domingo, 26 de agosto de 2012

Quem rouba Jesus merece perdão?

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Leia também o site Fique Alertawww.fiquealerta.net  
Por Jorge Serrão

A prática do Mensalão não tem data para terminar no Brasil dos corruptos. Se o mensalão deixar de existir, automaticamente, também se extingue o Governo do Crime Organizado – definido como a associação entre bandidos e servidores públicos para usurpar a máquina estatal nos âmbitos municipal, estadual e federal. Em parcerias com maus políticos profissionais (que redundância), as quadrilhas aprimoram os mecanismos de assalto à coisa pública, apesar das constantes denúncias que terminam majoritariamente impunes, transmitindo a impressão de que o “crime compensa”.

O polêmico julgamento do Mensalão tem passado justamente tal imagem de impunidade à cada vez mais cética opinião pública. As pergunta mais simples feitas entre os incrédulos na Justiça são: o julgamento do mensalão é o único importante? E os outros assaltos aos cofres públicos,como ficam? Será que o Supremo Tribunal Federal vai mesmo condenar a maioria dos mensaleiros? Por que e como, se houve mensalão, como sustenta a Procuradoria-Geral da República, o ex-presidente Lula da Silva foi poupado nas denúncias de crimes cometidos por seus auxiliares de governo, inferiores hierárquicos que obedeciam às suas ordens e liderança?

Além do risco de impunidade, pois o STF está claramente dividido entre seis que desejam condenar e outros cinco que preferem poupar a maioria dos réus, agora surge o perigo de tal julgamento da Ação Penal 470 se prolongar muito além do previsto. Um dos ministros da corte suprema que cultiva o hábito de expressar sua opinião “na lata”, Marco Aurélio de Mello, já advertiu seu receio de que o julgamento “não termine até o final do ano." Tudo que a petralhada deseja é que o caso seja empurrado com a suprema toga...

O temor de Marco Aurélio pode se tornar realidade a partir de segunda-feira, quando o ministro-relator do processo, Joaquim Barbosa, tentará replicar o voto do ministro-revisor Ricardo Lewandowiski favorável à absolvição do deputado federal João Paulo Cunha – um dos principais cardeais da cúpula petista. Lewandowiski já prepara uma tréplica. A guerra entre os dois pode se prolongar tanto que existe o risco real de nem sobrar tempo para o ministro Cesar Peluzo ter a chance de apresentar seu voto, antes da aposentadoria forçada na quinta-feira que vem.

Marco Aurélio chamou a atenção para o risco de um confronto interminável entre Barbosa e Lewandowiski: "Pelo visto as discussões tomarão um tempo substancial. Elas se mostram praticamente sem baliza. Precisamos, como eu disse, racionalizar os trabalhos e deixar que os demais integrantes se pronunciem. Vence, num colegiado, a maioria".

O tempo perdido, a impunidade programada, o desgaste de imagem do Supremo (que não era o lugar ideal para julgar o mensalão, e sim a Justiça Fdderal em primeira instância) – tudo isto joga em favor dos mensaleiros. Tudo que a maioria deles roubou está bem guardada e investida – parte, inclusive, no cassino eleitoral municipal, onde os cidadãos-eleitores-contribuintes continuarão apostando seu voto para perder cada vez mais com novos bandidos eleitos para o Governo do Crime Organizado.

Triste sina de um País no qual ignorantes legitimam ignóbeis ladrões da demo-cracia (que só pode ser mesmo o “governo do demônio”). Aliás, só um verdadeiro cramulhãopara roubar o crucifixo fixado na parede da sala do Presidente da República, no Palácio do Planalto, desde a gestão de Itamar Franco. Quem rouba Jesus Cristo merece perdão?

Se existe mesmo Justiça Divina, que a mão de Deus seja menos leve que a do chefão impune dos mensaleiros que afanou o crucifixo. Amém!

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog e podcast Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 26 de Agosto de 2012.

13 comentários:

Ronald disse...

