sábado, 5 de março de 2011

O Verdadeiro Exército Nacional ainda existe?

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net


Por Glacy Cassou Domingues

O Verdadeiro Exército Nacional ainda existe? Estes dias tive oportunidade de ler o que ANTES eram normas do EXÉRCITO BRASILEIRO.

1 – UMA NAÇÃO TERÁ SEMPRE UM EXÉRCITO.
2 – A GUERRA SEMPRE EXISTIU , E VAI CONTINUAR EXISTINDO. UM EXÉRCITO PODERÁ PASSAR SÈCULOS SEM SER EMPREGADO. MAS, NÃO PODE PASSAR UM SEGUNDO SEM ESTAR EM CONDIÇÕES DE ENTRAR EM OPERAÇÃO.

3 – NÓS NÃO QUEREMOS A GUERRA, MAS LEMBREM-SE: QUANDO A ARMA QUE MATA DEFENDE A LIBERDADE DE VIVER, OS SANTOS CHORAM, MAS NÃO ACUSAM.

Estas palavras que definem O QUE É o DEVER e FIM de um EXÉRCITO, deveriam estar em todas as paredes – internas ou externas – dos quartéis, ou qualquer outra dependência militar. Principalmente no momento crucial que vive a o país, sendo entregue ao inimigo NUNCA disfarçado, onde estão aqueles que tiveram uma formação SEMPRE voltada para a DEFESA da Pátria?

Foi SER militar, quem QUIS. Destacaram-se os que SEMPRE tiveram CONDIÇÕES de SER. Nas FFAA, NUNCA houve oportunidade para um parente, ou amigo, usar um tamborete no refeitório ou qualquer outro lugar. O militar É o profissional mais bem preparado para BEM exercer a profissão. Desde Tenente, o militar tem cursos para as várias atividades que poderá exercer enquanto estiver na ativa.

O Soldado que presta serviço militar obrigatório – se desejar – quando Cabo, pode fazer o curso para Sargento e chegar a Capitão. Os oficiais quando tenentes, têm à sua disposição diversos cursos que enriquecem sua Folha de Serviço. Quando Capitães fazem a ESAO, para chegar a Ten. Cel. Se mais desejarem, a ECEME. Qualifica-os para a promoção a General. Neste posto, a promoção é por MÉRITO. O regulamento militar è UM Só para todo o efetivo, conforme o posto.

Foi ESTE Exército que conheci. Por isso, é com imensa tristeza que acompanho há dez anos escrevendo no Grupo Guararapes, assistindo o momento que vive o País. Até aqui, não conhecia Generais que se curvam diante de ordens de gente(?) que NADA sabem de AMOR À PÀTRIA, mas pretendem saber como anulá-las

Generais do ALTO COMANDO, esqueceram o 1º quesito sobre o EXÉRCITO? “ UMA NAÇÂO TERÀ SEMPRE APENAS UM EXÈRCITO; O SEU, OU DE OUTRA NAÇÃO”

Glacy Cassou Domingues, Esposa de General, é membro do Grupo Guararapes.

3 comentários:

Anônimo disse...

BOA TARDE ! NUNCA COMENTEI NESTE CONCEITUADO ESPAÇO, SEMPRE ACOMPANHO , POREM ... ESTE TEXTO , COM LICENÇA DO LINGUAJAR , PQP , IMPECAVEL ... TRISTE FIM PARA ESTA NAÇÃO.... E SALVE O VALOROSO FAL , ( QUE ESTA EM REPOUSO , PERPLEXO ). C. O. /CTBA/PR .

José disse...

Não, já não temos militares, tenham lá santa paciência. O que hoje se vê, são servidores publicos com hora de entrada para o serviço e hora de saída para folga!

Lá por usarem uma farda verde oliva, não os qualifica como sendo militares. São apenas roupas de garis, de moleques, de faxineiros, de politicos, mas JAMAIS de militares e de combatentes.

Temos uma Escola de Guerra mas ninguém interessado em fazê-la. Sujar a roupa? Poder levar um tiro? Rastejar? Credo! Tanto machismo? Sujar as mãos com graxa de limpar armas? Uiiii! Isso não! Preferem intrigas palacianas, intrigas nas casernas, no Forte Apache, fofocas maldizentes, corte e costura, puxa sacos e pouco mais. Militares, não temos. Podemos ter coisas que querem brinquedos caros mas que resumidamente, nem dão para defender um campo de futebol, quanto mais uma nação continental. Enfim, temos abortos travestidos de verde oliva que nos saem muito caros. Deveriam vestir roupa civil e ir morrer longe. Para isso já nos chega a classe política gigolô!

Guerra? Ké isso!! Juramento? Ora, estava bebado, sabia lá o que dizia.

Anônimo disse...

Neste sábado (5), um forte esquema de segurança protege a área em volta da Barreira do Inferno (RN), onde a presidente Dilma Rousseff descansa neste carnaval. Jornalistas encarregados de acompanhar a presidente alugaram uma lancha para tentar se aproximar do local pelo mar, mas foram barrados por uma embarcação da Marinha a cerca de oito quilômetros de onde está a presidente. Dilma passa o carnaval na praia, acompanhada da filhaPaula, do genro, e do neto Gabriel. A presidente não deve ter compromissos oficiais durante o feriado. (Foto: Ed Ferreira/Agência Estado/AE)


http://g1.globo.com/politica/noticia/2011/03/dilma-passa-o-carnaval-sob-forte-esquema-de-seguranca.html


ELES NÃO TEM VERGOHA, HONRA E PUDONOR MILITAR.
SÃO CCC
(compráveis, covardes cafagestes)