quinta-feira, 15 de agosto de 2019

O desafio de Bolsonaro contra a corrupção



Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net
Siga-nos no Twitter - @alertatotal

Jair Messias Bolsonaro foi colocado diante de um crucial desafio no combate efetivo e real à corrupção sistêmica do Crime Institucionalizado. O Presidente irá ou não vetar o Projeto de Lei de Abuso de Autoridade, covardemente aprovado pela Câmara dos Deputados, que é uma vingança contra a Força Tarefa da Lava Jato? Até que ponto Bolsonaro tem capacidade e vontade de confrontar o botafoguense Rodrigo Maia e tudo que ele representa?

Eis um teste de fogo para Bolsonaro. Agora é hora de comprovar que não basta ser Mito. É mais importante para o destino imediato do Brasil – e do próprio governo dele – que Bolsonaro reafirme, na canetada Bic ou Compactor, que seu compromisso no combate ao Crime está realmente acima de tudo. Está na cara que o projeto dos políticos não deseja, de verdade, coibir abusos de autoridade. O plano é inibir e punir policiais, promotores e magistrados com coragem de enfrentar criminosos realmente poderosos.

A pena para quem cometer abuso de autoridade é de detenção de seis meses a dois anos, podendo começar em regime aberto ou semiaberto, além de multa. São previstas 37 ações que poderão ser consideradas abuso de autoridade, quando praticadas com a finalidade específica de prejudicar alguém ou beneficiar a si mesmo ou a terceiro. Seu ponto alto é a chamada "Lei da Mordaça", impedindo juízos e promotores de expressarem opinião, em meios de comunicação, sobre processo pendente de julgamento.

O texto aprovado tem tudo para turbinar a guerra de todos contra todos os poderes. A Lei define os crimes de abuso de autoridade cometidos por servidores públicos, militares, membros dos poderes Legislativo, Executivo, Judiciário, do Ministério Público e dos tribunais ou conselhos de contas. Por isso, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, considera tudo "justo": "O texto é o mais amplo, onde todos os poderes respondem a partir da lei".

Agora, tudo depende da caneta de Bolsonaro: aprovar, vetar total ou parcialmente. A canetada pode coincidir com o tão aguardado anúncio do novo Procurador-Geral da República. A galera do bem torce para que Bolsonaro escolha um “processador”, e não um “engavetador”. A sorte – ou o azar – estão lançados... O certo é que, de bem intencionados, o Congresso Nacional está cheio...


Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

Jorge Serrão é Editor-chefe do Alerta Total. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.  A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Apenas solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 15 de Agosto de 2019.

11 comentários:

Anônimo disse...

