sábado, 10 de maio de 2008

Vingança de Lula: General Heleno sai do Comando Militar da Amazônia para a “geladeira” do Forte Apache

Terceira Edição de Sábado do Alerta Total http://alertatotal.blogspot.com

Adicione nosso blog e podcast a seus favoritos.

Por Jorge Serrão

O chefão-em-comando das Forças Armadas, Lula da Silva, não perdoa quem o desafia, e aproveita para destilar seu revanchismo contra o General de Quatro Estrelas que criticou a política indigenista como porta-voz informal do Alto Comando do Exército. O General Augusto Heleno Ribeiro Pereira será afastado do Comando Militar da Amazônia. O militar foi “promovido” a uma função burocrática no Ministério da Defesa, em Brasília. Vai para a “geladeira” do Forte Apache – apelido do Quartel General do Exército. Os Clubes Militares vão reagir com notas de ataque ao governo.

A canetada vingativa do ministro da Defesa, Nelson Jobim, obedecendo à sede de vingança de Lula, foi tomada ontem de noite. Atinge em cheio o General brasileiro com maior experiência hoje em combate. Heleno comandou as tropas da ONU no Haiti, realizando operações bem sucedidas para combater o governo do crime organizado naquele pequeno país. Heleno passou 15 meses no Haiti combatendo gangues na linha frente. Ainda não se sabe quem vai assumir o Comando Militar da Amazônia, que compreende a região Norte e o Estado do Maranhão, em parte, exceto o Estado do Tocantins, e também envolve a 8ª Região Militar, com sede em Belém do Pará e a a 12ª Região Militar, sediada em Manaus.

O próximo a ser afastado, na seqüência de Heleno, será o General Eliezer Monteiro, comandante do 7º Batalhão de Infantaria de Selva (BIS). Monteiro é a principal autoridade militar de Roraima e recebeu os arrozeiros no quartel, em um ato de protesto contra a prisão do Prefeito Paulo Quartiero, que continua preso pela Polícia Federal, em Brasilia.

Outra mudança no Alto Comando do Exército será a saída, no meio do ano, do Chefe do Estado Maior O General Luiz Edmundo Maia de Carvalho é odiado pelo ministro Nelson Jobim, desde que o oficial o desafiou ao manifestar a posição contrária do Alto Comando contra o lançamento do livro "Direito à Memória e à Verdade". Os militares reprovaram o documento oficial do governo federal que pela primeira vez acusa integrantes da ditadura de tortura e mortes. Na época, Jobim afirmou que a tropa recebia o lançamento do livro como algo "absolutamente natural". E que reações diferentes dessa "teriam resposta". Na época, Jobim não pôde detonar o General Carvalho, que deixará o cargo porque em junho expira seu tempo no Generalato.

Outro alvo da ira do presidente Lula e do ministro Jobim é o chefe do Estado-Maior do Comando Militar do Leste, General Mário Madureira. O militar entrou para a lista negra do Planalto porque afirmou que a palestra do Comandante Militar da Amazônia, General Augusto Heleno, com críticas à política indigenista do governo, não foi uma infração à hierarquia porque foi de conhecimento prévio do comandante da corporação, general Enzo Peri. Lula não gostou de ler na imprensa que o General Madureira tenha dito que o General Peri sabia que Heleno daria “uma aula” no Clube Militar, no seminário “Brasil, Ameaças à Sua Soberania”.

O caldo entornou esta semana. Aproveitando o lançamento do Plano Amazônia Sustentável, que trata das supostas obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) na região, quinta-feira passada, Lula fez elogios ao “patriotismo dos índios” contrariou a versão do Comandante Militar da Amazônia (e de toda cúpula do Exército Brasileiro) de que a política indigenista é “caótica”. O chefão em comando disparou: “Quem é que um dia ousou dizer que nossos índios faziam o país correr o risco de perder sua soberania porque estão em lugares muitos deles fronteiriços com o Brasil? É só ir a São Gabriel da Cachoeira (AM) que a gente vai perceber que grande parte dos militares são índios que estão vestindo a roupa verde e amarela das nossas Forças Armadas”.

Resta saber qual será a repercussão da decisão administrativa de Lula em punir o General Heleno.

23 comentários:

Anônimo disse...

