domingo, 16 de março de 2014

O Exército Fantasma


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Milton Pires

Em 1964 as forças armadas “escolheram” intervir no Brasil. Com frase simples inicio esse artigo que espero chegar aos comandantes da Marinha, Exército e Aeronáutica. O que aqui vai ser dito entra em total oposição com um texto anterior de minha autoria que chamei de “Oração às Forças Armadas”. Escrevo essas linhas em função da proximidade dos 50 anos da Revolução de 64 e dos apelos que agora proliferam nas redes sociais pedindo, mais diretamente ao Exército, a tomada do poder no Brasil.

Não é minha intenção defender o que foi feito no passado, exaltar o papel dos militares ou lamentar o que está acontecendo no país. Começo, retomando a primeira frase, numa tese muito simples e pretendo que seja ela o próprio corpo dessa argumentação. Afirmei na primeira linha que, se as forças armadas “escolheram” intervir no Brasil, hoje essa escolha não existe mais.

Tudo que tem sido dito na internet, todas as manifestações dos militares da reserva e de uma população civil desesperada com aquilo que o PT está fazendo no Brasil partem, portanto, de uma premissa absolutamente errada: a ideia de que seus apelos, como aquele que fiz no artigo que chamei de “Oração”, possam determinar um ato de vontade, uma tomada de decisão... uma espécie de resolução militar para salvar o Brasil do destino da Venezuela.

Isso simplesmente não vai acontecer por dois motivos: primeiro pela covardia e egoísmo de uma parte dos militares que pensa, como qualquer funcionário público brasileiro, na sua aposentadoria. Segundo, e esse é o motivo mais perigoso, por uma pequena parcela (pequena, mas poderosa e muito bem informada) deles que vem apostando numa política de terra arrasada... numa lógica do “quanto pior melhor” no sentido de garantir perante à população civil o respaldo à futura tomada de poder.

Quero aqui me dirigir aos três comandantes, sendo eu mesmo um militar da reserva, para dizer que os dois grupos hão de fracassar. Nós não estamos mais em 1964. Não há tempo suficiente para entrar para reserva ou obter respaldo popular. Não se trata mais de impedir, como há 50 anos, que os comunistas cheguem ao poder. Os comunistas, senhores comandantes, ESTÃO no poder. São eles os seus chefes. São a eles que devem vocês prestar continência.

Dias após dia, ano após ano, os senhores têm visto batalhões de fronteira na penúria e agora desativados. Bases aéreas e, num futuro próximo navais, tem sido em sequência desativadas. O orçamento destinado aos senhores não cobre mais o rancho e o fardamento. Não há no Exército munição para sustentar um dia de guerra total. Pergunto-lhes, pois: não concordam vocês que não trata-se mais aqui de salvar o Brasil de coisa alguma mas sim da própria existência das forças armadas como instituição?

Todos nós, senhores comandantes, estamos cansados das manifestações da reserva... de certos “Rambos de pijama” que não percebem que aproxima-se o fim do Exército e que pensam, numa lógica que desconhece totalmente o pensamento revolucionário, ser possível negociar com o PT. Sobre isso afirmo o seguinte: meu posto é de segundo tenente da reserva.

Jamais trabalhei em qualquer serviço de informação e pouco me importa o conhecimento da inteligência militar brasileira. Escrevo aqui como quem conhece, e muito bem, a inteligência petista: Não se enganem, senhores, com a promessa de novos caças, de mais porta-aviões ou de um submarino nuclear. Não acreditem em mais tanques ou no soldo melhor para os oficiais generais porque o que se aproxima é a penúria total.

Entendam que em 1964 vocês tomaram o poder porque “queriam” salvar o país do comunismo. Em 2014 ou depois, terão que fazê-lo para salvar a própria pele. O verdadeiro exército petista está entre os integrantes do MST e da gigantesca massa carcerária brasileira, hoje mais de meio milhão de condenados, que esse Partido criminoso controla com mão de ferro.

