quinta-feira, 30 de agosto de 2007

Circo armado: Renan aposta em votação secreta para ser absolvido e renunciar à presidência do Senado

Segunda Edição de Quinta-feira do Alerta Total http://alertatotal.blogspot.com/

Ouça agora o podcast Alerta Total no seu computador.
http://podcast.br.inter.net/podcast/alertatotal

Adicione nosso blog e podcast a seus favoritos do Internet Explorer.

Por Jorge Serrão

O circo já está armado no Senado para a salvação política de Renan Calheiros. Aliados do senador apostam todas as suas fichas na votação secreta do Conselho de Ética do Senado. Se tudo ocorrer por debaixo dos panos, conforme combinado, Renan será absolvido. Já ficou acertado que, livre das acusações, Renan vai renunciar à presidência do Senado. Livre do risco da cassação, Renan ficará na casa “como um simples senador”. Deve pedir licença por uns tempos, alegando estresse, e logo depois retorna como se nada tivesse acontecido.

Os senadores só esperam que Renan Calheiros cumpra integralmente o acordo firmado nos bastidores. O senador teria se comprometido a não tocar mais em assuntos delicados para o Palácio do Planalto – como a venda de 19,9% da participação da Editora Abril na TVA para a Telefônica. Já a provado pela Anatel, mas sob risco de virar uma CPI, o negócio envolve R$ 1 bilhão de reais. A operação mexe com interesses do primeiro-filho Lulinha. A Gamecorp de Fábio Luiz da Silva pretende explorar canais da nova rede de tevê a cabo que a Telefónica pretende implantar no Brasil. Renan prometeu ficar absolutamente quieto, em troca da absolvição política.

O senador não estava brincando quando comentou ontem que “só temia a Deus”.

Nenhum comentário: