quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Maioria governista no STF se rende à incompetência e vagabundagem do Congresso que não legisla

Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Leia também o site Fique Alertawww.fiquealerta.net
Por Jorge Serrão
serrao@alertatotal.net
O sutil aparelhamento petista do Supremo Tribunal Federal já começa a render bons frutos. Os esquemas politiqueiros se sobrepuseram ontem aos interesses da segurança do Direito. Agora surpreendentemente acompanhados de Gilmar Mendes, oriundo da Era FHC, os ministros “apadrinhados” por Lula e Dilma renderam-se ontem aos interesses do governo e do esquema que domina o Congresso nacional, acabando com a ordem cronológica para apreciação de vetos presidenciais.

Por 6 votos a 4, o STF se rendeu à ditadura e incompetência do Legislativo que age em perfeito conluio com o desgoverno. Aceitando a desculpa de “destrancar a pauta do Congresso”, a maioria do Supremo praticamente rasgou o artigo 66 da Constituição que obriga que os vetos sejam apreciados em 30 dias. Perigosamente, a suprema corte referendou, no mínimo, a ineficiência e vagabundagem dos deputados e senadores que cometem a irresponsabilidade de deixar na fila, ao longo de dez anos, o absurdo volume de 3.060 vetos presidenciais que teriam de ser votados pelo parlamento.

São graves as consequências institucionais da derrubada da liminar concedida pelo ministro Luiz Fux para que os vetos presidenciais fossem apreciados cronologicamente. Azar maior e imediato para dois estados da federação: Rio de Janeiro e Espírito Santo. Semana que vem, na base da pressa, o Congresso deve derrubar o veto de Dilma Rousseff à legislação dos royalties do petróleo. Correndo, os parlamentares também poderão votar logo o Orçamento Geral da União – liberando logo verbas estratégicas no ano pré-eleitoral.

Os ministros derrotados na votação – Joaquim Barbosa, Celso de Mello, Marco Aurélio Mello e Luiz Fux - foram contundentes em seus votos. O presidente do STF destacou que ficou evidente um desequilíbrio entre os poderes republicanos. Barbosa até apelou para o termo em inglês ‘checks and balances’ para frisar que a derrubada da liminar afetaria os freios e contrapesos necessários à relação entre o parlamento e o judiciário.

Marco Aurélio pegou mais pesado. Segundo ele, derrubada a liminar concedida por Fux em base claramente constitucional, a maioria no Parlamento terá mais poder para derrubar as disposições da minoria. “As consequências da cassação da liminar são seriíssimas. Vai se viabilizar o massacre da minoria pela maioria”. Derrubaram a liminar de Fux, entrando no jogo do Congresso, os ministros Teori Zavascki, Rosa Weber, José Antonio Dias Toffoli, Cármen Lúcia Antunes Rocha, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes.
A regra era clara...
O parágrafo 4º do Artigo 66 da Carta de 1988 é claríssimo, ao definir que o veto presidencial a um projeto de lei deve ser apreciado pelo Congresso Nacional em sessão conjunta no prazo de 30 dias do seu recebimento.
O descumprimento sujeita o Congresso à inclusão do veto na ordem do dia.
Assim, as demais proposições só podem ser apreciadas conforme a ordem de chegada do veto.
Será que não vale mais o que está escrito?
O ministro Teori Zavascki puxou a tese de que a jurisprudência do STF é consolidada no sentido de que esses assuntos são questões interna corporis, imunes ao controle judicial.
Toffoli foi na onda dele, pregando: “Eu não entendo que a Constituição impôs uma ordem cronológica de votação”.
Lewandowski, também: “Não me parece que o constituinte impôs ao Congresso o exame dos vetos em ordem cronológica”.
Bode de Pasadena
A petralhada já armou um esquema caso feda ainda mais o processo de compra da refinaria de Pasadena, no Texas (EUA), pela Petrobras.

O plano é jogar toda a culpa pela operação em uma só pessoa.

O diretor financeiro e de serviços da Petrobras Distribuidora, Nestor Cerveró.
Assim, se safam José Sérgio Gabrielli, Guido Mantega, Almir Barbassa e até o incrível “Senhor X” (aquele a quem investidores seriam convidados a dar uma participaçãozinha de 5% em negócios fechados com a estatal de economia mista e suas parcerias).

Dilma vai ficar quieta?

