segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Denúncia de atentado contra delegado Protógenes Queiroz repercute em fóruns e faz sucesso na internet

Edição de Segunda-feira do Alerta Total http://www.alertatotal.blogspot.com

Adicione nosso blog e podcast aos seus favoritos.

Por Jorge Serrão

O delegado Protógenes Queiroz – que tem tudo para acabar indiciado sob a alegação de que cometeu excessos na Operação Satyagraha – denunciou ter sido vítima de um possível atentado, por volta das 15h de quinta-feira passada. O radiador de seu carro explodiu, "causando uma nuvem de fumaça muito grande e explosão do painel do veículo". O fato aconteceu no Jardim Botânico, no Rio de Janeiro, quando o delegado se deslocava para Niterói. Protógenes denunciou o fato em seu blog: http://blogdoprotogenes.com.br/?p=545

A publicação informa ainda que Protógenes teria sofrido queimaduras de primeiro grau nos pés e lesões pelo corpo. "Por medida de segurança, ele se deslocou no dia 16 de janeiro do corrente ano, com destino a São Paulo, a fim de se encontrar com seus familiares, bem como buscar atendimento médico seguro. No momento está descansando em casa para se recuperar do trauma".

O blog traz uma “Recomendação aos incautos: Não pratiquem nada contra Protógenes, não adianta os individuos do mal virem contra um cidadão de bem, vão ter que praticar atentados em mais de duzentos milhões de brasileiros indignados e façam bem feito, para não ocorrer da forma como aconteceu com ele no dia 15 de Janeiro do corrente ano”.

Na sexta-feira, o policial voltou ao topo do noticiário. O Estadão revelou que peritos da Polícia Federal encontraram em dois pen drives do delegado Protógenes Queiroz fotos e vídeos do advogado Nélio Machado, que defende o banqueiro Daniel Dantas. Os arquivos indicam que o delegado manteve Machado sob severo monitoramento.

A Polícia Federal avaliou que o procedimento de Protógenes violou a Constituição, o Estatuto da OAB e a jurisprudência dos tribunais superiores. Pelas normas, é proibido vigiar advogados de réus e suspeitos. Protógenes não foi localizado para comentar a descoberta. O advogado Nélio Machado promete acionar hoje a OAB para que a Justiça lhe permita ter acesso ao processo, que corre em segredo de Justiça.

Censura

Na primeira versão desse texto, que foi editada e retirada no domingo, havia um recado direto ao banqueiro Daniel Dantas:

“Desejo ao Daniel Dantas e comparsas SAÚDE e PAZ, que a verdade se revelará”.

A frase que acabou censurada – na última linha da mensagem do blog – tem a expressão “saúde e paz” muito usada pelos maçons.

Leia, abaixo, as Rapidinhas Políticas e Econômicas

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 19 de Janeiro de 2009.

6 comentários:

Anônimo disse...

Seguindo a linha do seu partido do coração, o Protogênese deve apoiar o asilo que o ministrinho concedeu ao italianinho, passando por cima de tudo e de todos, com a leveza de tsunaminho.
O delegadinho não fala logo o que sabe para não comprometer os companheiros, a ideologia e os propósitos de "liberdade totalitária".

Anônimo disse...

Essa história tá muito mal contada.. Atentado ? Usando como arma o radiador do carro ? Ah contra outra, delegado..

Anônimo disse...

Isto só pode ser coisa de DD !!!

Para quem não sabe, DD na sua juventude, fazia bicos em uma oficina de radiadores na BA para complementar seu orçamento. Época difícil aquela !!!

Aí está a prova cabal que DD está por trás desse atentado. DD manja muito sobre sistemas de arrefecimento automotivo.

Anônimo disse...

Isso é reflexo da economia brasileira: Radiador-bomba?!?!

Eu aposto que este radiador estava encapuzado.

Anônimo disse...

Tem um link no G1 que diz que o radiador teria sido atingindo por um tiro.

Anônimo disse...

ahhh
Deve ter esquecido da manutenção do carro ou quem sabe a pressão tenha conduzido-o a automutilação!
Ele está viciado em mídia. DVD agradece.