terça-feira, 23 de março de 2010

Petralhas protelam depoimento em CPI sobre Bancoop, e Jobim não revela caronas de Lulinha no Sucatinha

Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net
Leia também o Fique Alerta – www.fiquealerta.net (atualizado nesta terça)

Por Jorge Serrão

Enquanto a opinião pública tem sua atenção cuidadosamente voltada para o julgamento do Caso Isabela, ganham espaço reduzido no noticiário dois escândalos petralhas (o caso Bancoop e as caronas de Lulinha em avião da FAB). O espetáculo midiático envolvendo Alexandre Nardoni e Ana Carolina Jatobá também ofusca os problemas das contas externas brasileiras, com o Banco Central do Brasil projetando um déficit externo total de US$ 49 bilhões até o fim deste ano.

A inépcia da suposta oposição na CPI das ONGs e as manobras jurídicas dos suspeitos do escândalo da Bancoop dão fôlego aos petralhas. Foram adiados para depois da semana santa os depoimentos do tesoureiro petista, João Vaccari Neto e do promotor de Justiça José Carlos Blat – responsável pela investigação do desvio de cerca de R$ 100 milhões da Bancoop (Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo) para caixa dois de campanhas do Partido dos Trabalhadores.

Em mais um desrespeito ao princípio da transparência, o ministro da Defesa, Nelson Jobim, se recusa a fornecer à Câmara dos Deputados a lista dos nomes dos amigos de Fábio Luiz Lula da Silva, filho do chefão Lula, que pegaram carona em voo da FAB, de São Paulo para Brasília, em 9 de outubro de 2009, no famoso avião Sucatinha. Quem também estava no Boeing 737 era o presidente do BC do B, Henrique Meirelles. Lulinha também pegou carona na voo da alegria. O pedido de informações, negado por Jobim, foi do deputado Duarte Nogueira (PSDB-SP).

Sobre desmandos ideológicos, leia, abaixo, os artigos de Arlindo Montenegro e Maria Lucia Barbosa: Farinha do mesmo saco totalitário e Geopolítica da Vergonha

Confira também os artigos de hoje no www.fiquealerta.net

Assédio moral na Petrobras

O Sindicato dos Petroleiros fará o enterro simbólico do Diretor de Serviços da Petrobrás, Renato de Souza Duque, e de seu padrinho político, José Dirceu.

Será na próxima quinta, em ato público, de caráter nacional, envolvendo outras entidades, denunciando a política de terror movida contra os trabalhadores.

Releia o artigo da vítima Edilene Farias de Oliveira, militante do movimento sindical, publicado em primeira mão neste Alerta Total em 16 de janeiro: Petrobras faz terrorismo moral contra funcionários

Na cama com Vannuchi

Temendo má repercussão na mídia amestrada, a Secretaria Especial de Direitos Humanos desistiu de comprar, por R$ 479, uma cama box de solteiro que seria instalada no gabinete do ministro Paulo Vannuchi.

A caminha teria que atender às necessidades do ministro, com espuma revestida de poliuretano e tecido 50% poliéster e 50% algodão, antiácaro, antifungo e antialérgico.

Acometido de grave crise de hérnia de disco em 2009, Vannuchi, por recomendação médica, decidiu comprar a cama para instalar no gabinete.

Se a Veja não tivesse divulgado a compra da cama, na edição do final de semana, o negócio teria sido fechado e o móvel entregue e instalado ontem.

Corrupção em nível superior

O famoso ex-tesoureiro petista e famoso acusado no escândalo do Mensalão, Delúbio Soares, investiu R$ 6 mil reais para ser o patrono de uma de universitários formandos em Goiás.

Só não se sabe o que foi pior no caso: o teor do discurso do professor Delúbio ou a justificativa do presidente da comissão de formatura para justificar o apadrinhamento.

Discursou Delúbio: "É muito importante a ética na política, na educação e na cultura do povo. É importante ter ética em tudo o que se faz na vida".

Justificou-se o estudante Cezar Barros: "A gente ficou sabendo que o Delúbio gostava de participar desse tipo de festa, inclusive ajudando financeiramente. Fomos até sua fazenda e fizemos o convite para ele ser o nosso padrinho. Ele topou na hora e, aí, a gente perguntou se ele poderia dar uma ajudazinha nas despesas. Ele perguntou de quanto. Deixamos por conta dele. A gente sabe que a fama dele é horrível, mas fazer o quê, se ele pode bancar a festa?".

