segunda-feira, 31 de outubro de 2005

Nova CPI deve investigar roubo e contrabando de diamantes no Brasil

Edição de Começo de Semana do http://alertatotal.blogspot.com/

Uma nova Comissão Parlamentar de Inquérito deverá investigar a possível extração ilegal e o contrabando de diamantes na Reserva Indígena Roosevelt (RO), entre 2003 e 2004. A CPI só depende de decisão do plenário da Câmara. Os confrontos na região por causa da extração de diamantes já deixaram cerca de 60 mortos desde o começo dessa década. A briga é entre 1.300 indígenas que vivem no local e cerca de 6.000 garimpeiros interessados nas pedras.

A extração de diamantes das terras indígenas de Roosevelt, Parque Indígena Aripuanã, Serra Morena e Aripuanã, no sul do estado de Rondônia e oeste do Mato Grosso pode render cerca de US$ 3,5 bilhões por ano, caso seja regulamentada. O local é considerado por especialistas a maior região de diamantes do mundo. Estima-se que a capacidade total da reserva mineral seja de 15 kimberlitos. Nossa reserva seria 15 vezes maior do que a capacidade da maior mina de diamantes do mundo que fica na África, que possui de um a dois kimberlitos.

O requerimento para a instalação da CPI foi apresentado pelos deputados Júnior Betão (PL-AC), Agnaldo Muniz (PP-RO) e Júlio Delgado (PSB-MG). Eles querem que a Câmara investigue o aumento de casos de violência na região depois da descoberta de uma mina de diamantes na área indígena. Em abril de 2004, 29 garimpeiros foram assassinados na Reserva Roosevelt. A Polícia Federal revela que dez índios cintas-largas estariam envolvidos no massacre.

Com 2,7 milhões de hectares, a reserva dos 1.300 índios cintas-largas é formada por quatro aldeias (Roosevelt, Parque Aripuanã, Serra Morena e Juína) e fica entre o sul de Rondônia e o norte do Mato Grosso. A crise na região levou o governo federal a editar uma medida provisória em 2004, transformada em Lei, transferindo temporariamente para a Caixa Econômica Federal a autoridade para coletar e vender os diamantes brutos extraídos da reserva dos cintas-largas. O dinheiro arrecadado com a venda em leilão foi repassado aos índios.

Carla na CPI

Na agenda da CPI dos Correios está previsto o depoimento, na terça, a partir das 14h, da ex-presidente da Brasil Telecom Carla Cicco.

Carla teria assinado contratos de R$ 25 milhões com as agências SMPB e DNA, do carequinha Marcos Valério. Os contratos garantiam às duas agências um pagamento de R$ 187,5 mil mensais, a título de honorários.

Carla saiu da Brasil Telecom depois que o Opportunity, do banqueiro Daniel Dantas, foi destituído do controle da empresa.Ligada a Dantas, Carla teve seu nome citado na ocasião das denúncias da contratação da Kroll em suspeitas de espionagem ilegal.

Anatel Investiga

Uma investigação da Agência Nacional de Telecomunicações tira o sono do banqueiro Daniel Dantas. A Anatel tenta comprovar a denúncia de que o Opportunity é sócio de fato da Telemar.

Em julho do ano passado, o banqueiro Daniel Dantas comprou ações e debêntures (títulos de dívida) conversíveis em ações da Inepar - que, oficialmente, é dona de 11,275% do capital da holding que controla a Telemar.Os inúmeros adversários de Dantas juram que ele, na prática, já seria dono (de fato) das ações que, para efeitos oficiais, continuam em nome da Inepar.

Boa Viagem

O presidente da CPI dos Correios, Delcídio Amaral (PT-MS), a senadora Ideli Salvatti (PT-SC), o sub-relator de Fontes Financeiras, deputado Gustavo Fruet (PSDB-PR), e um representante do Departamento de Recuperação de Ativos do Ministério da Justiça embarcam na terça para os EUA.

