terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Fogo amigo denuncia que Dirceu levou R$ 620 mil de empresa que lucrará R$ 200 milhões com nova Telebrás

Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net
Leia também o Fique Alertawww.fiquealerta.net (atualizado nesta terça)

Por Jorge Serrão

O bastidor nebuloso da reativação da Telebrás – revelado hoje pela Folha de S. Paulo – tem tudo para atrapalhar um dos negócios mais lucrativos e promissores do consultor José Dirceu de Oliveira e Silva. Um dos principais réus no escândalo do mensalão, que foi obrigado a deixar a Casa Civil, mas nunca perdeu sua influência direta sobre o governo, recebeu R$ 620 mil da Star Overseas, empresa sediada nas Ilhas Virgens Britânicas e principal beneficiada se Lula reativar a Telebrás no Programa Nacional de Banda Larga.

Dirceu recebeu seus honorários como consultor entre os anos de 2007 e 2009. O dono da Star, Nelson dos Santos, afirmou à Folha que o dinheiro pago a Dirceu não se destinou a lobby. José Dirceu só deve falar do assunto em seu blog, certamente denunciando mais uma manobra da oposição para prejudicar sua santa imagem e atrapalhar sua atuação na campanha presidencial de Dilma Rousseff. O negócio tem tudo para virar escândalo, se for realmente rigorosa, sem seletividades de costume, a investigação (iniciada em 2008) pela Comissão de Valores Mobiliários.

A revelação da operação Star-Eletronet-Telebras foi mais uma prova de que a “estrela” de Dirceu vale mesmo ouro e abre portas. Depois que a Star contratou Dirceu, o governo decidiu usar as fibras ópticas da Eletronet para reativar a Telebrás e arcar sozinho com a caução judicial necessária para resgatar a rede, hoje em poder dos credores. No mercado, estima-se que o negócio possa render R$ 200 milhões ao empresário Nelson Santos, controlador da Star.

Em 2005, ninguém entendeu por que Santos pagou o valor simbólico de R$ 1 real por uma participação de 49% na Eletronet, que estava praticamente falida, com estimadas em R$ 800 milhões. Acontece que a Eletronet era dona de 16.000 km de cabos de fibra óptica ligando 18 Estados. Agora, se Lula reativar a Telebrás, usando o sistema já montado da empresa dominada pelo “cliente” de Dirceu, tudo vira um bom negócio.

De onde vazou?

Quem duvidava de uma manobra interna, dentro do PT, para queimar o filme de José Dirceu, não precisa ter mais dúvidas.

Tudo indica que a revelação sobre a lucrativa consultoria de R$ 620 mil foi feita por inimigos internos dele.

O objetivo é impedir que Dirceu tenha mais influência do que já tem na composição de poder em favor de Dilma Rousseff.

Troféu OAB

A Ordem dos Advogados do Brasil devia criar uma espécie de “Oscar” para premiar grandes profissionais como José Dirceu.

Desde de que foi obrigado a sair oficialmente do ministério de Lula (sem nunca deixar o governo de verdade), Dirceu só faz grandes negócios e presta relevantes serviços a seus clientes.

Daria um ótimo candidato a presidente da OAB nas próximas eleições.

Quem lucra?

A CVM investiga, desde 2008, quem pode estar lucrando alto com a valorização de 35.000% as ações da Telebrás.

Desde 2003, boatos ou declarações sem confirmação oficial informam que a Telebrás seria recriada para operar serviços de acesso à banda larga.

O presidente $talinácio já insinuou que este seria o caminho para implantar o PNBL (Plano Nacional de Banda Larga) - um projeto do governo para levar o acesso à internet a 68% dos domicílios brasileiros até 2014.

Continuidade da continuidade

A suposta oposição fica cada vez com mais cara de situação a cada declaração.

O governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), alegou ontem ter ficado "feliz" com o discurso da ministra Dilma Rousseff, no lançamento da pré-candidatura da petista à Presidência, no último sábado:

"Li com atenção o discurso da ministra Dilma e fico muito feliz ao ver que ela assume o compromisso de manter a condução macroeconômica do país, com metas de inflação, com juros flutuantes, com superavit primário, construídas e concebidas no governo do PSDB".

Araponga de Caxias

O prefeito tucano de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, José Camilo Zito dos Santos, promove hoje de manhã uma nervosa reunião de secretariado.
Zito deve punir um dos subsecretários de Educação porque servidores o acusam de ter montado um “Big Brother da Educação” – um sistema que espionava e gravava conversas na secretaria.

O caso é tão grave que a professora Maria de Lourdes Henriques, a Lourdinha, ameaça pedir exoneração do cargo de secretária de educação, se Zito não punir o culpado.

O problema é que o denunciado é dono de vários colégios em Caxias, e teria sido um dos grandes financiadores da campanha do tucano.

Mais detalhes sobre essa confusão no blog do sempre bem informado Alberto Marques: www.albertomarques.blogspot.com

Kassab salvo

O poder falou mais alto e, como de costume, Gilberto Kassab conseguiu um efeito suspensivo de sua sentença de cassação, até o pronunciamento final do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo sobre irregularidades no financiamento de sua campanha para prefeito.

O advogado Ricardo Penteado insiste que a ação é improcedente, com base na jurisprudência do TSE sobre doações a candidatos ou partidos na campanha eleitoral.

Penteado afirmou que a regra da Lei Eleitoral que proíbe candidatos receberem doações de concessionárias de serviços público não se aplica a empresas que participam de sociedade legalmente constituída, de acordo com a jurisprudência do TSE.

Outros punidos

O juiz Aloisio Sérgio Rezende Silveira, da 1ª Zona Eleitoral de São Paulo, considerou que Kassab e sua vice Alda receberam R$ 10 milhões em doações irregulares.

O valor representa 33,5% do total declarado na prestação de contas do prefeito - cerca de R$ 29,8 milhões.

Em primeira instância, eles tiveram o mandato cassado e se tornaram inelegíveis por três anos por supostamente receberem doações ilegais na campanha de 2008.

Junto com eles, foram punidos os vereadores Antonio Donato (PT), Arselino Tatto (PT), Gilberto Natalini (PSDB), Italo Cardoso (PT), José Américo (PT), José Police Neto (PSDB), Juliana Cardoso (PT) e Marco Aurélio Cunha (DEM).

Capital de risco

O escritório Peixoto e Cury Advogados promove nesta quarta-feira em Nova York o seminário “The Rise of Brazilian Venture Capital”.

Quem quiser assistir, gratuitamente, pode se inscrever pelo e-mail ibradempny@ibrademp.org.br

A iniciativa ocorre em conjunto com o Instituto Brasileiro de Direito Empresarial (Ibrademp), Associação Brasileira de Venture Capital e Private Equity (Abvcap), Endeavor Global e com o escritório Patterson Belknap Webb & Tyler, de Nova York.

As oportunidades de investimento nesses fundos, em um ambiente de forte crescimento econômico do Brasil, pautarão os debates, com palestras de Luiz Eugenio Figueiredo (presidente da Abvcap), Carlos Pessoa Filho (Endeavor Global) e Peter Schaeffer (Patterson Belknap Webb & Tyler).

Ataque aos piratas digitais

Entre agosto de 2009 e janeiro de 2010, a Associação Brasileira de Direitos Reprográficos (ABDR) já retirou mais de 14 mil links da internet que reproduziam livros completos ilegalmente.

A editora mais prejudicada foi a Record, junto com Cia das Letras, Objetiva, Saraiva e Atual.

O site www.abdr.org.br possui um espaço destinado a denúncias, sem necessidade de identificação do denunciante, mas desde que seja indicada a pessoa ou empresa que realiza atividades irregulares de pirataria.

