sábado, 31 de janeiro de 2009

STF deve repetir julgamento do “Padre Medina”, das FARC, e confirmar refúgio a terrorista Battisti

Edição de Sábado do Alerta Total http://www.alertatotal.blogspot.com

Adicione nosso blog e podcast aos seus favoritos.

Por Jorge Serrão

O governo italiano já pode exerceu seu direito de “jus esperniandi” antecipadamente. O Supremo Tribunal Federal vai confirmar, no julgamento marcado para segunda-feira, que a concessão de refúgio político pelo Poder Executivo impede qualquer pedido de extradição em tramitação no Judiciário. Assim, o terrorista italiano Césare Battisti não só terá direito a asilo no Brasil, como será brindado com a libertação da Penitenciária da Papuda, no Distrito Federal.

No julgamento do caso Battisti, os 11 ministros do STF devem apenas sacramentar o que já decidiram no caso de outro terrorista, o colombiano Olivério Medina, que uns desinformados insistem em chamar de “padre” que é um dos elementos de ligação entre as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia e os petistas no poder, via Foro de São Paulo. Medina foi e agora Battisti será beneficiado pelo artigo 33 da Lei do Refúgio.

O ministro Marco Aurélio de Mello, do STF, já antecipou ao site Consultor Jurídico que, antes da atual legislação, a Lei 6.815/80 até permitia ao Supremo apreciar a natureza do crime nos casos de extradição envolvendo refugiados. No entanto, com a Lei do Refúgio (9.474/97), o Judiciário ficou impedido de revogar os atos do ministro da Justiça. Tarso Genro, portanto, tem mais poder que muita gente imaginava...

No dia 13 de janeiro, o ministro da Justiça Tarso Genro concedeu refúgio político ao escritor Césare Battisti - membro do grupo Proletários Armados pelo Comunismo (PAC). O italiano foi condenado à prisão perpétua na Itália pelo assassinato de quatro pessoas. Seus compatriotas reagiram. O primeiro-ministro Sílvio Berlusconi mandou avisar que cancelaria sua visita ao Brasil, este ano. Depois, voltou atrás. Mas ontem esbravejou que a Itália fará de tudo para ter Battisti de volta.

Antecedente perigoso

Em março de 2007, Gilmar Mendes foi o relator do pedido de extradição de Francisco Antonio Cadena Colazzos, também conhecido como Camilo ou padre Medina, um ex-integrante do grupo guerrilheiro Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia).

Por nove votos a um, o STF manteve o refúgio de Medina, cuja mulher ocupa cargo comissionado na Presidência da República.

Na ocasião, Gilmar foi voto vencido, pois se opôs à concessão de asilo territorial ou diplomático pelo Executivo a Medina.

Ligações...

Césare Battisti é defendido pelo ilustre advogado e maçom Luiz Eduardo Greenhalgh.

O petista histórico quase foi preso na Operação Satyagraha, por suas ligações com o banqueiro Daniel Dantas, do Opportunity.

Há quem suspeite que Battisti tenha boas relações na Brasil Telecom, assimilada pela Oi, onde Dantas reinava.

Vale o que está escrito?

Quando for libertado, Battisti afirma que voltará a se dedicar ao seu próximo romance, intitulado O Pé do Muro.

Autor de 10 livros, Battisti lançou apenas uma obra no Brasil, pela editora Martins Fontes: Minha fuga sem fim (R$ 47 reais).

O comunista Battisti foi condenado a prisão perpétua na Itália por matar o agente penitenciário Antonio Mares Santoro, em Udine, no dia 6 de junho de 1977; Pierluigi Trregiane, em Milão, no dia 16 de fevereiro de 1979; o açougueiro Lino Sabbadin, em Mestre, no dia 16 de fevereiro de 1979; e o agente de Polícia Andréa Campagna, em Milão, no dia 19 de abril de 1979.

Battisti, que fugira para a França e foi julgado à revelia, nega que tenha cometido qualquer crime.

Jogo de cena

O ex-militante de esquerda italiano Cesare Battisti divulgou nesta sexta-feira uma nota em que reafirma ser perseguido pelo governo de seu país e se diz vítima de uma campanha com acusações falsas.

Numa carta de quatro páginas e escrita à mão, ele diz estar muito tenso e abalado pela demora do Supremo Tribunal Federal (STF) em decidir se autoriza ou não sua extradição para a Itália:

"Reafirmo minha condição de perseguido político. Não sou responsável por nenhuma das mortes que (sic) me acusam (...) Fui condenado à revelia em um processo com acusações feitas há mais de dez anos. Meus advogados de confiança foram presos à época e depois foram fabricadas três falsas procurações".

Pegou pesado, seu italiano...

O deputado Ettore Pirovano, do partido conservador Liga Norte da Itália, ironizou ontem o trabalho de juristas brasileiros:

"Não me parece que o Brasil seja conhecido por seus juristas, mas sim por suas dançarinas. Portanto, antes de pretender nos dar lições de Direito, o ministro da Justiça brasileiro faria bem se pensasse nisso não uma, mas mil vezes".

Pirovano também esculachou que ainda vivem no Brasil ex-agentes do regime nazista, e questionou se para eles também vale a regra usada para dar o refúgio a Battisti.

Em campanha

O chefão Lula da Silva apresentou ontem sua favorita Dilma Rousseff aos cerca de 100 integrantes do Conselho Internacional do Forum Social Mundial, em Belém.

Ao comentar a proposta dos organizadores de realizar o próximo evento em 2011, no exterior, Lula ponderou que, se for ainda em 2010, ele participará como presidente. No entanto...

"Se for em 2011, já vai ser a Dilma".

Foram as palavras de Lula, segundo um inconfidente que já trabalha na campanha da Dilma, é claro!

Provocação

Recadinho provocativo do cientista político Wanderley Guilherme dos Santos, membro da Academia Brasileira de Ciências e bastante pró-petista, botando água no chope das pretensões de José Serra:

Na Primeira República o governador José Serra já estaria eleito presidente de São Paulo. Ainda não dá para mais”.

Serra não gostou do final do artigo de Wanderley na página 27 do Valor Eu& deste fim de semana.

Mais sacanagem






O Secretário Especial de Turismo e presidente da Riotur, Antonio Pedro Figueira de Mello, repudia veementemente a publicidade da coleção primavera/verão da grife italiana Relish.

Clicada em Ipanema, a campanha, veiculada em outdoors na cidade de Nápoles, mostra duas modelos sendo revistadas por dois policiais de forma abusiva e com uma clara conotação sexual.

A prefeitura do Rio de Janeiro vai enviar à embaixada Italiana no Brasil um pedido de retirada imediata dos outdoors que denigrem a imagem da PM fluminense.


A imagem do policial passando as mãos por baixo da roupa de uma das modelos circulou na internet e já há uma comunidade no site de relacionamento Facebook com 145 membros pedindo a remoção dos outdoors e convocando para um boicote às lojas.

A trois?

Modelos seminus, sugerindo sexo a três, protagonizaram o novo comercial de jeans da Calvin Klein.

O filminho acabou proibido na TV, mesmo de madrugada, em canais pagos ou de sexo.

Acabou retirado até do YouTube, por violação dos direitos de uso...

É mole ou não é?

O jornalista Jorge Kajuru prometeu ao site ofuxico realizar uma cirurgia para aumentar o tamanho do pênis logo após o Carnaval - em procedimento que não usa prótese, mas sim, um corte no ligamento suspensor que liga o pênis ao púbis.

Kajuru reclama inconformismo com o tamanho de seu órgão sexual e garantiu que as mulheres gostam do “documento” maior:

O meu pênis tem 15 centímetros e quero aumentá-lo para uns 23 centímetros, vai depender do meu organismo. Sempre conversei com amigas, como a Galisteu, e todas elas dizem que adoram os maiores. Vai ser a maior alegria da minha vida”.

Já pensou se o desgoverno resolve fazer o mesmo que Kajuri? Os brasileiros e brasileiras não vão aguentar...

Vida que segue...

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 31 de Janeiro de 2009.

15 comentários:

Anônimo disse...

Ô ilustre Serrão! Ontem vc. quase foi preso ou fuzilado por dar uma notícia que toda a imprensa omitiu. Hoje vc carrega na libertinagem mais descarada. Por compreensão e liberalidade vou comentar apenas como: sátira!

Anônimo disse...

Serrão

Você está equivocado em dizer que o Greenhalgh é maçon.
Aquela excrescência humana não é e nunca foi membro da Ordem.

Anônimo disse...

Muito interessante o discurso do Senador Demostenes Torres sobre o menino prodígio do Lula

http://www.prosaepolitica.com.br/index.php?pg=podcast&idpod=19

Anônimo disse...

Ô SERGIO ROCHA! O verme, a excrescência é filiado à maçonaria sim. Existem Lojas e LOJAS.

Anônimo disse...

Existem MAÇONS e maçons, como CRISTÃOS e que se dizem tal... Homens e homúnculos.

Domaneschi disse...

Serrão,
o EB fundou a Nação e fez a República e por diversas circunstâncias não conclui o processo como deveria,
o mundo é controlado pelas monarquias inglesa,belga,holandesa, espanhola e principados, com a República instalada perdemos qualquer possibilidade desenvolver-nos com Soberania nos moldes até hoje em vigor,
a Nação correta,ordeira, justa e perfeita clama pela continuidade do processo,sempre há o tempo para cada questão, chegamos ao momento da reflexão serena e planejamento das ações que devem seguirem-se,a lei é clara, as Instituições devem ser protegidas pois são perenes e constituem o patrimônio Nacional Brasileiro

Anônimo disse...

Me surpreende que aquela excrescência seja filiado à Ordem..
Deve ser uma loja com um jota bem minúsculo.
Sic transit gloria mundi...

Anônimo disse...

Corrijo: ele minúsculo...

Anônimo disse...

Mais um engrossando fileiras, contra essa bosta que está presimente!


http://brasillivreedemocrata.blogspot.com/

Anônimo disse...

Esse ministro do STF deveria ler a Constituição Federal, art 102 - I - g):

" cabe ao STF processar e julgar a extradição solicitada por estado estrangeiro."

O art 21 diz que é competência da união a extradição e expulsão de estrangeiro, mas o artigo 102 é claro, neste caso.

Para o STF, uma lei comum pode revogar a constituição.

Anônimo disse...

"STF deve repetir julgamento do “Padre Medina”, das FARC, e confirmar refúgio a terrorista Battisti."

Muito bem Serrão, acertou em cheio nos alvos.
Podem investigar esse "Padre Medina" que vocês vão achar muita coisa.

FARC + PT = O nosso (des)governo

Anônimo disse...

"STF deve repetir julgamento do “Padre Medina”, das FARC, e confirmar refúgio a terrorista Battisti."

Muito bem Serrão, acertou em cheio nos alvos.
Podem investigar esse "Padre Medina" que vocês vão achar muita coisa.

FARC + PT = O nosso (des)governo

Anônimo disse...

E por falar no Ministro, circula na internet foto dele, fumando um cigarro do tamanho de uma régua + ou -, será que é maconha?

Anônimo disse...

E por falar no Ministro, circula na internet foto dele, fumando um cigarro do tamanho de uma régua + ou -, será que é maconha?

Anônimo disse...

Esse Kajuru é um comunistinha de merda que nem o Datena, que até quadro de Che tem em sua sala.