quinta-feira, 24 de julho de 2014

O que mudou no Brasil desde março de 64 para cá?


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Paulo Chagas

O objetivo do movimento comunista é fazer a mudança da natureza do homem, tirando-lhe a iniciativa e a ambição (motores da evolução da humanidade), transformando-o em um ser amorfo, acomodado e submisso - a sociedade sem classes. O que é uma balela, porque, no final das contas, a sociedade comunista não as elimina, mas as resume a duas: o partido e o proletariado.

Para isto empenham-se para promover o rompimento com os valores judaico-cristãos que orientam, organizam e disciplinam a nossa sociedade – família, respeito à tradição, temor a Deus, respeito ao mestre, aos mais velhos e às instituições, valorização do mérito.

Essa desconstrução de princípios é fundamental para nivelar os homens por baixo, daí a quantidade de invejosos, iludidos, ingênuos, desajustados, incapazes, incompetentes e espíritos de porco que assumem as bandeiras e se identificam (ou pensam que se identificam) com o ideário comunista.

Em 64 vivíamos o ápice da sua segunda tentativa de tomada do poder e, consequentemente, da desconstrução dos valores culturais conservadores (morais, éticos e religiosos), chegando ao cúmulo da ousadia de subverter a disciplina militar para, logicamente, enfraquecer estas instituições e sua possível reação ao golpe.

O “basta”, representado pelas Marchas da Família com Deus pela Liberdade, foi a centelha para a reação e para a recuperação dos valores que estruturalmente suportam a sociedade brasileira. Ou seja, o movimento cívico militar reafirmou e recuperou estes valores, não permitindo que outros os substituíssem.

Na área econômica, basta dizer que o Brasil, em 64, era quase a 50ª economia do planeta, com uma inflação de 80% ao mês, sem indústrias e sem estruturas para evoluir e, ao final do período militar, após as duas crises do petróleo que mudaram a configuração econômica do mundo, o Brasil ocupava a 8ª posição neste ranking.

A atuação na área política foi o ponto fraco do regime militar, pois desprezou suas práticas ao invés de corrigi-las e não soube formar novas lideranças, capazes de dar continuidade ao trabalho dos técnicos, especialistas e militares que alicerçaram as bases para a evolução e deram o novo rumo ao Brasil. Hoje estamos nas mãos de uma classe política de politiqueiros, despreparados, mal-intencionados ou comprometidos com a ideologia da escravidão e da mediocridade!

Após o fim do Regime Militar houve no Brasil uma intensa preocupação em proteger o cidadão comum de uma possível ação “opressora” do poder do Estado. Foram criados instrumentos legais que restringem, condicionam e tolhem a agilidade da atividade de segurança pública e do processo judicial.

Neste cenário, houve incremento do crime organizado. Os novos instrumentos, ao dificultarem o exercício do poder coercitivo pelo Estado, facultaram aos criminosos maior liberdade de ação, banalizando o crime e difundindo no País um destrutivo clima de impunidade. Os legisladores, tentando proteger o cidadão “de bem” de uma possível ação repressora ou ditatorial, acabaram por proteger os criminosos.

Na mesma linha de oportunismo encontram-se movimentos de pressão social, como o MST (Movimento dos Trabalhadores Sem Terra), o MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) e outros, que, apropriados por lideranças radicais e ideologicamente revolucionárias e escudados na legitimidade das questões sociais que representam, praticam a desobediência civil de forma crescente e planejada, podendo, a qualquer momento, ultrapassar a capacidade do poder de polícia dos governos estaduais, passando a ameaçar o próprio poder central da União.
Integrantes do MST já assumem publicamente a possibilidade de optar pela luta armada!

Hoje, em função desta permissividade, estamos outra vez no limiar do rompimento das estruturas conservadoras que, respeitando e valorizando as diferenças individuais, sempre foram as molas mestras da evolução da humanidade, não apenas do Brasil.
O rompimento com estas estruturas é o responsável último pelo caos que se aproxima, pois, “o socialismo dura enquanto durar o dinheiro dos outros”!

A situação atual do Brasil e a de todos os demais signatários do Foro de São Paulo demonstra que, neste rumo, irão todos acabar como Cuba, exportando mão de obra escrava, pois não lhes restará outra riqueza.

Paulo Chagas é General de Brigada na reserva.

4 comentários:

Loumari disse...