A missão é quase impossível. Eles tentarão obter os documentos sigilosos relativos à conta Dusseldorf, do publicitário Duda Mendonça, e às fontes que a abasteceram. O grupo deverá ser recebido pela Diretora da Divisão Criminal do Departamento de Justiça dos EUA, Mary Ellen Walrow, na quarta-feira.

Delcídio já se prontificou a assinar documentos que garantam que o sigilo do publicitário será preservado pela comissão.

Romance político?

As revistinhas de fococa, tão do agrado da classe média alta (A e B), começam a dar como certo um namoro entre o governador de Minas Gerais, o tucano Aécio Neves (PSDB) e a midiática modelo Daniela Cicarelli – ex-senhora Ronaldo Fenômeno, que vive de bico.

O problema é se dois bicudos conseguirão se beijar... Mas, neste caso, o par é perfeito. Afinal, Aécinho e Cica precisam e gostam de aparecer...

Confiança quebrada

A CPI do Mensalão ouve nesta segunda, a partir das 18h, o depoimento do ex-secretário de Desenvolvimento de Programas e Projetos Culturais do Ministério da Cultura Roberto Costa Pinho, exonerado em fevereiro do ano passado por “quebra de confiança”. O seu afastamento foi determinado depois da descoberta de irregularidades no Programa Cidade Aberta, que ele coordenava.

Mas a CPI o convocou para depor porque Pinho aparece como um dos beneficiários do Valerioduto... Ele teria recebido R$ 450 mil entre setembro de 2003 e outubro de 2004.

FARCada tucana no PT

O senador tucano Álvaro Dias (PR) quer reabrir a investigação sobre uma doação que teria sido feita pelas Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) ao PT também em 2002. A verba giraria em torno de R$ 5 milhões.

Em março deste ano, a Veja publicou uma reportagem de capa intitulada Laços Explosivos, na qual afirmava que documentos em poder da Agência Brasileira de Informação (Abin) mostravam que o padre Olivério Medina, uma espécie de embaixador do grupo colombiano no Brasil, anunciara a doação. O padre Olivério Medina foi preso pela Polícia Federal e aguarda no xadrez julgamento sobre pedido de extradição feito pelo governo da Colômbia. Apesar de produzir provas, a investigação acabou inexplicavelmente engavetada.

Culpa de Finados?

Não há outros depoimentos previstos na CPI nesta semana. Na terça, a partir das 9h, está marcada uma reunião administrativa da comissão. Na CPI dos Bingos, a semana será destinada apenas aos trabalhos administrativos. Os depoimentos serão retomados no dia 7.

O feriadão pára tudo na Ilha da Fantasia...

Emprego para quem precisa

O deputado José Dirceu, já dando como fava contada sua cassação, revela a amigos que está à procura de emprego. Aceita ganhar algo em torno de R$ 6 mil.

O candidato é advogado formado pela PUC-SP. Nunca exerceu a profissão...

Quem sabe alguma empresa não lhe abre uma vaga de lobista, Zé Dirceu?

Novas manobras

O Conselho de Ética marcou para às 14h30min desta segunda-feira a leitura do novo parecer de Júlio Delgado (PSB-MG), relator do processo de cassação do deputado José Dirceu (PT-SP).

Para variar, feita a leitura, a deputada Angela Guadagnin (PT-SP) deverá pedir novamente vista do processo. Ela fará isto pela quarta vez, a fim de tentar postergar a votação do texto por duas sessões do plenário da Câmara.

Como a semana é entrecortada pelo feriado de Finados, na quarta, a falta de quórum pode atrasar ainda mais a decisão sobre o destino do Zé.

Mais recursos do Dirceu

O deputado José Dirceu (PT-SP) vai recorrer novamente ao Supremo Tribunal Federal nesta semana. Seu advogado, José Luiz Oliveira Lima, disse que entrará com um mandado de segurança no STF contestando a decisão da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, que rejeitou, na semana passada, um recurso apresentado pelo ex-ministro da Casa Civil contra o processo que corre contra ele no Conselho de Ética.

