoal do governo poderia dar uma passadinha por lá para aprender o assunto.

Intelectuais falando

"O cientista e o intelectual" é o tema de Renato Janine Ribeiro no ciclo de conferências "O Silêncio dos Intelectuais". O evento, patrocinado pela Petrobras e realizado pelo Ministério da Cultura, com o apoio do Fundo Nacional de Cultura e da Caixa Econômica Federal, acontece a partir das 18h 45min, no Sesc Paulista - Av. Paulista, nº 119 – Paraíso, São Paulo.

Falem, Chineses!

Na China, em agosto, havia 373 milhões de celulares. Mas o número de usuários de telefones móveis na China continua crescer à taxa de mais de 3 milhões de novas assinaturas por mês. Na Índia, outro país com mais de 1 bilhão de habitantes, os usuários de celular chegam a 57 milhões.

Conclusão: comunista é consumista: pelo menos tem liberdade para falar ao telefone...

Impostura Celular

A taxa de impostos cobrada sobre aparelhos celulares no Brasil á segunda maior entre os países emergentes. O usuário brasileiro paga 51,3% de tributos ao adquirir um telefone móvel, perdendo apenas para a Síria, onde o imposto é de 68,6%. É o resultado da pesquisa divulgada pela GSM Association, que mostra o impacto dos tributos no crescimento do mercado de celulares em 50 países em desenvolvimento.

Perguntinha: Já pensou se a China tivesse 37% de carga tributária?

Diáspora Africana em discussão

Começa nesta quarta-feira, a partir das 9h 45min, no Rio de Janeiro, a "III Conferência Bienal da Associação para o Estudo Mundial da Diáspora Africana". Especialistas discutem o estado global das comunidades africanas dispersas por todo o mundo. Será no Centro de Convenções do Hotel Sofitel-Copacabana – na Av. Atlântica - Posto 6. O professor Júlio Cezar Tavares é um dos coordenadores.

Conquistas da Melhor Idade

O painel "Avaliação e Perspectivas da Implementação do Estatuto do Idoso" discute o quanto o Estatuto do Idoso, aprovado há dois anos, está facilitando e melhorando a vida desse contingente populacional, crescente no Brasil e no Mundo. Participam nesta quarta-feira, Marcelo Antonio Salgado (Assistente Social, Gerontólogo e Epidemiólogo do Envelhecimento), Salete Maria Polita Maccalóz (Juíza Federal e Profª de Direito da Universidade Estadual do Rio de Janeiro) e Paulo Roberto Barbosa Ramos (Vice Presidente do Conselho Nacional dos Direitos do Idoso). As discussões começam às 9h 30min, no Sesc Pompéia - Rua Clélia, 93 – Pompéia, São Paulo.

Dica para ambientalistas

A palestra "A Importância da Biodiversidade na Preservação das Espécies", de Gonzalo Moya Borja (UFRRJ), é o destaque da "Semana Nacional de Ciência e Tecnologia". Começa às 18h 30min. A realização é do Instituto Superior de Tecnologia de Paracambi, que fica na rua Sebastião de Lacerda s/n.

Greve de Estudo

Estudantes do tradicional Colégio Pedro II, no Rio, estão sem aula há mais de um mês. Os professores estão em greve, sem data para terminar.

O que fala o Ministro da Educação sobre o assunto?

Banco não perdoa!

A socialite Carmem Therezinha Solbiati Mayrink Veiga não conseguiu evitar no Superior Tribunal de Justiça a penhora de seus bens, pedida pelo Banco do Brasil. Carmem tentou excluir da penhora, que atinge os bens de sua família, os bens que são exclusivamente de sua propriedade, como móveis e objetos de arte. Mas o STJ foi implacável com ela.

Almoço palestra da ADVB

A Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil (ADVB Rio) convidou para debater com empresários de diversos segmentos o governador de Santa Catarina, Luíz Henrique, que anda brigado com o deputado Michel Temer. O governador fará exposição de alguns projetos e idéias sobre o futuro do país e falará sobre as ações que vem desenvolvendo com sucesso em Santa Catarina. O almoço acontece nesta quarta-feira, de 12 às 14h 30min, no Jockey Club Brasileiro, que fica na Av. Presidente Antônio Carlos, 501 – 11º andar – Centro – RJ.

Ventos da Al-Qaeda

O famoso ‘guru dos furacões’, o meteorologista americano William Gray, previu a formação, em outubro, de três tempestades tropicais e de dois furacões, um deles com ventos de mais de 177 km/h. Até o momento, formaram-se 18 tempestades tropicais, incluindo o Stan, que chegou no domingo à península de Yucatán, no México, e ganha cada vez mais força.

Na cabeça de George W. C. Bush, é Alá trabalhando de graça para Osama Bin Laden, apenas com a finalidade de ferrar o seu excelente governo.

Cofrinho Mágico

E este cofrinho da Polícia Federal No Rio, Hein?! Primeiro some dinheiro: R$ 2 milhões apreendidos na Operação Caravelas. Agora some cocaína: Vinte quilos de cocaína, da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE).

Será que o David Coperfield virou agente da PF, e o Ministro da Justiça não sabe?

Candidatos favoritos

Dois homens assaltaram ontem uma mulher, em Vilar dos Teles, na Baixada Fluminense.. Pouco tempo após o ocorrido, os assaltantes telefonaram para a vítima, a fim de pedir “resgate” do material que havia sido roubado. A mulher acionou Policiais Militares do 21° BPM, que foram ao local combinado para o pagamento, acompanhando a vítima. Os PMs detiveram Alberto dos Santos de Brito (20 anos) e Ronaldo França Sampaio (30 anos). Um Aparelho celular e um discman foram recuperados.

Já pensaram o Alberto e o Ronaldo no Congresso... Fariam um estrago...

Por enquanto, eles foram eleitos pela PM para ocupar o xadrez da Delegacia 64...

Vida que segue...
Novas informações a qualquer momento.
Recramações, ilogios ou revelações bomba para:
jorgeserrao@gbl.com.br

2 comentários:

Anônimo disse...

Gostei muito do seu blog e gostaria que vc desse uma olhada no meu... e fizesse algum comentario. obrigado http://www.falecidoesperma.blogspot.com/

Anônimo disse...

best regards, nice info anal 2006 ford f-150 stanard cab jack location henry ford model t Julie brown british glamour model Wattage for coffee makers Ford cougar tail lights http://www.ford-8.info/1986-ford-bronco.html cisco wireless network solutions