segunda-feira, 29 de julho de 2013

Mensagem da JMJ: Deus derrotando o PT

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Milton Pires

Terminou a JMJ (Jornada Mundial da Juventude). Meus queridos canalhas petistas, assassinos de prefeitos, estelionatários, e condenados do Mensalão: hoje o Papa foi embora e eu, mesmo sem me considerar católico praticante,  gostaria de deixar aqui um recado que fica, na minha opinião,  sobre a visita dele. Vocês sabem qual é?

Eu resumo assim: Para cada mulher da Marcha das Vadias sempre vai haver no Brasil milhares das que são decentes. Para cada viciado em crack, assim como para cada integrante da Marcha da Maconha, vocês encontrarão milhares de médicos brasileiros dispostos a tratá-los e para cada integrante do Movimento Gay – milhões de homens continuarão adorando as mulheres desse país. Isso, seus desgraçados, não deve jamais sair da lembrança de vocês e quando, agora em agosto, vocês encontrarem  seus amigos terroristas e traficantes que integram o Foro de São Paulo levem essa derrota na mala!

Jovens católicos reuniram-se aos milhões na cidade do Rio de Janeiro. Em nenhum deles vocês conseguiram enfiar uma camiseta do Che Guevara... Nenhum deles comprou “baseado” dos amigos de vocês que infectam os Morros daquela cidade..Que derrota, hein “cumpanheros”? Parece que o movimento das lésbicas e a retirada dos crucifixos dos tribunais não surtiu efeito nenhum, né?

A lição, a única e verdadeira lição,  que qualquer criança poderia tirar dessa derrota vocês são incapazes de apreender. Sabem qual é? É que a maioria esmagadora das pessoas do nosso país são gente decente, seus bandidos! São gente que não quer saber de Marcha de Vadias, de Movimento Gay ou de Maconheiros...

São pessoas humildes que elegeram vocês, às vezes em troca de um prato de comida, mas que jamais concordariam com os milhões de mortos na China e na URSS provocadas pela fome  dos regimes de Mao e Stalin que vocês tentam implantar aqui.

A maioria dos brasileiros, petralhas desgraçados, acredita de todo coração que homem e mulher tem que ir pra cama um com o outro, que maconha faz mal, que deixar viciados em crack andando pelas ruas é falta de caridade e que dar vaga na Universidade por causa da cor das pessoas é um absurdo...

A gigantesca maioria do nosso povo é contra transformar o aborto em algo como trocar de roupa ou tomar banho, já mostraram para vocês que acreditam no direito da população ter armas para se defender..e na hora da morte sabe quanto vale um médico ao seu lado!

Até quando, seus miseráveis, vocês pensam que vão enganar o resto do mundo? Quantas notícias sobre economia em crescimento vocês vão divulgar no New York Times e quantos artigos publicados lá o Grande Analfabeto vai ter que pedir para escreverem por ele?

Vocês sabem a razão disso tudo? A crença da nossa gente em Deus! A fé numa verdade transcendental que na religião de vocês (materialismo dialético) não existe. O Brasil, seus bandidos, vai deixar em 2014 a mensagem da URSS em 1989 – lá vocês escravizaram as pessoas pela força; aqui estão tentando fazer isso através da cultura e, mais uma vez, vão ser derrotados.

Agora vocês nos escolheram (nós os médicos) como responsáveis pelo sofrimento do povo, não é? Vamos ver quem vai vencer...Para cada Alexandre Padilha, traidor da nossa profissão, milhares de médicos brasileiros mostrarão que vocês estão errados. Nós provaremos, custe o que custar, a má-fé de vocês todos com a relação às pessoas doentes e quando a máscara cair vai ser tarde demais para se levantar novamente.