O procurador federal Marinus Marsico, que fez um parecer da operação Pasadena para o Tribunal de Contas da União, avalia que o caso é uma tragédia econômico-financeira:
Comecei a estudar esse caso há um ano. Pedi informações detalhadas à Petrobras e analisei com o máximo cuidado. As informações só reforçaram a minha convicção de que foi um ato antieconômico, uma decisão que lesou o país e a empresa”.
Na gestão Gabrielli, a Petrobrás torrou US$ 1,18 bilhão na compra da refinaria norte-americana, passando por cima da então “presidenta” do Conselho de Administração da Peetrobras, Dilma Rousseff, que condenou a operação, mas acabou voto vencido...
Bem que a Dilma agora podia voltar a falar do assunto que é apreciado pelo TCU...

Abraham Lula

Luiz Inácio Lula da Silva cometeu ontem a façanha de se comparar ao ex-presidente dos Estados Unidos Abraham Lincoln (1809-1865) – que acabou assassinado:
Fico impressionado como a imprensa batia no Lincoln em 1860 igualzinho batia em mim. E ele não tinha internet para responder, tinha que esperar o telex. Agora é em tempo real.
Vamos perdoar o companheiro por mais uma besteirinha, já que, no tempo de Lincoln, a imprensa que o atacava ainda usava o serviço de telegrafia, baseado no código morse, e não o telex, que o sucederia...
Gramscista
Lula mostrou ontem que está mesmo alinhado com as táticas gramscistas de uso da comunicação para a conmsolidação do poder socialista – conforme José Dirceu comentou recentemente com amigos próximos.
Na reunião com a CUT, Lula defendeu o emprego intensivo da mídia:
“Temos uma arma poderosa, mas totalmente desorganizada. Ao invés de ficar cada um falando o que pensa, temos que tentar formar um pensamento coletivo, mais unitário”.
Jura que se foi?
Guillermo Cochez, embaixador do Panamá na OEA, desafia o governo da Venezuela a negar a informação de que Hugo Chávez foi desconectado, quatro dias atrás, das máquinas que o mantinham vivo.
Cochez garante ter informações seguras de que Chávez já teria morte cerebral decretada desde 30 de dezembro.
O diplomata desafia os bolivarianos a mostrarem algum vídeo recente de seu líder socialista moribundo...
Lulalincoln?



Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog e podcast Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.


A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 28 de Fevereiro de 2013.

12 comentários:

Anônimo disse...

As leis nem sempre são escritas de forma clara, às vezes propositalmente escritas de forma incerta, mas na ambigüidade dos textos, reconhecemos os homens. Jmv

Anônimo disse...

A vagabundagem dos deputados, senadores e dos ministros teori zavascki, rosa weber, josé antonio dias toffoli, cármen lúcia antunes rocha, ricardo lewandowski e gilmar mendes, mostraram claramente que vivemos numa ditadura do proletariado, do pé descalço, dos corruptos, dos incompetentes, dos traidores, ao cagarem no artigo 66 da Constituição.

Lá que o toffoli não saiba o que faz, compreende-se a sua irresponsabilidade já que nem juiz è. Mas os outros?

Agora, quanto è PTrobras, por que razão o nome da dilma não è incluido se ela era a presidente do Conselho de Administração?

Péra aí! E seu papel na Casa Civil ajudando lula a ficar estupidamente rico?

Fica de fora? Como?

Já nem falo dos generais que temos! Por aí, è só merda! E coroneis, algum sabe o que è iniciativa? Infantis!

Anônimo disse...

Se lula está lendo um livro, só pode ser com o olho do cu pois acabou o papel higiénico em sua casa!

CEL CESAR PINTO - averdadedasmentiras-unknown disse...

CARO AMIGO SERRÃO
O CONGRESSO NACIONAL COM RARAS EXCEÇÕES JÁ PERDEU A VERGONHA A MUITO TEMPO. AGORA QUEREM DESMORALIZAR O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL E OS MINISTROS QUE NÃO ESTÃO LIGADOS AO PT.
FALANDO A VERDADE