Bom dia Jorge,
O apedeuta podre ainda não pagou por esse crime nem pelo pecado, espero que a conta do mencionado escroque venha salgada.
Sds

Anônimo disse...

Perdão para essa turma só quando o saci pererê cruzar as pernas e o Conde Drácula comparecer a um hemocentro para doar sangue...

Kozel® disse...

Lula no restaurante..... do stf



Lula e José Dirceu foram jantar em um restaurante muito luxuoso, no qual até os talheres eram de ouro.

De repente, Lula vê o Zé Dirceu pegar duas colheres de ouro e esconder no bolso.



Ficou chateado da vida porque não teve a idéia primeiro e, para mostrar que ele sempre era o CHEFE de tudo, decidiu que também ia roubar duas colheres.



Todavia, ficou nervoso (pois os companheiros sempre roubaram para ele e ele "nunca sabia de nada") e as colheres acabaram batendo uma contra a outra.



O garçom ouviu o barulho e perguntou ao Lula se ele queria alguma coisa.



Lula ficou sem jeito, pois tinha sido pego com a boca na botija e falou que não tinha ouvido nada, não sabia de nada e não queria nada.



Em seguida, Lula tentou de novo, mas uma das colheres caiu no chão.



O garçom ouviu outra vez o barulho, aproximou-se de Lula e perguntou,outra vez, se queria algo.



Lula pensou um pouco e, como exímio enganador, dissimulado e oportunista, perguntou ao garçom:



- Você quer ver eu fazer uma mágica?



- Sim seu Lula.



- Bom pega essas duas colher de ouro e põe elas no meu bolso.



O garçom pegou as colheres e as colocou no bolso de Lula.



- OK senhor, e agora?

- Agora conta 1, 2, 3 e tire elas do bolso do Zé Dirceu!



Todos aplaudiram e, ao ir embora, Lula deixou um "graninha" pra todos os garçons e saiu rindo!!!...





Moral da história:



O sujeito viu a oportunidade, roubou, ninguém o viu roubando e ainda saiu aplaudido e considerado "o bom", "o bacana" e "o benfeitor"...



Esse é o Lula de sempre!!! que nem foi convoca a depor e nem intimado como ladrão no mensalão...

Anônimo disse...

Perdão para essa gente só quando o saci pererê cruzar as pernas e o Conde Drácula comparecer a um hemocentro para doar sangue...

Kozel® disse...

Lula no restaurante..... do stf



Lula e José Dirceu foram jantar em um restaurante muito luxuoso, no qual até os talheres eram de ouro.

De repente, Lula vê o Zé Dirceu pegar duas colheres de ouro e esconder no bolso.



Ficou chateado da vida porque não teve a idéia primeiro e, para mostrar que ele sempre era o CHEFE de tudo, decidiu que também ia roubar duas colheres.



Todavia, ficou nervoso (pois os companheiros sempre roubaram para ele e ele "nunca sabia de nada") e as colheres acabaram batendo uma contra a outra.



O garçom ouviu o barulho e perguntou ao Lula se ele queria alguma coisa.



Lula ficou sem jeito, pois tinha sido pego com a boca na botija e falou que não tinha ouvido nada, não sabia de nada e não queria nada.



Em seguida, Lula tentou de novo, mas uma das colheres caiu no chão.



O garçom ouviu outra vez o barulho, aproximou-se de Lula e perguntou,outra vez, se queria algo.



Lula pensou um pouco e, como exímio enganador, dissimulado e oportunista, perguntou ao garçom:



- Você quer ver eu fazer uma mágica?



- Sim seu Lula.



- Bom pega essas duas colher de ouro e põe elas no meu bolso.



O garçom pegou as colheres e as colocou no bolso de Lula.



- OK senhor, e agora?

- Agora conta 1, 2, 3 e tire elas do bolso do Zé Dirceu!



Todos aplaudiram e, ao ir embora, Lula deixou um "graninha" pra todos os garçons e saiu rindo!!!...





