quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Procuradoria-Geral cobra que General Enzo casse medalhas militares dadas a condenados no Mensalão


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

O General de Quatro Estrelas Enzo Martins Peri levou uma "farda justa" da Procuradora da República Eliana Pires Rocha. O Comandante do Exército tem até segunda-feira que vem para responder, oficialmente, à Procuradoria Geral da República, "quais medidas foram ou vem sendo adotadas" para a exclusão dos quadros da Ordem do Mérito Militar dos nomes de condenados na Ação Penal 470 - popularmente conhecida como Mensalão.

O General Enzo terá de explicar se cumpriu (ou não) a determinação legal de cassar a Medalha do Pacificador (maior honraria do Exército) concedida, em 2003, ao ex-deputado federal José Genoíno (um ex-guerrilheiro, "colaborador" das Forças Armadas como delator na Guerrilha do Araguaia, na década de 70, e que também foi assessor especial do Ministério da Defesa, enquanto esteve sem mandato, na Era Lula-Dilma, até ser condenado por corrupção ativa no Mensalão).

O Ministério Público Federal também cobra que o General Enzo informe se já cassou as mesmas Medalhas do Pacificador dadas aos ex-deputados João Paulo Cunha, Valdemar Costa Neto e Roberto Jefferson. A medida de cassação também vale para a Comenda da Ordem do Mérito Militar. Além de Roberto Jefferson, o título distintivo de "Comendador" foi dado ao ilustre reeducando José Dirceu de Oliveira e Silva - hoje curtindo a benesse da prisão domiciliar.

Por um assunto banal como este, que nada tem a ver com a segurança nacional, o Procurador-Geral Rodrigo Janot pode criar problemas para o Alto Comando do Forte Apache. A "farda justíssima" no General Enzo é o Inquérito Civil número 1.16000.000712/2014-17. O processo foi aberto pelo Ministério Público Federal a pedido do Coronel reformado e advogado Pedro Ivo Moézia de Lima. No dia 10 de março deste ano, injuriado com a demora na cassação das medalhas aos mensaleiros, o militar entrou com uma representação que, no dia 30 de outubro, se transformou no Ofício 8.122/2014/PRDF/ER ao General Enzo.

O que o Coronel Moézia pediu e o MPF agora exige que se cumpra é o artigo 10, II, a, do Decreto 4207/2002. A regra é claríssima: "Perderá o direito ao uso da Medalha do Pacificador e será excluído da relação de agraciados o condecorado nacional ou estrangeiro que tenha sido condenado pela Justiça no Brasil, em qualquer foro, por sentença transitada em julgado, por crime contra a integridade e a soberania nacionais ou atentado contra o erário, as instituições e a sociedade brasileira. A cassação será feita ex-officio em ato do Comandante do Exército em Exercício.

O silêncio oficial do General Enzo sobre o assunto é um dos motivos de revolta de oficiais da reserva e, também, da ativa. Em franca oposição ao governo Dilma Rousseff e contrários à Comissão Nacional da Verdade (que agora encerra os trabalhos de revanchismo histórico escancarado), os militares não aceitam a postura "exageradamente diplomática e em cima do muro do quartel" do General Enzo neste caso específico da Medalha do Pacificador e da Ordem do Mérito Militar.

Já se articula até um movimento em massa de devolução das honrarias, em cerimônia pública de protesto, caso o General não dê a única resposta possível nesse episódio: o Exército cassou a Medalha dos Mensaleiros, e PT saudações. A "ativa reserva" também cobra que o Comandante da Marinha. Almirante Júlio Moura Neto, e o Comandante da FAB, Juniti Saito, adotem a mesma postura em relação a eventuais concessões aos mensaleiros na Ordem do Mérito Naval e na Ordem do Mérito Aeronáutico, dentre outras honrarias das Forças Armadas.



Nada de intervenção militar...

Dilma Rousseff deve ter achado muito fofas as declarações de seus três comandantes militares à jornalista Monica Bergamo, dando um "recado aos radicais" de que "o Brasil é uma democracia" e reafirmando que não existe risco de golpe ou intervenção pelas Forças Armadas...

O General Enzo Peri proclamou: "Nós vivemos há muitos anos em um ambiente de absoluta normalidade".

O Almirante Moura Neto assegurou: "Os militares estão totalmente inseridos na democracia e não vão voltar. Isso eu garanto. Os militares só voltam em seu papel institucional, que é o que têm hoje".

E o Brigadeiro Juniti Saito, foi além: "São opiniões de extremistas. É algo impossível de acontecer. Só quem poderia tentar fazer isso é o pessoal da ativa. E, como nós não queremos nada nesse sentido, não há a menor chance dessas ideias evoluírem". 

Que congraçamento sem graça...


O presidente do Instituto Mãos Limpas Brasil, psicanalista Mtnos Calil, critica as declarações públicas dos comandantes militares, exatamente no momento em que a sociedade brasileira exige Justiça e efetivo combate à corrupção sistêmica:

"Que me perdoem nossos comandantes militares, mas V.Exas. cometeram um pequeno equivoco semântico: o Brasil é uma pseudo-democracia, ou se preferirem, é uma meia democracia dominada por políticos corruptos aliados a bancos e empreiteiras. Nem tanto ao céu nem tanto à terra, senhores! Nem golpe militar, nem esse... Esse o que? Congraçamento?".

Em tempos de polêmicos pedidos públicos de "Intervenção Militar" (como nos recentes protestos de rua), a turma da reserva ativa fica pt da vida com essa foto dos Comandantes Militares com a chefona-em-comando Dilma - os mesmos que estão no cargo desde a Era Lula, impedindo um democrático rodízio de comando que vigorava até nos tempos da tal "ditadura" militar.

Censura econômica

Comentário ultrapertinente de Francisco Pompeu sobre necessidade de uma reação legal contra a censura econômica imposta pelo governo contra setores da imprensa que lhe fazem oposição:

"O corte de publicidade governamental na VEJA parece ser um fato. Na edição que está nas bancas não há nenhum anúncio de estatais ou de organismos governamentais. Quando pha publicou a informação achei que era simples expressão de um desejo, pois a medida é flagrantemente ilegal, ferindo os princípios constitucionais da impessoalidade e moralidade, além de contrariar uma penca de dispositivos legais do Direito Administrativo. A distribuição da publicidade governamental não pode privilegiar os amigos dos governantes de turno nem preterir seus desafetos. As licitações têm de obedecer critérios objetivos de tiragem e circulação. Um funcionário público ao comprar um bem qualquer para um órgão público não pode escolher a firma do amigo nem mesmo sua marca preferida, há que se estabelecer critérios de qualidade e preço e comprar o bem segundo padrões objetivos de qualidade satisfatórios e preço mínimo. Com a distribuição de publicidade se passa o mesmo e segundo quaisquer critérios razoáveis seria impossível excluir a revista semanal noticiosa de maior circulação e prestígio no país! Portanto, estamos diante de um crime perfeitamente capitulado em lei! O funcionário responsável pela decisão do corte tem de ser responsabilizado e enquadrado nas penas da Lei. Se isto não acontecer, estamos realmente sob o império do arbítrio e a lei jogada no lixo! Notem que o mesmo raciocínio pode ser aplicado aos blogs, embora neste caso, dada a novidade do meio como veículo publicitário, eles talvez não estejam explicitamente previstos na lei. É um tapa na cara dos cidadãos de bem a volumosa propaganda governamental na blogosfera e sua ausência total nos blogs não-alinhados com o petismo. Não se pode entender a demora da Veja e também dos blogueiros independentes em acionar legalmente a União diante destes crimes continuados".

Lembrai-vos do uniforme

O jornalista Carlos Brickmann lembra que  há pouco menos de dois anos, o hoje famoso Paulo Roberto Costa, o da primeira delação premiada, mostrava numa entrevista aquilo que considerava seu maior troféu: o uniforme laranja da Petrobras com o autógrafo do presidente Lula.

Agora que a Petrobras começa a ser investigada nos EUA, preclaro Brickmann, nada custa advertir sobre o diferente simbolismo da cor do uniforme lá fora.

Macacão laranja costuma ser a indumentária padrão dos presidiários lá nos States...

Casal abatido


Movimento bilionário

Pessoas físicas e jurídicas investigadas na Operação Lava-Jato fizeram movimentações consideradas atípicas de saques e depósitos no valor de R$ 23,7 bilhões entre 2011 e 2014.

Só em espécie, o grupo de 4.322 pessoas e 4.298 empresas movimentou R$ 906,8 milhões.

Eis a assustadora conclusão de 108 relatórios produzidos pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), quando alertou sobre possíveis irregularidades nas movimentações financeiras do doleiro Alberto Youssef, do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa e das empreiteiras, entre outras pessoas e empresas acusadas de fraudes em contratos com a estatal.

Sugestão ao Coaf

Já que o conselho monitora empresas que, sem aparente capacidade técnica e operacional, fazem movimentação financeira elevada, uma sugestão feita a pedido do Tio Sam ao presidente do Coaf, Antonio Gustavo Rodrigues:

O Coaf deveria fazer uma varredura mais atenta em cooperativas de fachada que andam lavando grana ilegal para o narcotráfico e a narcoguerrilha em nosso meio rural...

Agentes norte-americanos denunciam que existe uma ordem branca na Receita Federal e no Banco Central para não investigar as empresas financeiras criadas por tais "movimentos" (ilegais em todos os sentidos)...

Ontem, hoje e sempre...  


Imagina...

A Polícia Federal investiga se dinheiro destinado a pagar propina a políticos se transformou em doações legais na campanha de 2014.

O Ministério Público Federal suspeita que a doação formal, declarada ao Tribunal Superior Eleitoral na última eleição, possa ter sido transformada em "mera estratégia de lavagem de capitais".

A PF e o MPF devem estar loucos, pois as empreiteiras no Brasil só doam dinheiro para as campanhas por mera beneficência, a fim de que tenhamos uma classe política e partidos com melhor qualidade...

Perguntar não ofende...

O jornalista Lauro Jardim, da Veja, pergunta, sem maldade, se alguém aí pode explicar o que exatamente Barusco fazia na Sete Brasil entre 2011 e 2013, para onde foi atuar logo depois de sair da Petrobras em 2010?

Pedro Barusco, que topou devolver quase 100 milhões de dólares após as revelações da Lava-Jato, foi indicado por Renato Duque (ex-diretor de Engenharia e Serviços da Petrobras) para ocupar o cargo de diretor de operações da Sete Brasil.

Criada em 2011 para gerenciar contratos da estatal para a contratação de sondas marítimas, a Sete Brasil tem o BTG Pactual como maior acionista individual, mas os três grandes fundos de pensão estatais (Previ, Petros e Funcef) têm somados 37,5%.

Consciência negra

A Educafro celebra o dia da Consciência Negra entregando o Certificado de conclusão da primeira fase de Curso de Português para refugiados.

Será mais um ato em comemoração ao dia do líder negro, Zumbi Palmares.

O evento acontece das 9h as 12h no auditório São Francisco de Assis do convento dos Franciscanos, em São Paulo.

Consciência pra lá de preta


Doações ao Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente conosco poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil. Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

II) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

III) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.
                           
Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 20 de Novembro de 2014.

21 comentários:

Anônimo disse...

Vamos investigar a fortuna de lulinha e os
Laranjas do lula e as malas de dinheiro que dilma tem levado para fora do pais.

Anônimo disse...

Cleonice I Ferreira disse:
Nunca é tarde para lembrar que Ernesto "Che Guevara" FOI O GENERAL DE FIDEL CASTRO.Terminou implorando pela sua vida e fuzilado.
Que Deus ilumine a todos.

Anônimo disse...

JS,

Os três comandantes são melancias do PT. Quem não é a favor da lei e não se manifesta está contra a lei e, portanto, não merece confiança. Que vergonha, até tu Brutus?

Índio Tonto/SP

Anônimo disse...

Todos os militares que foram apontados no artigo tem mais de 70 anos já deveriam estar na reserva a muito tempo. Em especial o tal Gen. Enzo foi o que foi expulso pela dilma no elevador porque a bestalhona não queria subir com ele no elevador. Aos três senis que estão dirigindo as forças armadas vao para casa dormir, vao para casa porque as ruas estão perigosas.
O entrave e ministério da segurança nacional que o
amorim que não entende nada deste ministério esta com o rabo sentado em seu escrotorio na praia vermelha. Tem que informar a toda canalhada de políticos e imprensa das tvs abertas que todos são empregados do povo brasileiro, inclusive a merda de justiça eleitoral e federal. Esta passando a hora de passar a régua na corja de 64 e mandar todos para cuba, Venezuela e a pqp; mas deixa o dinheiro do furto aqui cambada de fp. Forças armadas o que vcs precisam mais para destampar a rolha e mandar embora do pais. Obrigada.