Hoje vemos os petralhas expulsando
brasileiros produtivos de suas terras e garimpos, por conta dessa ridícula política indigenista.
Em breve veremos os mesmos petralhas defendendo a compra de terras brasileiras pelos "cumpanheros" chineses...

Anônimo disse...

Lula
Venho ratificar o que já falei ano passado. Se temos 360 anos e estamos sempre entre as Instituições de maior credibilidade desse País não é por acaso.
Pode tirar o Gen Heleno pois outros virão.
Pode nos colocar nos mais distantes rincões pois cumpriremos a nossa missão.
Sabe por que tudo isso. É porque nós temos valores muito arraigados, somos patriotas, estamos prontos 24h por dia e outras cositas mais.

Anônimo disse...

É oporuno e necessário que os militares defendam sua honra e revidem a revanche de Lula. Já passou da hora de colocarem o apedeuta na sua insignificância e ignorância.

Anônimo disse...

E agora ? Tem alguém com disposição e coragem para fazer alguma coisa ?
Onde e quando será o começo do fim das ofensas e do processo de desmoralização que desde o governo do FHC começou a solapar o nosso Moral? A aviltar o nosso Brio? O revanchismo passou dos limites ! Os terroristas e seus defensores riem de nossa cara , debocham do "aumento" que nos deram como esmolas! Quem somos ? Herdeiros de Caxias, de Osório,de Sampaio, do gigante Mallet que disse "por aqui não passarão" e não passaram ? Somos herdeiros de quem ? Será que teremos algum pronunciamento producente ? Nós da Reserva aguardamos ordens! O protesto sobre essa manobra do governo petista poderá criar uma verdadeira crise militar e quem pagará para ver !

Anônimo disse...

Jorge,

O noçuguia além de mediocre é estupido, o único que poderia fazer alguma coisa em nossa fronteira seria o Gen. Heleno com seu conheçeimento estratégico.

Agora deve entregar o controle das forças armadas a fernadinho beira mar e o mesmo vai fazer uma parceria com o cocaleiro e ao chaves no trafico de drogas.
Este é país.

Ele se deu conta que o General Heleno representa uma massa do país que pensa, que não está nem ai para o que ele arrota em seus discursos na linha ditatorial marxista de quinta categoria de latrina daí a sua atitude de boçal tresloucado.

Pobre país que verá um dia em sua história ter sido comandado por um silva analfabeto, cachaçeiro, e mentiroso.

Que essas forças armadas, completamente apáticas tomem vergonha e respondam a altura ao apedeuta de plantão.

Burduna Nelles !!!

Anônimo disse...

postei aqui porque não achei seu email...
Não podemos deixar cair no esquecimento...
VÍTIMAS DO TERRORISMO NO BRASIL
1 12/11/64 Paulo Macena Vigia - RJ
2 27/03/65 Carlos Argemiro Camargo Sargento do Exército – Paraná
3 25/07/66 Edson Régis de Carvalho Jornalista - PE)
4 25/07/66 Nelson Gomes Fernandes Almirante - PE
5 28/09/66 Raimundo de Carvalho Andrade Cabo PM – GO)
6 24/11/67 José Gonçalves Conceição (Zé Dico) Fazendeiro - SP
7 15/12/67 Osíris Motta Marcondes Bancário – SP)
8 10/01/68 Agostinho Ferreira Lima (Marinha Mercante - Rio Negro / AM)
9 31/05/68 Ailton de Oliveira Guarda Penitenciário – RJ
10 26/06/68 Mário Kozel F ilho Soldado do Exército - SP
11 27/06/68 Noel de Oliveira Ramos Civil – RJ
12 27/06/68 Nelson de Barros Sargento PM - RJ
13 01/07/68 Edward E. T. O. M. Von Westernhagen Maj Exército Alemão - RJ
14 07/09/68 Eduardo Custódio de Souza Soldado PM – SP
15 20/09/68 Antônio Carlos Jeffery Soldado PM – SP
16 12/10/68 Charles Rodney Chandler Capitão do Exército dos Estados Unidos - SP
17 24/10/68 Luiz Carlos Augusto Civil - RJ
18 25/10/68 Wenceslau Ramalho Leite Civil - RJ
19 07/11/68 Estanislau Ignácio Correia Civil - SP
20 07/01/69 Alzira Baltazar de Almeida Dona de casa - Rio de Janeiro / RJ
21 11/01/69 Edmundo Janot -Lavrador - Rio de Janeiro / RJ
22 29/01/69 Cecildes Moreira de Faria Subinspetor de Polícia - BH/ MG
23 29/01/69 José Antunes Ferreira Guarda Civil-BH/MG
24 14/04/69 Francisco Bento da Silva Motorista – SP
25 14/04/69 Luiz Francisco da Silva Guarda bancário –SP
26 08/05/69 José de Carvalho Investigador de Polícia – SP)
27 09/05/69 Orlando Pinto da Silva Guarda Civil – SP
28 27/05/69 Naul José Montovani Soldado PM – SP
29 04/06/69 Boaventura Rodrigues da Silva Soldado PM - SP
30 22/06/69 Guido Boné Soldado PM - SP
31 22/06/69 Natalino Amaro Teixeira Soldado PM - SP
32 11/07/69 Cidelino Palmeiras do Nascimento Motorista de táxi - RJ
33 24/07/69 Aparecido dos Santos Oliveira Soldado PM - SP
34 20/08/69 José Santa Maria Gerente de Banco ? RJ
35 25/08/69 Sulamita Campos Leite Dona de casa ? PA
36 31/08/69 Mauro Celso Rodrigues Soldado PM - MA
37 03/09/69 José Getúlio Borba Comerciário - SP
38 03/09/69 João Guilherme de Brito Soldado da Força Pública/SP
39 20/09/69 Samuel Pires Cobrador de ônibus – SP
40 22/09/69 Kurt Kriegel Comerciante - Porto Alegre/RS
41 30/09/69 Cláudio Ernesto Canton Agente da Polícia Federal - SP
42 04/10/69 Euclídes de Paiva Cerqueira Guarda particular - RJ
43 06/10/69 -Abelardo Rosa Lima Soldado PM - SP
44 07/10/69 Romildo Ottenio Soldado PM - SP
45 31/10/69 Nilson José de Azevedo Lins Civil - PE
46 04/11/69 Estela Borges Morato Investigadora do DOPS - SP
47 04/11/69 Friederich Adolf Rohmann Protético - SP)
48 07/11/69 Mauro Celso Rodrigues Soldado PM - MA
49 14/11/69 Orland Girolo Bancário - SP
50 17/11/69 Joel Nunes Sub-Tenente PM – RJ
51 18/12/69 Elias dos Santos Soldado do Exército – RJ
52 17/01/70José Geraldo Alves Cursino - Sargento PM - São Paulo / SP
53 20/02/70 Antônio Aparecido Posso Nogueró Sargento PM – São Paulo
54 11/03/70 Newton de Oliveira Nascimento Soldado PM – Rio de Janeiro
55 31/03/70 Joaquim Melo Investigador de Polícia – Pernambuco
56 02/05/70 João Batista de Souza Guarda de Segurança – SP
57 10/05/70 Alberto Mendes Junior 1º Tenente PMESP – S
58 11/06/70 Irlando de Moura Régis Agente da Polícia Federal - RJ
59 15/07/70 Isidoro Zamboldi Guarda de segurança - SP
60 12/08/70 Benedito Gomes Capitão do Exército SP