Senhores comandantes, até hoje nada do que os senhores viram foi suficiente para lhes convencer da necessidade de intervenção... Tudo continua parecendo uma questão de “decisão”... de “momento certo”... e de respaldo da população civil como se estivéssemos nós todos em 1964 quando foi por um ato de vontade própria que o Exército colocou-se no poder. Vossa vontade, senhores, não mais está em questão.

Aceitem meu aviso quando digo que dessa vez não é “só o Brasil” que está ameaçado mas o próprio Exército que aproxima-se, ainda que seja lentamente, da própria extinção. Ou os senhores compreendem isso e tomam a atitude que, salvando a si próprios, há de salvar a democracia brasileira, ou em breve não serão mais que um Exército Fantasma.

Milton Pires é Médico.

8 comentários:

Manoel Vigas disse...





Saudações.

Ilmo. Sr. Milton Pires

EXCELENTE SEU TEXTO DE HOJE
domingo, 16 de março de 2014
"O Exército Fantasma".

****************
LEMBRO INDIGNADO:

AS FFAA JÁ FORAM AVISADAS HÁ ANOS DESSA DESCONSTRUÇÃO OU DESSA IMPLOSÃO "lenta e gradual" ...

( conforme dizia a famosa dupla G/G "geisel/golbery" no seu "tristemente e famoso projeto":

"ABERTURA PARA RETORNO DE TODOS OS COMUNISTAS" ) ...

EM 1993, A "EIR" ( Executive Intelligence Review) , LANÇOU UM LIVRO QUE DESCREVE PASSO A PASSO EXATAMENTE A NOSSA ATUAL REALIDADE:

CHAMA-SE:

"O COMPLÔ PARA ANIQUILAR AS FORÇAS ARMADAS E AS NAÇÕES DA IBERO-AMÉRICA"

****************

PENSANDO ALTO:

a) SABEMOS À EXAUSTÃO QUE O BRASIL É HOJE UMA DAS PARTES MAIS IMPORTANTES NO FORO DE SÃO PAULO, ACOMPANHANDO O BLOCO COMUNISTA DA "américa latrina".

Toda a AMÉRICA LATINA COMUNISTA
--- pura coincidência ...

b) SABEMOS IGUALMENTE QUE A PRIORIDADE DE QUALQUER QUE SEJA O GOVERNO É O PAGAMENTO DA DÍVIDA...
( dívida que consumirá agora em 2014 mais de 1 (um) trilhão de reais )

c) E,..... TAMBÉM SABEMOS QUE O NARCOTRÁFICO, É UMA DAS MAIS IMPORTANTES FERRAMENTAS PARA DOMÍNIO DAS NAÇÕES...


CABE UMA PERGUNTA DIANTE DO FATAL, INEVITÁVEL, INFALÍVEL E IRREMEDIÁVEL DESTINO:

ESTARÍAMOS NÓS "marcando bobeira" DISCUTINDO O ÓBVIO ?

TENTANDO SALVAR O "insalvável" ?

BEM,

"Em rio que tem piranhas jacaré nada de costas e
macaco toma água de canudinho"

PENSO QUE "a coisa" JÁ FOI PLANEJADA NOS MÍNIMOS DETALHES PELA "OLIGARQUIA FINANCEIRA INTERNACIONAL", E O BRASIL DEVERÁ SER EM BREVE "pulverizado em partes estratégicas para atender ao norte do equador", E SEU POVO REDUZIDO PARA MENOS DE UM QUARTO.

O RESTO ME PARECE ILUSÃO DE OTIMISTA BÊBADO.

EM RESUMINDO "estamo fu".

***********************
CONCLUINDO, ...
JÁ QUE FALAMOS EM "OLIGARQUIA FINANCEIRA INTERNACIONAL":

QUER SABER QUEM DOMINA O MUNDO ?

