quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Cmind denuncia que TSE sonega dados dos Registros Digitais do Voto sob suspeita de fraude na eleição de 2006

Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net
Leia também o Fique Alerta – www.fiquealerta.net (atualizado nesta quarta)

Por Jorge Serrão


Além de uma apuração rápida dos votos, que já nos oferece com o sistema eletrônico de votação, o Tribunal Superior Eleitoral deveria propiciar uma apuração conferível pela sociedade. A tese é insistentemente repetida pelo engenheiro Amílcar Brunazo Filho, membro do Comitê Multidisciplinar Independente – Cmind -, que agora lança mais uma denúncia contra o TSE: a sonegação de informações sobre os arquivos dos Registros Digitais do Voto (RDV) das urnas de cinco Estados onde ocorreu claro indício de fraude eleitoral na eleição de 2006.

Em dezembro de 2006, depois de descoberto os problemas de funcionamento das urnas de Alagoas, o PDT através da adogada Maria Cortiz, deu entrada com a petição PET 2722/2006 no TSE, solicitando receber os arquivos dos Registros Digitais do Voto (RDV) das urnas de cinco Estados. Passados 3 anos e 10 meses daquela eleição o TSE finalmente respondeu a petição, negando-a. Amílcar Brunazo ironiza que os membros do TSE, publicamente, sempre afirmam que os RDV estão a disposição para os partidos que quisessem conferí-los. Só o Secretário de Informática do TSE anunciou isso em três audiências públicas na Câmara dos Deputados.

Amílcar Brunazo reclama que o TSE simplesmente se recusou a cumprir o que sempre prometera. O engenheiro recomenda que quem quiser conferir basta visitar o site do TSE, entrar em Acompanhamento PUSH, digitar o nº 2722, clicar em PET 2722 e ver o andamento que transcrevo abaixo. Amílcar sintetiza sua bronca com a Justiça eleitoral no Brasil: “Transparência Eleitoral são apenas duas palavras que o administrador eleitoral repete sem se importar com o verdadeiro significado”.

Conheça o Relatório do CMind e veja como o voto não é tão seguro como o propalado pela Justiça Eleitoral.

Dia do Soldado sem verba

No Forte Apache, Comandos Militares e quartéis de todo Basil se comemora hoje, economicamente, o Dia do Soldado.

Parabéns ao Exército Brasileiro cujos integrantes se esforçam para cumprir sua missão, em meio a constantes ataques ideológicos de velhos inimigos da soberania nacional, e apesar da sistemática e criminosa falta de recursos.

Nada menos que 46% do orçamento do EB estão contingenciados este ano pela equipe econômica do chefão em comando Lula da Silva.

Alô, Doutor Leão

Luiz Otávio Borges envia um desafio a ser vencido por qualquer Delegado da Receita Federal disposto a contribuir, decididamente, para o aprimoramento do Controle Social e para a construção de um Brasil sem corrupção.

O desafio está contido em um áudio, com duração de 3 minutos e 44 segundos, que "transformou" em vídeo, para poder adicioná-lo ao YouTube.

http://www.youtube.com/watch?v=pAhCWClfz0Q

Volta ao Palácio

O chefão Stalinácio volta a despachar no Palácio do Planalto, após um ano e meio de reforma no prédio.

A área do gabinete presidencial ficou maior, mas o espaço ocupado por Lula não sofreu mudanças.

Lula optou por manter no gabinete presidencial os móveis comprados na época de Getúlio Vargas e resgatados pelo ex-presidente José Sarney.

Modificações

A reforma do Planalto custou R$ 96 milhões e deveria ter sido concluída no fim de fevereiro, mas a obra só ficou pronta no mês passado.

Boa parte dos móveis foi restaurada, mas o governo gastou R$ 3 milhões para comprar peças novas.

O projeto da reforma foi feito pelo escritório de Niemeyer, que custou R$ 1 milhão.

Embora aparentemente a restauração esteja bem acabada, é possível identificar gesso trincado no Salão Nobre, esquadrias mal pintadas no Salão Oeste, colunas arranhadas e com respingos de tinta ou resto de pó no mezanino, bem em frente ao gabinete do presidente, além de um buraco no teto do Salão Nobre, por onde caíam fios de internet e energia elétrica.