61 19/08/70 Vagner Lúcio Vitorino da Silva Guarda de segurança ? RJ
62 29/08/70 José Armando Rodrigues Comerciante - CE
63 14/09/70 Bertolino Ferreira da Silva Guarda de segurança - SP
64 21/09/70 Célio Tonelly Soldado PM - SP
65 22/09/70 Autair Macedo Guarda de segurança - RJ
66 27/10/70 Walder Xavier de Lima Sargento da Aeronáutica - BA
67 10/11/70 José Marques do Nascimento Civil - SP
68 10/11/70 Garibaldo de Queiroz Soldado PM - SP
69 10/11/70 José Aleixo Nunes Soldado PM - SP
70 10/12/70 Hélio de Carvalho Araújo Agente da Polícia Federal – RJ
71 07/01/71 Marcelo Costa Tavares Estudante - MG
72 12/02/71 Américo Cassiolato Soldado PM – São Paulo
73 20/02/71 Fernando Pereira Comerciário – Rio de Janeiro
74 08/03/71 Djalma Peluci Batista Soldado PM – Rio de Janeiro
75 24/03/71 Mateus Levino dos Santos Tenente da FAB – Pernambuco
76 04/04/71 José Julio Toja Martinez Major do Exército – Rio de Janeiro
7707/04/71 Maria Alice Matos Empregada doméstica – Rio de Janeiro
78 15/04/71 Henning Albert Boilensen (Industrial – São Paulo
79 10/05/71 Manoel da Silva Neto Soldado PM – SP
80 14/05/71 Adilson Sampaio Artesão – RJ
81 09/06/71 Antônio Lisboa Ceres de Oliveira Civil - RJ
82 01/07/71 Jaime Pereira da Silva Civil – RJ
83 02/09/71 Gentil Procópio de Melo Motorista de praça - PE
84 02/09/71 Jayme Cardenio Dolce Guarda de segurança - RJ
85 02/09/71 Silvâno Amâncio dos Santos Guarda de segurança - RJ
86 02/09/71 Demerval Ferreira dos Santos Guarda de segurança - RJ
87 --/10/71 Alberto da Silva Machado Civil - RJ
88 22/10/71 José do Amaral Sub-oficial da reserva da Marinha ? RJ
89 01/11/71 Nelson Martinez Ponce Cabo PM - SP
90 10/11/71 João Campos Cabo PM - SP
91 22/11/71 José Amaral Vilela Guarda de segurança - RJ
92 27/11/71 Eduardo Timóteo Filho Soldado PM - RJ
93 13/12/71 Hélio Ferreira de Moura Guarda de Segurança – RJ
94 18/01/72 Tomaz Paulino de Almeida Sargento PM - São Paulo / SP
95 20/01/72 Sylas Bispo Feche Cabo PM São Paulo / SP)
96 25/01/72 Elzo Ito Estudante - São Paulo / SP
97 01/02/72 Iris do Amaral Civil – Rio de Janeiro
98 05/02/72 David A. Cuthberg Marinheiro inglês – Rio de Janeiro
99 15/02/72 Luzimar Machado de Oliveira Soldado PM – Goiás
100 18/02/72 Benedito Monteiro da Silva Cabo PM – São Paulo
101 27/02/72 Napoleão Felipe Bertolane Biscaldi Civil – São Paulo
102 06/03/72 Walter César Galleti Comerciante – São Paulo
103 12/03/72 Manoel dos Santos Guarda de Segurança – São Paulo
104 12/03/72 Aníbal Figueiredo de Albuquerque Cel R1 do Exército – São Paulo
105 08/05/72 Odilo Cruz Rosa Cabo do Exército – PA
106 02/06/72 Rosendo ? Sargento PM – SP
107 29/06/72 João Pereira Mateiro-região do Araguaia - PA)
108 09/09/72 Mário Domingos Panzarielo Detetive Polícia Civil – RJ
109 23/09/72 Mário Abraim da Silva Segundo Sargento do Exército - PA
110 27/09/72 Sílvio Nunes Alves Bancário - RJ
111 ?/09/72 Osmar... Posseiro - PA
112 01/10/72 Luiz Honório Correia Civil - RJ
113 06/10/72 Severino Fernandes da Silva Civil - PE
114 06/10/72 José Inocêncio Barreto Civil - PE
115 21/02/73 Manoel Henrique de Oliveira Comerciante – São Paulo
116 22/02/73 Pedro Américo Mota Garcia Civil – Rio de Janeiro)
117 25/02/73 Octávio Gonçalves Moreira Júnior Delegado de polícia – São Paulo
118 12/03/73 Pedro Mineiro Capataz da Fazenda Capingo – Pará
119 ? Francisco Valdir de Paula Sd do Exército Região do Araguaia - PA
120 10/04/74 Geraldo José Nogueira Soldado PM – São Paulo