Dirceu argumentou na CCJ que a ação deveria ser anulada, pois o PTB, partido autor da representação contra ele, pediu a retirada da acusação. Os membros do Conselho, porém, decidiram manter o processo. O relator do recurso na CCJ, Darci Coelho (PP-TO), acatou o argumento do deputado petista, mas seu parecer foi rejeitado por 39 votos contra 15. No mandado de segurança no STF, Dirceu vai apresentar o mesmo argumento.

Dirceu e seu defensor descobriram que os ministros do STF são muito bonzinhos...

Notas sobre as “notas”

O governo de Fidel Castro negou que tenha interferido nos assuntos internos do Brasil, enviando recursos para a campanha do presidente Lula em 2002. Os cubanos emitiram nota oficial:

“Cuba nega categoricamente estas calúnias, confirma que jamais interferiu nos assuntos internos desta nação irmã e responsabiliza totalmente os agressivos planos do imperialismo contra Cuba e contra Lula por esta manobra propagandística”.

O governo cubano entende que as acusações, "no contexto de uma visita do presidente dos Estados Unidos ao Brasil, tentam desviar a atenção da cada vez mais complexa realidade que vive George W. Bush, acossado pelas investigações de corrupção de importantes líderes de seu próprio partido".

O que revelou a Veja

Reportagem da revista sustenta que dois ex-auxiliares de Antonio Palocci, ministro da Fazenda, participaram de um esquema para que dinheiro ilegal, proveniente da Ilha, fosse irrigar a campanha de Luiz Inácio Lula da Silva em 2002. Os citados foram Ralf Barquete, já morto, e Vladimir Poleto, que contou tudo à Veja em conversa gravada.

Em outra reportagem, a revista informa que Palocci e o próprio presidente teriam tentado interferir no Banco Central para suspender a intervenção na parte podre nos bancos Econômico e Mercantil de Pernambuco, de que o Rural é sócio.

A operação, se realizada, geraria uma comissão milionária para Marcos Valério. Segundo Ângelo Calmon de Sá, ex-controlador do Econômico, o publicitário lhe pediu ajuda para o PT — o que foi prometido se a operação tivesse sido bem sucedida.

Fantasia?

O ministro das Relações Institucionais, Jaques Wagner, considera fantasias as denúncias publicadas pela revista Veja desta semana. De acordo com sua assessoria, Wagner afirmou que "as contribuições e gastos da campanha presidencial de 2002 foram registrados com transparência pela frente partidária que apoiou o candidato Luiz Inácio Lula da Silva".

Se ele falou, né????

Sinal de impedimento

Diante da notícia de que a campanha do presidente Luiz Inácio Lula da Silva teria recebido US$ 3 milhões de Cuba, a oposição já admite a possibilidade de pedir o impeachment do presidente e a cassação do registro do PT. PFL e PSDB já estudam juridicamente a possibilidade de apresentar um requerimento ao Ministério Público para investigar as contas de campanha de Lula em 2002.

O líder do PFL na Câmara, José Carlos Aleluia (BA), adiantou que seu partido vai acionar a Justiça Eleitoral contra o PT e contra Lula.

Outro tiro

O deputado Raul Jungmann (PE), primeiro vice-líder do PPS na Câmara, avisa que seu partido entra nesta segunda ou nesta terça com representações no Ministério Público Federal e no Ministério Público Federal Eleitoral, que atua junto ao TSE.

O PPS pede, nas duas instâncias, a abertura de investigação contra o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e também contra o PT.

CPI do Caixa 2

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), prometeu instalar a CPI do Caixa Dois, cujo pedido foi protocolado pelo líder do PSDB na Casa, Arthur Virgílio (PSDB-AM), na quinta-feira.

A comissão terá como objetivo investigar o uso de caixa dois nas campanhas eleitorais feitas entre 1998 e 2004.

