terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Hélio Costa cotado para vice de Dilma; Meirelles, querido de Lula, vem ao Senado ou volta a um banco privado

Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net
Leia também o Fique Alerta – www.fiquealerta.net

Por Jorge Serrão

No dia em que Dilma Rousseff fez sucesso com seu novo penteado, sem peruca, se fortaleceu a articulação para que o atual ministro das Comunicações, Hélio Costa, seja o vice candidato na chapa PT-PMDB. O nome mais forte e preferido de Lula para a vice-presidência era Henrique Meirelles – como o Alerta Total antecipou. O comando petista opta por Costa para fugir da obrigação de escolher Michel Temer na quase certa aliança com os peemedebistas – se Orestes Quércia e o partido em São Paulo não conseguiram inviabilizá-la.

Meirelles prefere disputar o Senado por Goiás ou “se candidatar” a um retorno ao comando de um grande banco europeu. Torna-se menos atraente para Meirelles retornar ao Banco Central do Brasil, depois dos meses em que será obrigado a deixar o cargo para disputar a eleição. Lula gostaria de emplacar no BC do B o médico Antônio Palocci Filho – que deixaria de concorrer à reeleição de deputado federal. O atual trono de Meirelles também é sonhado pelo deputado Aloísio Mercadante – que tem poucas chances de conseguir se emplacar no timão da política monetária.

O nome de Costa ganhou força depois da desistência (ao menos momentânea) de Aécio Neves em concorrer ao Palácio do Planalto. Hélio Costa aceita abrir mão da candidatura ao governo mineiro – um antigo sonho do famoso ex-repórter do Fantástico da Rede Globo, desde que entrou para a política. Costa também tem interesses pessoais na consolidação do padrão brasileiro de televisão digital (copiado dos japoneses) e na implantação do bilionário projeto de Banda Larga. Seu nome como vice de Dilma está quase confirmado, mas tudo muda, o tempo todo, na ainda precoce corrida pela cadeira de $talinácio.

Fugindo da raia

Dilma Rousseff evitou ontem comentar a polêmica sobre a escolha do vice de sua futura chapa para a eleição presidencial de 2010:

"Eu só sou pré-candidata a partir de fevereiro. Até lá, eu não posso negociar... eu só vou ter legitimidade para fazer qualquer negociação quando for escolhida, por exemplo, pelo PT. Sendo escolhida pelo PT, eu como pré-candidata posso começar a fazer negociações, tentativas".

Essa briga pela vice presidência ainda fará estragos na base aliada...

Olho no FHC

O Alerta Total volta a pedir toda atenção ao ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, que apesar da elevada taxa de rejeição a seu nome nas pesquisas, pode surpreender e surgir como o candidato tucano ao Palácio do Planalto.

Basta conferir e interpretar as palavras dele, em recente entrevista ao jornal Estado de São Paulo, que republicamos abaixo.

Todos os discursos recentes de FHC indicam que ele pode vir candidato – ainda mais porque se sabe, na cúpula tucana, que ele e José Serra têm um complicado relacionamento pessoal e político.

Olha a cabeleira da Dilma...

Dilma Rousseff aposentou ontem sua peruca – forçada pelo tratamento contra um câncer linfático, que lhe fez cair o cabelo – e recebeu elogios do chefão Lula:

Vocês estão percebendo que a Dilma está de cabelo novo? Não é peruca, não. É cabelo normal dela que voltou a se apresentar em público”.

Agora com os cabelos mais curtos, ontem se especulava nos bastidores petistas que Dilma se preparava para deixar o governo mais cedo e investir na nada fácil campanha presidencial.

Ninguém se surpreenda se a saideira dela da Casa Civil acontecer depois das festas de fim de ano.

Em campanha permanente

Lula aproveitou a presença da Dilma cerimônia do Programa Nacional de Direitos Humanos, no Itamaraty, para fazer campanha escancaradamente, pois já sabe que o Tribunal Superior Eleitoral nada fará contra ele.

O chefão repetiu o discurso demagógico sobre mártires da Dita-dura e vendeu o peixa da Dilma:

Se alguém torturou a Dilma, se alguém achou que a vida tinha acabado, ela é possível candidata a presidente Cada gesto de vocês, cada choque que vocês levaram, cada apertão que vocês sofreram valeu a pena, porque nós garantimos que não haverá mais retrocesso nesse País”.

Dilma se emocionou e chorou na solenidade que homenageou sua amiga dos tempos do terrorismo, Inês Etiene Romeu, que recebeu o prêmio de Direitos Humanos de 2009.

Pode viajar...

Durante café da manhã de ontem com jornalistas, o presimente voltou a defender as viagens de Dilma para inaugurar obras - alvo de críticas da oposição


Lula também avisou que não liga para a rejeição ao nome de Dilma nas pesquisas:

Não estou preocupado com a rejeição da Dilma. Rejeição é algo que se trata com carinho, mas ainda é cedo. A fotografia só será tirada em março. Desde que começou o meu segundo mandato, o Serra está na frente das pesquisas. Pesquisa é igual a campeonato. O Palmeiras sempre esteve na frente. Aí apareceu o Flamengo”.

Foi a sacaneada subliminar do craque $talinácio em José Serra – que é Palmeirense doente.

Gol contra

José Serra, pré-candidato tucano, também recorreu a uma metáfora futebolística para contrariar $talinácio que alegou não ser possível ter dois craques no mesmo time (em referência a uma chapa puro sangue do PSDB):

Quando um jogador é muito bom, dá para duplicar. Encontra-se um jeito de se arrumar no campo”.

O corintiano Lula tinha comentado que “às vezes dois Coutinhos ou dois Tostões não funcionam tão bem como a gente imagina. Às vezes, precisa de outro elemento para dar certo”.

Quem manda

$talinácio avisou ontem que vai tomar a melhor decisão para o País, independente do entendimento do STF de que o presidente poderá ser responsabilizado caso não acompanhe a decisão da Corte de extraditar o terrorista italiano Cesare Battisti:

Não me importa o que disse o STF. Ele teve a chance de fazer e fez. Eu não dei palpite. A decisão é minha. Até lá não tenho comentários a fazer”.

Lula advertiu que tomará sua decisão assim que receber o acórdão do Supremo Tribunal Federal
Battisti foi condenado na Itália à prisão perpétua pela participação no homicídio de quatro pessoas, na década de 1970, quando integrava o grupo Proletários Armados pelo Comunismo (PAC).

Viva a impunidade

O ministro da 5ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Arnaldo Esteves Lima, decidiu suspender todas as ações da Operação Satyagraha.

A investigação deflagrada pela Polícia Federal em 2008 para apurar crimes financeiros que seriam cometidos por uma quadrilha supostamente comandada pelo presidente do Banco Opportunity, Daniel Dantas.

Fica suspensa até a condenação de Dantas a dez anos de prisão por corrupção ativa e a multa de R$ 12 milhões que o banqueiro era obrigado a pagar, por ordem judicial, por "danos à sociedade", por ter tentado subornar policiais da PF.

Não demora, Dantas acaba canonizado por Bento 16...

Jobim detonado?

$talinácio lançou ontem o Programa Nacional de Direitos Humanos 3 (PNDH-3) que propõe a criação da Comissão Nacional de Verdade.

O objetivo é examinar as violações aos direitos humanos na ditadura militar, estabelecendo cerca de 500 ações a serem desenvolvidas por 31 ministérios, em seis eixos diferentes.

Lula contrariou seu ministro da Defesa, Nelson Jobim, que não quis subscrever o Programa Nacional de Direitos Humanos, manifestando oposição à criação da comissão.

Leia, abaixo desta edição, o artigo do General Carlos Alberto Pinto Silva e de Nilder Costa sobre as guerras de quarta geração e em rede social.

Pequenas férias

O editor-chefe deste Alerta Total vai tirar umas férias de mentirinha até sábado.

Mas o Alerta sai diariamente, inclusive no Natal, com artigos de nossos colaboradores.

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 22 de Dezembro de 2009.

Um comentário:

Martim Berto Fuchs (64) disse...

Jornais, colunas, blogs, tem mais que comentar o assunto candidatos à Presidência da República (República onde?). Mas a realidade é mais cruel. O início do golpe foi dado pela latrina chamada Senado (10.000 parasitas na folha de pagamento). O infeliz (ou não tanto?) Deputado Raul Jungman lançou a idéia de plebiscito. Foi o que bastou. O golpe contra nossa democracia (democracia onde?) foi iniciado. Podem anotar e cobrar mais tarde. Lallalá II (segundo mandato) continuará como rei como Lullalá III.