Hoje é domingo à noite – tradicional “hora da depressão” e da lembrança  de que amanhã a semana começa de novo...Tudo retorna a rotina...todas as queixas outra vez.. Nem Lula e Dilma podem escapar disso, mas a segunda-feira vai ter um ar diferente deixado por aquela visão da praia lotada com milhões de jovens rezando...milhões de pessoas que não acreditam em vocês – uma prova arrasadora de Deus derrotando o PT.

Porto Alegre, 28 de julho de 2013 AVC (antes da vinda dos cubanos)


Milton Simon Pires é Médico.

10 comentários:

Anônimo disse...

Deus derrotando o comunismo! Que os jovens façam a evangelização católica para salvar outros jovens das garras da preleção comunista em institutos de ensino e faculdades. Gostaria de saber se estes participantes da marcha das vadias são comunistas ou estão ao seu serviço.

Anônimo disse...

Obrigada Papa Francisco por ensinar tantas coisas maravilhosas para nossos jovens. que eles ouçam e coloquem em práticas seus ensinamentos.
Na hora das nossa aflições buscamos Deus e nossos familiares.

Anônimo disse...

O número de pessoal do bem é maior e sempre vamos vencer esse mal, demônios petralhas. O lugar deles é lá embaixo.

Anônimo disse...

Lindo o artigo. Parabéns ao Milton.
Esther

pilotokamikaze disse...

Sábias e belas palavras de um Médico, um ser louvável que merece todo nosso respeito e admiração. Não se trata de qualquer um com mais uma crítica. É um profissional da mais alta categoria desta nação. Então lendo todo o conteúdo deste desabafo em forma de agradecimento e ao mesmo tempo, um grande alerta ao povo que tiverem acesso a este conteúdo, só me resta assinar em baixo. Ratifico, pois é exatamente assim que vivemos o Brasil de hoje!!! Parabéns Doutor. Pessoas como o senhor que o Brasil precisa para mudar esta nação de povo humildes e carentes de conhecimentos dos seus próprios direitos!!

Anônimo disse...

Como medico só tenho a dizer:Parabens nobre colega!!!

Para a nossa naçao só tenho a dizer: DELENDA PT!!!!!
DELENDA COMUNISMO!!!
MATEM E SALGUEM O FORO DE SAO PAULO!!!!

Anônimo disse...

Grande, Milton!
Falou tudo que eu falaria se escrevesse.
Fiquei emocionado com os milhões de jovens mostrando que se pode viver decentemente e professar sua religião de modo ordeiro.
Com a ajuda do Papa Francisco (grande cara!) as coisas ficaram mais fáceis. Não nos esqueçamos das palavras de Francisco.
A interferência de alguns poucos desviados não conseguiu manchar a beleza da juventude de cara limpa e ordeira.

Anônimo disse...

Depois de ler Soberania e sobrevivência, de Adriano Benayon e mais Milton Pires, lembrei de Joaninha. Chegando em casa, um pouco mais tarde, a mãe perguntou: “Seus coleguinhas molestaram você, hoje”? A criança disse: “Sim mamãe, eles continuam insistindo para que eu suba no pé de pera”. Então a mãe retruca. “Sua bobinha, eles querem ver a cor da sua calcinha”. A menina responde. “Nada disso mãe. Pensa que eu sou trouxa – subi no pé de pera SEM a calcinha!” Peço escusa pela grosseria, mas hoje são vocês que expuseram a “nossa brasileirinha”. E pelo o que estou vendo, ela NÃO subiu no inocente pé de pera – mas trepou loucamente no Pau Brasil...

Marcos F disse...

Muito bom, Don Milton!
Esse é o tom de vermelho que eles devem receber - o rubor da raiva e do espanto.
Eles só querem o mal, a desavença, a cizânia, o fim dos credos, das famílias ...

Marcos F disse...

Muito bom, Don Milton!
Esse é o tom de vermelho que eles devem receber - o rubor da raiva e do espanto.
Eles só querem o mal, a desavença, a cizânia, o fim dos credos, das famílias ...