Eis que estou a porta, e bato: se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo.
Ao que vencer, lhe concederei que se assente comigo, no meu trono, assim como eu venci, e me assentei com meu Pai, no seu trono.
Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz as igrejas.
(APOCALIPSE 3:20)



Agora, pois, se, diligentemente, ouvirdes a minha voz, e guardardes o meu concerto,
então sereis a minha propriedade peculiar de entre todos os povos: porque toda a terra é minha.
E vós me sereis um reino sacerdotal e o povo santo.
(EXODO 19:5)



Então, disse JESUS aos seus discípulos:
Se alguém quiser vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me;
(MATEUS 16:24)



Nada temas das coisas que has-de padecer.
Eis que o diabo lançará alguns de vós na prisão, para que sejais tentados; sê fiel até a morte, e dar-te-ei a coroa da vida.
(APOCALIPSE 2:10)

Anônimo disse...

Quem pariu o Lula foi exatamente o governo militar (Golberi)!
Agora está difícil engolir a trolha!!!

Sabre Serrilhado disse...

General Chagas
Sugiro urgentemente ao sr. que como comandante militar profissional embora na Reserva faça o que seu mister abrange:
Organize na surdina uma RESISTENCIA armada com os militares dA RESERVA E DA ATIVA E VAMOS FAZER O QUE PRECISA SER FEITO OU ENTÃO VAMOS MORRER TODOS NAS MÃOS DOS COMUNISTAS IDOLATRADORES DE fIDEL CASTRO E gUEVARA.
fAÇA ISSO! USE A IMAGINAÇÃO CONVOQUE UM A UM, boca a boca E TEREMOS O EFETIVO SUFICIENTE PARA DETONAR ESSES PULHAS!
MELHOR QUE FICAR NO NHEM NHEM NHEM SE LAMENTANDO ,MURMURANDO, E FALANDO AO VENTO!
VAMOS A LUTA GENERAL.
OU NÃO TEM CORAGEM OU COMPETENCIA PARA ISSO???
Vamos usar o MANUAL DE GUERRILHA DE MARIGHELLA, O LIVRO DA GUERRA DE MAO TSE TUNG E LIVROS SECRETOS SOBRE GUERRA ASSIMETRICA DOS CAMARADAS HO CHI MIN E GENERAL GIAP . VAMOS USAR AS MESMAS TATICAS DOS COMUNAS CONTRA ELES! SÓ ASSIM PODEREMOS DERROTA-LOS, PELA DEMOCRACIA E PELO "VOTO ELETRONICO"
NUNCA MAIS!!!!
NUNCA MAIS!!!
NUNCA MAIS!!!!
NUNCA MAIS!!!
OS COMUNISTAS PETISTAS SÓ VÃO SAIR PELA MANU MILITARE.

O
SABRE SERRILHADO

CEL CESAR PINTO - AVERDADEDASMENTIRAS-UNKNOWN disse...

CARO JORNALISTA SERRÃO

O SR. GENERAL ESTÁ CERTO, VAMOS DAR UM BASTA NESTA HIPOCRISIA NO DIA DAS ELEIÇÕES.
ESTE SERÁ O ÚLTIMO DIA DO PT E SEUS COLIGADOS NO GOVERNO DESTA NAÇÃO.
NÃO VAMOS EXPULSAR SÓ O PT E SEUS COLIGADOS, VAMOS EXPULSAR TODOS OS PARLAMENTARES QUE A 29 ANOS
VIVEM AS CUSTAS DO ERÁRIO PÚBLICO BRASILEIRO.

NAO VAMOS COMPARECER AS URNAS SUJEITAS A FRAUDES QUE ATÉ HOJE ELEGERAM OS PARLAMENTARES QUE GOVERNAM ESTE PAÍS.
O NÃO COMPARECIMENTO OS OBRIGARÁ A FAZER UMA NOVA ELEIÇÃO EM 2015, SEM AS SUAS PRESENÇA E É ISSO QUE ELES MAIS TEMEM.
VÃO PERDER A BOCA QUE OS SUSTENTARAM E OS SUSTENTA VÁRIOS ANOS.
61% OU MAIS DE ELEITORES NÃO IRÃO VOTAR NO DIA 5 DE OUTUBRO DE 2014.
O DIA DO GOLPE DO POVO INOCENTE ÚTIL CONTRA OS POLÍTICOS CORRUPTOS, CONIVENTES E OMISSOS E SEUS PARTIDOS.