sexta-feira, 2 de maio de 2008

Promoção de imagem para o próximo mandato: "Lula, o Filho do Brasil" será lançado em outubro de 2009

Edição de Sexta-feira do Alerta Total http://alertatotal.blogspot.com

Adicione nosso blog e podcast a seus favoritos.

Por Jorge Serrão

O Bolcheviquepropagandaminister do desgoverno petista sabe muito bem investir no psicossocial. A imagem de Luiz Inácio Lula da Silva será imortalizada no cinema. A atriz Glória Pires aceitou o convite do diretor Fábio Barreto para interpretar Eurídice Ferreira de Mello, a mãe de Lula, no longa-metragem “Lula, o Filho do Brasil”. O filme será rodado no segundo semestre. Tem lançamento previsto para outubro do ano que vem, faltando quase um ano para o popular chefão deixar o poder, se não for aprovado o golpe da reeleição.

O filme chapa-branca vai exaltar a figura do nosso chefão, e vai usar as leis de incentivo culturais para se bancar. O ator João Miguel — atualmente em cartaz com o filme ‘Estômago’ — viverá o presidente. A história se passa entre a infância de Lula e a morte da mãe dele, quando estava preso, acusado de liderar greves ilegais no ABC paulista, no tempo do regime militar que ajudou a engordar a ideologia dos petistas.

A produção é de Luiz Carlos Barreto e Paulo Marinho. O roteiro é de Denise Paraná, ex-assessora e biografa de Lula. Mesmo falando do ambiente do ABC nos tempos da dita-dura, o filme não contará a história do agente infiltrado Boi, que colaborava com a equipe do então delegado Romeu Tuma, do setor de inteligência do DOPS, fornecendo informações comprometedoras sobre sindicalistas adversários.

Paulinho complicado

Uma outra estória sindical-política tem tudo para render um filme – só que policial.

O relatório da Polícia Federal (PF) sobre o escândalo de desvio de recursos do BNDES informa que o deputado federal Paulo Pereira da Silva, o Paulinho (PDT-SP), recebeu propina de R$ 325 mil para intermediar um empréstimo de R$ 124 milhões do banco de fomento para a prefeitura de Praia Grande (SP).

O prefeito de Praia Grande, Alberto Mourão (PSDB), repassou R$ 2,6 milhões à quadrilha em troca da aprovação de financiamento de R$ 124 milhões. O dinheiro, diz a PF, foi dividido entre integrantes do esquema, inclusive Paulinho.

Vamos trabalhar menos

As duas principais centrais sindicais do país, CUT e Força Sindical, unidas, reivindicam a redução da jornada de trabalho e 44 horas semanais no País.

A proposta, que fez parte das comemorações do Dia do Trabalhador, ontem, em São Paulo, tem o apoio do ministro do Trabalho.

Carlos Lupi pretende negociá-la com os empresários que tendem a fazer tudo que o.desgoverno Lula mandar, sem reclamar.

Grana para campanha

O Banco Mundial (Bird) aprovou ontem um plano e parceria com o Brasil que prevê empréstimos no valor de US$ 7 bilhões nos próximos quatro anos.

Em vez de empréstimos para o governo federal, passa a conceder empréstimos a Estados, em projetos que o Brasil indicar como prioritários.

Na véspera de um ano eleitoral ou reeleitoral, a graninha será bem vinda.

Brasil entregue

O grau de investimento concedido pela Standard & Poor's ao Brasil, na última quarta-feira, vai promover um aumento da participação de fundos "private equity" (de participação direta) nas companhias brasileiras.

Estima-se que nos últimos dois anos os private equity captaram de US$ 5 bilhões a US$ 10 bilhões para investir em aquisições de empresas no País.

Em 2008, o valor poderá aumentar entre 30% e 40%- já que a intenção da Oligarquia Financeira Transnacional é controlar cada vez mais a economia brasileira, no processo de globalização.

Juros mais altos

A próxima reunião dos nove do Comitê de Política Monetária do Banco Central deve aumentar os juros no Brasil.

O mercado financeiro trabalha com a perspectiva de aumento da Selic, hoje em 11,75%, em contraposição ao cenário de queda dos juros norte-americanos para 2% nesta semana.

Os especuladores estrangeiros tendem a migrar para os títulos públicos brasileiros para ganhar cada vez mais com nossos juros estratosféricos

Alvos preferenciais

Os estrangeiros estão de olho para aplicar em fundos de pensão, seguradoras e hedge funds.

O foco dos banqueiros estrangeiros no Brasil explica por que a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) foi a líder em valorização entre todas as bolsas do mundo neste ano, fechando abril com acumulado de 6,23%.

Não foi á toa que a Oligarquia Financeira Transnacional preparou todo o processo de mutialização das bolsas brasileiras, controlou a abertura do capital delas e organizaou a fusão da Bovespa com a BM&F (Bolsa de Mercadorias e Futuros).

Separatismo

A cidade mais rica da Bolívia, Santa Cruz de La Sierra, está rachada.

Apoiados por fazendeiros e empresários, camponeses brancos e guaranis marcharam por várias ruas em apoio ao "sim" no referendo pela autonomia, previsto para domingo.

Já os grupos aliados do presidente Evo Morales, com o apoio de esquerdistas de oposição, pregavam o boicote ao referendo, em atos no centro e na periferia da cidade, aos gritos de "no pasarán"

Leia o artigo de Arlindo Montenegro: Olho no lance!

Capitalismo de Estado do índio

O presidente da Bolívia, Evo Morales, anunciou ontem que o seu governo assumiu o controle da Entel, a principal companhia telefônica do país (que era da Telecom Itália), e de outras quatro empresas de petróleo.

