quarta-feira, 17 de julho de 2019

Mudar para Pior



Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

O pior tipo de idiota é o narcisista. Para ele, Leonardo da Vinci não sabia pintar.

Quando, inadvertidamente, entram numa organização consagrada pelo público, sentem uma síndrome quase suicida para estragar embalagens e marcas de sucesso.

Há poucos anos, um “gênio” do design mudou o rótulo do molho inglês Lea & Perrins, hoje pertencente ao grupo Unilever (salvo engano).

O desastre foi de tal ordem (queda abrupta das vendas) que o fabricante voltou ao rótulo original.

Os casos mais recentes que conheço estão na indústria do vinho do Porto.

A marca Fonseca tinha a mais elegante família de rótulos do mercado.

Algum panaca mudou toda a identidade visual dos mesmos, que ficaram na vala comum da mediocridade.

No Brasil, o exemplo mais gritante da estupidez “reformista” são as embalagens do sorvete Kibon. Foi abandonada a programação visual amarela e azul, substituída por outra mais adequada ao segmento dos inseticidas.

Mexer no ideário dos consumidores é algo terrível.

A maioria não reclama mas se “vinga” (deixa de comprar).

Assim também, os partidos políticos mudam de nome para iludir os eleitores desavisados.

Em lugar de expulsar seus membros corruptos, os partidos douram a pílula.




Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

12 comentários:

Anônimo disse...

Vindo dos Pampas
sábado, 2 de junho de 2012
Marcha à ré!!!
Vale muito a pena ler de novo

Carlos Vereza

O país das "marchas...", da Maconha...das Mulheres Vadias...Parada Gay, e não ocorre a ninguém organizar a marcha contra a corrupção; a marcha pelo ensino básico; pela abertura dos documentos sigilosos; por uma acareação entre Mercadante, Ideli Salvati, e o funcionário que participou da reunião com os dois para a "elaboração" de um dossiê falso contra José Serra!

Uma cortina de mentiras ocupa o poder. O marketing de um país de "todos" devora verbas inacreditáveis numa esquizofrenia que se reflete nos juros mais altos do planeta, em obras sem licitação, tráfico de influência, e a previsivel repetição de escândalos semanais!

E os mafiosos, Dirceu, Franklin Martins, e Lula, principalmente, "orientando" o biombo - Dilma, completamente atônita, sem saber que rumo imprimir a um governo à deriva!

Nenhum projeto a não ser o da permanência indefinida no poder! A luta antropofágica da "base aliada" por cargos, o "fogo amigo do PT" minando o que possa restar de autoridade da Dilma, que não é nenhuma "vitima", pois todo o esquema era de seu conhecimento!

Criou-se a burguesia sindical sem obrigações de prestar contas de seus gastos: a verdadeira elite que conta com a total cumplicidade de Lula, mais preocupado com suas "palestras", não por coincidência, com empresas que têm relações mais que "amistosas" com o governo!

Em pouco teremos a marcha final: a da insolvência do Brasil!