FONTE - GRUPO TERRORISMO NUNCA MAIS

DEFENSORES DE PONTEZINHA disse...

Reação? KKKKKKKKK
General Heleno, pensou que seria apoiado sem restrições.
É pode ser que venha uma mobilização militar de protesto munca antes vista nesse país. Todos os comandantes que estejam a favor do Gen. Heleno, se entreguem para a prisão, ou quem sabe, mudem de lado.

Anônimo disse...

Acredito que uma insurreição militar seria uma boa coisa a acontecer no atual clima político que o país vive.

Jamais em minha vida pensei que os militares pudessem ser tão "bundões" a ponto de levarem tanto desaforo para casa de bandidos que queriam um país melhor para todos e agora estamos vendo que país melhor é esse.

É lamentável quando eu me lembro de minha infância em que os militares não só eram temidos mas também respeitados e citados como pessoas dignas de confiança e acima de qualquer suspeita.

Tanto é que naquela época o serviço militar obrigatório era visto como uma honra para muitos jovens.

Hoje, nem digo, mas dá até vergonha na gente pensar que nos ilustramos tanto nesses heróis de meia pataca que só sabiam se impor dentro dos limites largos que uma ditadura militar lhes proporcionava.

Agora, dentro dos limite estreitos de uma democracia, vêem-se acovardados e sem iniciativa para se imporem diante de tantas afrontas que lhe são dirigidas.

Será que a disciplina militar comporta esse tipo de atitude? Para mim obediência e submissão são coisas totalmente diferentes.

É... a história segue seu rumo e as pessoas que no passado sentiram-se honradas com uma farda hoje se sentem ultrajadas pela mesma farda que vestiram.

Até onde os brios de um homem poderá chegar? Ou será que os militares são tão superiores moralmente assim a ponto de tolerarem com subserviência a afronta que lhes é dirigida?

E não adianta virem com esse papo de que estão indignados com isso ou aquilo. Indignação é sentimento de quem nada faz contra as humilhações que lhe são infligidas, típico de comadres e donzelas.

Sem mais...

Unknown disse...

Se agora os militares não mostrarem sua insatisfação, nunca terão mais o apoio da população como nesse momento! A opinião Pública está a favor do Gen. Heleno! A tropa esta com ele! Este momento tem que ser de reação! Reação sem limites! Reação sem fronteiras! Somos nós militares com nossas armas contra esse pseudo-governo! Apoiem-nos!

Unknown disse...

O Gen Heleno fez um grande serviço ao país ao questionar publicamente a política indigenista brasileira. Graças ao seu pronuciamento, a questão da demarcação da Raposa Serra do Sol está sendo discutida. Não fosse isso, já teria sido fato consumado. Estando no comando do CMA ou em qualquer outra função, será sempre um líder e não deixará de dar a sua opinião, quando achar oportuno. No Senado, terá oportunidade dev explorar um pouco mais a questão das reservas indígenas.
Aproveito, também, para parabenizar o Gen Monteiro. Como comandante da Guarnição Federal de Boa Vista ele fez muito bem em deixar clara a sua posição com relação à questão da Raposa Serra do Sol. Não é de hoje que o Exército tem se posicionado contra a demarcação em área contínua. Ele conhece bem o problema. Não cometeu nenhuma indisciplina. Tem o meu respeito e a minha admiração.

Anônimo disse...

Estão se esquecendo dos melancias??
Vira e mexe saem com artigos, post de blogues , comentários em outros,sempre com palavras que parecem copiadas dos "perseguidos" da "ditadura".
Defendem tanto a democracia de araque do Lula que mais parecem porta-vozes do governo, tanto do Lula qto do FHC.
Estão muito preocupados com os pobrezinhos desdentados, o mané sem emprego, a baranga que não pára de procriar, já na sexta barrigada,todos devidamente agraciados pelas bolsas-tudo.

Devem estar ganhando bem e pagando poucos impostos pra sustentar tantos vagabundos.

Nem adianta tentar fazer paralelo com 64:
O presidente de então também não foi ELEITO democraticamente dentro das regras de direito?
Esperaram 6 anos pra ver se era simpatizante de esquerda?E olha que Jango nem era presidente de um PT, um PCB,PCdoB...Não era fundador de um Foro de São Paulo, nem de longe tinha envolvimento em tantos desvios de verbas e enriquecimento suspeito como Lula.Nem tinha um santo padrinho que preparou tudo a favor...Lula já pegou o ninho cheio de ovos, só chocou as cobras.
Daí tanta força de antecessor em impedir o impeachment de Lula, ainda que resvestido de legalidade, via congresso, via pressão política.