Moral da história:



O sujeito viu a oportunidade, roubou, ninguém o viu roubando e ainda saiu aplaudido e considerado "o bom", "o bacana" e "o benfeitor"...



Esse é o Lula de sempre!!! que nem foi convoca a depor e nem intimado como ladrão no mensalão...

Anônimo disse...

Jorge

O meu especial obrigado por ter colocado a foto de Itamar Franco com o crucifixo com Cristo em marfim, ROUBADO pelo LADRÃO lulla e que se encontrava no gabinete presidencial, e CONSENTIDO por esta louca terrorista que governa o Brazil, tão ladra como ele ao não forçar sua devolução.

Mas a esquerda, os petistas, a petralhada, os soviéticos, os bolcheviques, são assim mesmo, gente amoral, sem honra, cujos objetivos na sua miserável existência, são unicamente roubar, matar, assassinar, trair e vender o Brasil por um punhado de US$.

Gente bastarda, sem vergonha!

A minha insistência em denunciar contou com sua magnifica ajuda. Espero que isso signifique o principio da devolução do crucifixo ao Palacio da Alvorada, de onde JAMAIS deveria ter saído, pois è PATRIMONIO da Nação brasileira e não do maior porrupto em 500 anos de nossa historia.

Os filhos desse corrupto devolveram os passaportes diplomaticos. Agora só falta esse LADRÃO devolver o crucifixo e depois morrer com câncer.

Anônimo disse...

Joaquim Barbosa, tentará replicar o voto do ministro-revisor Ricardo Lewandowiski que já prepara a tréplica sem sequer ouvir a réplica e è favorável à absolvição do deputado federal João Paulo Cunha – um dos principais cardeais da cúpula petista, não apenas este, mas como outros que por aí virão, pode muito bem ser uma bem orquestada estratégia de markting para ambos livrarem lulla que ficou de fora e todos os mensaleiros, pois a "guerra" entre os dois pode se prolongar tanto que existe o risco real de nem sobrar tempo para o ministro Cesar Peluzo ter a chance de apresentar seu voto, antes da aposentadoria forçada na quinta-feira que vem.

Só isto!

Dá para acreditar que ambos escolhidos pelo ladrão lulla para o melhor emprego desta nação, não lhe retribuem esse favor?

Ora, ora!

Anônimo disse...

Jesus Cristo levou Itamar para o seu jardim na outra dimensão.Aqui o seu crucifixo é "levado" por impuras mãos,e um impuro coração.

Anônimo disse...

Hoje se comemora o Dia do Soldado.

Não dos generais, e restantes oficiais e sargentos terminando no cabo, final da carreira de comando.

Dia do Soldado, aquele que morre na linha da frente, aquele que não tem rancho para que os seus oficiais até ao general, possam comer bem e beber melhor. Esses mesmo oficiais que são a guarda pretoriana deste regime soviético e corrupto!

Hoje è o Dia do Soldado, aquele que morre pela Pátria, mas no final, morre pela defesa de interesses obscuros da classe política.

Soldado, carne para canhão. O eterno phodido na cadeia de comando e, como se isso não bastasse, morre à fome, morre no treinamento porque seus treinadores são psicopatas assumidos, covardes por natureza, desequilibradas mentais e sempre impunes tal como os governantes e políticos.

Dia do Soldado, esse sempre Herói que jamais recebe medalhas ou reconhecimento pelo seu mérito, por existir para ser maltratado e vilipendiado pelos seus superiores esquizofrênicos, covardes na sua essência e guardiões de um regime podre, corrupto, petista e soviético.

Unknown disse...

CARO AMIGO JORGE SERÃO, VEJA OS MEUS COMENTÁRIOS SOBRE O MENSALÃO.

PROCESSO O MENSALÃO ( PROCESSO Nº 470).

