sábado, 2 de fevereiro de 2013

Pré-sal - A grande cartada Fraudulenta de LULA

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Otacílio M. Guimarães

Me surpreende que somente agora, depois do estrago feito, a revista “Veja” venha revelar aos incautos o engodo que foi o pré-sal, uma fantasia eleitoreira gestada na cabeça do “Exu de Nove Dedos” com o intuito de enganar trouxas e ganhar eleições,como de fato enganou e ganhou. Sua reeleição à presidência deve algo ao pré-sal, além da ignorância coletiva das massas estúpidas de eleitores brasileiros.

A única coisa que eu entendo de petróleo é que se trata da mais importante fonte de matérias primas, além de ser a principal fonte de energia do planeta.. Isto me bastou para nunca ter acreditado nas mentiras de Lula a respeito do pré-sal, que não é uma novidade brasileira, mas existe em várias partes do planeta. A diferença é que nas diversas partes do planeta onde o pré-sal também existe, inexistem governantes sem nenhum caráter dispostos a enganar empresários trouxas e eleitores idiotas com tal balela. Quem se der ao trabalho de correr os olhos pelas páginas do site da Statoil, empresa norueguesa que detém a melhor e mais avançada tecnologia de prospecção e extração de petróleo em águas profundas, vai verificar que extrair petróleo do pré-sal e como retirar diamantes de Marte, ou seja, é inviável por diversos motivos:

a) falta de tecnologia adequada;

b) falta de segurança numa operação de tal envergadura e,

c) falta de viabilidade econômica: “mesmo que fosse possível extrair petróleo do pré-sal atualmente, seu preço seria cinco vezes mais alto que o do petróleo extraído em águas profundas da Bacia de Campos.”

Agora a Veja, com esta reportagem, informa que os barões do petróleo estão em maus lençois por terem acreditado nas mentiras do Exu de Nove Dedos. Bem feito! Inteligência não é coisa para qualquer um.

Relata a reportagem:

“Desde a posse da nova presidente da Petrobrás, Maria das Graças Silva Foster, em fevereiro deste ano, o setor passa por um choque de realidade.

As metas da empresa foram revistas e, com isso, os contratos com empresas fornecedoras de equipamentos e serviços (as companhias dos barões do petróleo) minguaram.

Os sinais de que os ventos mudaram vêm de longe.

Há quase uma década a Petrobrás não cumpre suas metas de produção.

No segundo trimestre de 2012, contabilizou um “prejuízo de 1,3 bilhão de reais”. Foi o pior resultado desde 1999.

No semestre, a queda foi de 64% em relação ao mesmo período do ano passado”.

Continua Veja:

“Na opinião dos especialistas, o pré-sal foi usado como bandeira política pelo ex-presidente Lula. O discurso era que a nova descoberta resolveria os problemas do Brasil, e a Petrobrás prometeu o que não podia”.

Ainda em seu primeiro mandato, o “Exu de Nove Dedos” anunciou a auto-suficiência do Brasil em Petróleo.

Hoje, o Brasil importa gasolina, óleo diesel e até etanol de milho dos Estados Unidos.

E ninguém cobra isto dele?

Mas o dado que mais chama a atenção é a desvalorização das ações da Petrobrásdesde àquela manobra de capitalizá-la sem na verdade injetar nenhum dinheiro em seus cofres.

De lá para cá a Petrobrás perdeu 208 bilhões de dólares em suas ações, ou seja, hoje a empresa vale menos 208 bilhões de dólares!

E ninguém cobra nada de ninguém?

Este é o resultado do estatismo. Entrega-se uma empresa que explora o melhor negócio do mundo a amadores apadrinhados por políticos, usa-se a empresa com fins eleitoreiros, atualmente está sendo usada como instrumento de política monetária, e o consumidor, que em última instância é quem paga a conta e os acionistas ficam a ver navios”.

A reportagem da Veja está primorosa. Pena que não sido publicada há uns quatro anos atrás.

Quem tiver interesse em se aprofundar na matéria, veja o site da Statoil: http://www.goodideas.statoil.com/deep-dive-pt#heavy-oil-container

Otacílio M. Guimarães é articulista.

11 comentários:

Anônimo disse...

O Brasil vai ler umas cinco décadas para se recuperar dos estragos causados por essa gentalha.

Cristiano disse...

Vai acontecer que ela vai ter de ser fechada e as estrangeiras vão ter total liberdade para importar o petróleo que revende. Quem sabe assim, o preço diminui.

Cristiano disse...

Vai acontecer que ela vai ter de ser fechada e as estrangeiras vão ter total liberdade para importar o petróleo que revende. Quem sabe assim, o preço diminui.

Anônimo disse...

Nunca antes neste país tivemos um safado maior do que este. Bem feito para aqueles que se deixaram levar. O próximo a se dar conta do grande engôdo será o....povo. E os combustíveis começaram a aumentar...

Anônimo disse...

Curioso, pagamos uma das gasolinas mais caras do mundo nos postos. A Petrobrás diz ter prejuízo na venda. Vale a pergunta, prá onde vai o grosso desse dinheiro. Resposta: imposto para bancar os " investimentos" petistas.

Ricardo Magalhaes disse...

Lamentavel nessa historia, é ver os funcionarios da emprêsa completamente alheios a tudo,pensando que nada lhes acontecerá quando a vaca for ao brejo.No atual momento, não vejo qualquer segurança para esses funcionários, eles tambem irão pagar a conta pela omissão,e pagarão caro, com seus empregos. Que suas associações tomem a iniciativa de escancarar os "malfeitos" dentro da empresa para que alguma coisa possa ser feita, se for possivel.

Fendel disse...

a solução se chama pulverização.... nem estataria e nem privataria

Anônimo disse...

Qual o nome do autor desse texto? Exu Queima Rosca?

Carlos Crespo disse...

Só. bobagem?vcs nao sabem. de nada?muito. burros mesmo!!!!

Anônimo disse...

Povo sem memória, sem um mínimo de raciocinio, esse lula nunca trabalhou na vida, cortou o dedo pra se aposentar e passou a ser um pelego sindicalista no ABC, fez centenas de milhares de trabalhadores perder o emprego agitando greves em conluio com os dirigentes das grandes montadoras e outras empresas de grande porte. As empresas do ABC que não se assujeitaram as mazelas sindicalistas quebraram ou debandaram para o interior do Estado causando grande desemprego na região metropolitana que tem mais de 20 milhões de pessoas, virando um caos de insegurança e criminalidade. O produtor agrícola, o pecuarista, o industrial, o empreendedor em geral tem que ser valorizado muito mais do que o banqueiro especulador, o invasor de terra, o sindicalista que nada produz. Fora lula e sua trinca maléfica.

Savio disse...

É o pré sal continua um engodo?