A verdade é que as FFAA estão com Lula, sim.
Já em 64 havia muitos militares de esquerda, Rio de Janeiro, RGS, pra ficar nos mais importantes comandos regionais.
Os simpatizantes cresceram dentro nas FFAA.Os que não são alinhados são votos vencidos.Ao contrário de 64, o americanos apóiam o governo da vez, pois estão de olho na Amazônia.Antes temiam o comunismo,porém como a Guerra Fria acabou, não vêem no governo Lula um perigo e sim um aliado.
De fato é: está facilitando mesmo pras ONGs ocuparem a Amazônia,invasão sem combate, sem declaração de guerra.

A desculpa é sempre os erros da ditadura de 64.Ok.Mas já não foram resgatados?com tanta gente ficando rica graças a Ditadura?

Talvez falte coragem pra admitir que agora a coisa é muito mais grave que em 64.Talvez falte coragem mesmo é para tirar a farda de vez e ir para o lado dos petistas,tamanha afinidade.E parasse de ficar só malhando os seus iguais.
Se não aprova uma intervenção porque no fundo é um deles, então que pare de ficar criticando o governo e seus componentes,fazer clipping e comentar duramente só da boca pra fora, ou dos dedos pro teclado.Silenciar e não querer assumir riscos é normal, é humano, é confortável,mas aí não fiquem ( os melancias) usando a desculpa da democracia, do estado de direito[seja lá o que seja isto pro provão], nem achando que partidos políticos, os que temos,com esses elementos que só querem garantir o deles e das famílias,vão fazer o que tem de ser feito, já deveria ter sido feito.
Tempos estranhos os nossos: quem era terrorista agora virou tudo gente boa, grandes defensores da democracia,honrados parlamentares.
Tudo por conta de um remorso que melhor seria resolvido num divã.

Uma andorinha não faz verão.
De 64 agora só teríamos a repetição das divisões entre militares melancias e não melancias.

General Heleno está só.Sua farda é sua prisão.Depois da reserva se enfiar num terno Armani e pedir votos?
Não consigo imaginar a cena.Melhor que não aconteça.

Que o Brasil afunde,que a comida fique cada vez mais cara, a energia, o transporte,que o mapa do País seja mordido, entregue de vez aos estrangeiros com as bênçãos do Lula, do FHC, da imprensa e dos pelos militares
traumatizados pela "ditadura".

Se o fiasco dos EEUU no Camboja ainda ditasse a conduta militar americana,a América já estaria tomada pelos vermelhos, não os Apaches, mas os russos e chineses, todos se divertindo na Disney por conta do remorso dos mariners.

Anônimo disse...

Se depois dessa não for demonstrado que as forças armadas apoiam o Gen Heleno, pode ter certeza que realmente chegou ao fim.

Anônimo disse...

(*)com as bênçãos do Lula, do FHC, da imprensa e dos militares
traumatizados pela "ditadura".

Só corrigindo.

Anônimo disse...

É hora de " entornar o caldo", não só os militares não. As pessoas tem que rejeitar o que está ocorrendo, se os militares têm q ie pra rua? talvez sim.
Lembremo-nos que o exército tem participado da história do Brasil há muito tempo, principalkmente em todo o período republicano. O problema não é comunismo, ou ideologias afim, o problema é a safadeza que se instalou no Páis. Lembrem-se de 1922, os Tenentes revolucionaram o País, temos que fazer o mesmo agora, a merda já foi p ventilador, agora é a hora.

Anônimo disse...

GENERAL HELENO É UM VERDADEIRO LÍDER! SERIA UM EXCELENTE PRESIDENTE!!!!

Anônimo disse...

Até quando vamos ser covardes? Até quando vamos nos render aos bandidos? Até quando negaremos nossa pátria? Até quando mentiremos para nossos filhos? Até quando seremos coniventes? Até quando alimentaremos a hipocresia? Até quando deixaremos ser alienados? Até quando deixaremos furtar a nossa cultura?
HOJE A GUERRA NÃO SE VENCE COM O DERRAMAMENTO DE SANGUE E SIM FAZENDO O INIMIGO DESISTIR DE LUTAR! VAMOS TENTAR MUDAR! TENTAR NÃO É NECESSARIAMENTE CONSEGUIR, MAS COM CERTEZA, TODOS QUE CONSEGUIRAM TENTARAM! Estou aqui de Pé e a Ordem! Para lutar pelo meu BRASIL!
Se for o caso de uma SEGUNDA REVOLUÇÃO MILITAR, QUE ASSIM SEJA!