Vacilo oposicionista

O deputado ACM Neto (PFL-BA) reiterou que considera um erro as oposições não terem tentado o impedimento de Lula quando Duda Mendonça confirmou o caixa dois na campanha presidencial:

“A oposição errou feio lá atrás quando proibiu que se falasse em impeachment. É preciso acabar com esse veto. A denúncia reforça a tese de que a campanha do PT foi viciada. O mandato de Lula é viciado.”

Devassa na devassa

O deputado Chico Alencar (RJ), recém-saído do PT para o PSOL, classificou de direitistas as denúncias contra o presidente Lula publicadas pela Veja desta semana.

Segundo ele, o conteúdo da história é claramente "direitista" e "macartista", razão pela qual seu novo partido não vai embarcar no que chamou de "ação conjunta" do PFL, do PSDB e do PL para que o caso seja apurado.

O deputado, no entanto, defendeu que todas as campanhas políticas passem por uma devassa.

A culpa é nossa?

O presidente nacional do PT, Ricardo Berzoini, aproveitou os encontros setoriais do partido realizados em São Paulo neste fim de semana para convocar a militância petista a sair em defesa da legenda.

Berzoini reconheceu que "companheiros" erraram, mas disse que os meios de comunicação também merecem críticas pela forma como tem tratado a crise política que atingiu o governo e o partido. Na avaliação do petista, há uma parcialidade evidente no tratamento das denúncias, com uma opção clara por fragilizar o PT para a disputa eleitoral de 2006.

Vamos ver se ele falará mal da imprensa durante a campanha, quando estiver correndo atrás de votos.

FARC Treina MST?

A notícia é meio velha... A presença do grupo guerrilheiro colombiano Forças Armadas Revoluncionárias da Colômbia (Farc) no Brasil não se restringe hoje apenas à montagem de bases estratégicas para o tráfico de drogas e armas na selva amazônica. As ações das Farc incluem o treinamento de criminosos e líderes de movimentos sociais, entre eles o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST).

Os centros estão montados estrategicamente na fronteira do Brasil com o Paraguai. Relatórios sigilosos em poder de autoridades brasileiras e paraguaias registram a ocorrência de pelo menos três cursos sobre técnicas de guerrilha destinados a brasileiros, realizados este ano – em maio, julho e agosto – na região de Pindoty Porã, departamento de Canindeyú, no Paraguai, cidade na fronteira com o Mato Grosso do Sul e o Paraná.

As revelações do Correio Braziliense são mais uma fantasia para governo desnudar...

Os cursinhos

Pelo menos um desses cursos, sobre técnicas de primeiro socorros e contra-informação, que aconteceu entre 22 e 24 de julho, teve como público alvo integrantes do MST dos estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Paraná.

Sob a batuta dos mesmos instrutores colombianos, o último treinamento, que aconteceu em 29 de agosto, foi destinado a integrantes de quadrilhas responsáveis pela segurança de pontos de distribuição de drogas em São Paulo e no Rio de Janeiro. Na instrução, foram repassadas aos alunos brasileiros informações sobre uso em guerrilha urbana".

Detalhe curioso: A ABIN (Agência Brasileira de Inteligência) já sabia dessa historinha há bastante tempo. Por que o governo não trata a denúncia com a devida seriedade?

ONGs inimigas do Ibama

“A fragilidade e desmonte do Ibama são patrocinados por alguns empreendedores, tanto governamentais, quanto da iniciativa privada, que desmoralizam publicamente as autoridades ambientais por continuam achando que os recursos ambientais são infinitos e devem ser usados até a exaustão, de preferência sem nenhuma regra ou controle. A estes interessa que o Ibama não exista. Acham que controle e cuidado ambiental é simplesmente uma questão burocrática”.