postado por Carlos Vereza
NUTAVAEL DIZ...
HOJE CONTINUA A MESMA LENGA LENGA. NADA SE CRIA E TUDO SE COPIA. CONTINUAMOS COM O PAIS TRAVADO A TODO O VAPOR.
NOSSA HISTORIA MOSTRA QUE OS ERROS CONTINUAM EM TODAS AS AREAS DE NOSSA VIDA. NADA SE FEZ OU FAZ PARA DESTRAVAR NOSSO PAIS.
CONTINUA O MESMO BARCO DE DELIRIOS DA HIPOCRISIA DOS TRES PODERES DE MERDA.
NOSSO EX JUIZ MORO TRABALHOU, TRABALHOU E GASTOU TUDO PARA DEFENDER ESTA DROGA DE PAIS ENQUANTO OS VAGABUNDOS FUNCIONARIOS PUBLICOS LETRA O E AS MARIAS CANDELARIAS CONTINUAM USUFRUINDO OS FRUTOS DE NOSSO TRABALHO COM ININPUTALIDADES. COM DIREITOS DE IR E VIR, SE AUMENTANDO DESCARADAMENTE, TENDO DIREITO A VIAGENS MIL, A AUSENCIAS DO TRABALHO, MIL, A CARTOES CORPORATIVOS MIL. A PAGAMENTO DE RESIDENCIAS, HOSPEDAGENS EM HOTEIS DE LUXO, A TRATAMENTOS EM HOSPITAIS DE LUXO, A UMA CAMARILHA DE DELINQUENTES COMO ASSESSORES PARA FICAREM TRABALHANDO SOMENTE DOIS DIAS NA SEMANA E O RESTO FLANANDO COM NOSSO DINHEIRO E GASTANDO A RODO. ESTAMOS EM JULHO E OS IMPOSTOS JA BEIRAM UM TRILHAO. O PAIS DEVE INTERNAMENTE E EXTERNAMENTE E CONTINUA A MESMA TRAGETORIA, DE MENTIRAS E MAIS MENTIRAS E AS FACÇOES CRIMINOSAS QUE ESTAO ENFIADAS DENTRO DOS PODERES DE MERDA QUE FORAM CONSTITUIDOS PARTE PELO POVO E PARTE DOS PARTIDINHOS MEIA BOCA. E NOSSA DESACELERAÇAO EM DIREÇAO AO SUCESSO CONTINUA. ATE QUANDO VAMOS CONTINUAR A VER A MESMA MARCHA FUNEBRE. NOSSO EXCELENTE MORO E BRETAS JOGADOS AS TRAÇAS E OS VAGABUNDOS DANDO AS CARTAS E MODIFICANDO LEIS DIARIAMENTE. A TORRE DE BABEL CONTINUA A PLENO VAPOR. E O VANITY CONTINUA SEM DAR RESPOSTAS CONTUNDENTES A ZE POVAO QUE VOTOU NELE. O QUE ACONTECEU CONSEGUIRAM CALAR O HOMEM? ESPERO QUE NAO. SERA QUE FOI SO BALAO DE ENSAIO? ESTA FALTANDO MUITO PARA CUMPRIR AS PROMESSAS DE CAMPANHA. ELE CONTINUA ESTACADO JUNTO COM A BOSTA DOS TRES PODERES DE MERDA E A CONSTITUIÇAO PERNETA. FALEI.

Anônimo disse...


O MASCATE

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *
"PIMENTORIUM IN ANUS OUTREM REFRESCUS EST"

domingo, julho 14, 2019
03 embaixador em Uòxitom?

Bom dia meus quatro leitores.
Tenho visto que o Capitão anda causando pânico entre os politicamente corretos e bovinos ruminantes da esquerda burra quando dá declarações polêmicas.
A última foi sobre nomear o rebento 03 para a embaixada Tupiniquim em Uòxitom.
Sendo sincero, se essa declaração não foi um balão de ensaio jogado ao ar para desviar as atenções do cansativo assunto dos vazamentos das conversas do Juiz Moro cometido pelo Grenvaldo Mordefronha não digo nada.
Bem, na verdade eu prefiro acreditar que as declarações estapafúrdias do Capitão sejam de caso pensado para criar polêmica e tirar do foco o Juiz Moro e não sejam tão irresponsáveis a ponto de municiar a esquerda para dar pedradas até derrubá-lo do poder.
Ser de direita é acima de tudo não aceitar ou cometer esse tipo de atitude. Nepotismo ou "amiguismo" não funcionam na bcabeça da direita.
Não sei se o filho 03 tem gabarito para ser embaixador em qualquer lugar do planeta, mas o que sei que os nomeados pelos governos anteriores, muitos não tinham nem ficha corrida impecável para tanto, lembram que Temeroso nomeou o ex guerrilheiro, ex motorista do Marigrela, ex senador, ex ministro, "ex croque" ex exilado, tucano, Aluísio Nunes Nicanor Mateus Lucas, o "Manaus" na lista da Odebrecht para a chancelaria Tupiniquim? Pois é... Nomeação sem critério técnico algum. Um boca mole babaca e ultrapassado no mais alto cargo das relações exteriores do país. Não cometamos o mesmo erro!!
Diante desse fato para virar embaixador não é bem necessário conhecimento ou capacidade, basta ser amigo do Rei de plantão, se for filho e souber fritar hamburgeres, melhor ainda.
Essa declaração em nomear o filho não atingiu apenas a esquerda burra, atingiu em cheio os apoiadores do presidente que não fazem parte do time dos Bolsomínions, quem pensa não aceita esse tipo de atitude da velha política tão atacada durante a campanha pelo Presidente.
Prefiro acreditar que é apenas desvio de foco ou gozação pesada para cima da imprensa amestrada e babona. CONTINUA...