A MENTIRA

OS MINISTROS DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA CITADOS NO PROCESSO ACIMA FORAM OS QUE ORDENARAM TODOS OS PROCEDIMENTOS CORRUPTOS DO MENSALÃO DE DENTRO DO PALACIO DO PLANALTO SEM NENHUM CONHECIMENTO DO PRESIDENTE.

A VERDADE

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA É O MANDATÁRIO SUPREMO DA NAÇÃO, SEUS MINISTROS SÃO PARCEIROS DE PARTIDO DOS TRABALHADORES (PT) COM ANOS DE CONVIVÊNCIA PARTIDARIA, ESCOLHIDOS POR ELE, MILITANTES FIEIS AO CHEFE, CUMPRIDORES DE ORDENS EM TODOS OS EVENTOS GREVISTAS E DE OPOSIÇÃO AOS GOVERNOS ANTERIORES. COM ACESSO DIRETO AO SEU GABINETE, DIARIAMENTE E A QUALQUER MOMENTO QUE FOSSE NECESSARIO.

O POVO BRASILEIRO QUER SABER A VERDADE E O MUNDO TAMBEM.

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA FOI OU NÃO CONIVENTE COM O MENSALÃO.
ELE SABIA E DEIXOU POR CONTA DOS SEUS MINISTRO O PROSEGUIMENTO DA CORRUPÇÃO. ATÉ CONSEGUIR O SEU OBJETIVO PRINCIPAL, QUE ERA O PAGAMENTO DAS DÍVIDAS DE CAMPANHA ASSUMIDAS PELO SEU PARTIDO.
VOTEM !
O PRESIDENTE SABIA OU NÃO SABIA.
A MENTIRA OU A VERDADE.

CESAR PINTO CEL PM disse...

2a. PARTE - CONTINUAÇÃO

PROCESSO Nº 470 - A GRANDE FARSA

A MENTIRA
O MINISTRO RELATOR DESTE PROCESSO NÃO FOI ESCOLHIDO DE ACÔRDO COM AS NORMAS ESTABELECIDAS PELO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, E QUE REGEM ESTA CORTE SUPREMA. ASSIM COMO O MINISTRO REVISOR.

A FARSA

O MINISTRO REVISOR CONCORDOU COM O ACATAMENTO DA DENÚNCIA E COM A DENÚNCIA FEITA PELO MINISTRO RELATOR CONTRA OS RÉUS CONSTANTES DO PROCESSO.
AGORA PARECE ESTAR CONTRA O MESMO.

A VERDADE

O MINISTRO RELATOR FOI ESCOLHIDO DE ACORDO NORMAS ADMINISTRATIVAS QUE REGEM O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL.
O MINISTRO REVISOR NÓS NÃO SABEMOS COMO ELE FOI ESCOLHIDO.

O PROCESSO Nº 470 É A MAIOR FARSA JÁ OCORRIDA EM UM PAIS EM SUA MAIS ALTA CORTE DE JUSTIÇA, (O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL).
A BRIGA DE PODER ENTRE ALGUNS MINISTROS, PRINCIPALMENTE O REVISOR, CONTRA O MINISTRO RELATOR É NOTÓRIA, POIS DEMONSTRA A MAIOR PROVA DE DESCRIMINAÇÃO DE UM MINISTRO CONTRA O OUTRO, DENTRO DAQUELA CORTE, TENTANDO DE TODAS AS FORMAS, DENEGRIR A IMAGEM DO MINISTRO RELATOR JOAQUIM BARBOSA JUNTO A OPINIÃO PÚBLICA E AOS DEMAIS MINISTROS.

NO NOSSO ENTENDIMENTO A ESCOLHA DO MINISTRO JOAQUIM BARBOSA COMO RELATOR, FOI ACERTADA, MAIS O MINISTRO REVISOR ACHA QUE ESTA DEVERIA TER SIDO DADA A ELE, OU A OUTRO MINISTRO, POIS DESSA FORMA ESTE NÃO ESTARIA, MOSTRANDO A SUA DESCRIMINAÇÃO CONTRA O MINISTRO RELATOR.

