segunda-feira, 14 de junho de 2010

$talinácio fará média com sindicalistas e aposentados mantendo o fator previdenciário e vetando aumento

Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net
Leia também o Fique Alerta – www.fiquealerta.net (atualizado nesta Segunda)

Por Jorge Serrão

Contrariando sua base aliada “trabalhista” e os companheiros pedetistas da candidata Dilma Rousseff, o chefão $talinácio da Silva deve matar o bolso dos velhinhos. É forte a tendência pelo veto presidencial ao reajuste de 7,72% às pensões e aposentadorias do INSS superiores ao salário mínimo. Lula também deverá vetar o fim do fator previdenciário, aprovado pelo Congresso, junto com o aumento dos benefícios.

Lula prefere ficar bem com sua equipe econômica – que o pressiona para aplicar os vetos. $talinácio fará mais um malabarismo jurídico-político. $talinácio só toma tal decisão porque Dilma subiu nas pesquisas. Do contrário, mandaria para o PT que os pariu os burocratas da Fazenda e do Planejamento. $talinácio fingirá que cumpre o acordo com as centrais sindicais e representantes do aposentados, matendo os 6,14% de reajuste qus os pensionistas e aposentados do INSS já estão recebendo. Só não pagará o percentual aprovado pelo Congresso.

O governo só vai definir hoje qual o instrumento jurídico usado para garantir o aumento dos benefícios. Para fazer média com 8 milhões de idosos que sobrevivem com o salário-mínimo, o esperto $talinácio pode até assinar uma nova Medida Provisória, da qual conste um reajuste de 7%. Este é índice que o governo, em acordo com os aliados no Congresso, teria chegado a aceitar, mesmo com a discordância do ministro do Planejamento, Paulo Bernardo.

Tudo é demagogia. Interessados nos votos nas urnas e sempre se lixando para as contas públicas, os congressistas ampliaram o reajuste de 6,14% que o governo concedeu, no início do ano, às aposentadorias e pensões do INSS acima de um salário mínimo. Se Lula não vetar o aumento, o gasto atual de R$ 6,7 bilhões terá um custo adicional de R$ 1,8 bilhão. O raciocínio hoje será definir se o cofre do INSS merece o sacrifício para dar uns milhões de votinhos a mais para Dilma.

Soltinha

A ex-advogada Jorgina de Freitas – acusada de comandar uma quadrilha que desviou cerca de R$ 310 milhões do Instituto Nacional do Seguro Social – já pode ser nomeada ministra da Previdência.

A ex-procuradora do INSS que liderou uma fraude ao emitir pagamentos de falsas indenizações já está soltinha da Silva.

Depois de cumprir 14 anos de prisão, em regime fechado, por seus crimes, Jorgina foi libertada no sábado.

Ainda com os bens

Recentemente, a 27ª Vara Federal do Rio de Janeiro, decidiu que os bens de Jorgina irão a leilão para cobrir o rombo direto da acusada de R$ 200 milhões aos cofres públicos.

A Justiça estima que 70% dos bens dela tenham sido adquiridos com o dinheiro da fraude.

O INSS só conseguiu recuperar R$ 80 milhões desviados pela quadrilha.

Artigos de Hoje

Leia, abaixo, os artigos desta edição do Alerta Total:

A Marcha da Estupidez

A luta (de classes) continua

O crescimento mundial do islamismo

Cabras marcados para perder

Demagogia dos Royalties

A Organização dos Municípios Produtores de Petróleo (Ompetro) entrará com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal para impedir a votação da redistribuição dos royalties pela Câmara dos Deputados.

A ação será ajuizada hoje, alegando inconstitucionalidade na proposta aprovada pelo Senado na última quinta-feira.

A medida agrada a Lula, para que não seja obrigado a vetar ou sancionar a regra – gerando desgaste político.

Lacerda biográfico

Pela editora Nitpress, será lançado hoje, no Rio de Janeiro, o livro “Lacerda na Era da Insanidade”, do jornalista Francisco José Guimarães Padilha, com orelha assinada por Zuenir Ventura.

Ao longo de 340 páginas, Padilha fez questão de acrescentar a visão de outros jornalistas como Hélio Fernandes, Alberto Dines, Cicero Sandroni, Murilo Mello Filho, Maurício Azedo, Zuenir Ventura, Milton Coelho da Graça, Ayrton Baffa, Ely Azeredo, Nelson Lemos, Dilson Ribeiro e Nilo Dante sobre quem foi Carlos Lacerda.

O lançamento será a partir das 18 horas no salão do 11º andar da sede da ABI.

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 14 de Junho de 2010.

Um comentário:

Anônimo disse...

Vai Tuminha, vai Tuminha, fala tudo, mas tudinho mesmo. Só quero ver se vai falar mesmo, daqui a pouco é agraciado com benesses e tudo é esquecido. Fala Tuminha, fala Tuminha, fala tudo, estamos esperando, precisamos de gente não vendida, corajosa e varrer a lama que suja esse país...


Maria Cristina SP