A VERGONHA NACIONAL - 2ª PARTE


É INACREDITÁVEL QUE NÓS ELEITORES AINDA ESTEJAMOS VOTANDO PARA PRESIDENTES, GOVERNADORES, PREFEITOS, SENADORES, DEPUTADOS E VEREADORES DE PARTIDOS POLÍTICOS QUE SÓ PENSAM EM COMO RETIRAR DINHEIRO DO POVO PARA REABASTECER A CAIXA DE SEUS PARTIDOS E ENRIQUECER AS SUAS DIREÇÕES NACIONAIS, SEUS CANDIDATOS ELEITOS, ALIADOS E OUTROS QUE FAZEM PARTE DO CRIME ORGANIZADO. PRINCIPALMENTE AGORA QUE ESTAMOS PRÓXIMOS DAS ELEIÇÕES PARA PRESIDENTE, GOVERNADORES, SENADORES E DEPUTADOS FEDERAIS E ESTADUAIS.
COMO JÁ DISSE EM VÁRIAS POSTAGENS O CRIME ORGANIZADO NO BRASIL, NASCE NOS PARTIDOS, NAS SUAS DIREÇÕES NACIONAIS E SE ESTENDEM AOS POLÍTICOS FILIADOS ELEITOS PELO POVO, QUE ENRIQUECEM AS CUSTAS DA POPULAÇÃO BRASILEIRA, QUE AINDA NÃO ACORDOU.

FORJAM BRIGAS NO CONGRESSO NACIONAL, COMO SE FOSSEM MENINOS DE RUA, PARA CONTINUAREM A ENGANAR O POVO, COM AS SUAS DESAVENÇAS INTERNAS E COTIDIANAS, FAZENDO PROPAGANDAS NOS CORREDORES DO CONGRESSO DE SUAS BENFEITORIAS, QUE DEMORARAM ANOS PARA SE CONCRETIZAREM.

MOSTRAM SÓ AS COISAS BOAS PARA O POVO, MAS NÃO MOSTRAM QUE TODAS ELAS FORAM REGADAS DE ROUBOS, SUPERFATURAMENTOS E DE DESVIOS DE DINHEIRO PÚBLICO.

QUANDO ESTOURAM OS ESCÂNDALOS, DIZEM QUE É INTRIGA DA OPOSIÇÃO E APELAM PARA A MILITÂNCIA PARTIDÁRIA.

ENTRAM PARA O CONGRESSO SEM NADA NO BOLSO, MUITOS SÓMENTE COM A CARA E A ESPERTEZA ESTAMPADA NELAS. PASSAM 4 (QUATRO OU MAIS ANOS) VIVENDO DA DESGRAÇA ALHEIA. GANHAM DOS COFRES PÚBLICO SÁLARIOS EXORBITANTES E MAIS 14º, 15º E OUTROS AQUI NÃO CITADOS. TÊM IMUNIDADES E FORUM PRIVILEGIADOS, POIS FAZEM PARTE DO CRIME ORGANIZADO E TÊM O DESCARAMENTO DE DIZER QUE APARECEM NOS SEUS GABINETES PESSOAS PEDINDO CADEIRAS DE RODAS E OUTROS TIPOS DE AJUDA E BENEFICIOS QUE ESTÃO NA CONSTITUIÇÃO, NECESSÁRIOS A SOBREVIDA HUMANA.

COMO VAMOS PODER ATENDÊ-LOS SEM ESSES SÁLARIOS, VOU TER QUE PAGAR DO MEU SÁLARIO MENSAL QUE É MUITO BAIXO E NÃO DÁ PARA NADA.

TÊM A CARA DE PAU DE DIZEREM EM PLENA TELEVISÃO QUE GANHAM MUITO POUCO PARA FAZEREM O QUE FAZEM (NADA). RETIRAM O DINHEIRO DO POVO PARA SI, PARA O CAIXA DO PARTIDO AO QUAL PERTENCE E PARA FAMILIARES, AMIGOS E ALIADOS.

QUANDO SAEM DA MAMATA DO CONGRESSO NACIONAL ESTÃO RICOS, PARA VIVER OS RESTOS DE SUAS VIDAS NA BONANÇA E BONANZA AS CUSTAS DO POVO E DAQUELES QUE OS ELEGERAM PARA REPRESENTÁ-LOS NO CONGRESSO NACIONAL.

VAMOS DAR UM BASTA NESTA POUCA VERGONHA DOS NOSSOS POLÍTICOS, ENVOLVIDOS EM MUITOS ESCANDÂLOS E TAMBEM NOS NOSSOS PARTIDOS, SUAS DIREÇÕES NACIONAIS E AS DE SEUS PARTIDOS ALIADOS.
NÃO ESTAMOS GENERALIZANDO, MAS A QUANTIDADE DE POLÍTICOS QUE SÓ PENSAM EM SERVIR SEM SE SERVIR AO SEU POVO É MUITO PEQUENA PORÉM OMISSA, POR SEREM COMANDADOS PELAS DIREÇÕES NACIONAIS DE SEUS PARTIDOS.

NAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES VAMOS DAR UM BASTA, MUDANDO PARA MELHOR.

ACORDA POVO ELEITOR.

Anônimo disse...

No STF há ministros e sinistros.

Anônimo disse...

Tomara que o fantasma de Lincoln venha assombrar o Lula e todo o PT repetindo incessantemente sua fala famosa:
"VOCÊ PODE ENGANAR UMA PESSOA DURANTE TODO O TEMPO;
PODE ENGANAR ALGUNS DURANTE TODO ALGUM TEMPO;
MAS NÃO PODE ENGANAR A TODOS DURANTE TODO O TEMPO"

Anônimo disse...

Excelente, Serrão!
A mídia inteira deixou passar esta verdade, que os seis Ministros do STF ou se acovardaram ou realmente mostraram ser capachos do Lullopetismo.
E nós que pensávamos ser o STF o baluarte da defesa da Constituição e da cidadania!
É, quatro andorinhas não nos mantiveram no verão.
Vou divulgar por todos meus contatos.
Obrigado e abraço.

Cel Cesar Pinto - averadedasmentiras-unknown disse...

Caro amigo Serrão
Vamos voltar a alguns meses atraz quando estava iniciando o processo nº 470 (O MENSALÃO)em 2012.
Precisamente em 24/08/2012, as 10,30 horas, quando públiquei esta postagem.


PROCESSO Nº 470- O MENSALÃO - 2a PARTE

CONTINUAÇÃO DO DEBATE ENTRE O MINISTRO RICARDO LEWANDOWSKI, A PROCURADORIA GERAL DA UNIÃO, O MINISTÉRIO PÚBLICO E O RELATOR MINISTRO JOAQUIM BARBOSA.
ESTA EM JOGO NO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL A DISPUTA DE PODER DO MINISTRO REVISOR.( MIN.REV). X (MIN. REL., PGU E MP).

A MENTIRA

O MINISTRO REVISOR QUE DURANTE 6 SEIS LONGOS MESES REVIU AS ACUSAÇÕES FEITAS, PELO PROCURADOR GERAL DA REPUBLICA, MINISTÉRIO PÚBLICO E PELO MINISTRO RELATOR, QUE DURANTE SETE ANOS, ESTUDOU TODO O PROCESSO Nº 470, E CONDENOU OS REUS, CHEGOU A CONCLUSÃO, QUE TODOS OS ENVOLVIDOS NO MENSALÃO SÃO CULPADOS, CONCORDANDO COM O MINISTRO RELATOR E OS DEMAIS ACUSADORES.

A VERDADE

O MINISTRO REVISOR COMO NÓS DISSEMOS NUMA POSTAGEM ANTERIOR, DESCRIMINA O MINISTRO RELATOR, POIS NOS PARECE QUE NUNCA CONCORDOU COM A ESCOLHA DO MINISTRO JOAQUIM BARBOSA PARA RELATOR DESTE PROCESSO.

ADEMAIS, O RELATOR É UM DOS MINISTRO DO SUPREMO TRIBUNAL QUE DEMONSTRA TOTAL INDEPENDÊNCIA, PELO SEU CARÁTER, DETERMINAÇÃO, CORAGEM E HONRA, ANALISANDO OS PROCESSO SEM ISSENÇÃO, COM PERSONALIDADE PRÓPRIA, INDEPENDENTE DAQUELE QUE O INDICOU PARA ESTE CARGO.

NESTE PROCESSO QUEIRA OU NÃO RECONHECER OS SEUS PROTAGONISTAS COM DIREITO A VOTO,( MINISTROS). ESTÁ TAMBÉM EM JOGO A CREDIBILIDADE DA MAIS ALTA CORTE DO PAIS (O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL).

ESTA DISPUTA ENTRE MINISTRO REVISOR E O MINISTRO RELATOR ( M.REV. X M. REL.), QUE SE ESTENDERÁ ATE O TÉRMINO DO PROCESSO, COM A DIVULGAÇÃO DOS VOTOS DOS OUTROS MINISTRO, PODE SER SÁDIA, MAS NÓS PARECE PREJUDICIAL PARA A CORTE SUPREMA, PARA O NOSSO PAIS E PARA NÓS POVO BRASILEIRO, QUE AMAMOS ESTA NAÇÃO.