Palavras do presidente da Associação dos Servidores do Ibama – Asibama - no Distrito Federal, Jonas Moraes Corrêa, que há 23 anos lotado no Laboratório de Produtos Florestais, Centro Especializado do Ibama em Pesquisa e Tecnologia de Madeira, trabalhando no núcleo de Estatística e Computação do Instituto.

Moraes Corrêa denuncia que o Ministério do meio Ambiente apropriou-se da autonomia administrativa e financeira do Ibama. O servidor acusa o Ministério de ter ONGs lá encasteladas que viabilizam seus interesses dentro da máquina pública.

Te cuida, Bush

A União da Juventude Socialista (UJS) - com apoio da UNE, da UBES, do MST, da CUT e de ONGs partidárias da esquerda - prepara uma série de atos de protesto na visita do presidente americano, George W. Bush, ao Brasil, no próximo fim de semana.

Wadson Ribeiro, presidente da UJS, adiantou que a primeira ação será realizada na fronteira entre o Mato Grosso de Sul e o Paraguai, país vizinho que também será visitado por Bush. O objetivo da passeata é chamar a atenção do público para a influência crescente dos EUA na América do Sul. Recentemente, o governo norte-americano recebeu sinal verde para a instalação de uma base militar no Paraguai.

Cúpula das Américas

“Criar trabalho para enfrentar a pobreza e fortalecer a governabilidade democrática”. Este é o tema da IV Cúpula das Américas, que começa na próxima sexta-feira, no balneário argentino de Mar del Plata, a 400 quilômetros de Buenos Aires. O encontro deverá ser cenário de uma dura queda-de-braço entre os Estados Unidos e um bloco de países latino-americanos.

Durante as negociações para elaborar a declaração final que será assinada pelos presidentes, os EUA defenderam a implementação de medidas de livre mercado para criar emprego, enquanto os latinos — entre os quais Brasil, Argentina e Venezuela — rechaçaram a aplicação de políticas neoliberais similares às adotadas pela região na década de 90. Durante dois dias, 34 chefes de Estado vão debater propostas para promover a geração de empregos, que serão incluídas numa declaração final.

Legal será ver a batalha verbal entre Hugo Chavez e George Bush...

Sentença contra o governo

O governo Lula está no banco dos réus para a maior parte dos juízes entrevistados na pesquisa da Associação dos Magistrados do Brasil. Para 59,8% deles, a relação do governo com o Judiciário é ruim — apenas 9,6% acreditam que o relacionamento é bom.

Viva o nepotismo

Um em cada quatro juízes não concorda com medidas que eliminem o nepotismo do sistema judiciário. Foi o que constatou a pesquisa da Associação dos Magistrados do Brasil (AMB).

Ao perguntar se os juízes concordavam com a proibição da contratação de parentes para cargos em comissão, em quaisquer circunstâncias, conforme resolução recente do Conselho Federal de Justiça, a AMB concluiu que 67,9% são favoráveis, mas há um grupo de 23,8% que discordam da medida.

Justiça lentíssima

Uma das mais ouvidas críticas ao Poder Judiciário é também compartilhada pelos magistrados. A pesquisa inédita, feita com 3.200 juízes brasileiros pela Associação dos Magistrados do Brasil, constatou que quase metade deles considera a Justiça lenta.

Convidados a avaliar a agilidade do Judiciário, apenas 9,9% dos juízes responderam que é boa, enquanto 48,9% disseram que é ruim, 38,7% consideraram regular e outros 2,5% não responderam ou não deram opinião.

Recadinho para Vênus Platinada

“Sempre morei na cidade do Rio Janeiro, com minha família (todos, cariocas), tendo me mudado para Juiz de Fora-MG, em 2003. Sugiro que o JN, Hoje, etc. quando noticiarem fatos do Rio sejam menos vagos, citando jargões "um túnel" uma "favela da zona norte", uma "via expressa" (principalmente em casos de violência), pois quem não conhece a cidade fica ainda mais inseguro em relação a ela; é o que percebo aqui. Por favor identifiquem os locais com exatidão, pois passará a idéia que a cidade não é tão insegura como aparenta. Vendo as imagens, imediatamente reconheço o lugar, mas e os que não conhecem?”.

O recado é do leitor José da Silva Braga Neto para a Rede Globo, reclamando que a emissora só permite mensagens ou críticas em até 250 caracteres. Haja concisão...

Sinal de Alerta

A empresa de verificação de crédito Telecheque verifica, até o dia 20 deste mês, um aumento de 21% no número de pessoas inscritas no cadastro de cheques sem fundos do Banco Central (BC).

É uma taxa duas vezes superior aos 8% de setembro e só igualável aos 23% registrados em março, mês em que tradicionalmente a inadimplência cresce.

Grandes redes de varejo perceberam isso e já oferecem pagamento para só daqui a 120 dias. As financeiras, por sua vez, temem que, passada a euforia de fim de ano, o calote dispare no início de 2006. A bomba estoura no começo do ano que vem...

Crônica da falência anunciada

Quinze meses depois da estréia do crédito com desconto em folha de pagamento para trabalhadores e aposentados, redes de varejo e administradoras de crediário começam a perceber o aumento da inadimplência em seus financiamentos por causa desses empréstimos.

Em um primeiro momento, o crédito consignado ampliou os recursos do consumidor, como se fosse um 13º salário, e com juros bem inferiores à média dos financiamentos do mercado.

Só que o tempo passa, e a renda disponível para outras despesas e prestações encolhe. O trabalhador e o aposentado que assumiram esses empréstimos recebem os rendimentos já abatidos da parcela do financiamento. E ficam cada vez mais duros. E ainda endividados.

Juros nos EUA

Henrique Meirelles e seus ortodoxos amestrados do Banco Central dormem preocupados. Será definida, na terça-feira, a nova taxa de juros da economia norte-americana, que está atualmente em 3,75%.

Se os juros subirem lá, mais grana vai fugir daqui (dos tais “investimentos”).

Segunda de terror

O presidente Lula, que passou o fim de semana recolhido na Granja do Torto, em Brasília, vai reunir seus ministros da coordenação política na manhã desta segunda-feira a fim de avaliar o estrago feito pelas denúncias publicadas pela revista Veja. O risco de fuga de capitais também entre na pauta da reunião.

Participam do encontro os ministros Dilma Rousseff (Casa Civil), Antonio Palocci (Fazenda), Jaques Wagner (Relações Institucionais), Luiz Dulci (secretaria-geral da Presidência), Ciro Gomes (integração Nacional) e Márcio Thomaz Bastos (Justiça). Mais tarde, a agenda de Lula prevê um encontro reservado com Palocci.

Dom Paulo honoris causa

A Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) entrega, em cerimônia na noite de terça-feira, o título de doutor "honoris causa" ao cardeal D. Paulo Evaristo Arns, arcebispo emérito de São Paulo.

A homenagem será prestada pela luta de D. Paulo pela liberdade no Brasil durante toda sua vida religiosa. O ex-arcebispo de São Paulo foi um dos mais destacados defensores dos direitos humanos no Brasil, com grande importância na defesa do direito de presos políticos durante o regime militar.

20 anos de Delegacia de Mulheres

Nesta segunda-feira, a partir das 19 horas, no Othon Plaza, em São Paulo, o "Encontro Nacional das Delegadas - DEAM's 20 Anos" comemora os 20 anos da criação das primeiras delegacias especiais de atendimento à mulher. A criação das delegacias especializadas de atendimento à mulher DEAM em 1985 marcou uma iniciativa pioneira no Brasil e na América Latina no atendimento à violência contra a mulher como política de Estado.

O evento é promovido pela Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres e pela Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça. Fortalecer as DEAM's (Delegacias Especializadas de Atendimento à Mulher) como uma política pública de enfrentamento à violência contra mulher e fomentar as discussões sobre a normatização dos serviços são os principais objetivos do encontro.