Garotinho condenado

Mesmo condenado a dois anos e meio de prisão por formação de quadrilha (convertidos a serviços à comunidade e suspensão de direitos), o ex-governador Anthony Garotinho poderá concorrer normalmente e se eleger, facilmente, deputado federal.

Garotinho, o ex-deputado-delegado Álvaro Lins e mais oito envolvidos foram condenados em processo da 4ª Vara Federal do Rio por crimes de formação de quadrilha, corrupção e lavagem de bens

Garotinho já tinha sido condenado pelo TRE-RJ por abuso de poder econômico e uso indevido dos meios de comunicação, o que o deixaria inelegível por três anos, se não tivesse obtido uma liminar do TSE para recorrer e disputar a eleição normalmente.

Lins na pior

Ex-chefe de Polícia Civil do Rio e deputado estadual, Álvaro Lins foi condenado a 28 anos de prisão (por formação de quadrilha armada, corrupção passiva e lavagem de bens).

Lins foi pego pela Operação Gladiador, da Polícia Federal, e a Justiça atestou a prática de crimes como facilitação de contrabando (a exploração de caça-níqueis pelo grupo de Rogério Andrade não era reprimida) e corrupção ativa e passiva.

O procurador da República Leonardo Cardoso de Freitas comemorou a decisão judicial:

"A sentença é positiva e reflete uma conquista no combate à corrupção e à impunidade no país. Não obstante, o MPF já recorreu, entre outras coisas, para aumentar a pena de alguns dos condenados, entre eles o ex-governador Anthony Garotinho".

Impostura

Um país que arrecada cerca de 320 bilhões anuais através de impostos, que equivalem a 35% do PIB, deve ter transparência em sua tributação.

Hoje, 89% da população brasileira tem consciência de que paga impostos, no entanto, não tem a menor ideia do quanto paga de tributos.

As pessoas que recebem até dois salários mínimos gastam a metade (aproximadamente 54%) do seu salário somente para pagar impostos embutidos - segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

Tais questões foram debatidas ontem pelo Instituto Millenium, que promoveu seu V colóquio: “Impostos, Consumo e Cidadania”, com Raul Velloso (economista), Alberto Carlos Almeida (cientista político), Guilherme Fiúza (jornalista e escritor ), Jorge Maranhão (publicitário), Luiz Felipe D´Ávila (presidente do Centro de Liderança Pública) e Fernando Bertuol (presidente da Associação de Classe Média).

Barcos tomados

Serginho Cabral baixou decreto desapropriando dois catamarãs da empresa Transtur, que estavam parados desde 2008, para reforçar o transporte aquaviário entre o Rio e Niterói.

Ainda não há informações sobre quando as duas embarcações entrarão em circulação no trajeto.

Os catamarãs são mais rápidos do que as embarcações da Barcas S.A., e operaram até 2008 no transporte de passageiros entre as duas cidades.

Fundo para UPPs

O governo Cabralzinho criou de um fundo para a realização de obras de infraestrutura nas Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs).

O governo promete que o dinheiro doado por cinco empresas - Grupo EBX, Bradesco Seguros, Coca-Cola, Souza Cruz e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) - será usado na construção e reforma de prédios que serão usados pelos policiais das UPPs.

Só o Grupo EBX, do empresário Eike Batista, comprometeu-se a doar R$ 20 milhões por ano até 2014 para a implantação de UPPs em todo o estado.

Excelente negócio para o banco que deve administrar o fundo – cujo nome não foi ainda revelado...

Chavismo argentino

A presidente argentina Cristina Kirchner apresentou ontem o relatório "Papel Prensa, a verdade", de mais de 20 mil páginas, em que acusa os donos dos principais jornais do país de crimes de lesa-Humanidade.

O texto afirma que os jornais "La Nación", "Clarín" e "La Razón" - que se declarou em quebra em 2000 - foram cúmplices dos militares para assumir, em novembro de 1976 e de forma ilegal, a empresa Papel Prensa.

Para os diários "Clarín" e "La Nación, Cristina segue seu plano do governo para expropriar a empresa - na qual os jornais investiram US$ 140 milhões - e, assim, poder "controlar e manipular" os meios de comunicação.

A Papel Prensa

Criada em 1972, a Papel Prensa fabrica e fornece papel para 170 jornais argentinos, abastecendo 75% do mercado.