Anônimo disse...



O MASCATE CONTINUA II E TERMINA....
E as alegações de que o 03 é amigo do filho do Patodonald Trump não me convenceram. Só se essa nomeação foi "bolada" pelos dois presidentes para causar rebuliço na esquerdalha. Desses dois não duvido nada.
Aguardemos.
Muitos acharão que esquerdei quando não concordo com a nomeação do filhote do presidente para um cargo de tamanha importância, continuo acreditando e apostando no sucesso do governo Bolsonaro, mas dentro das minhas convicções não posso aceitar essa nomeação. Simples assim. Lembrem que muita gente deixou as convicções de lado para "salvar" o país da corrupção e entrou no modismo do "salvador da pátria" o operário honestão e pobre. Deu no que deu.
Votar em Bolsonaro foi uma aposta na ruptura dos governos bandidos que phoderam o Bananistão. Rompeu, o preço é alto, pois a escumalha vermelha não quer largar o osso nem a pontapés. O tempo irá mostrar se foi acertada essa eleição. Acredito que sim.
Patodonald Trump é outro gozador que cria factoides para a imprensa se descabelar enquanto vai levando Uzistaduzunidus a índices econômicos pra lá de satisfatórios a ponto de pesquisas pré eleitorais darem que ele certamente consegue a reeleição, se Bolsonaro seguir o modelo do Patodonald acredito que iremos navegar em águas mais calmas em breve.
O presidente Bolsonaro só não pode governar para sua família ou amigos, nepotismo e populismo já estamos cansados.
Força ao governo, e sabedoria para o Presidente.
Bolsonaro é um pândego que está perdendo a oportunidade em se tornar realmente o tal mito que muitos acreditam?
"Em Tempo"
11:15

Acabo de ler a notícia que a turma 2019 do instituto Rio Branco é chamada de "Mariele", aquele cadáver fedorento que se recusa ser enterrado.

Dessa forma até entendo a nomeação do 03.

A chancelaria Tupiniquim está aparelhada pela esquerdalha podre.

No mais...

O LULLARÁPIO CONTINUA PRESO, BABACA!!!
E PHODA-SE !!!

Loumari disse...

Odiar, amaldiçoar os outros, disseminar a mentira, caucionar os promovedores de violência, louvar e idolatrar avarentos, todo este tempo investido a construir um monstro, a carreira de Deus que estava na estação parada para que entrassem, chamou, chamou, chegou a hora, fechou as portas e arrancou. E vocês ficaram atados as vossas perversidades.

Anônimo disse...

rvchudo
terça-feira, 16 de julho de 2019

Exército agiliza obras no país e as empreiteiras se queixam.

A eficiência, honestidade e a rapidez do Exército na execução de obras de construção e reforma pelo país estão incomodando as empreiteiras, que se queixam de “concorrência desleal” por parte da corporação.

O presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (Cbic), Paulo Safady Simão, reclamou esta semana da participação do Exército Brasileiro em obras desenvolvidas pelo governo federal. “O setor da construção civil não vê com bons olhos a atuação do Exército em obras como duplicação de estradas e construção de aeroportos. Não há necessidade de os militares assumirem obras desse tipo”, disse. “O Exército é hoje a maior empreiteira do país”, reclama também João Alberto Ribeiro, presidente da Associação Nacional das Empresas de Obras Rodoviárias. Segundo ele, poucas construtoras no país têm hoje uma carteira de projetos como a executada pelos batalhões do Exército. No PAC, há 2.989 quilômetros de rodovias federais sob reparos, em construção ou restauração, com gastos previstos em R$ 2 bilhões. Destes, 745 quilômetros – ou R$ 1,8 bilhão – estão a cargo da corporação. “Isso equivale a 16% do orçamento do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes neste ano”, disse.

Mais de 100 militares trabalham na construção de uma rodovia no Rio Grande do Sul.
O General Jorge Ernesto Pinto Fraxe, da Diretoria de Obras de Cooperação (DOC), do Departamento de Engenharia e Construção do Exército (DEC), rebateu as declarações dos representantes das empreiteiras e afirmou que “a atuação dos militares só ocorre quando é bom para o país e para a instituição”. O general declarou que “algumas das obras assumidas pelos militares eram consideradas prioritárias e estavam tendo problemas para serem tocadas pela iniciativa privada”. “A gente não pleiteia obras. Elas são oferecidas e aceitamos quando elas são importantes para o desenvolvimento do país e para nosso treinamento”, destacou. No auge das obras, 12 mil soldados atuaram na construção civil para o governo. CONTINUA...

Anônimo disse...


REVCHUDO CONTINUA II......

Ele lembra, por exemplo, que havia uma briga no consórcio vencedor da licitação para a duplicação da BR-101 e que as empresas fugiam do início das obras da transposição do São Francisco. A alegação para o retardamento do início das obras era que o canteiro ficava no polígono da maconha. O general conta que o Exército fez um trabalho social na área e que dois hospitais chegaram ser montados na região, para atendimento à população.



Obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) estão sendo conduzidas pelos militares. Os militares receberam R$ 2 bilhões nos últimos três anos para executar duplicações de estradas, construção de aeroportos, preparar novos gasodutos e iniciar a transposição do Rio São Francisco. No total seriam 80 obras.

Debaixo de sol escaldante militares pavimentam a BR 163.

A transposição do São Francisco é o caso mais emblemático. Enquanto os trechos que ficaram sob a responsabilidade do Exército estão quase prontos, a parte que cabe às empresas privadas está atrasada ou paralisada. Em Floresta (PE), onde o percentual de execução não passa de 13%. Em outros lugares chega só a 16%. Nos trechos feitos pelo Exército, a obra avançou 3 vezes mais que os das empreiteiras no Eixo Norte (80% está concluída) e 5 vezes mais no Eixo Leste. Por sua vez as empresas privadas estão pedindo mais dinheiro para continuar as obras.

As empresas privadas, algumas delas organizadas em cartéis, depois de retardarem obras importantes para o país, de exigirem reajustes absurdos nos preços, criticam quando o Exército é acionado para garantir as obras prioritárias. Elas alegam uma suposta “concorrência desleal’. Segundo os empreiteiros, a participação expressiva dos militares “inibe o investimento e impede a geração de empregos”. CONTINUA....

Anônimo disse...




RVCHUDO CONTINUA III....

“O Exército não é um construtor. Quem pensa que vamos concorrer com as empresas está equivocado. Só atuamos para treinar nosso pessoal”, disse o general, que afirma que contrata empresas privadas para a construção de pontes e viadutos.

Os militares também fizeram obras para estatais – como as clareiras na selva para a construção do gasoduto Coari-Manaus, e para outros níveis de governo, como a atual construção do Caminho da Neve, estrada que Santa Catarina quer abrir para unir Gramado (RS) a São Joaquim (SC), favorecendo o turismo de inverno.

Estima-se que, quando concluídas, as obras entregues ao Exército terão um custo até 20% menor para os cofres públicos. “A corporação não pode lucrar com os serviços que presta”. Como emprega os próprios oficiais e soldados, já remunerados pelo soldo, o custo da mão de obra deixa de ser um componente do preço final da empreitada. Por tudo isso, o Exército está desempenhando um papel fundamental na infraestrutura necessária para o Brasil.

Adriano Benayon: A lavagem cerebral que se faz secularmente, no Brasil e no mundo, em torno da intervenção do Estado na economia, teve êxito em convencer a maioria dos cidadãos de que a iniciativa privada deve prevalecer, e o Estado deve ficar fora de qualquer atividade na esfera produtiva e mesmo financeira. Isso, aliás, ajudou a reduzir a resistência as liquidações de entidades estatais e as corruptíssimas privatizações impulsionadas por Collor e por FHC. CONTINUA....

Anônimo disse...


RVCHUDO CONTINUA IV....

Esse convencimento penetrou fundo, notadamente os da classe média, de que fazem parte os militares – trabalhados nesse sentido pela propaganda anticomunista (que confunde comunismo até com nacionalismo) capitalizando a ojeriza ao comunismo, em função, inclusive, de serem permanentemente recordados da tentativa de revolução comunista em 1935.

É de notar que a intervenção do Estado na economia e, em especial, a execução de atividades industriais por meio de empresas estatais ocorre em todos os países que avançaram econômica e tecnologicamente e não apenas nos que a iniciaram a partir do regime comunista, como é o caso da China.

Mas a manipulação dos fatos e a desinformação faz misturar e confundir tudo, a ponto de associar toda atividade estatal a socialismo ou comunismo.

Curiosa e paradoxalmente, muitos militares não se dão conta de que o Exército – Marinha e Aeronáutica também – são entes estatais, que tem realizado obras de , infra-estrutura, em lugar de empreiteiras privadas, com melhor qualidade e custo bem inferior.

Recordemos as realizações do CTA (Centro Tecnológico da Aeronáutica) e ITA (Instituto de Tecnologia da Aeronáutica) cujos trabalhos viabilizaram o surgimento da EMBRAER, de resto, como empresa estatal, depois criminosamente privatizada.

Na Marinha, citemos os projetos de enriquecimento de urânio e a construção do submarino nuclear, lastimavelmente prejudicados pela pressão imperial, pelo retardamento por falta de verbas e limitações nos projetos por imposição política. CONTINUA...

Anônimo disse...

RVCHUDO CONTINUA V E TERMINA....

Assim como ocorre na área militar, já ocorreu, em grande escala e em muitos setores, em estatais civis, em que persiste, embora alvejada, há muito tempo, pela artilharia imperial, a Petrobrás, cujas realizações estupendas deveriam ser melhor conhecidas de todos, se não estivéssemos num país virtualmente ocupado, material e mentalmente pela oligarquia financeira angloamericana e seus agentes.

Por fim, é importante ter presente que iniciativa privada e capitalismo são duas coisas completamente diferentes: se predominar o controle dos grupos financeiros e econômicos privados até sobre o Estado o que acontece é a inviabilização da iniciativa privada, ou seja, as pequenas e médias empresas veem seus mercados potenciais completamente fechados com a ocupação deles pelos carteis das grandes empresas.

No Brasil essa situação é ainda mais determinante da pobreza econômica e social, porque os maiores concentradores são empresas transnacionais, que desde sua implantação no País têm transferido para o exterior quantias fabulosas, múltiplos incalculáveis do valor que atribuíram falsamente a seus investimentos diretos no País.

Isso determinou a divida externa, que desembocou depois na interna, outro fator principal da enorme sucção de recursos do País, que, juntamente com as transferências ao exterior, causa as crises em nossa economia, cada vez mais agudas.

Todas essas crises estão ligadas à desnacionalização e à concentração da economia, as quais, entre outros efeitos, produziram a desindustrialização e à financeirização.