Brazilianista no Roda Viva

O brazilianista Thomas Skidmore é o entrevistado desta segunda-feira no "Roda Viva". O professor acompanha os acontecimentos políticos e econômicos do Brasil há mais de cinco décadas e publicou os livros "O Brasil de Getúlio a Castelo" e "O Brasil visto de fora".

O programa vai ao ar a partir das 22h 30min na TV Cultura (SP) e Rede Brasil.

Imprensa e Responsabilidade Social

Esse é o tema do debate desta segunda-feira, a partir das 11h da manhã, no Centro Cultural Itaú, na Avenida Paulista, 149.

Os palestrantes são Sidnei Basile (Diretor da Editora Abril), que falará sobre “Os avanços das empresas na boa cidadania corporativa”; Gilberto Dimenstein (Conselheiro Editorial da Folha de São Paulo e Fundador da Associação Cidade Escola Aprendiz), que abordará “Os veículos e a cobertura de responsabilidade social corporativa”; e Marie-Pierre Poirier (Representante do UNICEF no Brasil), que terá a missão de demonstra “Como a imprensa pode contribuir para o aprimoramento das ações sociais”. Os debates serão moderados por Antonio J. Matias, Vice-presidente do Banco Itaú.

Pestalozzi debate

"Sexualidade da pessoa com deficiência", "Demências - Intervenção interdisciplinar", "A Visão da Educação Inclusiva na Europa", "Por uma nova ética nas relações de trabalho", "Profissionalização da Pessoa com Deficiência Mental".

Esses são os temas debatidos no "XI Congresso Nacional da Federação Nacional das Associações Pestalozzi", que acontece em Niterói (RJ), a partir das 8h da manhã desta segunda-feira. A Associação Pestalozzi de Niterói fica na Estrada Caetano Monteiro, 857 - Pendotiba.

Queima de Arquivo

Traficante que se envolve com gente famosa – jogadores de futebol e artistas - mesmo poderoso, acaba detonado.

Copiou, Bem-Te-Vi da Rocinha?

Que a terra lhe seja leve...

Estréia na Rádio Trianon

Os amigos do Alerta Total poderão nos ouvir, diariamente, no radiojornal "De Olho na Notícia", que vai ao ar, de segunda a sexta-feira, das 17h 30min às 18h 45min, pela Rádio Trianon (740 AM).

Estaremos fazendo o Jornalismo Inteligente, no programa dirigido e comentado pelo consagrado jornalista Newton Flora.

Vamos detonar, como de costume...


Vida que segue...

Novas informações a qualquer momento.

Recramações, ilogios ou revelações bomba para:
jorgeserrao@gbl.com.br

Façam comentários clicando no link abaixo.
Fiquem com Deus!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Inteligente, inovador, fortemente analítico e propositivo, utilizando as mais modernas tecnologias para transmissão instantânea e eletrônica de informação privilegiada e análise estratégica, junto com a difusão de novos conhecimentos voltados para a construção e consolidação de novos valores humanos.

Um comentário:

Anônimo disse...

És que estos tios seguem haciendo el contrabando, quien és el comandante és Ali ismail Diab y Kassem ismail Diab, ellos hacen las compras en Paraguai junto con policias q serven de motoristas en sus coches de luxo, una Toyota, un Honda Civic, un Golf y otros coches dirijidos pela policia entran en Paraguai e salen de alli con sus coches chenos de contrabando para venderlos en la fera Paraguaia(D.F) y el tal de Kassem está abrindo una tienda de luxo en la ciudad de Goiânia. Ellos hacen la viajen una o duas veces x semana y sinpre dejan la policia del Parana a sus piés! És un absurdo lo que pasa con estos tios cabrones de mierda! Y la policia del Paraná q no consiegue parar-los? Siguen reindo de todos los Brasileños tontos!! Seguramente hoy van a pasar por alli y nada los pasará como siempre!