BEM, ...
“Para saber quem domina o mundo,
você deve saber qual grupo não se pode criticar”

- Kevin Alfred Strom

***********************

Atenciosamente.
Manoel Vigas

Anônimo disse...

Quem esta no comando das 3 forças, 3 velhos caquéticos com mais de 70 anos que não querem mais se preocupar com nada, já deveriam estar aposentados de vez que a aposentadoria compulsória acontece aos 70 no serviço publico, esses 3 marionetes obedecem ao comando do idiota do Itamarati, que pensa que e ministro de defesa do pais o tal de Amorim, com seu escritório na praia vermelha e assessorado pelo ex da defesa Nelson Jobim que vivia vestido de militar e foi do Supremo, dois paus mandados do lula bebum e de dilma bebum. Nosso pais esta a deriva. Se depender das três forças não farão nada por causa dos dois cala a boca de lula. O exercito, marinha e aeronáutica estão acelfalos com os três ministros entupindo a caserna. Viva o Brasil nunca sairemos do atoleiro esta tudo dominado, so nos resta que Uncle Sam resolva nos proteger ficando de olho aqui e no merda sul senão babau.

Anônimo disse...

O Brasil, tal qual o conheciamos, e amávamos, acabou.

Anônimo disse...

O Dr.Milton pegou muito "leve". O problema é muito mais grave. "Eles"não conseguem mais esconder que a SOBERANIA brasileira foi para o"saco".O tal "Foro San Pablo"manda mais aqui que os nossos 3 Poderes somados.O que irá acontecer com as FFAA já foi sinalizado no Uruguai,colega de "foro",onde Mujica
legalizou o cultivo,venda e uso da maconha. Chegou ao cúmulo de desmoralizar as forças armadas uruguaias,cedendo suas terras para plantio da "ervinha". Os militares de lá deverão trocar os fuzis pelas enxadas. Os arsenais que até agora guardavam armas serão depósitos de maconha. E isso com certeza vai acontecer "aqui". Quem deixa que façam "cocô" na própria cabeça,certamente não vai reagir com mais essa.(Sérgio A.Oliveira)

Anônimo disse...

O Dr.Milton pegou muito "leve". O problema é muito mais grave. "Eles"não conseguem mais esconder que a SOBERANIA brasileira foi para o"saco".O tal "Foro San Pablo"manda mais aqui que os 3 nossos Poderes somados.O que irá acontecer com as FFAA já foi sinalizado no Uruguai,colega de "foro",onde Mujica
legalizou o cultivo,venda e uso da maconha. Chegou ao cúmulo de desmoralizar as forças armadas uruguaias,cedendo suas terras para plantio da "ervinha". Os militares de lá deverão trocar os fuzis pelas enxadas. Os arsenais que até agora guardavam armas serão depósitos de maconha. E isso com certeza vai acontecer "aqui". Quem deixa que façam "cocô" na própria cabeça,certamente não vai reagir com mais essa.(Sérgio A.Oliveira)

Anônimo disse...

O Dr.Milton pegou muito "leve". O problema é muito mais grave. "Eles"não conseguem mais esconder que a SOBERANIA brasileira foi para o"saco".O tal "Foro San Pablo"manda mais aqui que os 3 nossos Poderes somados.O que irá acontecer com as FFAA já foi sinalizado no Uruguai,colega de "foro",onde Mujica
legalizou o cultivo,venda e uso da maconha. Chegou ao cúmulo de desmoralizar as forças armadas uruguaias,cedendo suas terras para plantio da "ervinha". Os militares de lá deverão trocar os fuzis pelas enxadas. Os arsenais que até agora guardavam armas serão depósitos de maconha. E isso com certeza vai acontecer "aqui". Quem deixa que façam "cocô" na própria cabeça,certamente não vai reagir com mais essa.(Sérgio A.Oliveira)

Ana Luisa Stoffelshaus disse...

Triste ...

Anônimo disse...

Digo Eu que sempre fui mais tendencioso a esquerda do que a direita.