Seus principais acionistas são "Clarín" (49%), "La Nación" (22,5%) e o Estado argentino (27,5%).

Agora, o governo questiona a legitimidade da aquisição da empresa - ocorrida há 34 anos -, alegando que os antigos donos foram praticamente obrigados a vendê-la por estarem sendo perseguidos pela ditadura.

Velho Bareiro Sem defesa

O presidente paraguaio, Fernando Lugo, trocou ontem seu ministro da Defesa, enquanto o Congresso se preparava para destituí-lo por mau desempenho de funções.

O ministro Luis Bareiro Spaini se ferrou porque a Câmara dos Deputados aprovou um processo político contra ele, enquanto o Senado se preparava para julgá-lo depois do roubo de três fuzis de guerra de uma unidade militar.

Bareiro será substituído hoje por Cecilio Pérez Bordón, general na reserva que ocupava o vice-ministério da Defesa e que foi chefe do Exército durante o governo do antecessor de Lugo, Nicanor Duarte.

Retorno rápido

A ministra Carmen Lúcia Rocha, do Tribunal Superior Eleitoral, reconduziu ontem o prefeito de Rio das Ostras (RJ), Carlos Augusto Baltazar, ao cargo.

Ele tinha sido afastado da função, no último sábado, por decisão do TSE, no processo de cassação que responde por ter divulgado numa rádio local, durante o período eleitoral, anúncios de eventos tradicionais da cidade promovidos pela prefeitura.

Carlos Augusto agora pode permanecer no cargo até o julgamento do mérito da questão.

Plataforma do consumidor

Está no ar a Plataforma dos Consumidores para os candidatos à Presidência da República nas eleições de 2010, elaborada pelo Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor) e demais entidades do Fórum Nacional de Entidades Civis de Defesa do Consumidor (FNECDC).

O objetivo é que todo eleitor possa participar enviando as propostas para os candidatos.

O endereço do hot site especial é: http://www.idec.org.br/campanhas/facadiferenca.aspx?idc=16

Gastando fora

Os gastos dos brasileiros no exterior atingiram US$ 1,54 bilhão (cerca de R$ 2,7 bi), no mês de julho e bate um recorde histórico.

Desde 1947, quando o Banco Central iniciou a medição, não se gastava tanto em 30 dias.

A valorização do real em relação às principais moedas mundiais é um dos fatores que contribui para o aumento do gasto dos brasileiros nas férias de julho.

Devagar com o andor

No entanto, especialistas recomendam cuidado na hora de comemorar a notícia:

Para Olavo Henrique Furtado, coordenador de pós-graduação e MBA da Trevisan Escola de Negócios, a boa situação econômica do Brasil e o dólar fraco alavancaram estes índices.

No entanto, é importante entender que há um processo de internacionalização do Brasil em todos os campos, inclusive o turístico. O País sempre foi destino de turistas. Inverter este quadro não é uma tarefa fácil. Bom será quando conseguirmos mandar turistas para o exterior da mesma maneira que recebemos aqui. O importante é o fluxo continuo de entradas e saídas, como é na Europa”.

Combate ao Jabá

Músicos pediram ao ministro da Cultura, Juca Ferreira, que insista na proposta de lei que criminaliza a “compra” dos espaços nos meios de comunicação para veiculação repetitiva de uma música ou de um artista.

O mecanismo, conhecido como “jabá”, dificulta o acesso de outros artistas às rádios e televisões, impedindo que a população tenha acesso à diversidade de produções realizadas no país.

Além disso, como a arrecadação dos direitos autorais se dá pelo número de vezes que a obra é executada, o aumento desse número de forma artificial faz ganhar mais quem paga “jabá” - o que configura um cenário de competição desleal.

Debate de Direito autoral

Na proposta de modernização da Lei de Direitos Autorais (Lei 9.610/98), o Ministério da Cultura (MinC) defende a supervisão estatal sobre as entidades que arrecadam direitos autorais.

Entre os 19 países da América Latina, o Brasil é o único em que não há regulação da atividade de gestão coletiva de direitos autorais.

O anteprojeto de lei está em consulta pública até o próximo dia 31, no endereço www.cultura.gov.br/consultadireitoautoral.

