segunda-feira, 11 de agosto de 2008

Demagogia ideológica: Lula recebe oficiais Generais e o “alto comando” da UNE, na polêmica sobre anistia

Edição de Segunda-feira do Alerta Total http://www.alertatotal.blogspot.com

Adicione nosso blog e podcast aos seus favoritos.

Por Jorge Serrão

A luta (ideológica) continua... A demagogia do chefão Lula também. Nesta terça-feira, às 10 horas, o presidente recebe, em solenidade no Palácio do Planalto, os oficiais-generais promovidos. Todos esperam que Lula da Silva ponha um final na polêmica aberta pelo ministro da Justiça, o tenente R/2 de Artilharia Tarso Genro, e seus revanchistas amestrados sobre a questão da Lei de Anistia ou sobre uma flexibilização dela para punir os militares que atuaram na repressão à guerrilha urbana na década de 60/70.

Só que os chefes militares devem continuar esperando. Tudo indica que Lula será evasivo, como sempre. Na mesma terça-feira em que fará festinha para os militares, Lula vai recepcionar, à tarde, o “Alto Comando” da União Nacional dos Estudantes. Curiosamente, os jovens da UNE que se reunirão com o Chefão-em-comando, no Rio de Janeiro, serão os mesmos que foram ao Clube Militar, na quinta-feira passada, gritar palavras de ordem contra os militares e a dita-dura. Será que Lula fará o mesmo discurso para ambos os lados?

Os militares gostariam de uma manifestação de Lula como comandante supremo das Forças Armadas, admitindo, como já disseram o vice-presidente José Alencar e outros ministros, que não compactua com as idéias de Tarso, que a anistia é uma questão do Judiciário e que o Executivo não vai tomar a iniciativa de reabrir a discussão sobre a lei. O que vai dizer aos militares será tema da pauta da reunião da coordenação política, nesta segunda-feira, às 16 horas. Lula volta ao trabalho, depois do passeio Olímpico na China. Mas o ministro da Defesa, Nelson Jobim, não estará lá para defender a proposta de aliviar a barra dos militares. Jobim tem viagem marcada para a Amazônia.

O chefão Lula sentiu a pressão do seminário realizado quinta-feira passada no Clube Militar, no Rio. O comandante militar do Leste, General Luiz Cesário da Silveira, e o chefe do Departamento de Ensino e Pesquisa do Exército, General Paulo César Castro, membros do Alto Comando, compareceram ao ato à paisana, como “pessoas físicas”, se é que isto é possível na prática. A presença deles descontentou o Palácio do Planalto, que entendeu o recado das Legiões.

Toda a estória deve acabar como dantes no quartel de Abrantes...

Leia o artigo: Bronca ideológica é ferramenta de otário

Democracia chinesa

Cerca de 30 mil censores vigiam os principais fóruns e debates on-line da Internet, na China capimunista.

O sistema de monitoração e proteção é chamado pelo governo de "Projeto Escudo Dourado", embora os internautas o tenham apelidado de "Great Firewall", um trocadilho entre o nome da Muralha da China em inglês ("Great Wall") e o sistema de segurança firewall.

São bloqueados sites e blogs com informação sensível - como o da seita Falun Gong, banida no país e os das ONGs que defendem a independência do Tibete ou que divulgam relatórios sobre direitos humanos.

É o que revela reportagem da Folha de S. Paulo, denunciando como é ruim viver em um lugar sem democracia.

Grampeou ou não?

Ontem, o ministro da Justiça, Tarso Genro, garantiu ontem que tem como saber se houve ou não escuta telefônica ilegal contra o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes – conforme denunciou a revista Veja.

O ministro advertiu que, se na escuta contra Mendes foi usado o Guardião, equipamento oficial da Polícia Federal para monitoramentos telefônicos, será fácil detectar a autoria do crime.

Tarso lembrou que o sistema exige que o usuário forneça digitais e registre a qual investigação corresponde o grampo e quem o determinou.

Nada descartado

O ministro não descartou, no sábado, a possibilidade de policiais federais terem feito de forma ilegal e à revelia do comando da corporação a suposta escuta contra o presidente do STF.

"Não foi feita pela instituição. Se foi feita, foi por alguém totalmente à margem da estrutura de poder da Polícia Federal. Se houve, é uma escuta marginal. Escuta ilegal clandestina é um crime. E feita contra o Supremo, se é que existe, não é só um crime, como uma vergonha".

