domingo, 1 de outubro de 2006

Ladrões, Demônios e Palhaços

Edição de Artigos de Domingo do Alerta Total http://alertatotal.blogspot.com

Por Jorge Serrão

Que Deus ilumine o Presidente Lula da Silva e todos os 126 milhões de eleitores brasileiros aptos a votar neste domingo. Somos obrigados a escolher entre 8 candidatos a presidente, 213 a governador, 233 a senador, 5.419 a deputado federal e 12.519 a deputado estadual. Teremos de confiar (como velhas de Taubaté) na segurança das 432 mil urnas eletrônicas nos 5.658 municípios do País. Uma pesquisa do Ibope indica que 86% dos eleitores não pretendem votar em políticos acusados de corrupção. Pelo menos 62% dos eleitores do Brasil acreditam que Lula sabia do Mensalão e 48%, que tinha ciência do dossiê Vedoin contra seus adversários tucanos.

Tudo indica que haverá segundo turno na eleição presidencial. O Ibope e o Datafolha admitem tal possibilidade. Mas o Palácio do Planalto já comemora o resultado de uma pesquisa – não divulgada ao público – que aponta uma vitória do presidente Lula da Silva, já no primeiro turno, como 12 milhões de votos de vantagem para os adversários. Os petistas mostram tanta confiança que até já renovaram a licitação dos escritórios de apoio da presidência, em São Bernardo do Campo, onde Lula tem um apartamento, e em Florianópolis, onde mora a filha dele.

Aliás, é contra Lurian da Silva que surge a mais recente denúncia da boca de urna. Os serviços secretos norte-americanos informaram à Polícia Federal e ao Ministério da Justiça que pelo menos US$ 150 mil dólares, para o pagamento do hediondo dossiêgate, saiu de uma conta da filha de Lula, em Miami. A retirada da grana ocorreu no dia 12 de setembro. O ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, está revoltado com tal informação, e repudia a veracidade de tal notícia, que rolava nesta noite de sábado, pelos bastidores do submundo da política brasileira.

No escândalo do dossiêgate, outro fato que tirou o governo do sério (e ninguém entende por que) foi a foto histórica do dinheiro, exibida nas primeiras páginas de todos os jornais – imagem que a Polícia Federal e o Ministério da Justiça quiseram esconder da opinião pública desde o começo de toda a safadeza eleitoreira. Felizmente, em nome da transparência da administração pública, um policial assumiu o risco de divulgar as imagens secretas. O delegado da Polícia Federal Edmilson Bruno, que prendeu os petistas com a mão na grana, no Hotel Íbis, em São Paulo, no último dia 15 de setembro, merecia ganhar uma medalha de honra ao mérito, por não prevaricar e não ser uma autoridade conivente com a corrupção que o eleitorado promete condenar nas urnas neste domingo.

O policial atirou no alvo da questão ética: “O povo tem o direito de saber tudo. O erro foi não ter dado publicidade, inclusive do dinheiro apreendido, logo no começo da investigação”. O delegado federal Bruno afirmou que é apartidário, que trabalha com isenção, que sua ficha funcional é limpa e que votou em Lula nas eleições de 2002. Ele vai depor no inquérito aberto para investigar o vazamento do CD com 23 imagens da montanha de dólares e de reais que dirigentes do PT amealharam para adquirir o dossiê em poder de Luiz Vedoin, chefe da máfia das ambulâncias.

O caso vai render. Mesmo que ganhe a eleição, o presidente Lula da Silva já está com a cabeça a prêmio. Até a nossa sempre vendida grande imprensa já pressiona em suas manchetes e noticiários para que os culpados sejam punidos, junto com o seu chefe, o Presidente da República. O Tribunal Superior Eleitoral terá muita dificuldade para não considerar o caso do dossiêgate um crime eleitoral. O caminho para o impeachment está escancarado. Nem adianta os dirigentes petistas, como Tarso Genro, reclamarem que isso é “golpe”. As evidências comprovam que “golpe” quem deram foram os “aloprados” do partido – como bem definiu o poderoso chefão deles, Lula da Silva.