ANALISANDO A COMPOSIÇÃO DOS MINISTRO DO SUPREMO, VERIFICAMOS QUE FORAM INDICADOS PARA COMPOR O SUPREMO, DESDE 1989, OS SEGUINTES MINISTROS:

- EM 1989 - CELSO DE MELLO - INDICADO PELO EX-PRESIDENTE JOSE SARNEY;

- EM 1990 - MARCO AURÉLIO MELLO - INDICADO PELO EX-PRESIDENTE FERNANDO COLLOR DE MELLO;

- EM 2002 - GILMAR MENDES - INDICADIDO PELO EX-PRESIDENTE FERNANDO HENRIQUE CARDOSO;

- EM 2003 - AIRES BRITTO;

- " - JOAQUIM BARBOSA;

- " - CESAR PELUSO;

- EM 2006 - RICARDO LEWANDOWSKI;

- EM " - CARMEN LUCIA;

- EM 2009 - DIAS TOFFOLI - TODOS INDICADOS PELO EX-PRESIDENTE LUIZ INACIO LULA DA SILVA;

- EM 2011 - ROSA WEBER; E

- EM " - LUIZ FUX - PELA ATUAL PRESIDENTE DO BRASIL DILMA ROUSSEFF.

SÃO 8 MINISTRO INDICADOS PELOS POLÍTICOS DO PT.

OS ADVOGADOS DE DEFESA NESTE PROCESSO, GANHARAM UM ALIADO DE PESO O MINISTRO REVISOR, COM MUITO MAIS CAPACIDADE E CONHECIMENTO DO QUE ELES, POIS NA REVISÃO DA ACUSAÇÃO, SE REPORTA A ALGUMAS DECISÕES, JÁ FEITAS POR SEUS COLEGAS( MINISTROS ), PARA EXPLICAR O INEXPLICÁVEL NA DEFESA DOS REÚS, PRINCIPAMENTE DAQUELES FILIADOS AO PT( PARTIDO DOS TRABALHADORES) E SEUS ALIADOS,
ABSOLVENDO-OS DE QUALQUER ACUSAÇÃO, E DERRUBANDO TODOS OS ARGUMENTOS APRESENTADOS PELOS MP, PGU. E MIN. REL.; INCLUSIVE DISTRIBUINDO AOS DEMAIS MINISTROS AS SUAS CONCLUSÕES POR ESCRITO EM UMA PASTA SEPARADA, MOSTRANDO A TODO O POVO BRASILEIRO, A SUA ORGANIZAÇÃO EM DEFESA DOS REÚS.

NESSA ORDEM OS MINISTROS ATÉ O FIM DO PROCESSO DEVERÃO RECEBER MAIS 3 OU 4 PASTAS DE ACORDO COM OS BLOCOS FATIADOS DA ACUSAÇÃO FEITA PELO MINISTRO RELATOR.

Unknown disse...

O DEBATE ESTA ABERTO PARA QUE O MINISTRO RELATOR, O PROCURADOR GERAL E O MINISTÉRIO PÚBLICO, POSSAM SE DEFENDER DAS ANÁLISES FEITA PELO MINISTRO REVISOR, QUE DERRUBOU TODAS AS ARGUMENTAÇÕES DA ACUSAÇÃO, ABSOLVENDO OS RÉUS LIGADOS AO PT.

NA GÍRIA POPULAR, (TUDO COMO DANTES NO QUARTEL DE ABRANTES) ÍNDICA QUE O MINISTRO REVISOR, CONTESTARÁ TODAS AS DEMAIS ACUSAÇÕES IMPUTADAS AOS DIRIGENTES DO PT E SEUS COLABORADORES DIRETOS E OS ABSOLVIRÁ PLENAMENTE DAS ACUSAÇÕES A ELES IMPUTADAS PELA ACUSAÇÃO.

EM SÍNTESE, OS ANOS SE PASSARAM, O EX-PRESIDENTE, AFASTOU DO GOVERNO, TODOS OS ENVOLVIDOS E DEIXOU PARA O MINISTÉRIO PÚBLICO O TRABALHO DE PÔR EM PRATOS LIMPOS (GIRIA POPULAR), A APURAÇÃO DO MENSALÃO.

ENQUANTO ESTEVE NO GOVERNO, O EX-PRESIDENTE, FOI EMPURRANDO COM A BARRIGA O PROCESSO, ATÉ NÃO PODER MAIS ADIAR O JULGAMENTO.

MAIS ANTES SE CALÇOU, INDICANDO PARA O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, NADA MENOS QUE SEIS MINISTRO DE SUA TOTAL CONFIANÇA.