Marcas em discussão

A GfK, 4ª maior empresa de pesquisa de mercado no Brasil e 4º maior grupo mundial do setor, participa hoje do Fórum ABA Branding 2010, maior e mais importante encontro anual sobre construção de marcas do Brasil.

Mario Mattos, Diretor de Marketing, e Merlin Flor, Diretora da Área Qualitativa da GfK CR Brasil, vão falar sobre o papel das marcas no mundo atual.

O Fórum ABA Branding 2010 acontece hoje e amanhã, no Centro Britânico Brasileiro, em São Paulo.

O objetivo do evento é discutir e apresentar as técnicas e ferramentas mais avançadas de Branding, com cases brasileiros e internacionais de marcas que se tornaram importantes diferenciais competitivos em diversos segmentos.

Noronha em documentários

O cotidiano e a realidade dos moradores do Arquipélago de Fernando de Noronha (PE) e os mais de cinco séculos de sua história são os temas dos documentários "O Paraíso é Isso!" e "Dossiê Noronha", dirigidos pela jornalista Ana Paula Teixeira.

Os filmes serão exibidos na ilha no próximo sábado (28), no auditório do Centro de Visitantes do Projeto Tamar (Alameda Boldró), das 19h00 às 20h30, com acesso gratuito ao público.

Para mais informações, basta acessar o blog dedicado aos projetos audiovisuais da diretora: www.curtamuito.com.

SESI-British Council

Introdução às Técnicas Dramatúrgicas é o título do workshop que a atual coordenadora e consultora literária do Núcleo de Dramaturgia SESI-British Council, Marici Salomão, ministrará nos dias 31 de agosto, 2 e 3 de setembro de 2010, das 18h30 às 21h30, no Centro Cultural Fiesp – Ruth Cardoso.

Os encontros permitirão aos aprendizes entrar em contato com as principais ferramentas da escrita para o teatro, fornecendo o percurso da escolha do tema à criação do texto - passando por enredo, personagens e diálogos.

O evento integra as atividades do Núcleo de Dramaturgia SESI-British Council, projeto criado em outubro de 2007 e voltado para a descoberta e desenvolvimento de novos autores de teatro.

Talentos da maturidade

Até 30 de setembro, o Santander está com as inscrições abertas para a 12ª edição do Talentos da Maturidade, concurso artístico e cultural que tem o objetivo de estimular o protagonismo de pessoas com 60 anos ou mais.

Para participar, basta fazer a inscrição pelo site www.talentosdamaturidade.com.br ou em qualquer agência de bandeira Santander ou Banco Real.

A premiação será de R$ 7 mil para os autores das cinco melhores obras de cada modalidade.

Lembrai-vos de Gegê

Quem gosta de História deve aproveitar duas oportunidades virtuais.

Vale a pena ver os vídeos Carta Testamento e Imprensa Nacional

Os trabalhos lembram o suicídio de Getúlio Vargas, em 24 de agosto de 1954.

Releia, também: A Carta Testamento de Getúlio Vargas

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 25 de Agosto de 2010.

4 comentários:

Anônimo disse...

GOVERNO DO PT.

O governo compra votos, "curral eleitoral" ai chama de programa social.

O governo é contraventor, " jogo de azar" ai chama de lateria da caixa.

O governo é agiota "empresta dinheiro a juros" ai chama de empréstimo consignado.

O governo é caloteiro "não paga o que deve" ai chama de precatório.

O governo pratica extorção "inventa impostos, cobra com taxas, multas e juros" ai chama de imposto de renda.
O governo financia a violência "MST" Ai chama de reforma agrária.
O governo é desigual "financia e isenta de impostos certos grupos. Ai chama de entidade filantrópica.
O governo é arbitrário. "cotas" Ai chama de inclusão social.

Anônimo disse...

Coluna do Sebastião Nery de hoje está SUPIMPA!!!

ISABELITA DO PT


Aqui: http://www.sebastiaonery.com.br/

Anônimo disse...

Lula disse hoje, que mais um ano e chamaria os militares de camaradas ...

Nunca pensei na vida, que fosse ver as forças armadas de quatro e chefiados por uma guerrilheira infâme.

Anônimo disse...

Se alguém mexer nisso aí, vai descobrir que as eleições presidenciais passadas foram fraudadas, pois, ouve o mesmo número de votos e menos de um terço voltou às urnas no segundo turno.