domingo, 20 de maio de 2012

A Arte da Guerra pelos 135%

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net  
Por Sarides Freitas

A Constituição Federal, Art. 37 X e a Lei 10.331 de 18 de dezembro de 2001, tornam obrigação do Executivo, revisar os soldos dos militares anualmente em janeiro.

Por revanchismo a esquerda de FHC, Lula e Dilma, negam cumprir a Lei Maior. Isto vem se prolongando por onze longos anos, gerando uma defasagem de 135% nos soldos das Forças Armadas.

Os simulacros de autoridades revestidos de poder para defender o cumprimento da Lei Maior, tergiversam...

Por não ter nenhuma esperança de que haja iniciativa, seja da presidente da república, do ministro da defesa, ou dos comandantes militares, para REVERTER ESTA INCONSTITUCIONALIDADE e atender os anseios da tropa, passei a cobrar destas autoridades o cumprimento da Lei.

Por fidelidade ao meu Comandante, enviei carta com um apelo:

http://www.militar.com.br/blog14982-A-Carta-ao-Comandante-Inteiro-Teor

A repercussão via internet excedeu a expectativa. Resultado efetivo inexpressivo. Pronunciamentos que antes não existiam e promessas de estudo... Nada digno de quem comanda o Glorioso Exército Brasileiro.

Indignado com tamanha afronta à Constituição Federal, e descaso com os militares, em explícito revanchismo, reportei-me a Comandante em Chefe das Forças Armadas através:

http://www.militar.com.br/blog16332-Carta-%C3%A0-CMT-Em-Chefe-das-FFAA-Assunto-Reajustes-dos-Militare

Efeitos práticos? Nenhum! Novamente apenas pronunciamentos vazios...

Por onze anos deixaram de prever no Orçamento Geral da União, verba destinada à revisão anual em janeiro, de que trata a Lei 10.331 de 18 de dezembro de 2001.

Tergiversação é conduta permanente dos descompromissados com a honra.

Não vejo honra em quem descumpre a Lei maior do País e segrega o próprio Exército.

Em nova tentativa de ver a Constituição ser cumprida e atender as prementes necessidades da tropa, iniciei no Portal Militar: http://www.militar.com.br/blog-de-Castelo_Branco-6523, o movimento de conscientização dos congressistas para incluir no Orçamento de 2013, verba para revisão dos nossos soldos; estamos enviando apelo para a Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização.

http://www2.camara.gov.br/atividade-legislativa/comissoes/comissoes-mistas/cmo/fale-conosco/form_faleconosco2

Temos recebido respostas de apoio de alguns congressistas...

O prazo para a inclusão no Orçamento esgota em agosto!

Creio ser este o último recurso democrático...

SENADORES E DEPUTADOS: CONTAMOS COM VOSSAS EXCELÊNCIAS!

Refletindo sobre medidas recentes da cúpula do executivo federal, ponderei alguns pontos sobre a estratégia do nosso potencial "inimigo".

Nosso "inimigo" nos fez acreditar que não haveria REVANCHISMO, prometendo publicamente que MANTERIA UMA POLÍTICA SALARIAL COMPATÍVEL, porém quebrou sua promessa.

Nosso "inimigo" disse que não poderia arcar com nosso reajuste, pois não teria recursos, porém aprovou via Medida Provisória o aumento de 1,5 bilhões de reais para servidores do executivo.

Nosso “inimigo” disse que não pode revisar nossos soldos, defasados em 135%, mas DOA UM BILHÃO TREZENTOS E SESSENTA MILHÕES DE DÓLARES, AOS IRMÃOS CASTRO (CUBA).

Nosso "inimigo" se contradiz e retalia as FFAA, esquecendo do árduo trabalho desta Instituição para evitar O CAOS NO PAÍS.

Mas como dobrar um "inimigo" erguido pela maioria dos eleitores do País?

Uma coisa é certa, não há arma democrática mais poderosa que a opinião pública, e esta, respeita nossa Instituição pela honestidade de quem a integra, e pelo nosso trabalho DE APOIO À POPULAÇÃO.

Se a opinião pública nos respeita, vamos nos valer dela para galgar o respeito do nosso "inimigo" e forçá-lo a reajustar nossos soldos.

11 anos é tempo demais!

Então vamos conscientizar a população DOS RISCOS QUE O PAÍS ENFRENTARÁ SE O GOVERNO CONSEGUIR DESTRUIR AS FORÇAS ARMADAS COMO PLANEJA. O desmonte das FFAA é revanchismo, porque dinheiro tem! Só está sendo desviado pelo governo para outros fins (?).

Se o próximo passo do "inimigo" FOR NOS HUMILHAR com revisão que pareça esmola, vamos retrucar divulgando (DE FORMA NÃO DEMOCRÁTICA) o quanto o desgoverno desvia nas "cachoeiras" desta “república”.

Nossos serviços de INFORMAÇÕES estão bem municiados...

Se em penúltima instância for usado o recurso anterior, e este não lograr êxito, o próximo passo com certeza não será democrático!

Em última instância, o recurso será DELETÉRIO...

ULTIMA RATIO!

FFAA! 135% JÁ!

ESTA LUTA É NOSSA! JUNTOS SOMOS FORTES!Reivindicar um direito não é crime! Só queremos o que a inflação nos tomou! Siga-me: http://twitter.com/@SGTSARIDES

Sarides Ferreira de Freitas é 2º Sargento Reformado do EB.

Nenhum comentário: