sexta-feira, 24 de outubro de 2014

A Gorda, a Cartilha do Mal e a Guerra Civil


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

A gorda pode se fazer de muito inteligente e esperta, mas lhe falta educação.

Fala mal o português, não conhece as palavras mágicas (por favor e  muito obrigada) e tem ódio da burguesia.

Assim, em proposital ignorância, segue a cartilha do mal que seus assessores recebem da oligarquia financeira mundial, chamada de Nova Ordem Mundial.

Derrotado Napoleão, a Inglaterra entrou num período de hegemonia inconteste no mundo. Passados mais de sessenta anos, as elites começaram a estudar uma forma de perpetuar o seu domínio ao menor custo possível.

Inspiradas no general romano Fábio, chamado o contemporizador (Cunctator), extraordinário estrategista que obtinha seus triunfos com mínimas perdas, fundaram a Sociedade  Fabiana para altos estudos geopolíticos.

Esta gerou centenas de braços operacionais. O mais perigoso é o Instituto Tavistock destinado a estudos psicossociais de manipulação da opinião pública.

O estabelecimento é que prepara a cartilha do mal, que a gorda implementa – fingindo não saber ou sabendo de tudo.

Aos interessados sugiro a leitura do livro O Instituto Tavistock de autoria de Daniel Estulin . A edição em português tem o ISBN  978 972 1 06186 6.

Guerra Civil

A gorda se acha invulnerável. Ledo engano. Não passa de um balão cheio de  gás sulfídrico. Uma espetadinha e Pum! Ficará um cheiro horrível por  algum tempo.

Se for escolhida a rainha do circo de cavalinhos, terá de montar um potro xucro chamado Dragão da Inflação.

Muitos assistentes do respeitável público abandonarão seus lugares.

Outros, em desespero, reagirão a todo transe.

Teremos um banho de sangue. A gorda não estará apenas naqueles dias. Meses e anos  trarão a desgraça para milhões de famílias. Não haverá Bolsa Funeral que aguente.

Os bolivarianos, como os juízes, são todos covardes. Não aguentam o primeiro tapa.

Para quem está farto de desmandos de todo o tipo, uma boa opção é morrer lutando.


Como no gueto de Varsóvia, talvez saiba que vai morrer. Se não for possível salvar mais nada, salvará ao menos sua honra.

“Oh, siate entrambi voi maledetti! “ disse Monterone. (Rigoletto, ato I,  cena I)

Façamos nossa esta maldição à gorda e ao molusco.

Carlos Maurício Mantiqueira é Livre Pensador.

4 comentários:

Loumari disse...

Tu, pois, lhes profetizarás todas estas palavras, e lhes dirás: O Senhor, desde o alto, bramirá, e fará ouvir a sua voz desde a morada da sua santidade: terrívelmente bramirá contra a sua habitação, com grito de alegria, como dos que pisam as uvas, contra todos os moradores da terra.
Chegará o ESTRONDO ATÉ A EXTREMIDADE DA TERRA, porque o Senhor tem contenda com as nações, entrará em juízo com toda a carne:
os ímpios entregará a espada, diz o SENHOR.
Assim diz o SENHOR DOS EXÉRCITOS: Eis que o mal sai de nação para nação, e grande tormenta se levantará dos confins da terra.
E serão os mortos do Senhor, naquele dia, desde uma extremidade da terra até à outra extremidade da terra:
não serão pranteados, nem recolhidos, nem sepultados; mas serão, como estrume sobre a face da terra. ( JEREMIAS 25:30 )



A apostasia nos últimos tempos

MAS o Espírito expressamente diz que, nos últimos tempos, apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores,
e a doutrina de demónios, pela hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria consciência. ( 1 TIMOTEO 4 )


Sede sóbrios; vigiai; porque o DIABO, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a que possa tragar.
Ao qual resisti, firmes na fé, sabendo que as mesmas aflições se cumprem entre os vossos irmãos no mundo. ( 1 PEDRO 5:8 )

Loumari disse...

Aqui está a paciência dos santos, aqui estão os que guardam os mandamentos de DEUS e a fé de JESUS.
Bem-aventurados, os mortos que, desde agora, morrem no Senhor.
Sim, diz o Espírito, para que descansem dos seus trabalhos, e as suas obras os sigam.
( APOCALIPSE 14:12 )



Farei que um homem seja mais precioso do que o ouro puro, e mais raro do que o ouro de Ofir.
( ISAIAS 13:12 )



Aqui está a paciência dos santos, aqui estão os que guardam os mandamentos de DEUS e a fé de JESUS.
Bem-aventurados, os mortos que, desde agora, morrem no Senhor.
Sim, diz o Espírito, para que descansem dos seus trabalhos, e as suas obras os sigam.
( APOCALIPSE 14:12 )



Se formos infiéis, ele permanece fiel; não pode negar-se a si mesmo. ( 2 TIMOTEO 2:13 )



HÁ UM SÓ LEGISLADOR E UM JUIZ QUE PODE SALVAR E DESTRUIR.
( TIAGO 4:12 )



Mas, se o descrente se apartar, aparte-se; porque, neste caso, o irmão, ou irmã, não está sujeito à servidão; mas DEUS chamou-nos para a paz. ( 1 CORINTIOS 7:15 )


Cada um fique na vocação em que foi camado. ( 1 CORINTIOS 7:20 )

Loumari disse...

Cada um fique na vocação em que foi chamado. ( 1 CORINTIOS 7:20 )

Loumari disse...

Mãe I

Dantes, quando a deixava,
As férias já no fim,
Ela vinha à janela
Despedir-se de mim.

Depois, quando na estrada,
Olhava para trás,
Deitava-me ainda a benção
Para que eu fosse em paz.

Dali não se movia,
À vidraça encostada,
Até que eu me perdia
Já na curva da estrada.

Hoje, se olho, calo-me
E baixo os olhos meus!
Já não vem à janela
Para dizer-me adeus!

II

Chove, e a chuva é fria.
Noite! Nos montes distantes
O Inverno principia.
Um Inverno como dantes.

Ao redor do lume aceso
Todos ficamos a olhar...
Todos não, não somos todos,
Porque há vazio um lugar.

Esse lugar era o dela,
Que ninguém mais preencheu.
Mesmo com vida, na terra,
Era uma estrela no céu.

"Alfredo Brochado, in "Bosque Sagrado"
Tema: Mãe
Portugal 1897 // 1949 Poeta