PODEMOS CONSTATAR O QUE AQUI ESTA ESCRITO PELAS DIVERSAS VEZES EM QUE O MINISTRO REVISOR QUESTIONOU O MINISTRO RELATOR. BASTA PARA ISSO VERIFICARMOS AS GRAVAÇÕES DESDE O INÍCIO DESTE PROCESSO.
O MINISTRO REVISOR TEM MÊDO QUE ESTE COLEGIADO ACOMPANHE O VOTO DO MINISTRO RELATOR E VAI FAZER USO DE TODOS OS MEIOS DISPONÍVEIS E SEUS CONHECIMENTOS PARA DESTRUIR A ACUSAÇÃO FEITA PELO RELATOR, DE TAL FORMA QUE ATRAZARÁ A VOTAÇÃO DOS MINISTRO DA CORTE, AFIM DE QUE ESTA ULTRAPASSE O PRAZO DE VOTAÇÃO DO MINISTRO QUE ESTA PRESTE A SE APOSENTAR CONPULSÓRIAMENTE, NO DIA 3 DE SETEMBRO.
ISTO É O QUE ESPERAM OS RÉUS E SEUS ADVOGADOS.
POIS PODERÃO ENTRAR COM RECURSOS E ATRAZAR A CONDENAÇÃO, SE HOUVER,
PARA APÓS AS ELEIÇÕES MUNICIPAIS, COMO DESEJAM TODOS PARTIDOS ENVOLVIDOS NO MENSALÃO, PRINCIPALMENTE O PARTIDO DOS TRABALHADORES.

OS VOTOS DOS MINISTRO SÓ SERÃO DADOS APÓS AS ELEIÇÕES MUNICIPAIS, POR INTERFERÊNCIA E IRRESPONSABILIDADE ÚNICA E EXCLUSIVA DO MINISTRO REVISOR QUE VAI DESCARACTERIZAR A DENÚNCIA DO RELATOR, LEVANDO O COLEGIADO A VOTAR COM ELE. (MINISTRO REVISOR)

 
ESTOU DENUNCIANDO ANTECIPADAMENTE O QUE ACONTECERÁ AO TÉRMINO DO PROCESSO Nº 470.
 

CESAR PINTO CEL PM disse...

Nº 470- O MENSALÃO - 2a PARTE

CONTINUAÇÃO DO DEBATE ENTRE O MINISTRO RICARDO LEWANDOWSKI, A PROCURADORIA GERAL DA UNIÃO, O MINISTÉRIO PÚBLICO E O RELATOR MINISTRO JOAQUIM BARBOSA.
ESTA EM JOGO NO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL A DISPUTA DE PODER DO MINISTRO REVISOR.( MIN.REV. X (MIN. REL., PGU E MP).
A MENTIRA
O MINISTRO REVISOR QUE DURANTE 6 SEIS LONGOS MESES REVIU AS ACUSAÇÕES FEITAS, PELO PROCURADOR GERAL DA REPUBLICA, MINISTÉRIO PÚBLICO E PELO MINISTRO RELATOR, QUE DURANTE SETE ANOS, ESTUDOU TODO O PROCESSO Nº 470, E CONDENOU OS REUS, CHEGOU A CONCLUSÃO, QUE TODOS OS ENVOLVIDOS NO MENSALÃO SÃO CULPADOS, CONCORDANDO COM O MINISTRO RELATOR E OS DEMAIS ACUSADORES.
A VERDADE
O MINISTRO REVISOR COMO NÓS DISSEMOS NUMA POSTAGEM ANTERIOR,( A FARSA), DESCRIMINA O MINISTRO RELATOR, POIS NOS PARECE QUE NUNCA CONCORDOU COM A ESCOLHA DO MINISTRO JOAQUIM BARBOSA PARA RELATOR DESTE PROCESSO.
ADEMAIS, O RELATOR É UM DOS MINISTRO DO SUPREMO TRIBUNAL QUE DEMONSTRA TOTAL INDEPENDÊNCIA, PELO SEU CARÁTER, DETERMINAÇÃO, CORAGEM E HONRA, ANALISANDO OS PROCESSO COM ISENÇÃO, COM PERSONALIDADE PRÓPRIA, INDEPENDENTE DAQUELE QUE O INDICOU PARA ESTE CARGO.
NESTE PROCESSO QUEIRA OU NÃO RECONHECER OS SEUS PROTAGONISTAS COM DIREITO A VOTO,( MINISTROS). ESTÁ TAMBÉM EM JOGO A CREDIBILIDADE DA MAIS ALTA CORTE DO PAIS (O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL).
ESTA DISPUTA ENTRE MINISTRO REVISOR E O MINISTRO RELATOR ( M.REV. X M. REL.), QUE SE ESTENDERÁ ATE O TÉRMINO DO PROCESSO, COM A DIVULGAÇÃO DOS VOTOS DOS OUTROS MINISTRO, PODE SER SADIA, MAS NÓS PARECE PREJUDICIAL PARA A CORTE SUPREMA, PARA O NOSSO PAIS E PARA NÓS POVO BRASILEIRO, QUE AMAMOS ESTA NAÇÃO.

