sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Petralhagem do Leão: Desgoverno faz caixa, e economiza R$ 1,5 bilhão com o atraso na devolução do IR

2a Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net
Leia também o Fique Alertawww.fiquealerta.net

Por Jorge Serrão

O Leão ficou nu, e expôs a faceta mais perversa do desgoverno capimunista-petralha – que usa o Estado para se dar bem, usurpando a sociedade sem lhe dar a devida contrapartida prevista em regras claras. O atraso na restituição do Imposto de Renda - na verdade, um Imposto sobre salário retido na fonte – desnudou a mentira sobre o tamanho da marolinha. A arrecadação caiu, e quem agora paga a conta é a classe média assalariada – já prejudicada pela absurda carga tributária que penaliza quem ousa produzir no País dominado pela vagabundagem especulativa.

Ao descumprir o calendário de devolução do Imposto de Renda, o governo penaliza os contribuintes que utilizaram as linhas de crédito de antecipação da restituição. Quem pegou dinheiro emprestado, contando com o ovo na barriga do Leão, terá de quitar o empréstimo com recursos próprios ou refinanciar a dívida. Até porque não existe um vínculo efetivo do pagamento do empréstimo com a restituição do IR - embora ela seja usada para garantir taxas de juros mais baixas. Dói no bolso ouvir esta desculpa da Federação Brasileira dos Bancos (Febraban).

“Renegociar” é prejuízo garantido para o contribuinte lesado pela lerdeza criminosa dos domadores do Leão. Rolar a dívida significa recorrer ao cheque especial ou outra linha de crédito que não terá a mesma taxa de juros oferecida na linha da antecipação do IR. A Receita não devolve nosso dinheiro e fica por isto mesmo. Não há qualquer lei que obrigue o Fisco a cumprir o cronograma de devolução. O jogo do Leão não é igual ao jogo do bicho – considerado uma contravenção. Mão vale o que está escrito na Instrução Normativa 942/2009, que prevê as restituições do IR.

Todos os anos, o governo paga as restituições do IR em sete lotes, entre junho e setembro, sempre por volta do dia 15 de cada mês. Os primeiros a receber são aqueles com mais de 60 anos. Quem entrega a declaração do IR pela internet e no início do prazo também entra nos primeiros lotes. Fica para o final quem demorou ou caiu na malha fina. No último caso, o contribuinte acaba recebendo os recursos em lotes residuais, que podem ser pagos em até cinco anos.

Moral da Imoralidade Tributária Tupiniquim:

O desgoverno já teria economizado R$ 1,5 bilhão com o atraso na devolução do IR.
Ao contribuinte lesado nem vale a pena recorrer à Justiça, com uma ação coletiva contra a Super Receita Federal, porque qualquer processo judicial demoraria muito mais que o tempo do governo para concluir os pagamentos em um prazo de cinco anos.

Também não adianta reclamar “com Bispo” (Macedo) – cujo partido (PRB) comanda a vice-presidência da República é que é um sujeito comprovadamente bom de arrecadação, ao contrário do desgoverno perdulário, que arrecada mal e gasta pior ainda o dinheiro que toma da sociedade.

Triste sina de uma sociedade que sempre pagou altos impostos, e que tem um desgoverno com horror a qualquer proposta séria de reforma tributária acompanhada de um controle efetivo dos gastos públicos.

O Governo Federal, nos oito anos de FHC e ao longo dos quase oito anos de Stalinácio só foi rigoroso no pagamento em dia dos juros aos banqueiros nacionais e internacionais que sustentam a farra perdulária do Boi.

Marketagem?

Se a gritaria contra o atraso na devolução do IR atingir elevados decibéis políticos, ninguém deve ficar surpreso com mais uma jogada de marketing presidencial.

O chefão Stalinácio dará uma reprimenda pública em seu ministro da Fazenda, Guido Mantega.

E, como justiceiro, mandará o Leão devolver a grana devida, o mais depressa possível e conforme e cronograma da Receita.

Reação previsível

Lula reagiu conforme o previsto. Alegou que o governo não tem interesse em reter o Imposto de Renda e que atrasos nesse tipo de pagamento já ocorreram em diversos outros momentos do País.

Chega a ser uma falta de compreensão achar que o governo teria interesses econômicos em reter (imposto de renda), até porque nós pagamos taxa Selic. Portanto, não temos nenhum interesse em reter”.

Foram as palavras de Lula, após assinar uma série de acordos conjuntos com o presidente da África do Sul, Jacob Zuma, no Itamaraty.

Segundo Lula: "Não é a primeira vez na história do Brasil ou da Receita ou de quem faz a emissão de pagamentos atrasar dez ou 15 dias. Também já pagamos adiantado. O que queremos é o povo com dinheiro para consumir, para que o comércio cresça muito mais”.

Ascensão britânica

O Reino Unido subiu para a primeira posição do ranking de Desenvolvimento Financeiro do Fórum Econômico Mundial.

Relatório divulgado ontem revela que a Austrália ocupa a segunda posição.

Apenas no terceiro lugar aparecem os Estados Unidos da América – que já foram os primeiros e perderam a hegemonia no campo financeiro.

O próximo golpe da Oligarquia Financeira Transnacional contra a soberania dos EUA será a criação de uma moeda que substitua o dólar nas relações internacionais.

O Brasil capimunista pulou da 40ª para 34ª posição no ranking que aponta os principais centros financeiros do mundo.

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo analítico, independente e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 09 de Outubro de 2009.

5 comentários:

Anônimo disse...

Pois é, os caloteiros dizem não ter grana p/ a restituição do IR, mas têm p/ ampliar o programa bolsa esmola e aumentar seu valor! Nojo!

Lucia Castro

Alzira,RJ disse...

Cada povo tem o desgoverno que merece.

Essa cacetada na classe média não a despertará do estado de alienação em que se encontra (em altas comemorações e ufanismo pelas Olimpíadas - ou ao volante do carro novo comprado em 70 prestações do crédito farto).

O ópio do desgoverno é mais forte.

Anônimo disse...

Estive pensando cá com meus botões....

PAC significa o que??”Pograma” de Aceleração do CRESCIMENTO !!

E Cadê o CRESCIMENTO??? Esse ano vamos “crescer” ZERO!!

Ahhhh....é que teve a Crise...

Que Crise??Mas não foi tudo Marolinha??


PS.: Com a palavra Herr Goebbels Martins, do Ministério da Propaganda.....

Fitzcarraldo Silva

Anônimo disse...

Blog do Políbio Braga

"The Economist" alerta para o custo do Rio 2016
A revista inglesa "The Economist" desta semana alerta o Brasil para os altos custos das Olimpíadas de 2016, a serem realizadas no Rio de Janeiro. Segundo a publicação, a candidatura brasileira já gastou que US$ 50 BILHÕES PARA PAGAR O "APOIO" DE PELÉ E DO ESCRITOR PAULO COELHO, AO JOGOS.
A Economist lista as obras necessárias para resolver os problemas de infraestrutura carioca, e duvida que os US$ 14,5 bilhões serão utilizados de maneira produtiva" e ainda complementa "sem contar os US$ 50 Bilhões de investimentos indiretos", o Paulo Coelho e o Pelé, que """$$PATRIOTISMO$$"""

Anônimo disse...

Serrão

Não duvide


Em breve estarão fechando o PACAEMBÚ, e colocando os leões para devorar os adversários políticos.


É PÃO E CIRCO MESMO!!!