Digo o que digo por causa dos excessos de violência e brutalidade da DITADURA militar e da sua incapacidade de respeitar direitos humanos ou o direito de livre pensamento. Mesmo que seja para discutir e promover conversações. Isso nunca existiu durante a DITADURA e isso a tornou um câncer em nossas história.

Mas.....

Nada se compara ao que o PT tem feito. Mesmo antes do PT o PSDB e principalmente o PMDB que sempre esteve nas esferas do governo.

Hoje eu vejo os militares com outros olhos. Vejo com mais sinceridade e longe dos abusos que cometeram assassinando pessoas por simplesmente discordarem de suas visões, mesmo com argumentos válidos. Simplesmente levavam, torturavam e matava,. Tática essa ainda presente em nossa polícia militar e em outras esferas onde a segurança é o oposto de seu nome.

Mas também devo alertar que mesmo numa possível ação dos militares diante do atual cenário, o que veríamos é o fortalecimento do socialismo.

Há tempos que os EUA, patrocinador das DITADURAS da América latina, largou o capitalismo e se entregou a outra força de governo que tem em sua funda ção os mesmos alicerces do comunismo de Lenin.

E olhando hoje para o resultado desse período podre de nossa história, vejo comunistas se tornando capitalistas e vice-versa.

A maior contribuição que os militares poderiam prestar a essa nação, a esse povo e a sí mesmos, se é que isso hoje importam é que nossos poderes militares intervirem para desfazer esse sistema político podre.

Há sim recursos, pessoal, disciplina e apoio de muitos para isso. Há um desejo dos brasileiros que esse modelo corrupto seja desfeito. Talvez não pelos que são atendidos pelo assitencialismo do PT em função da miséria que a DITATURA promoveu em sua gestão.

Mas hoje, creio que com uma ação enérgica e inteligente de nossas forças militares, dissolver essa gangue seria importante tendo a seguida uma consulta geral para a construçnao de um sistema mais justo, tornando-se exemplo para o mundo e provarem que ao contrário daquele MALDITO período, seriam os heróis que tanto esperamos.

Da mesma forma, desejo que esses gangsters, criminosos sociais do PT e de praticamente todos os partidos, fosse exemplarmente punidos e talvez extintos para que a doença seja curada.

Dessa intervenção, poderia haver dois fatos importantes a serem destacados. Apagar uma mancha gigantesca por causa da DITADURA imposta pela violência e covardia do passado e unificar o povo as quem de fato tem a missão da segurança.

Não acredito que esses canalhas do PT tenham mais habilidade e inteligência do que o modelo militar. também creio que a questão das ferramentas para isso estão disponíveis e o desequilíbrio de suas capacidade recuperadas posteriormente.

Assim sendo só posso concluir que infelizmente, nossas forças militares se renderam a situação e estão felizes em ver o país se destruído por tanta pilhagem e domínio estrangeiro. Chego a pensar se não estão juntos de tudo isso.

E ao contrário dos tempos MALDITOS da DITADURA, nosso tempo atual, não permitira que tais atitudes sejam novamente impostas, retrocedendo 50 anos de nossa história.

Mas como não desejam isso, percebo que é preferível ao militares, assistir tudo pela TV até que venham sobre eles o domínio do qual nunca estiveram preparados. E ai será tarde.

Com respeito ao povo, duas diferenças e escolhas, independente da classificação por cor ou condição econômica como foi feito na DITADURA, não há melhor hora para mesmo na Praça d'armas, colocarem em pauta alguma luz sobre essas questões.

Esse é o tempo, se ja não passou.

Percebam que nossa presidente nunca faz um discurso com sequer uma interpretação do texto produzido que está lendo. Acho até que ela só lê tais textos quando vai diante das câmeras, colocar para fora o que marketeiros e políticos integrados com tamanha facção criminosa escrevem.

Estamos a mais da metade desse caminho.

Que Deus os abençoe e que a família brasileira seja resgatada.

mas não acredito que isso ocorra.