Anônimo disse...

Caros compatriotas:

A bem da verdade, quase nem noto mais muita diferença entre a sinceridade expressa em palavras por um civil, por um político ou por um militar.

Parece-me que no discurso civil a palavra de ordem é:"- Deixa quieto! Não tenho nada com isso!" como se isso exorcizasse nossos temores de um rumo incerto para as nossas vidas e nosso país.

No discurso dos políticos os mesmos se apegam à justiça social como uma tábua de salvação que lhes dá uma justificativa superficial de seus atos de tal forma que suas consciências se tranquilizem.

Quanto ao discurso dos militares, bem, eles em algum discurso? Ô classinha mal representada. Será que o eterno jargão de morrer pela Pátria e viver sem razão os destituíram até mesmo do dom da palavra? Será que viver sem razão significava a perda da razão e não uma vida sem sentido?

Cada vez que leio algum post de militar percebo os lugares-comuns a que ele se apega ferrenhamente a fim de se auto-conferir alguma dignidade: servir à Pátria, cumprir com sua missão, cumprir com seu dever mesmo na adversidade, etc?

Será que tudo isso é sincero ou será que os militares estão tentando se convencer desesperadamente da nobreza de seus serviços, quando os mesmos estão sendo sucateados de tal forma que até mesmo exércitos para-militares como o MST estão bem mais aptos para defender a Amazônia ou outra região qualquer através de uma ocupação, caso isso entre no rol de seus interesses?

É muito estranho comparar os discursos das personagens que compõe o caleidoscópio social do Brasil. As pessoas estão mais falando do que fazendo. Será que estamos vivendo hoje o oposto do que ocorreu nos anos 60, ou seja, parece-me que uma letargia e indolência tomaram conta do país.

Abraços.

Anônimo disse...

Acham Realmente que os militares terão alguma reação? Apesar de haver sem dúvidas patriotas indignados com a ditadura de esquerda, as decisões são tomadas por aqueles que tem muito a perder. Realmente acho ingenuidade crer que os oficiais de alta patente acostumados a privilégios e a uma vida mansa (O Brasil não tem vocação para a Batalha) abram mão da comodidade da omissão. Negar isto é negar a história visto que o Brasil COMPROU A INDEPENDÊNCIA de Portugal e se endividou até os fundilhos desta forma. E em uma atitude extremamente idiota colocaram para governante o herdeiro do trono português. Tenho vergonha dos que desfilam triunfantes no dia da "Independência". "Independência ou Morte" foi uma piada de mau gosto.

Apesar desta mancha no passado, acho que ainda há tempo para tomar uma atitude e realmente surpreender este brasileiro que já sente vergonha da sua cidadania.

Dentista Buco

Anônimo disse...

Acho que o apoio popular nunca ocorrerá por vários motivos:
1) A mídia controla a informação e apóia o governo que esteja a favorecendo.
2)O povo em sua maioria é ignorante, sem consciência, alienado, acomodado e egoísta (enquanto tiver pão, circo, cotas e bolsa esmola não vai reclamar).
3)Soube do impasse com o Gal. Heleno através de um colega (a maioria dos cidadãos "pensantes" não tiveram acesso a esta informação).
4)A corrupção e inércia fazem parte da nossa cultura(miserável, pobre, classe média, ricos, militares ou políticos). Quem se omite, corrompe!
5)Somos todos culpados pela reeleição deste "desgoverno".
6)Eu e outros não nos exporemos até que haja algo por que lutar. Não sou covarde, apenas acho que a luta já está perdida e vou defender minha vida tranqüila até que aqueles que por profissão e dever tomem uma atitude. Só então, acho que este país valeria minha vida. Por enquanto, tenho vergonha de ser brasileiro. Eu também me corrompo pela omissão!

Dentista Buco

Anônimo disse...

Caros senhores:

Noto nos comentários postados que há um sentimento de desilusão generalizado para com as Forças Armadas e o futuro do país.

Oras, convenhamos, se estamos conseguindo levar uma vida tranqüila por que não a aproveitarmos bem?