ANALISANDO A COMPOSIÇÃO DOS MINISTRO DO SUPREMO, VERIFICAMOS QUE FORAM INDICADOS PARA COMPOR O SUPREMO, DESDE 1989, OS SEGUINTES MINISTROS:

- EM 1989 - CELSO DE MELLO - INDICADO PELO EX-PRESIDENTE JOSE SARNEY;

- EM 1990 - MARCO AURÉLIO MELLO - INDICADO PELO EX-PRESIDENTE FERNANDO ~COLLOR DE MELLO;

- EM 2002 - GILMAR MENDES - INDICADIDO PELO EX-PRESIDENTE FERNANDO HENRIQUE CARDOSO;

- EM 2003 - AIRES BRITTO;

- " - JOAQUIM BARBOSA;

- " - CESAR PELUSO;

- EM 2006 - RICARDO LEWANDOWSKI;

- EM " - CARMEN LUCIA;

- EM 2009 - DIAS TOFFOLI - TODOS INDICADOS PELO EX-PRESIDENTE LUIZ INACIO LULA DA SILVA;
- EM 2011 - ROSA WEBER; E

- EM " - LUIZ FUX - PELA ATUAL PRESIDENTE DO BRASIL DILMA ROUSSEFF.

SÃO 8 MINISTRO INDICADOS PELO EX E ATUAL PRESIDENTE DA REPUBLICA DO PT

CONTINUA;

CESAR PINTO CEL PM disse...

CONTNUAÇÃO;
OS ADVOGADOS DE DEFESA NESTE PROCESSO, GANHARAM UM ALIADO DE PESO, O MINISTRO REVISOR, COM MUITO MAIS CAPACIDADE E CONHECIMENTO DO QUE ELES, POIS NA REVISÃO DA ACUSAÇÃO, SE REPORTA A ALGUMAS DECISÕES, JÁ FEITAS POR SEUS COLEGAS ( MINISTROS ), PARA EXPLICAR O INEXPLICÁVEL NA DEFESA DOS REÚS, PRINCIPAMENTE DAQUELES FILIADOS AO PT( PARTIDO DOS TRABALHADORES) E SEUS ALIADOS,
ABSOLVENDO-OS DE QUALQUER ACUSAÇÃO E DERRUBANDO TODOS OS ARGUMENTOS APRESENTADOS PELOS MP, PGU. E MIN. REL.; INCLUSIVE DISTRIBUINDO AOS DEMAIS MINISTROS AS SUAS CONCLUSÕES POR ESCRITO EM UMA PASTA SEPARADA, MOSTRANDO A TODO O POVO BRASILEIRO, A SUA ORGANIZAÇÃO EM DEFESA DOS REÚS.