NUTAVAEL DIZ...
A BIC DO PRESIDENTE NAO VAI FAZER NADA. SERA OUTRO TRAQUE DE VELHO SEM EFEITO ALGUM.
O QUE PRECISAMOS IMEDIATAMENTE E QUE ESSE SUPREMO BESTEIROL FEDERAL E ELEITORAL SEJA FECHADO.
OS ENGAVETADORES ESTAO ALI.
CONTINUAR A FALAR NAS ESCOLHAS DO PRESIDENTE E PERDER TEMPO. UM TEMPO PRECIOSO QUE NAO TEMOS MAIS.
DESDE 2015 ESTAMOS DISCUTINDO O SEXO DOS ANJOS E NAO CHEGAMOS A NADA PORQUE OS SUPREMOS SAO INDISCUTIVELMENTE RESPONSAVEIS PARA O ANDAMENTO DA QUESTAO.
ELES INSTITUIRAM EMBARGOS INFRINGENTES, SEGUNDA TURMA, TERCEIRA TURMA QUARTA TURMA.
UM BANDO DE IDIOTAS QUE FORAM COLOCADOS A DEDO PELOS MULAMBENTOS EX PRESIDENTE QUE AINDA PRECISAM DO SUPREMO PARA SAIR DO RESERVATORIO DE BOSTA QUE NOS COLOCARAM.
AS TAIS MAQUININHAS DO PIRUQUENTO ESTAO NAS MAOS DE QUEM?
NOSSA FORÇA TAREFA DE CURITIBA FUNCIONOU E TIROU DO PODER VARIOS VAGABUNDOS VICIADOS EM NOS ROUBAR.
QUANTOS A SUPREMA CORTE DOS FARAOS QUE CUSTAM HORRORES AOS COFRES PUBLICOS E QUE GOSTAM DE COMIDA DE PRIMEIRISSIMA CONSEGUIRAM CONDENAR?
ELES TRABALHAM INCESSANTEMENTE PARA FORNECER COBERTURA PARA OS CRIMINOSOS DE TODOS OS ESTAGIOS. FUNCIONARIOS PUBLICOS ESTES SAO OS PIORES. MARGINAIS CRIMINOSOS QUE TEM HABEAS CORPUS DEPOIS DE MATAREM FILHO, PAIS E OUTRAS COISAS MAIS.
PARA QUE NOS SERVE ESTA CORTE SUPREMA DE ARTESAOS DE DE COBERTURA DE ILICITOS E QUE FABRICA CAOS. PARA QUE TEMOS QUARENTA PARTIDINHOS MULAMBENTOS SEM EXPRESSAO ALGUMA QUE ATRAVANCAM NOSSO PAIS E ESTAO SOB SEGREDO DE JUSTIÇA NO SUPREMO PORQUE TEM DINHEIRO LA FORA E O SUPREMO ACREDITA QUE AJUDANDO BERMUDES DE KAKAI VAI CONSEGUIR TIRAR NA MAO GRANDE O DINHEIRO ROUBADO PARA ENRIQUECER A CUSTA DE NOSSO SACRIFICIO.
TEMOS QUE INSTALAR AQUI UM TRIBUNAL DE EXCESSAO. TEMOS QUE INSTALAR UM COMPLETO VASCULHAMENTO DE TODOS OS BENS DE TODOS NOS TRES PODERES DE BOSTA.
NINGUEM ESTA ACIMA DA LEI.
O QUE ESTA FAZENDO O MINISTRO DA FAZENDA QUE AINDA NAO VASCULHOU TODOS OS PERTENCES DE TODOS OS DEPUTADOS, SENADORES E ALTA CORTE BRASILEIRA.
O EXEMPLO VEM DE CIMA. ANTES DA SUPREMA CORTE CONTINUAR A VASCULHAR E ESCONDER AS TRAPAÇAS DE LULA. O QUE ELE ESTA FAZENDO NA SUPREMA CORTE SE NAO TEM PRERROGATIVA MAIS NENHUMA. NAO TEM FORO. POR QUE A SUPREMA CORTE NAO MANDA ESTES PROCESSOS PARA A PRIMEIRA INSTANCIA. ESTAO GUARDANDO O QUE EM SEGREDO DE JUSTIÇA. O QUE A SUPREMA CORTE DE FARAOS DO EGITO ESCONDE DEBAIXO DE SUAS BATAS IMUNDAS. CONTINAR A ACHAR QUE NOSSO PRESIDENTE DARA CONTA DO RECADO. NA.NA.NI. NA NAO. VAI ESBARRAR NOS QUARENTA PARTIDINHOS MULAMBENTOS E CONTINUAREMOS A DISCUTIR O SEXO DOS ANJOS. ATE OS QUE INICIARAM SUAS GESTAO AGORA ESTAO SOB SUSPEIÇAO. TODOS OS PARTIDOS SAO SUSPEITOS ATE O PARTIDO DO PRESIDENTE. FALEI. SE NAO VASCULHAR TUDO E TODOS TODOS ESTAMOS NO ROL PARA IRMOS PARA O LIXAO. TRABALHAR E HONRAR NOSSO PAIS E NOSSA RELIGIAO NAO AI VALER NADA. NOSSOS VALORES FORAM CONTAMINADOS COM UM MONTE DE BOSTAS DOS MULAMBENTOS ALINHADOS A MERDA SUL, MERDA EUROPA E MERDA AFRICA. BREVE TEREMOS DE DIVIDIR NOSSO PINICO.FALEI.

Anônimo disse...


BLOG DO ALUIZIO AMORIM
quinta-feira, agosto 15, 2019

DELAÇÃO-BOMBA DE PALOCCI É REVELADA ENQUANTO A CÂMARA DOS DEPUTADOS APROVAVA A LEI DE ABUSO DE AUTORIDADE

#VETABOLSONARO

Segundo ao site da revista IstoÉ mais um trecho importante da delação do ex-Ministro do PT, Antonio Palocci, veio à luz nesta quarta-feira revelando de forma dramática o que era combinado no breu das tocas, ou seja, a manipulação e roubalheiras de dinheiro público com o concurso de grandes empresas e empresários em conluio com o governo do PT.

A coisa é grande e retorna uma indagação altamente pertinente: como é possível com toda essa corrupção e roubalheiras envolvendo o PT seja possível que este partido continue funcionando? Com a palavra os juristas especializados em Direito Eleitoral.

Incrível que nesta quarta-feira ao mesmo tempo em que o teor dessa delação vinha a público na Câmara dos Deputados era debatida e aprovada a tal 'Lei de Abuso de Autoridade'. Querem rifar a Lava Jato!

Segue a transcrição na íntegra da matéria da revista IstoÉ:

Enquanto aguarda na prisão por uma nova condenação em segunda instância, no TRF-4, por causa do caso do sítio de Atibaia, o ex-presidente Lula foi torpedeado nesta quarta-feira pelo vazamento de mais um trecho importante da delação premiada de seu ex-ministro Antonio Palocci. Ele fez o acordo de delação com a Polícia Federal, cujos termos foram homologados em abril pelo ministro Edson Fachin, do STF, mas que somente agora se tornaram públicos.

Palocci diz que empresas por ele contatadas destinaram R$ 270 milhões para o financiamento de campanhas de Lula e de Dilma no período de 2002 a 2014. O dinheiro foi dado ao PT por empresas que se beneficiaram em troca de desonerações tributárias, linhas de crédito do BNDES, auxílio a fusões de empresas e apoio da base do governo à medidas de seu interesse.

O ex-ministro não citou o nome dessas empresas, normalmente empreiteiras de grandes obras públicas. Segundo ele, também os grandes bancos destinaram R$ 50 milhões para as campanhas de Lula e Dilma. Até mesmo a Ambev, fabricante de bebidas, também destinou elevados valores para financiar campanhas petistas, com a intermediação de Palocci e do ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, preso em Curitiba.

Além de Lula e Dilma, Palocci delatou 12 líderes petistas e 16 empresas que doaram ilegalmente recursos para o partido. Entre os delatados por Palocci estão a deputada Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT. Ela teria recebido, com a interveniência de Palocci, R$ 3,8 milhões para se eleger senadora pelo PT do Paraná em 2010. Desse total, ela recebeu R$ 2 milhões da Odebrecht, R$ 800 mil da OAS e R$ 1 milhão da Camargo Corrêa, para enterrar a investigação da Castelo de Areia no STJ. Outros políticos do PT também receberam dinheiro de caixa dois. O ex-governador de Minas Gerais Fernando Pimentel recebeu R$ 2 milhões da Camargo Corrêa. O ex-senador Tião Viana (PT-AC) recebeu R$ 2 milhões da Odebrecht e o ex-senador Lindbergh Farias (PT-RJ) recebeu outros R$ 3,2 milhões de caixa dois da Odebrecht. Até o filho do ex-presidente Lula Luiz Cláudio Lula da Silva recebeu propinas de empreiteiras por meio da sua empresa, a Touchdown. A notícia, divulgada hoje, caiu como uma bomba na cabeça de Lula e do PT. Do site da revista IstoÉ

Postado por Aluizio Amorim às 8/15/2019

Anônimo disse...


O MASCATE

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *

* Democracia neste país é relativa, mas corrupção é absoluta *
"PIMENTORIUM IN ANUS OUTREM REFRESCUS EST"

quarta-feira, agosto 14, 2019

Desmatamentos na Amazônia?