Eu gosto de ler sobre política não exatamente para exacerbar meus ânimos mas apenas para ficar alerta quando esse estado paradisíaco de coisas terminar.

Já me perguntaram se sou individualista e sempre digo que sou pois o Brasil estar bom ou mal depende apenas de minha subjetividade, ou seja, se estou contente com minha vida o país está bom e se não estou contente está mau.

Hoje, com o poder aquisitivo aumentado e o crédito fácil, procuro me dar tudo aquilo que nunca tive na vida e nem mesmo sabia que ainda queria.

Talvez a impressão que vocês tenham de que o Brasil anda para trás é o fato de vocês não estarem sabendo tirar proveito da situação atual.

Procurem se lembrar das coisas que vocês queriam comprar no passado e comprem agora. Foi assim que eu fui melhorando minha condição emocional frente à realidade.

Pouco estou me lixando para o que está acontecendo no Brasil politicamente pois sinto que a minha vida melhorou bastante e tenho pouco a reclamar.

Agora, se doer por causa de gente vagabunda que não quis estudar ou trabalhar quando podiam, isso eu não vou fazer de jeito nenhum.

Cada qual arrumou a cama para se deitar e se arrumou uma cama de pregos que faça bom proveito.

Oras, dirão, mas o Lula está roubando e enriquecendo. Digo eu:- Sorte dele, oras! Eu da minha parte também estou levando minhas vantagens com um emprego mais seguro e uma oferta de dinheiro no mercado que eu nunca vi igual.

Até mesmo coisas que eu desejei ter na infância eu me dei, desde livros de Walt Disney até enciclopédias que eu sempre quis ter.

Minha casa, mesmo eu não tendo nenhum filho, mais parece uma casa de cheia de crianças e adolescentes, tal a quantidade de coisas que eu fui realizando com a pujança financeira do mercado.

Agora, meus caros, se querem chorar pelos que sofrem o problema é de vocês. Aproveitem a fase atual para serem felizes e não revoltados. Um dia essa bonança acaba e vocês se arrependerão de não a terem aproveitado.

Abraços.

marcos andre da silva disse...

senhor presidente ,quando realmente teremos a nossa soberania nacional(que foi uma das tuas promessas eleitorais.Nao há país soberano, sem forças armadas soberanas,tome por exemplo:USA,Inglaterra,Alemanha,Isrrael,china,Russia,etc.Dê aqueles que te protegem e juntos a nossa Nação,o seus devidos valores morais e financeiros esqueça a revolução de 64,pois hoje o senhor Presidente também é beneficiado...

Anônimo disse...

Fiquei estarrecido em ler os comentários deselegantes do Lula ao Poder Judiciário e ao Tribunal de Contas da União. Aprendi com meus bisavós que para se adquirir respeito deve-se primeiro respeitar os outros, e o que o Lula está fazendo só pode ser de uma pessoa desajustada que está fazendo de tudo para a Guerrilheira ser a nossa nova Presidente da República. Da mesma forma que é desalentador ler tais comentários principalmente vindo de um Presidente da República que vem desmazeladamente afirmando que não se precisa estudar para se chegar a Presidência da República, estimo que todos nós brasileiros votemos contra a continuidade dessa farsa do governo atual que como os três macaquinhos, nada ouvi, nada vi, nada escutei! Vamos lutar brasileiros votando contra esse regime corrupto!

CARLOS disse...

EU FICO POR DEMAIS TRISTE EM SABER QUE TERÍAMOS UM GRANDE COMBATENTE COTRA ESTES TERRORISTAS QUE SÓ QUEREMOS UM PRESIDENTE QUE SERIA O IDEAL PARA O BRASIL QUE SÓ O GENERAL HELENO SERIA A PESSOA CERTA PARA BOTAR TODOS ESTES CORRUPTOS NA CADEIA E FAZER ELES ENTREGAR TUDO QUE TIROU DO PAIS E DO POVO BRASILEIRO E COMBATER OS DESMATAMENTOS DAS NOSSAS FLORAS E FAUNAS BRASILEIRA QUE CADA DIA QUE PASSA O BRASIL ESTA SE DEFINHADO NA MÃO DESTES TERRORISTAS DESFASADOS DE ANJINHOS CERTO