Mensalão forever

A CPI das ONGs espera colher o depoimento do operador do sistema financeiro Lúcio Bolonha Funaro.

Funaro foi investigado pela CPI dos Correios, realizada de 2005 a 2006, para apurar um esquema de pagamento de propina a parlamentares da base governista a fim de que votassem a favor de matérias do Executivo.

Como teria feito acordo de delação premiada para evitar que fosse denunciado como integrante do esquema, Funaro soltou o verbo e, no seu depoimento à Justiça Federal, teria associado o nome de Vaccari ao esquema do mensalão.

Da pública para a privada, não!

Não passa de conversinha do Boi Tatá o texto da carta escrita por José Roberto Arruda, prometendo que “vai deixar a vida pública”.

Interlocutores de Arruda fecharam um acordo político com Paulo Octávio, a cúpula do DEM, deputados distritais e empreiteiras para dar uma acalmada no escândalo do Detrito Federal.

Pelo que foi negociado, Arruda até pode se afastar temporariamente da vida pública, mas sua tática é não acabar na “privada”.

Em breve, ganhará a tão aguardada liberdade...

Tirando o time

A defesa de José Roberto Arruda protocolou ontem a desistência de recorrer a decisão da Câmara Distrital do Detrito Federal que lhe aplicou um impeachment.

Arruda preferiu perder definitivamente o foro privilegiado, e terá que responder aos processos criminais como cidadão comum, correndo o risco de ir parar no Complexo Penitenciário da Papuda.

Arruda é acusado de chefiar um suposto esquema de corrupção, que beneficiaria deputados distritais e assessores do governo do Distrito Federal, desvendado pela Polícia Federal na Operação Caixa de Pandora.

Acabou preso por envolvimento na tentativa de suborno de uma testemunha do suposto esquema de corrupção.

Herói da resistência

Preso desde o dia 11 de fevereiro, na cartinha que escreveu, Arruda ainda posa de vítima do escândalo:

"Suportei as pressões, as traições, os flagrantes montados, as farsas, as buscas e apreensões, os vazamentos de documentos para fomentar o escândalo, o abandono do Democratas, 40 dias de prisão. E até agora eu não fui ouvido uma única vezResisti a um inquérito que já ultrapassa 180 dias".

Corrupção paranaense

Esquema fraudulento no Paraná emprega laranjas na Assembleia legislativa.

Atos de nomeações não tornados públicos por atos secretos ou divulgados em atos oficiais “frios”.

Casos de funcionários fantasmas viraram denúncia da RPC TV, afliada da Rede Globo:

http://www.rpctv.com.br/paranaense/video.phtml?Video_ID=79256

Vice-Presidenciáveis

Enquanto o senador Marcelo Crivella (PRB-RJ) pode ser o vice presidenciável de Dilma Rousseff, os tucanos também correm atrás de um vice para José Serra.

Até ontem, os dois nomes favoritos eram o da senadora Kátia Abreu e do senador Antônio Carlos Magalhães Júnior.

Ciro Gomes, que também se insinuou para vice de Serra, corre até o risco de que seu PSB não o indique como candidato a presidente.

Palestrando

O delegado da Polícia Federal Protógenes Queiroz realizará palestra em São Caetano do Sul abordando o tema “Corrupção no Brasil e Gestão Pública”.

O evento, gratuito, será no próximo dia 24, às 19h30 no Campus 2 da Universidade de São Caetano do Sul (USCS), à rua Santo Antonio, 50, no centro.

Protógenes Queiroz, que é candidato a deputado federal pelo PC do B em São Paulo, ficou conhecido nacionalmente por sua atuação à frente da "Operação Satiagraha", que prendeu empresários e políticos como Celso Pitta e o proprietário do Banco Opportunity, Daniel Dantas.

Negocia

O chefão $talinácio fechou ontem um esquema com nove senadores de oito partidos da base aliada sobre a polêmica da divisão de royalties sobre a exploração de petróleo.

Lula pediu equilíbrio aos governistas e uma saída negociada que evite as perdas impostas aos estados produtores pela chamada emenda Ibsen, que redistribui toda a renda do petróleo e retira do caixa fluminense cerca de R$ 7 bilhões.