Carta Maior
Postado por Ricardo Oscar vilete Chudo às 14:20

Anônimo disse...

https://polibiobraga.blogspot.com/

https://polibiobraga.blogspot.com/
Opinião do editor - Dias Toffoli usou Flávio Bolsonaro para proteger Glenn Greenwald



O presidente do STF, Dias Toffoli, ao proibir que o Coaf faça apurações de trânsito de dinheiro pelo mercado financeiro e que a Receita Federal apure contradições em declarações de Renda, tudo com o objetivo de municiar aurtoridades policiais e membros do MP, pode ter saído da cabeça de alguém interessado em proteger o ativista do Psol, advogado e editor do The Intercept, Glenn Greenwald.

Usar o senador Flávio Bolsonaro como beneficiário direto da ação que atendeu monocraticamente nos dois casos, funciona como biombo perfeito para o objetivo indireto do caso.

às 7/16/2019 06:59:00 PM
NUTAVAEL DIZ...
O MINISTRO DA FAZENDA NAO E SUBORDINADO AO PRESIDENTE DA SUPREMA CORTE, ENTAO COMO ELE ESTA INTERFERINDO COM A FAZENDA SE ESTA TEM AUTONOMIA PARA ENTRAR EM TODOS OS DINHEIROS QUE ENTRAM E SAEM DO PAIS.
E PRECISO VERIFICAR COMO ESTA A VIDA DO PRESIDENTE DA SUPREMA CORTE EM MATERIA DE IMPOSTO DE RENDA E DE REDIMENTOS QUE ELE RECEBE.
ISTO SO PODE SER UMA FABRICA DE ILICITOS PRATICADAS PELAS SUPREMAS CORTES DE BOSTA DO PAIS. ELES TRABALHAM PARA FABRICAR MILHARES DE IMPECILIOS AOS CIDADAOS DE BEM E DEIXAM OS VAGABUNDOS DOS QUARENTA PARTIDINHOS MEIA BOCA FAZEREM DESTE PAIS A TORRE DE BABEL FABRICADA POR ELES MESMOS QUE ENCONDEM PROCESSOS EM SUAS BATAS IMUNDAS, MAS SAEM CORRENDO PARA AJUDAR AOS FRAUDULENTOS DA NAÇAO.
PERGUNTA QUE NAO QUER CALAR PARA QUE ESTA SUPREMA CORTE DE BOSTA QUE TRABALHA CONTRA NOSSO PAIS FABRICANDO O QUE NAO EXISTE NA JA FRAUDULENTA CARTA MAGNA, ME ENGANA QUE EU GOSTO. MORARAM OU QUEREM QUE SE DESEJE. OS JUIZES DE CARREIRA TENDO QUE SE SUBMETER A CORJA QUE INCLUSIVE NAO PASSARAM NOS EXAMES DA BARRA DE ADVOGADOS E QUE ENTRARAM NA JUSTIÇA NO QUEM INDICA E SUBSCRITOS PELOS FRAUDULENTOS SENADORES DE BOSTA QUE VIVEM DESDE AS PRISCAS ERAS ENFIADOS DENTRO DO SENADO COMO SENADORES PERPETUOS. VERDADEIRAS FACÇOES CRIMINOSAS DOS PARTIDINHOS MEIA BOCA QUE NAO ELIMINAM NEM A PAU AS MAÇAS PODRES DE SEUS PARTIDOS. ELES GOSTAM DE ERVAS DANINHAS PORQUE ESTAO ENCHENDO OS BOLSOS COM O DINHEIRO DE NOSSOS IMPOSTOS. JA ESTA EM UM TRILHAO O RECOLHIMENTO DOS IMPOSTOS. MORARAM OU QUEREM QUE SE DESENHE?

Anônimo disse...

Sobre o fofoqueiro do IntercePuTê... um apelido melhor é Grin Govialdo.
E os comparsas da mídia, revista Óia e jornal Faia de SP, premios Pulhaitzer...

Anônimo disse...

Muito bom seu comentário Ricardo Oscar Vilete Chudo!
Espero ouvir mais de sua sapiência em Economia. Muito diferente dos economicistas de banqueiros extrangeiros que nem sequer moram aqui.