SÓ NÃO ESPERAVA QUE UM DELES, TINHA CARÁTER, OPINIÃO PRÓPRIA, DIGNIDADE E HONRA E NÃO DEPENDE DE NINGUÉM PARA SOBREVIVER.

POR DESTINO DÍVINO E POR NORMA REGIMENTAL FOI ESCOLHIDO COMO RELATOR DESTE PROCESSO O MINISTRO JOAQUIM BARBOSA, PARA FINALMENTE PODER DESMASCARAR DEFINITIVAMENTE, ESTE PROCESSO DE COMPOSIÇÃO DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, QUE É FEITO, POR INDICAÇÃO DE PRESDIDENTES DA REPUBLICA E NÃO POR MÉRITOS DOS MAGISTRADOS.

ESTE PROCESSO DE COMPOSIÇÃO DO SUPREMO EXIGE UMA REFLEXÃO DOS MAGISTRADOS DAQUI PRA FRENTE.

CABERÁ AOS DEMAIS MINISTROS DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, DESMENTIR A OPINIÃO PÚBLICA, VOTANDO, COM O MINISTÉRIO PÚBLICO, O PROCURADOR GERAL E O MINISTRO RELATOR JOAQUIM BARBOSA, PELA CONDENAÇÃO DE TODOS OU DA MAIORIA DOS RÉUS ENVOLVIDOS, INDEPENDENTE DOS PARTIDOS AO QUAL PERTENCEM.

GRAÇAS AO BOM DEUS E A DEMOCRACIA BRASILEIRA, NÓS ESTAMOS ASSISTINDO UM DEBATE NAS NOSSAS CASAS, DIFERENTE DOS DEBATES POLÍTICOS DE CANDIDATOS A CARGOS ELETIVOS.

SE ESTE DEBATE É BOM OU NÃO PARA O BRASIL, SÓ O FUTURO NOS DIRÁ.

Anônimo disse...

E acentua-se o processo de desmantelamento das instituições. Vamos pelo mesmo caminho aberto por Hugo Chávez na Venezuela, que conseguiu dirigir os 3 poderes. Aqui, graças à venalidade tradicional de grande parte dos nossos políticos, essa tarefa não é das mais árduas. No futuro, lágrimas de sangue serão vertidas. Cagliostro

Anônimo disse...

NAUFRÁGIO DAS INSTITUIÇÕES

A NAÇÃO COMO UMA NAU FERIDA POR ARTILHARIA, PRINCIPIA A ADERNAR

Época turbulenta, onde ninguém é responsável, ninguém é responsabilisado, faça o que fizer.
Sucessivos governos, todos corruptos e corruptores exceto Itamar Franco, seguindo um programa previamente estabelecido com o apoio de parlamentares em todos os níveis instituíram um sistema que inviabiliza responsabilisar criminosos e corruptos, seja no âmbito do executivo, legislativo, judiciário, comércio, indústria e agro negócios. Hoje, aqui no Brasil quem tem dinheiro, assim poder, faz o que quer e o que bem entende, sem temer os braços e peso da Justiça.

Farto noticiário na mídia tradicional, tal como Estadão, Grupo Folha, Veja e outras mais, comprovam que roubar, corromper, são ações que raramente são punidas, no mais relevadas, perdoadas, ou mesmo esquecidas no tempo, também pelo chamado 'decurso de prazo'.

Hoje, corromper, aviltar, mentir, pela ação dos governos populistas, compensa a quem tem dinheiro, poder; esmagando os humildes, os desprovidos de poder.

Alguns, exceção, uns pequenos, menores, com menos dinheiro e poder, são punidos para servir como exemplo, para mostrar ao povo que existe Justiça; num engodo puro.

A quem duvidar de que o comércio, indústria e agro negócios também gozem de tal impunidade, basta se dirigir a uma sala do Procom para ouvir um rosário de queixas amargas. E o fato de abusos continuarem a acontecer é prova cabal e suficiente de que infratores não temem punições, pois essas raramente ocorrem e quando acontecem são insuficientemente duras ou pesadas para assustarem ou pesarem no bolso das empresas.

A Nação em todos os níveis e setores amarga o descompasso entre crimes e punições, dessa forma inclinando-se para o desgoverno e um futuro cada vez mais sombrio, até o naufrãgio final.




http://www.grifao.com/

José Antonio disse...

Gilmar Mendes, com seu voto, acaba de confirmar que tem o rabo preso.