E, no Senado, a oposição já iniciou um movimento para pedir a cassação do mandato do senador Aloízio Mercadante, assim que ele retornar da provável derrota na disputa pelo governo paulista. O coordenador de campanha dele, Hamilton Lacerda, foi obrigado a renunciar à função por envolvimento direto no escândalo. Mercadante está na marca do pênalti e com seu bigodão de molho. Justo ele que até sonhava com a presidência do Banco Central no próximo governo Lula. Terá de rezar muito para não perder o mandato.

Aliás, todos os brasileiros precisam rezar muito antes de sair para votar. A recomendação é mais importante ainda para o presidente Lula. Ultimamente, o candidato-presidente (ou vice-versa, pois a ordem dos fatores não altera a má qualidade do produto) vinha falando muito em demônios. Ameaçou soltar o seu “diabinho” no Congresso. Depois, alegou que não soltou tal bravata demoníaca. Por evocar tanto o nome do “coisa ruim”, nosso presidente precisa de muita Luz Divina. Água benta, no lugar da aguardente, faz bem para o espírito. Rezemos pelo Lula, com sinceridade. Mesmo os que não têm simpatia por ele.

A melhor maneira de combater o mal, com efetividade, é proclamar o bem, e desejar o bem, com sinceridade e amor no coração, até para aquele que parece seu pior inimigo. Antes de sair para votar, recomendo a cada eleitor, uma oração ao nosso presidente. Todas as pessoas de bem, irmanadas em uma corrente de fé a favor do Brasil e dos brasileiros honestos (de verdade) vão formar uma egrégora que vai nos livrar de todos os males, o mais depressa possível.

O presidente Lula, coitado, parece mesmo que não sabe de nada. Nada mesmo. Parece um ignorante. Será que ele não sabe que fazer pacto com o diabo, não garante voto a ninguém? E nem garante que os ingleses, controladores da nossa economia e adeptos das seitas de adoração ao cramulhão, vão cumprir o pacto político deles com Lula. Político desgastado, atolado em denúncias de corrupção, e com dificuldade para governar, não interessa aos controladores.

Quando isso acontece, eles costumam mandar o aparente aliado, depois de usá-lo bastante, para o quinto dos infernos. E sem passagem de volta. Por isso, Lula, tenha uma conversa séria com Deus, e peça a ele, com todo seu fervor, para que te livre e nos livre dos demônios que impedem o Brasil de ser soberano e nos submetem, artificialmente, a um estado de pobreza e miséria injustificáveis.

Excomungados os demônios, vamos a um assunto eleitoral que vai ser bem engraçado neste domingo. Uma página da internet www.narizdepalhaco.com.br divulgou um convite aos eleitores para votar usando nariz de palhaço. A ação, segundo o organizador do movimento e responsável pela página, Fabiano Keller, tem como objetivo “moralizar a situação” política brasileira e também servir de incentivo para que as pessoas votem conscientes. É bem grande a mobilização dos “palhaços”, que tem um propósito sério, de cidadania.

No site, convocando para a manifestação cívica, está escrito: “No enorme circo chamado Brasília nos sobra o papel de palhaços. Então, vamos às urnas caracterizados como tal!!!”. A assessoria de imprensa do Tribunal Superior Eleitoral já avisou que não há nenhum impedimento, do ponto de vista legal, de as pessoas votarem com nariz de palhaço. Vamos ver se a atitude da maioria do eleitorado vai colaborar para frear a palhaçada reinante, ou se vai servir para botar mais fogo no circo, onde as instituições republicanas já foram rompidas há muito tempo e hoje serve de picadeiro para o pleno governo do crime organizado.

Palhaçada, Nunca Mais. A não ser com palhaços da profissionais, como o meu amado irmão Carequinha, que agora alegra o Grande Circo de Deus. Dos amadores e armadores de Brasília, ninguém acha graça nenhuma. Por isso, falando sério, desejo a todos nós um bom voto obrigatório, já que não tem outro jeito. E vida que segue, se a sofisticada fraude eleitoral também não nos infernizar.