NESSA ORDEM OS MINISTROS ATÉ O FIM DO PROCESSO DEVERÃO RECEBER MAIS 3 OU 4 PASTAS DE ACORDO COM OS BLOCOS FATIADOS DA ACUSAÇÃO FEITA PELO MINISTRO RELATOR.
O DEBATE ESTA ABERTO PARA QUE O MINISTRO RELATOR, O PROCURADOR GERAL E O MINISTÉRIO PÚBLICO, POSSAM SE DEFENDER DAS ANÁLISES FEITA PELO MINISTRO REVISOR, QUE DERRUBOU TODAS AS ARGUMENTAÇÕES DA ACUSAÇÃO, ABSOLVENDO OS RÉUS LIGADOS AO PT.
NA GÍRIA POPULAR, (TUDO COMO DANTES NO QUARTEL DE ABRANTES) ÍNDICA QUE O MINISTRO REVISOR, CONTESTARÁ TODAS AS DEMAIS ACUSAÇÕES IMPUTADAS AOS DIRIGENTES DO PT E SEUS COLABORADORES DIRETOS E OS ABSOLVIRÁ PLENAMENTE DAS ACUSAÇÕES A ELES IMPUTADAS PELA ACUSAÇÃO.
EM SÍNTESE, OS ANOS SE PASSARAM, O EX-PRESIDENTE, AFASTOU DO GOVERNO, TODOS OS ENVOLVIDOS E DEIXOU PARA O MINISTÉRIO PÚBLICO O TRABALHO DE PÔR EM PRATOS LIMPOS (GIRIA POPULAR), A APURAÇÃO DO MENSALÃO.
ENQUANTO ESTEVE NO GOVERNO, O EX-PRESIDENTE, FOI EMPURRANDO COM A BARRIGA O PROCESSO, ATÉ NÃO PODER MAIS ADIAR O JULGAMENTO.
MAIS ANTES SE CALÇOU, INDICANDO PARA O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, NADA MENOS QUE SEIS MINISTRO DE SUA TOTAL CONFIANÇA.
SÓ NÃO ESPERAVA QUE UM DELES, TINHA CARÁTER, OPINIÃO PRÓPRIA, DIGNIDADE E HONRA E NÃO DEPENDE DE NINGUÉM PARA SOBREVIVER.
POR DESTINO DÍVINO E POR NORMA REGIMENTAL FOI ESCOLHIDO COMO RELATOR DESTE PROCESSO O MINISTRO JOAQUIM BARBOSA, PARA FINALMENTE PODER DESMASCARAR DEFINITIVAMENTE, ESTE PROCESSO DE COMPOSIÇÃO DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, QUE É FEITO, POR INDICAÇÃO DE PRESDIDENTES DA REPUBLICA E NÃO POR MÉRITOS DOS MAGISTRADOS.
ESTE PROCESSO DE COMPOSIÇÃO DO SUPREMO EXIGE UMA REFLEXÃO DOS MAGISTRADOS DAQUI PRA FRENTE.
CABERÁ AOS DEMAIS MINISTROS DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, DESMENTIR A OPINIÃO PÚBLICA, VOTANDO, COM O MINISTÉRIO PÚBLICO, O PROCURADOR GERAL E O MINISTRO RELATOR JOAQUIM BARBOSA, PELA CONDENAÇÃO DE TODOS OU DA MAIORIA DOS RÉUS ENVOLVIDOS, INDEPENDENTE DOS PARTIDOS AO QUAL PERTENCEM.
GRAÇAS AO BOM DEUS E A DEMOCRACIA BRASILEIRA, NÓS ESTAMOS ASSISTINDO UM DEBATE NAS NOSSAS CASAS, DIFERENTE DOS DEBATES POLÍTICOS DE CANDIDATOS A CARGOS ELETIVOS.

SE ESTE DEBATE É BOM OU NÃO PARA O BRASIL, SÓ O FUTURO NOS DIRÁ.