sábado, 5 de maio de 2012

Só há um caminho

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net Por Antonio Antunes

Faz pouco tempo, um animal-bandido travestido de policial militar, em Campo Grande, seqüestrou e estuprouuma moça que estava em companhia do namorado. Horas após ser preso, este animalpasseava pela delegacia da qual se evadiu com a cumplicidade de outrospoliciais.
É hora de o Brasil deixar de ser este país de miseráveis e se transformar em primeiro mundo.

Este animal tem que serfuzilado  para servir de exemplo para outros animais (o artigo 5º XLVII da Constituição já foi jogado no lixo pelo STF).  Os policiais que lhe deram fugadevem ser exonerados e presos por cumplicidade e prevaricação. O comandante dobatalhão que declarou não ver razão para prender os policiais, deve também serexonerado e preso pelos mesmos motivos. Caso o secretário de segurança seomita, deve também ser exonerado, e, se o governador se omitir deve também terseu impeachment votado e preso.
Outro dia, o STF concedeuprivilégios para negros em detrimento de outras raças. Isto é violação doartigo 5º de nossa Constituição, se é que ela ainda existe. Por estaConstituição o aluno de outra raça que foi aprovado em uma universidade, masque por esta decisão do STF é obrigado a ceder seu lugar para umsemi-analfabeto, deve recorrer a quem?  A Convenção de Haia? Porque aqui eleperde. Aqui, nossa suprema corte é um amontoado de pessoas colocadas por presidentescom fins unicamente políticos.  Este mesmo STF concedeu aos índios uma grandeárea na Bahia tirando de seus reais proprietários as terras.

Há 40 ou 50 anosnão existia um índio sequer nessa região. Onde está o direito adquirido,garantido pela Constituição, desses fazendeiros? Segundo a imprensa, osproprietários dessas terras terão que desocupá-las para depois recorrer aogovernador da Bahia. Isto é uma piada de uma sub-republiqueta. Partindo desteprincípio, devemos devolver o país primeiramente aos príncipes que moram emPetrópolis e Paraty, depois aos portugueses, depois os portugueses que seentendam com os africanos. Se nossa suprema corte quiser se aprofundar podedevolver o Brasil para caçadores Clovis ou mais além ainda, através do DNA devolvero país aos neandertais.
Vivemos em um país dedemagogos onde predomina a lei do mais forte. Governantes corruptos por todosos lados. Criaram uma CPI para enganar o povo, pois estamos em ano de eleições.Temos pelo menos três governadores mergulhados nesse mar de lama, porém nenhumdeles será intimado (convocado) para depor. Por quê?  Simplesmente porque nãotemos celas para todos. Então eles continuarão roubando livremente.

Se isto fosse um país sério, fariam um levantamento dos bens de todos os políticos,como o LEÃO faz com o povo, e mandariam eles de férias, não para Paris com onosso dinheiro, mas para o POLO SUL construir a nossa base que foi destruídapor um incêndio. Eles levariam apenas 10 quilos de alimentos e uma vara parapescar. Dissolveríamos os três poderes, porém eles não sairiam pela porta dafrente como o Collor, mas sim em um camburão com um bracelete em cada pulso.
Após dissolver nossa supremacorte, haveria eleições para uma SUPREMA CORTE com mandato de quatro anos, semdireito a reeleição e proibidos de fazer lobbies em Brasília ou qualquer outracidade.

Se isto já tivesse ocorrido,não veríamos esses marginais que apreenderam a bicicleta elétrica docinegrafista apenas porque ele fotografou uns vândalos que armaram barraca emplena ciclovia. Isto não pode ser um país. O fotógrafo além de ter a bicicletaapreendida ainda fora multado em mais de R$ 1.700,00.  Depois, nossosgovernantes vendo a m.. que fizeram afastam os fiscais, mas mantém as multas.Eles teriam que ser afastados e presos. Ora, se não mantiverem as multas como irão fazer orgias em Paris?
Por outro lado, em nossa Constituição (que não temvalor algum), há muitos artigos sem regulamentação, e por isso não podem seraplicados. Se não há regulamentação, não pode haver punição. Para quem vive dasobras do complexo do Maracanã (que é um patrimônio tombado, mas destruíram tudoe deixaram apenas a casca) e outras aberrações, diz que isto foi apenas umamulta simbólica. Outro dia nosso prefeito desfilou em uma bicicleta elétrica eessa turma da lei seca não esteve no local.

O prefeito do Rio baixou decreto proibindo todos os tipos de publicidade na cidade, porém aspublicidades do prefeito estão autorizadas. Ora, se existisse um ministériopúblico funcionando, o prefeito seria processado por abuso de autoridade. Emque lugar da Constituição consta que nossos governantes possam gastar odinheiro do povo para se auto-promover e fazer campanha (através de outdoor)para angariar votos?    
Para parte de nossa imprensaque vive apenas das benesses de governantes, nosso país é um paraíso, ondenossos hospitais são de excelente qualidade dotado de médicos 24 horas,estradas, avenidas e ruas de asfalto liso como nas placas de propaganda doprefeito do Rio (são milhares de placas para informar que há 700km de asfalto liso, quando na realidade não tem 700 metros), escolas com salas de aulaconfortáveis com um ensino de primeira (que não seria necessário, pois vocêserá aprovado por cotas), segurança total nas ruas e nas casas (o caso da juíza federal e do vice governador foram apenas acidentes, pois eles esqueceram asportas abertas). Quais os países no mundo que a polícia faz o patrulhamento comfuzis e metralhadoras? Tirando o Iraque e a Síria que estão em guerra civil, sóo Brasil. Nosso sistema é tão estúpido que essa polícia está inclusive nasescolas.    

Infelizmente este é umretrato do Brasil que terá a Copa de 2.014, as Olimpíadas de 2.016 e já secandidata para apresentar o 14 de julho com a construção de uma Torre Eiffel(com um custo estimado de um pouco mais de dez bilhões de euros que serão pagospelo povo brasileiro – já temos governante viajando quinzenalmente à Parisjuntamente com o empresário de uma construtora envolvida em todas asroubalheiras para ver como alocar as verbas.), se candidata a apresentar tambémo quatro de julho com a construção de um novo Capitólio e uma nova Casa Branca(serão mais trinta bilhões de dólares).
Acabaram com SETE QUEDAS, mas criaram uma CACHOEIRA que vale por todas as outras. Chega, é hora do basta.

Antonio Antunes é Engenheiro Químico.

2 comentários:

lgn disse...

Ah! Ortega Y Gasset! Ah! Que profeta, que profeta! A "democracia" da quantidade está produzindo o que lhe é próprio, o que lhe é natural. Relação lógica entre causa e efeito, nada mais do que isso.

Anônimo disse...

Nunca houve neandertais no Brasil, e a cultura Clovis desenvolveu-se na América do Norte. Mas a idéia básica, se é que interpretei corretamente, é válida. Se generalizassemos essa política, veríamos 90% da população brasileira sendo expulsa do país e jogada no mar, pois não descende dos povos primitivos que habitavam essas paragens 500 ou 600 anos atrás. E se aplicado a Europa, teríamos 100% de sua população eliminada, pois o homo sapiens sapiens originou-se na Àfrica e chegou a Europa 40.000 anos atrás, tomando o lugar do homem de neanderthal. MAS ESPERE AÌ!!! A áfrica era ocupada anteriormente pelo homo-erectus e pelo homo-ergaster, então todos os habitantes do continente africano deveriam ser expulosos de lá também, segundo essa lógica vigarista da esquerda.