Caso não vingue o acordo, Lula prefere jogar para depois das eleições a discussão da divisão da renda do petróleo, a partir do desmembramento do projeto que institui o regime de partilha, separando a discussão dos royalties.

Drogas

O ministro da Cultura, Juca Ferreira, lança hoje o livro “Drogas e Cultura: novas perspectivas”.

Juca Ferreira e o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso participam de seminário para discussão do tema dos 17 artigos da publicação.

Será às 15h, no Centro Cultural São Paulo - sala Adoniran Barbosa - Rua Vergueiro, 1000, acesso pelo metrô Vergueiro

Bom exemplo dos escoteiros

A Art-Services, em parceria com a UEB – Escoteiros do Brasil - grupo Jabuti, realiza uma campanha de arrecadação de tampinhas plásticas que beneficiará a Fundação Dorina Nowill.

O valor arrecadado com a venda das tampinhas para reciclagem será utilizado pela Fundação para a produção de livros em braile.

A ação conta com a participação dos colaboradores da Art-Services que, em 40 dias, apenas na unidade de Barueri – São Paulo, juntaram 0,5 m³, o equivalente a cinco caixas de tampinhas plásticas. A ação continuará até maio deste ano.

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 23 de Março de 2010.

9 comentários:

Anônimo disse...

Deu no Giba Um

New Dilma
A ministra-candidata já exibe alguns primeiros resultados da assessoria de imagem contratada pelo marqueteiro João Santana: nesses dias, usava uma folgada blusa preta com pois brancos, com jabot à frente, calças compridas igualmente pretas e sandálias de salto mais alto do que o habitual. No rosto, um estilo mais jovem de make-up, que suaviza seu rosto. Daqui para a frente será uma sucessão de novos modelitos, mais up to date. E ainda: o padre Marcelo Rossi, da Renovação Carismática e ligado ao movimento Canção Nova, foi à comemoração dos 135 anos do Jóquei Club de São Paulo, especialmente por causa de Dilma, que está sendo apoiada pelo candidato ao Senado pelo PSB de São Paulo, Gabriel Chalita. Nas eleições à prefeitura paulista, o padre Marcelo Rossi apoiava Chalita e Geraldo Alckmin. Agora, o mesmo Chalita está arquitetando a participação da ministra numa missa dominical de Rossi, no grande templo do Socorro, bairro de São Paulo.

Anônimo disse...

Quinto dos infernos

Para quem esqueceu dos livros sobre a história do Brasil: no século 18, a colônia brasileira pagava para Portugal colonizador, um tributo equivalente a 20% de tudo o que se produzia, ou seja, 1/5 da produção, especialmente de ouro. O tributo era tão odiado pelos brasileiros que passou a ser chamado de O Quinto dos Infernos. E quando a Coroa Portuguesa quis cobrar os quintos atrasados de uma só vez, no episódio conhecido como Derrama, revoltou a população e gerou a Inconfidência Mineira, com Tiradentes morto. Agora, segundo o Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário, a carga tributária encostou em 38%, ou seja, praticamente 2/5 da produção do país. E para quem não sabe: de 1990 a 2008, a carga teve um aumento de 55,99%.

Anônimo disse...

Jornalista. Será verdade que a firma que vai fabricar as famoossaas urnas eletrônicas "made in Brazil", que não são usadas em nenhum país sério do mundo, por medo de fraudes, será a GAMECORP, do Lullinha??

Anônimo disse...

Os cofres públicos vão sangrar
23 de março de 2010 São de envergonhar as declarações de dirigentes do Internacional, de que estão atrasando as obras do Beira Rio, visando o Mundial de 2014, deliberadamente, para que recebam ajuda governamental.

Acreditam, como todos, que para evitar o vexame, o Governo brasileiro realizará uma verdadeira sangria nos cofres públicos.

Isso já aconteceu no Pan do Rio, e tem tudo para se repetir, não só na Copa do Mundo, como também nas Olimpíadas.

O Rio de Janeiro já deu a deixa, utilizando o pré-sal como desculpa.

Enquanto isso, o bovino povo brasileiro continua saindo às ruas, enrolados em suas bandeiras, com a Rede Globo no último volume, acreditando que tudo é uma maravilha.

Triste situação…

Anônimo disse...

ATENÇÃO APOSENTADOS!!Este http://www.senadorpaim.com.br/blog é o blog do senador Paim. Entrem no blog e digam o que pensam delle e do chefe delle.

Anônimo disse...

O armário está abarrotado de esqueletos, mas continuam enfiando mais e encobrindo as falcatruas.

Cada vez mais é necessário passar esses últimos anos a limpo e colocar esses bandidos na cadeia, que é o lugar deles.

Enquanto isso gastam mais e mais com a terrorista destemperada.

Anônimo disse...

O lobão faz mais uma, inventa um Conselho Deliberativo, inventa sim! Porque a eleição ocorrida no dia 15 de janeiro de 2010 na ABI - e que elegeu o CAP ARANTES presidente em votação democrática por decisão pautada na determinação da 10ª Vara Civel do RJ está em pleno vigor e só aguardando a passagem de titularidade da CBPMERJ para o CAP ARANTES! Agora através um (Jornal) de dubia interpretação, pois não possui nenhuma pesquisa real dos fatos, vem à público desinformar aos associados que a CBPMERJ tem um novo presidente, o senhor Pedro Chavarry Duarte, ora como ele foi eleito presidente se nem mesmo podia ser candidato pois está movendo ação contra a CBPMERJ na Vara d Capital/RJ e por isso ferindo o Estatuto em seu Capítulo XX - DS ELEIÇÕES - Art. 29ºNão serão aceitos como candidatos os associados que estiverem movendo ações em face da CAIXA BENEFICENTE DA POLÍCIA MILITAR, logo, não precisa ser advogado ou juiz ou até desembargador para notar que a referida eleição pelo CD presidenciado pelo Senhor NIELSEN VILELA é mais um embuste do Senhor LOBÃO com o intuíto de continuar à frente da CBPMERJ, usando de mais um meio ilícito e vejam bem, ele está cheio de ilícitos(10ª, 42ª, 43ª Vara Civeis, isso sem contar a o processo 0002821-96.2010.8.19.0203 da 1ª Vara Criminal de Jacarepagua - Crime contra a economia popular e etc..), não cumpre as determinações judiciais e ainda diz desconhecer as mesmas! Entao senhores associados e autoridades competentes, comptetentes sim! Socarram a nossa CAIXA BENEFICENTE enquanto é tempo, pois agora na primeira fala desse suposto novo presidente já vem a noticia dita por ele mesmo que pretende vender a nossa POUSADA DA ILHA GRANDE, assim como fez o LOBÃO com o SITIO MACEMBÚ e que por mistério o dinheiro desapareceu como passe de mágica!!! Ora, o que estamos esperando? Temos que gritar por ajuda! Ajuda de todos os associados que estão sendo vilependiados nos seus direitos, de voto, pois votaram em 15 de janeiro de 2010 e nos seus direitos legais de receberem seus peculios e beneficios que não são pagos apesar de todo mes serem repassados os nossos descontos para as mãos desses que lá estão e que não cumprem com suas obrigações!! Muito obrigado!

30 de março de 2010 18:48

Anônimo disse...

Amigos associados da CBPMERJ
É uma vergonha o que vem ocorrendo com o que sobrou de melhor dos associados, as pousadas. A da Ilha Grande, nem se fala, aguardando para ser comercializada, a de Cabo Frio, administrada por um ex cozinheira, filha do Lobão ou Mister M, como esta sendo aclamado pelos associados, porque some com todo o repasse. A pousada esta totalmente largada as moscas, as traças com camas caindo, sem geladeiras, sem salão de jogos, etc...Temos muitas saudades do antigo administrador, que por sinal é civil mas vestia a camisa da corporação como um Coronel..Abre o olho Presidente Chavarry...Se quizer enriquecer sua candidatura e salvar as pousadas, procure peli antigo adminstrador de Dunas e dê a ele o cargo merecido, que deveria ser ocupado por ele a mais tempo. Em nome de todos os associados, peço-lhe este pequeno favor, para que pelo menos, nossa vida seja por alguns momentos de tranquilidade, atenção e alegria como a pousada era anteriormente...Pense nisso Presidente...Muito obrigado, Cap.

Anônimo disse...

Estive nas pousadas da CBPMERJ ,se esteve lançado as moscas ,esta bem melhor ,então. Peguei limpa ,pintada ,roupas de limpa e apartamento limpo. Acho q a nova administração esta mudando muita coisa.