sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Lula defende mensaleiros, enquanto coreanos detonam líder “corrupto, mulherengo e ideologicamente doente”

Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Pode ser no mínimo classificada de patética a imagem de Luiz Inácio Lula da Silva, na abertura do 5º Congresso do Partido dos Trabalhadores, repetindo a cena agressiva de erguer os punhos fechados para protestar contra as condenações no Mensalão, em gesto idêntico e solidário aos companheiros José Dirceu e José Genoíno, no dia em que foram presos. Lula se comoveu com o gritinho da militância, pedindo “Lula, guerreiro, defenda os companheiros” e partiu para o que sempre soube fazer: atacar.

Ao alegar que o PT foi vítima da “maior campanha de difamação”, Lula pegou carona até no caso do helicóptero da família do senador Zezé Perrella, onde a Polícia Federal encontrou muita cocaína: Nosso partido tem sido vítima das suas virtudes e não só de seus defeitos. Somos criticados pelas coisas boas que fazemos, não só pelos erros. Se for comparar o emprego do Zé Dirceu no hotel com a quantidade de cocaína no helicóptero, pelo menos houve uma desproporcionalidade na divulgação do assunto.

Ironicamente, a festinha do PT foi no mesmo dia em que o Partido Trabalhista da Coreia do Norte demitiu, execrou publicamente, sentenciou à morte e executou imediatamente aquele que, até outro dia, era considerado um poderoso líder. Jang Song-thaek, foi condenado à pena capital pelos crimes de corrupção, formação de facções para conspirar contra o Estado e “atos depravados”.  Jang foi punido por ser mulherengo, praticar orgias e consumir drogas.

Além de marido de Kim Kyong-hui, irmã do ex-líder Kim Jong-il, e tia do atual líder norte-coreano Kim Jong-un. O agora falecido Jang era vice-presidente da Comissão de Defesa Nacional. Na democradura nortecoreana, condena-se à morte até quem ocupa o mais alto posto militar junto com um dos mais altos postos de militante da única legenda partidária daquela terra perdida do comunismo. E o pobre Jang morreu em desgraça, desclassificado como um traidor "pior que um cão" e como um sujeito "ideologicamente doente". Tadinho...

Curioso é o noticiário da agência estatal de notícias KCNA descrevendo as razões de Jang ter caído em desgraça: “O acusado reuniu forças indesejáveis e formou uma facção, tendo portanto cometido crimes hediondos como a tentativa de derrubar o Estado. Há muito, ele tinha ambições políticas sujas. Ele começou a revelar sua face verdadeira achando que era hora de realizar sua ambição selvagem neste período histórico onde a geração da revolução foi substituída".

Sorte que Lula não é líder na Coreia do Norte. Azar que é líder no Brasil. Lá teria de botar a Barba de molho. Aqui, ano que vem, se elege, facilmente, senador por São Paulo, ganha mais oito anos de emprego público e imunidade parlamentar. Se tudo correr bem para o lado dele, também ajuda a eleger, deputada federal, a superamiga Rosemary Noronha. Um casal protegido pelo foro privilegiado só terá uma sentença desfavorável, ainda em vida, caso mude de mala e cuia para a terra do jovem Kim Jong-um...

Enfim, parece que, no Brasil, todo dia é sexta-feira 13, sob a governança petralha. Precisamos virar esta sorte a favor do Brasil e dos brasileiros, antes que seja tarde demais...

República da Cueca


Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 13 de Dezembro de 2013.

5 comentários:

Anônimo disse...

E este partido de ideologia comunista não segue o exemplo da Coréia do Norte...

Anônimo disse...

Esse partido PT é o partido dos bandidos. É uma organização criminosa. O Brasil precisa se livrar desta quadrilha que está literalmente destruindo o país.

Anônimo disse...

...à uma Nação que perdeu sua Soberania, resta apenas aguardar o que será decido sobre seu futuro nos centros do Poder e qual será o caminho destinado.
Há um empasse que apavora o partido no poder que sabe o que lhe espera mais adiante.
Nas mentes torpes da nomenklatura, deve haver um raciocínio que passa pela hipótese de uma derrota, apeamento do Poder, e consequente ingovernabilidade com uma máquina aparelhada. Então teriam motivos para a desejada ruptura e culpar tudo e a todos.
Por sua vez, aqueles que se dizem oposição, também montam cenários semelhantes e pensam que não vale a pena e apostam em uma situação de caos, para então, apresentarem-se como salvadores.
O problema é que todos fazem parte do mesmo corpo doente.
Resta-nos, tão somente, aguardar pelas decisões da City.
NA

Garivaldino Ferraz disse...

Comprova o que já comentei por aqui: o grande erro dos contrarevolucionários de 1964 foi não terem aplicado por aqui a única coisa que funciona a contento em regimes comunistas - o paredão! O resultado da hesitação está aí!

Ronald disse...

PúTrido safado tem 13 letras

Corno PilanTra tem 13 letras

Filho de cadela tem 13 letras

Pulha escroque tem 13 letras

PTralha imundo tem 13 letras