O governo de Morales adquiriu a maioria acionária da petrolífera Chaco, que pertencia à British Petroleum, da Transredes, que era da britânica Ashmore e da anglo-holandesa Shell, e da CLHB, de capital alemão e peruano.

A medida engloba campos onde se produz gás exportado para o Brasil.

Reflexo da ignorância

Um estudo da Unesco confirma as desigualdades econômicas na educação.

Entre os 20% mais ricos, 77,2% freqüentam o ensino médio, contra apenas 24,5% dos mais pobres.

No ensino superior, 40,4% dos mais ricos estudam, e apenas 0,8% dos mais pobres chegam a fazer uma faculdade.

Defesa Acadêmica

Os ministérios da Defesa e da Educação lançaram o segundo edital do Programa de Apoio ao Ensino e à Pesquisa Científica e Tecnológica em Defesa Nacional (Pró-Defesa), que vai destinar R$ 7,2 milhões aos pesquisadores.

O objetivo é estimular a pesquisa científica e tecnológica e a formação de mestres e doutores em Defesa Nacional.

Universidades e escolas militares interessadas terão de apresentar projetos até o dia 28 de julho.

Contra a impunidade

Magistrados tentam impedir que 7 mil agentes políticos denunciados por improbidade administrativa sejam anistiados pelo STF.

Um grupo de juízes e procuradores estuda uma forma de reabrir as discussões em torno da possibilidade de políticos, incluindo ex-ministros, serem processados por crime de improbidade administrativa na Justiça comum.

A estratégia pretende impedir que cerca de sete mil denunciados sejam anistiados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) por conta de uma decisão adotada em 2007, que, ao analisar um caso específico, decidiu que a prerrogativa de foro privilegiado não se restringe a crimes de responsabilidade, mas também aos delitos de caráter administrativo.

Ganhando sempre

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) vai contestar, no Supremo Tribunal Federal (SFT), a medida provisória do governo que eleva, de 9% para 15%, Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) para as instituições financeiras.

A Câmara dos Deputados aprovou o aumento para os bancos na terça-feira, mantendo o mesmo índice do imposto para as Bolsas de Valores,

O aumento do imposto contra os pobres bancos agora será apreciado pelo Senado.

Banqueiros não têm jeito

Uma pesquisa do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), ao analisar diferentes pacotes de serviços de dez bancos, constatou que, em oito deles, as tarifas dos pacotes padronizados, criados pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) têm preços maiores e incluem um número menor de serviços que outros pacotes oferecidos pelas mesmas instituições.

Ao padronizar a nomenclatura dos serviços mais utilizados e colocá-los num único pacote, o CMN pretendia dar ao consumidor meios para escolher o banco com as menores tarifas.

Dos dez bancos analisados pelo Idec, apenas a Nossa Caixa e o Banco Safra têm o pacote padronizado mais barato que outros com maior número de serviços.

No Itaú, Banco do Brasil, HSBC, Bradesco, Caixa, Unibanco, Santander e Real, foram identificados pacotes mais vantajosos com preços menores que os do padronizado.

Quase unidos

O ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB) negou ontem que tenha atritos com o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), alegando que uma aliança ainda é "possível":

"Eleição não é guerra. Eleição é um ato de amor às pessoas e à cidade. Não haverá nenhum problema, nenhum atrito".

Geraldo soltou essa durante um evento de uma associação de bairro na zona leste de São Paulo, em comemoração ao Dia do Trabalho.

Marcha da Maconha

Os adeptos da Marcha da Maconha, programada para o próximo domingo no Arpoador, já têm até um guia com as principais recomendações para quem vai estar na passeata.

No site do evento na internet, há uma lista de orientações básicas, como não usar nem levar drogas ou marchar "sem sair do armário", ou seja, ir fantasiado para não ser reconhecido.

A Marcha da Maconha veta a presença no evento de menores de 18 anos.

Morte misteriosa

Deborah Jeane Palfrey, mais conhecida como Madame DC e acusada de gerenciar uma rede de prostituição de alto luxo, foi encontrada morta no apartamento de mãe dela, em Tarpon Springs, na Florida.

Segundo policiais que investigam as circunstâncias da morte, Madame DC teria deixado um nota explicando sua intenção de cometer suicídio.

Recentemente, Madame DC declarou à Justiça norte-americana que possuía um caderninho com mais de 200 nomes de clientes, entre eles muitos políticos em Washington.

Vida que segue...

Ave atque vale!

Fiquem com Deus!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Inteligente, inovador, fortemente analítico e propositivo, utilizando as mais modernas tecnologias para transmissão instantânea e eletrônica de informação privilegiada e análise estratégica, junto com a difusão de novos conhecimentos voltados para a construção e consolidação de novos valores humanos.

2 comentários:

Anônimo disse...

Marcha da maconha????? É de doer!
Segundo a FSP "O ministro da Cultura, Gilberto Gil, vai encaminhar ao Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) um pedido de reconhecimento do uso do chá ayahuasca em rituais religiosos como patrimônio imaterial da cultura brasileira."
Eta ministro religioso!
A bebida é conhecida entre personalidades artísticas como SANTO DAIME e preparada com afervura de duas plantas nativas da floresta amazônica --um cipó e folhas de um arbusto-- que têm efeito alucinógeno.
E ja soube que a Philip Morris já tem registrada a patente para produzir cigarros de maconha.
Êta mundo doido!

Anônimo disse...

Bom dia Jorge,

A julgar pela vaidade, vai ser difícil convencer o Lulla que ele não poderá pessoalmente estrelar o filme.

Observadora