Loumari disse...

Ser Diferente
A única salvação do que é diferente é ser diferente até o fim, com todo o valor, todo o vigor e toda a rija impassibilidade; tomar as atitudes que ninguém toma e usar os meios de que ninguém usa; não ceder a pressões, nem aos afagos, nem às ternuras, nem aos rancores; ser ele; não quebrar as leis eternas, as não-escritas, ante a lei passageira ou os caprichos do momento; no fim de todas as batalhas — batalhas para os outros, não para ele, que as percebe — há-de provocar o respeito e dominar as lembranças; teve a coragem de ser cão entre as ovelhas; nunca baliu; e elas um dia hão-de reconhecer que foi ele o mais forte e as soube em qualquer tempo defender dos ataques dos lobos.

"Agostinho da Silva, in 'Diário de Alcestes'
Tema: Diferença
Portugal 13 Fev 1906 // 3 Abr 1994 Filósofo/Poeta/Ensaísta

Anônimo disse...

Prezado Serrão,
Você escreveu: "Dilma Rousseff deve ter achado muito fofas as declarações de seus três comandantes militares".
Além da conhecida servilidade de tais comandantes e além de ignorar o pensamento das respectivas tropas, temos que colocar, aí e na cabeça da dilmanta, aquela dúvida cruel: E se estivesse ocorrendo nas FFAA um movimento pela legalidade, do qual os três patetas, digo, os três comandantes participassem, será que eles diriam isso à comandanta-em-chefa? É óbvio que NÃO!!!!!

Anônimo disse...

Prezado Serrão,
Você escreveu: "Dilma Rousseff deve ter achado muito fofas as declarações de seus três comandantes militares".
Além da conhecida servilidade de tais comandantes e além de ignorar o pensamento das respectivas tropas, temos que colocar, aí e na cabeça da dilmanta, aquela dúvida cruel: E se estivesse ocorrendo nas FFAA um movimento pela legalidade, do qual os três patetas, digo, os três comandantes participassem, será que eles diriam isso à comandanta-em-chefa? É óbvio que NÃO!!!!!

Coronel Humberto Pinto disse...

Ilustre jornalista
Jorge Serrão

Quando as Instituições não funcionam não há Democracia...

http://balaolivre.blogspot.com.br/2014/11/a-arte-e-lei.html

Anônimo disse...

Moe, Larry e Curly, ou melhor, os três patetas, não comandam nada nem ninguém, pois são comandados pelas ratazanas vermelhas.
Triste realidade das outrora briosas FFAA.
PT saudações

Anônimo disse...

O General Enzo Peri proclamou: "Nós vivemos há muitos anos em um ambiente de absoluta normalidade".
A roubalheira aos cofres públicos é normal? O aparelhamento do Estado é normal? A destruição do país é normal?
Generais mais novos, já é hora! Ocupem seus lugares e consertem o país.

Anônimo disse...

Valente capitão tenta salvar as Forças Armadas, de uma sucuri vermelha que nelas se enrolou.

https://www.youtube.com/watch?v=IvTW0eU3Qc4

Inspire-se, comandante Enzo!

Anônimo disse...

General Enzo o sr é uma vergonha para o seu pais e seu povo de lugar a um general de GUERRA e vá para casa mijar no pé seu covarde.Pau mandado de comunista tratado por dilma essa vagabunda como moleque de recado.

joão sidney pontes disse...