Jorge Serrão, jornalista radialista e publicitário, é Editor-chefe do blog e podcast Alerta Total. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. http://alertatotal.blogspot.com e http://podcast.br.inter.net/podcast/alertatotal

11 comentários:

jaymeguedes disse...

transcrito do blog Fora Apedeuta

01 Outubro 2006
Filha de Lula seria uma das origens do dinheiro do dossiêgate

Nos bastidores da política,ontem à noite,em Brasília ,corria a notícia de que US$150.000,isso mesmo,cento e cinqüenta mil dólares,do dinheiro confiscado pela PF ,e que seria destinado ao pagamento do dossiê fabricado para incriminar José Serra,vieram de Miami da conta de Lurian,a filha de Lula.
A informação veio do serviço secreto dos Estados Unidos,que informou ao Ministério da Justiça e à Polícia Federal,que o saque ocorreu no dia 12 de setembro.
Márcio Thomaz Bastos nega peremptóriamente a veracidade deste fato,que vazou de seus subordinados.

Anônimo disse...

uma pesquisa interessante para voce.
Como Lurian tem 150 mil dolares para emprestar ao PT se um juiz acatou sua declaração de pobreza e o estado custeou 4 mil reais?.

Unknown disse...

TA NA HORA DE PARAR COM AS BESTEIRAS DA TUCANALHA

Unknown disse...

TA NA HORA DE PARAR COM AS BESTEIRAS DA TUCANALHA

Unknown disse...

Nunca vi tanto pilantra junto, com neste blog. Pior só no BLOG Fora Apedeuta, que além de fazer jus ao nome, ainda é composto da escória brasileira. O desespero me roubou a consciência e no delírio que envolve esta paixão, eu vou tramando no meu cérebro canestro, uma maneira de enganar a população. Este é o pensamento destes blogueiros "Filas" da Puta.

Anônimo disse...

Bem, todos sabemos da corrupção do PT em todos os niveis da politica brasileira, e os disfarces que o mesmo cria. Nada pode ser desconciderado apesar da noticia estar sem procedencia, pois nada se duvida da esperteza, não so do presidente LULA mas de toda sua corja de vagabundos e bandidos, este acobertados pelo governo federal.
Que pais e este!!!
Que povo cego que nada faz contra estes vagabundos que estão em todas as castas da politica...por medo...
...pela vontande de levar vantagem... alguns por ilusão de estar tudo bem, e o pior de todos os fatos "A FALTA DE CULTURA E PATRIOTISMO DO POVO" falta esta imposta por estes bandos de vagabundos que abitam o poder.

Anônimo disse...

Com relação a pergunta sobre declaração de pobreza ... uma pobreza ... juiz e filha do presidente de honra do PT ... Diante de tudo que já foi investigado, declarado, CONFESSADO e tornou-se do conhecimento de cada cidadão desse país ... acreditar em declaração de pobreza da Srta. Lurian - a irmã do filhino de 15.000.000 de reais ... é realmente a vitória da ingenuidade sobre a experiência! Estamos realmente ferrados!

Anônimo disse...

Nossa, os companheiros petistas chamam de "mentira" o que nem está provado, para o bem ou para o mal.

A essa altura a Polícia Federal já sabe de onde vieram os dólares do dossiê. Mas, parece óbvio que só teremos certeza sobre o fato da origem do dinheiro sujo após o fim das eleições.

Anônimo disse...

a quadrilha chamada pt agil por aqui,o senador antonio carlos valadares esteve com o ministro eros grau num dia e no outro surpreendentemente o ministro mudou uma decisão sem quer nem pra quer,como se chama esse tipo de ação?

Anônimo disse...

Ehh... Tô vendo que aqui só tem tucano! Eu não só petista não, minha tendência maior é o PDT... mas fiquem sabendo q o resultado das enquetezinhas feitas por vcs estão totalmente fora da realidade da maioria eleitoral, ou seja, se as eleições fosse feitas só dentro desse blog aqui os tucanos ganhariam com maioria de mais de 80%!

Anônimo disse...

Se esse blog fosse democrático vc teria aprovado meu comentário... mais isso é comédia, medite e veja bem o seu senso democrático...
Devemos ser a mudança que queremos!