sábado, 28 de dezembro de 2013

Improbidade Administrativa

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Humberto de Luna Freire Filho

O Presidente do Senado, me nego a citar seu nome, deverá ressarcir o erário em 32 mil reais por conta de seu turismo capilar usando aviões da Força Aérea Brasileira (FAB), e em 1 bilhão de reais a sociedade brasileira por danos morais.

A sociedade também espera que a Procuradoria-Geral da República (PGR) tenha coragem para, usando de suas atribuições, Lei de Improbidade Administrativa (n°8.429/92), comece a afastar do serviço público todos os ratos que circulam livremente palas salas, gabinetes e os fétidos porões dos três poderes.

Isso antes que destruam o que ainda resta do país.

Humberto de Luna Freire Filho é Médico.

4 comentários:

Anônimo disse...

Temos que levar isso adiante, só assim vamos parar com essa farra.
Chega, de sustentar esses ladrões.

Anônimo disse...

Humberto faltou o de falsidade ideológica. Ele declarou uma utilização a serviço e na realidade fez uso particular. Simples adsim e nada complexo. Saudações patrióticas

Anônimo disse...

Humberto esqueci de completar: O que será que ainda resta do paí? Voce sabe dizer... Um país onde não há Honra, Caráter, Pátria, Respeito, Responsabilidade e Confiança, tem o que afinal? Simples assim e nada complexo. Saudações patrióticas.

BRAGA disse...

Boa noite Humberto. Tenho 72 anos e, nessa caminhada, verifico coisas interessantes:
1- As classes rica e pobre tem em comum a união (traduzido, os ricos são unidos e os pobres também).
2- A classe média é individualista e cada um que TER mais que outro, por isso, é entubada por todos os lados; pelo e pelo pobre.
Seria o marisco na briga entre a rocha e o mar.
Finalizo com uma frase:
Eis que Deus não rejeita ao íntegro, nem toma pela mão os malfeitores. (Jó, 8:20)