domingo, 19 de fevereiro de 2012

Carta Aberta ao Prefeito Eduardo Paes

Artigo no Alerta Total – http://www.alertatotal.net
Por Américo Chaves

O conheci menino na Barra da Tijuca, seu modo idealista em corrigir erros da política me fez acreditar que seria diferente dos outros políticos.

Minha primeira surpresa foi em sua campanha para Prefeito, pela forma agressiva com quem não merecia.

Ponderei, que no calor da luta muitas vezes comete-se erros, devido a juventude.

Acreditei, acredito no seu valor pessoal voltado para o trabalho. Realmente, acorda cedo, trabalha sem hora para parar, é competente no que faz, é determinado. É indiscutível.

O conheço de menino, de juventude como colega de turma de meu filho na PUC.

Diante da nomeação do Ex-Ministro do Trabalho Carlos Lupi para Prefeitura do RJ, quero confessar, que o garoto que conheci mudou sua postura completamente.Decepciona-me de forma irreversível e contumaz.

Pesa sobre o ex-ministro fortes acusações de corrupção, de malversação do dinheiro público. Isto é muito grave. Não acredito que não sabia, mesmo como discípulo do ex- presidente.

Mesmo após declarar que amava a Presidente Dilma, a Presidente possuiu a dignidade em o demitir, você DUDU, o admite em alto cargo na Prefeitura do Rio de Janeiro, fazendo-me pagar compulsoriamente o seu polpudo salário, com os meus impostos que arrecada, como empresário, como cidadão normal pagando IPTU etc......

Sinceramente, me repulsa esta sua conduta. Os motivos que o levaram a nomear este "cidadão" não me interessa, mas posso afirmar que o descredencia com seus munícipes conscientes com a cidadania.

Isto é uma vergonha. A Presidente o baniu, e o Prefeito da minha cidade o acolhe em sua administração.

Desculpe-me Eduardo Paes: Não concordo com esta nomeação.

Ao mesmo tempo, repudio com veemência esta atitude de fraqueza, ou de interesses menores, próprios daqueles que perderam a personalidade.

Apresento minha total decepção. Aguardo seu pedido de desculpas, admissão do erro.

Também aguardo seu novo decreto exonerando-o do cargo. É seu dever com sua consciência e lealdade para com seus munícipes,

Americo Chaves é Presidente do CEPEN.

Um comentário:

Martim Berto Fuchs disse...

Sr. Américo, como o sr. bem sabe, o mal se corta pela raiz e no Brasil apenas podamos por alto. Enquanto não atacarmos as causas que permitem a sucessão interminável de malfeitos como esse, nada vai mudar, os efeitos continuarão a se fazer sentir.
O mal está no nosso sistema político, que permite os cafagestes se auto-proclamarem governantes, pois são somente e sempre eles os candidatos.
Chamam esta farsa de eleição, quando não passa de um referendo que nos obrigam participar, para depois poder jogar a culpa nas nossas costas.

http://capitalismo-social.blogspot.com/