Tarso também não acredita em escuta feita dentro do Palácio do Planalto, contra o chefe de gabinete do presidente Lula, Gilberto Carvalho:

"Não acredito que tenha havido escuta no Palácio do Planalto. Mas a Polícia Federal está à disposição para investigar, se for o caso".

O alvo

Tarso genro voltou a pregar que é preciso avaliar o que delegado Protógenes Queiroz, que comandou a Operação Satiagraha e investigou supostos crimes cometidos por dirigentes do Grupo Opportunity, quis dizer ao afirmar na CPI dos Grampos que recebeu ajuda informal da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) no caso.

Tarso lembrou que PF e Abin seguem regras formais.

"Teria de ver o que o delegado quis dizer com informais, se foi um contato de pessoa para pessoa, sem passar pelos superiores. Tem de ser avaliado se foi uma coisa legal ou se precisa ser aberta sindicância".

Só por causa da corrupção?

Auditorias do Tribunal de Contas da União (TCU) indicam superfaturamento de R$ 3 bilhões em obras nos nove principais aeroportos do País.

A culpa seria da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero).

O risco de parar as obras afeta o negócio da aviação, a vida dos passageiros e até a viabilidade da Copa de 2014.

Omissão oficial e proposital

O TCU já pediu ao governo, por intermédio da Casa Civil, que acione a Caixa Econômica Federal (CEF) para estudar "um novo mecanismo oficial de medição específica" para obras nos aeroportos.

Embora o pedido tenha sido encaminhado em março, quase seis meses depois, nada foi apresentado pelo Executivo.

A lentidão é explicada porque o grande interesse do desgoverno, sob a liderança oculta de Antônio Palocci Filho, é privatizar a Infraero ou os aeroportos.

Governo do Crime Organizado mapeado

Apenas uma inspeção realizada em 2007 pela Controladoria Geral da União revela que em 180 cidades houve mais de 3 mil casos de desvio de verba de programas federais.

Hoje a Polícia Federal apresenta ao TRE e ao TSE o mapa do crime eleitoral.

A informação que deve balizar a decisão sobre a vinda ou não de tropas federais onde existem ligações evidentes de candidatos com o crime.

Amigos do Delúbio

Graças às suas amizades em Goiânia, o ex-tesoureiro do PT, Delúbio Soares, consegue manter parado, desde janeiro de 2006, na Procuradoria Geral do Estado, um processo administrativo que recomenda sua demissão a bem do serviço público e a devolução do salário recebido indevidamente, uma vez que não dava aulas naquele estado.

Como seu salário de professor de matemática está suspenso desde 2005, todo mundo quer saber como vive o homem que movimentava milhões no PT e repassava outros tantos para aliados – conforme denúncia do Ministério Público?

Delúbio espera que as amizades lhe garantam uma legenda para um sonhado mandato de deputado federal, em 2010, o que lhe daria foro privilegiado no julgamento do escândalo do mensalão.

O crime compensa?

O ex-prefeito de Juiz de Fora Carlos Alberto Bejani, que estava preso há 60 dias, deixou a Penitenciária Nélson Hungria, em Contagem, tirando a maior onda:

Não se assustem se daqui a dois anos vocês virem por aí cartazes com o meu nome como candidato ao governo do estado”.

Ninguém se assusta porque Bejani foi solto através de uma liminar concedida pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Ricardo Lewandowski.

O ministro considerou que a autoridade judiciária não tinha competência para pedir a prisão dos acusados na Operação Pasárgada, que investigava o desvio de verba do Fundo de Participação dos Municípios.

Será que cai?

A Comissão de Constituição e Justiça da Assembléia Legislativa do Rio decide se o plenário da Casa deve avaliar a cassação do deputado Álvaro Lins (PMDB), acusado de formação de quadrilha, corrupção passiva, lavagem de dinheiro e descaminho.

Se decidir que sim, a votação no plenário acontecerá amanhã, às 16h30, com grandes chances de degola para o ex-chefe da Polícia Civil nas gestões dos Garotinho.

O Conselho de Ética já condenou nove deputados este ano, mas só duas perderam o mandato: Jane Cozzolino (PTC) e Renata do Posto (PTB), acusadas de desvios no pagamento do auxílio-educação.

Natalino Guimarães (ex-DEM) e Geraldo Moreira (PMN) são sérios candidatos a perder o cargo, por envolvimento em problemas policiais.

Coitado...

O Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE) deve julgar, no próximo dia 19, o recurso contra a rejeição do registro de candidatura de Amazonino Mendes (PTB) para disputar a prefeitura de Manaus.

Na sexta-feira, a juíza Maria Eunice Torres negou o registro ao ex-governador atendendo à impugnação proposta pela coligação 'União por Manaus', do vice-governador Omar Aziz (PMN).

A juíza entendeu que Amazonino Mendes não está quite com a Justiça Eleitoral, só porque deixou de pagar três multas no valor total de R$ 6 mil referente à propaganda eleitoral irregular na campanha de 2006.

Aliado do Lula

O candidato tucano à Prefeitura de São Paulo, o ex-governador Geraldo Alckmin, avisou ontem, que, caso seja eleito, vai propor uma "grande aliança" com seus adversários para trabalhar pela cidade.

Entre os adversários com os quais quer se aliar, Geraldo Alckmin citou o chefão Lula da Silva, "que tem uma história com São Paulo".

Geraldo antecipa que pretende fazer uma parceria com Lula nas questões que envolvam segurança, saúde, educação e transporte.

O Favorito

O cacique Evo Morales venceu o referendo nacional realizado ontem na novela da crise institucional boliviana.

A contagem de votos por amostragem, ainda não-oficial e divulgada ontem à noite, indica que Morales obteve aprovação de 60,7% dos votos.

O índio socialista conquistou sete pontos a mais do que obteve ao ser eleito, em 2005:

O que o povo boliviano demonstrou com seus votos hoje é a consolidação da mudança. Estamos aqui para avançar com a recuperação de nossas fontes naturais, a consolidação da nacionalização, e a tomada estatal das empresas”.

Boas intenções

Fortalecido, Morales anunciou duas novas diretrizes polêmicas: aprofundará o socialismo na Bolívia e tentará forjar um pacto nacional.

O índio tentará levar adiante a aprovação da nova Constituição, tema que mais divide a Bolívia.

O resultado oficial do referendo será anunciado oficialmente em uma semana.

A briga continua...

Morales, que necessitava da 46,3% para manter o seu mandato, proclamou a vitória no referendo contra governadores que pressionam por autonomia para suas províncias.

Morales comemorou porque dois opositores, os governadores de La Paz, José Luis Paredes, e de Cochabamba, Manfred Reys, teriam perdido seus cargos, assim como Aberto Aguillar, de Oruro, da situação.

Mas o referendo também teria confirmado nos cargos os mais fortes opositores, os prefeitos (governadores) de Santa Cruz, Rúben Costas; de Beni, Ernesto Suárez Sattori; de Tarija, Mário Cossio; e de Pando, Leopoldo Fernandez.

Morcegão faturando

"Batman - O cavaleiro das trevas" lidera pela quarta semana a bilheteria norte-americana e já é o terceiro filme mais rentável de todos os tempos.

Só perde, por enquanto, para "Titanic", com faturamento de US$ 601 milhões e de "Star wars", com US$ 461 milhões.

Neste fim de semana o faturamento do filme do velho morcegão foi de US$ 26 milhões, levando o acumulado em 24 dias a US$ 441,5 milhões.

Caiu no aeroporto

O técnico Renato Gaúcho foi demitido na madrugada desta segunda-feira.

Foi derrubado em uma reunião realizada ainda no aeroporto Santos Dumont, no desembarque da delegação do Fluminense.

Tudo porque o tricolor, atualmente rebaixado no Brasileirão, perdeu para o lanterna Ipatinga, por 2 a 1.

Cuca, demitido do Santos, que também está na zona de rebaixamento, deve ser procurado pelos dirigentes tricolores.

Notícia nada Feliz

Morreu na noite de domingo, aos 70 anos, o humorista Felisberto Duarte.

O "Feliz" era responsável pelas notícias do tempo tanto na primeira quanto na segunda versão rapidamente extinta do telejornal "Aqui Agora", do SBT.

Em coma desde o dia 9 de agosto, Feliz estava internado no Hospital Beneficência Portuguesa, em Santos, onde havia passado por uma cirurgia de intestino e fígado, depois de um quadro de infecção intestinal causado por uma depressão.

Vida que segue...

Ave atque vale!

Fiquem com Deus!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Inteligente, inovador, fortemente analítico e propositivo, utilizando as mais modernas tecnologias para transmissão instantânea e eletrônica de informação privilegiada e análise estratégica, junto com a difusão de novos conhecimentos voltados para a construção e consolidação de novos valores humanos.

Nenhum comentário: