sexta-feira, 7 de março de 2008

Mozarildo continua na disputa do Grão-Mestrado da Maçonaria, apesar do favoritismo de Marcos José da Silva

Segunda Edição de Sexta-feira do Alerta Total http://alertatotal.blogspot.com/

Por Jorge Serrão

Neste sábado, os maçons realizam eleições em todo o Brasil para a escolha do Grão Mestre Geral do Grande Oriente do Brasil – a mais antiga potência maçônica. Ai contrário do que o Alerta Total divulgou hoje, na nota “pediu para sair”, e também contrariando informações vindas de maçons confiáveis que são nossos leitores, o senador Mozarildo Cavalcanti garante que continua na disputa, sendo candidato pela chapa 2. O senador garante que “não pediu para sair”.

Os favoritos na disputa são Marcos José da Silva (para Grão Mestre) e Cláudio Roque Buono Ferreira (adjunto), candidatos da Chapa 1. Os dois são candidatos da situação, e contam com o apoio do atual Grão-Mestre Laelso Rodrigues. Eles fazem a campanha baseados nos lemas “Tradição e Modernidade na Experiência, Competência e, principalmente dedicação e honestidade”. Já o senador Mozarildo vem pela chapa Novo GOB, tendo como adjunto Antonio Carlos Azevedo Braga.

A campanha eleitoral da Maçonaria este ano ganhou dimensão política nacional e pública. O senador Mozarildo subiu hoje na tribuna do Senado para ressaltar que continuava candidato e que um dos pontos fundamentais de sua proposta é tornar a Maçonaria mais aberta à sociedade. Mozarildo ressaltou que historicamente a instituição tem contribuído para combater tiranias, despotismos e preconceitos e, por isso, precisou manter-se secreta para não sofrer represálias. Hoje, enfatizou, a Maçonaria não precisa mais se esconder, mas ainda preserva seus segredos por tradição. Ele sugeriu ao plenário a leitura de livros que abordam o assunto.

6 comentários:

NOVO GOB disse...

SERIA INTERESSANTE CHECAR AS INFORMAÇÕES ANTES DE DIVULGA-LAS.

NOVO GOB disse...

NÃO HÁ FAVORITISMO DO MARCOS. PELO CONTRÁRIO. A PROBABILIDADE DO IR:. MOZARILDO VENCER É MUITO GRANDE.

VAMOS CONSTRUIR UM NOVO GOB

Anônimo disse...

Seja quem for o escolhido o que nós,da Ordem,esperamos é que seus princípios sejam observados rigorosamente;não podemos mais tolerar a corrupção,a prepotência dos mandatários e,muito menos,tentativas de perpetuação no poder.Ergam-se as colunas e expulsemos de nossa pátria os vendilhões do templo.Que o Grande Arquiteto do Universo nos ilumine o caminho.
Marco Aurélio

Alerta Total de Jorge Serrão disse...

Ao Novo GOB, informo que as informações daqui do Alerta são sempre checadas.
Também destaco que, em todas as eleições de Grão Mestre Geral do Grande Oriente do Brasil, dificilmente, vence o candidato de oposição.
Mas o mais importante desta eleição da Maçonaria é importância dada ao enfoque político.
A política voltou ao debate. Os dois candidatos prometem e se comprometem com uma Maçonaria mais presente na vida nacional - como sempre ocorreu no passado.
O senador Mozarildo concorre pela segunda eleição consecutiva. Caso não vença, já terá contribuído para o processo democrático.

Anônimo disse...

Os Maçons em geral têm que repensarem em uma Nova Maçonaria. O Brasil está sob a égide da TIRANIA das iniquidades e aberações dos mandatários da nação. A situação é de um paciente na UTI. Concretizamos os principais fatos históricos do Brasil.Temos que repensar, agir e nos unir neste sentido. Nos últimos 20 anos nada aconteceu que atenuasse as disprirades sócio-econõmicas.

Anônimo disse...

nOSSA IRMANDADE PRECISA EASTAR MAIS UNIDA , PARA MELHOR SOCIALIZAÇÃO DO pAÍS.