Livro do Pelé

Será lançado no próximo dia 6 de março, às 17h, na livraria Cultura do Shopping Bourbon, em São Paulo (SP), o livro Pelé 70, em homenagem ao aniversário de 70 anos do Rei, em 23 de outubro.

Idealizado por José Luiz Tahan, da Editora Realejo, e Pedro Saad, da Editora Brasileira, a obra mostra imagens raras da carreira do Rei com depoimentos marcantes de personalidades que acompanharam de perto passagens históricas do maior jogador de futebol de todos os tempos.

O livro sobre o Rei Pelé vai custar R$ 149,90.

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 23 de Fevereiro de 2010.

5 comentários:

Anônimo disse...

É só fazer uma varedura no fórum ADVFN.COM.BR que vc. acha uma porção de petralhas ricos com a especulação da TELEBRÁS. Mais uma pesquisada e vc. vai encontrar 2 grandes bancos e suas corretoras envolvidos. Mais um pouco e vc. desconfia que porra de investigação da CVM é essa que deixa uma empresa que não existe, elevar tanto suas ações? Quando a CVM vai tomar uma providência? Quando chegar a um bilhão % de alta?

Martim Berto Fuchs (64) disse...

O José Dirceu deve ter feito pós-graduação com o Maluf. Bobeia, supera o mestre. Sou um crítico do PT desde sua faundação, pois é um partido sindicalista e estatizante. O sistema de governo ideal deles era a "democracia cubana". Hoje espelham-se na China. Governo ditatorial e economia de mercado. Economia de mercado lá na China. Aqui, a eterna cegueira, estupidez e ganância dos nossos políticos, faz com que queiram um sistema híbrido. Nem capitalismo nem empresas estatais. Querem e estão conseguindo tomar conta das empresas, sejam estatais, sejam da iniciativa privada. Uma pajelança com uma única finalidade: querem tudo para eles. O domínio total para eles do PT e sua guangue. O Lula é a vidraça e a fala fácil. Os cabeças são outros.
Alguém poderia explicar esse negócio da compra do Banco Votorantim por 14 bilhões ? Se o Banco estava mal das pernas, como é que 49% das ações valem essa fortuna ? Se não estava mal, porque fazer o negócio ? Esse é o capitalismo do PT. Só maracutaia. Lembra sr. Lula ? Ou já está tão rico que, parafraseando o FHC, quer mais que esqueçamos seu passado ?

Rejane (Mel) disse...

Serrão,

Leia esta, do Giba 1, no blog da Dois:

Fogo Amigo - http://bit.ly/dywNL9 - Quem denunciou José Dirceu? #JD #Telebras

Anônimo disse...

GRAVÍSSIMO É O SILÊNCIO DO MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL. ESSA NEGOCIATA DA TELEBRAS É UM ESCÂNDALO, A DA VOTORANTIM NÃO TEM COMO QUALIFICAR ESTE ROUBO.PROVAVELMENTE OS PROCURADORES DA REPÚBLICA QUE PASSAM VIAJANDO PELO MUNDO SEGUEM A MESMA LINHA DO LULA (NÃO SEI DE NADA).NÃO HÁ RAZÃO PARA OS MILITARES FICAREM EM SILÊNCIO, DE ALGUMA PARTE TEM QUE VIR UMA MANIFESTAÇÃO FORTE.

Anônimo disse...

CAÇAS ou CASAS ??

Prá que CAÇAS??? Precisamos de CASAS !!!

O governo(??) Lulla está gastando US$10 bilhões na compra de 36 caças franceses (os piores e mais caros da “concorrência”, por sinal). Com essa grana toda, daria prá se construir UM MILHÃO DE CASAS POPULARES!!!!O que é mais importante, Caças ou Casas??De que adianta esses 36 caças se os EUA, a Inglaterra, a própria França, a Russia, etc. quiserem violar nossa soberania??NADA!!Absolutamente NADA!!!