Forças armadas ativas!
EU SOU BRASILEIRO! NÃO SOU FANTOCHE DE ‪#‎COMUNISTAS‬ E ‪#‎IMPERIALISTAS‬...ACORDA ‪#‎POVO‬ BRASILEIRO,ESTÃO NOS MANIPULANDO DOS DOIS LADOS!
FFAAS É PRECISO RETOMAR O BRASIL ANTES QUE SEJA TARDE DEMAIS!
O tempo está se esgotando #povo brasileiro querem fazer o mesmo que fizeram com o Iraque. ..implantam o caos e depois vem como salvadores da pátria e roubam nossas riquezas...estão trazendo a guerra para a América latina...de um lado o ‪#‎comunismo‬ do outro o ‪#‎imperialismo‬ a guerra fria nunca acabou entre os EUA E RÚSSIA. ..ja estão montando bases militares aqui na América latina...por isto que o #povo tem que agir já. .. Eles vão ver realmente a força do #povo,quando 1 milhão de pessoas forem até ‪#‎brasília‬ pedir a ‪#‎intervencaoja‬,pois impeachment não vai resolver o nosso problema!è preciso desistituir toda esta corja do poder,mudar o sistema político e fazer novas ‪#‎eleições‬,isto está garantido na constituição a intervenção constitucional das forças armadas...campanha ‪#‎1milhaorumoabrasilia

Anônimo disse...

mplinkOGEnquanto nossas forças armadas examinam os pros e contras na nossa constituição rameira que so da oportunidade para os bandidos nosso pais continua sendo arrombado porque a mão que tira o dinheiro do brasil em minúscula mesmo esta nas mãos dos ratos vermelhos. Eles continuam trazendo imigrantes guerrilheiros de outros países para sabotar o brasil, são tao fp que na hora de se esconder vão sempre atraz dos militares para resolver a cagada que eles fizeram. Quando o pais vai deixar de ser deitado eternamente em berço esplendido e vai partir para retomar nosso lugar no mundo. Estamos na rabada de todos os que pegaram o bonde e nos aqui a perguntar o sexo dos anjos sabendo que esta tudo dominado. Estamos enterrados na merda ate o topo, mas tenho certeza que breve os fp todos os políticos, toda a justiça brasileira e as rolhas que estão segurando as forças armadas vao mandar a conta ai o brasileiro vai deixar de ver futebol, novelas e plim plim e vai se levantar de seu berço esplendido.

Anônimo disse...

AF disse: O momento de intervir já até passou, mas ainda pode ser feito. Quanto mais tempo se passa pior. Será porque que estes 3 comandantes estão aí tanto tempo? A resposta é tão óbvia que não precisa ser dita. Mas assim como Mourão fez o que tinha que ser feito em 64, esses três podem ter certeza que não serão eles que impedirão os patriotas de salvarem seu país. CADEIA A TODOS OS TRAIDORES DO BRASIL!!!

Anônimo disse...

Será que o pensamento de TODOS os oficiais da ativa é igual? Eles concordam com essa bandidagem roubando nosso país? Ou estão esperando o momento certo para cumprirem seu dever, mandando esses “democratas do petrólão” para correr?

Anônimo disse...

Fico aqui pensando que enquanto estão se preocupando com lava jatos e outros...o que realmente está se fazendo para levantar este país, fazer as mudanças, nossa realidade de contribuintes é para hoje, não dá mais para ficar na esperança do país do futuro!!

Garivaldino Ferraz - Brasília disse...

A respeito das medalhas, publiquei dois textos, citando os recipiendários que desonram as Condecorações Militares.

mujahdincucaracha.blogspot.com.br/2012/10/mensaleiros-e-as-condecoracoes-militares.html
mujahdincucaracha.blogspot.com.br/2014/06/honrarias-militares-mal-utilizadas.html

Geraldo Rezende disse...

ESTES TRES, NÃO HONRAM A FARDA QUE USAM.- FROUXOS!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Sérgio Alves de Oliveira disse...

Bem disse o "anônimo" das 10:54 hs.
Mas isso é"progresso". O Brasil tenta encostar nos EUA ,inclusive no cinema. Já tem até substitutos para os "3 Patetas". Será que esses "Três" falam em nome do Governo ? Ou da "caserna"? O Brigadeiro Saito
faz "xixi" na cabeça dos militares da reserva. Esses "caras"não falam em nome das FFAA,e sim do Governo. Com quem ficarão os militares da ativa? Vejam o meu texto "provocação"aqui no Alerta:"Impeachment: Parlamentar ou Militar?"

Anônimo disse...

Quem desejar saber quem são os militares acessem o site: www.soldadojo.com vcs terão nojo de ser brasileiros.