Bem meus caros, devo confessar que não sou novinho, beiro os 60tinha e desde que me entendo por gente ouço falarem sobre os desmatamentos na Amazônia.
Teorias da conspiração, estudos de faz de conta e verdades para lá de duvidosas sempre nortearam as discussões sobre a região.
Nestes últimos, vamos dizer, 40 anos, se o desmatamento seguisse a letra do que é publicado na imprensa mundial certamente teríamos um puta deserto no lugar da selva.
Esse MIMIMI internacional sobre a preservação da mata é muito mais balela interesseira do que espírito de proteção ambiental.
Vejam que madeireiros ilegais, cortam e vendem madeira para países que se "preocupam" com a selva, garimpos ilegais de todo tipo de minério, falam em 10 toneladas ano em ouro surrupiado do Brazileirrra bonzinha.
Sem contar o contrabando de plantas medicinais e da fauna da região que são recorrentes há décadas. E a novidade é a pirataria de água. Navios estrangeiros saem da região com os porões cheios de água doce sem o menor pudor.
Não serei tolo em afirmar que o desmatamento não existe, sabemos que sim, mas esse assunto virou "commoditie" política, os ambientalistas de verdade somados aos eco chatos, os politicamente corretos modinha e o povo do ouvi dizer formaram uma massa amorfa e barulhenta que aderiram ao pensamento preservacionista sem ao menos entenderem os verdadeiros motivos que levam outras nações a investirem muita grana na tal preservação. Preservar é preciso, porém com consciência e
sabemos que os governos, todos eles, desde os militares nunca se preocuparam demais com a situação da mata amazônica, sempre ficaram mais na retórica para agradar os ouvidos dos tarados ecológicos do que na efetividade em cuidar com responsabilidade do assunto.
A Amazônia é uma região maior que vários países dazoropa reunidos, tem riquezas inimagináveis e acima de tudo, é um ótimo escoadouro para os traficantes de drogas que coabitam nossa Amérdica do Sul. E o controle naquela região contra todo tipo de sacanagem fica humanamente impossível. O país não tem grana para investir em monitoramento sério e controle de entrada dos alienígenas que sob o manto preservacionista usam e abusam no entra e sai sem que ninguém faça qualquer movimento para fiscalizar.
Os governos do PT ajudaram a desmontar o pouco que sobrou de fiscalização na região, o intuito sempre foi obscuro, mas é só pensar um pouco para perceber que o interesse é agradar aos "cumpanhêros" produtores de coicaína e facilitar o tráfico. E com isso deixam o contrabando generalizado trabalhar em paz.
Os índios da região viraram os bois de piranha dessas ONGs ambientalistas que dizem se preocupar com o bem estar do povo da selva deixando-os viver na mais absoluta miséria. Índio não deveria ser mais silvícola tutelado ao estado com direito a voto, deveria virar cidadão e ter acesso aos bens e benefícios da sociedade moderna. Esse negócio de índio viver na idade da pedra é uma baita filhadaputice e só faz crescer os lucros de gente inescrupulosa que ganha, e muito, com a manutenção da ignorância dos povos indígenas. CONTINUA...,.

Anônimo disse...



O MASCATE – CONTINUA II E TERMINA.....
Existem um sem número de ONGs atuando na Amazônia dizendo defenderem os índios. Se não me engano são 230.000 mil índios protegidos por no mínimo 60 ONGs que recebem por ano 800.000 milhões de reais para fazer de conta que cuidam dos nativos.
Pequenas ONGs, grandes negócios...
O Nordeste onde as mazelas da população carente que morre à míngua na seca inacabável não recebe um culhonésimo das atenções das ONGs tão preocupadas com o serumano carente do Bananistão. E o resto do mundo cagando para o sofrido povo nordestino, simples assim.
A diferença é que na Amazônia existem riquezas e pouco ou quase nenhum controle de porra nenhuma. No nordeste o "pogreço" já chegou, meio mambembe, mas já é alguma coisa. Então não é interessante cuidar do povo pobre da Caatinga.
A Alemanha que destruiu toda, ou quase toda, mata nativa de seu país para poder explorar carvão que é a sua base energética somada a Noruega que ainda caça baleias explora petróleo no Ártico, sem contar que tem parte em uma mineradora do Pará que já andou fazendo merda ambiental naquele estado são os principais descabelados com a "devastação" da mata. Um tipo de faça o que digo e não faça o que faço. Se acham os donos do pedaço.
Como disse o presidente, a amazônia pertence ao Brasil.
Passou da hora de botar essa horda de filhosdaputa para correr daqui, nem que seja na base do tiro, pois a soberania Tupiniquim sempre vai só até a página dois, quando se trata de Amazônia todo mundo dá palpite e se acha dono da nossa selva.
Esse assunto veio com força total após a posse do governo Bolsonaro, até o dia 31/12 de 2018 Ninguém derrubava um pé de pau na Amazônia a floresta era uma virgem a espera da defloração... O desmatamento começou em 01/01 de 2019.
Passaremos outros tantos anos sem uma ação efetiva sobre a preservação e com muito jogo de interesse em nossas riquezas.
Estamos sendo roubados há décadas e não podemos lançar mão das riquezas para melhorar a vida da população sob pena de sermos acusados de destruidores do meio ambiente. Muito comodo para as nações ditas desenvolvidas.
Enquanto isso o povo mané do Bananistão vai repetindo a cantilena preservacionista feito papagaio bêbado acreditando ser um ativista de porra nenhuma. As outras nações que já phoderam com tudo em seus territórios agradecem.
Enfim...

O LULLA CONTINUA PRESO, BABACA!!

E PHODA-SE !!!
By O Mascate às quarta-feira, agosto 14, 2019

Anônimo disse...

rvchudo
quinta-feira, 15 de agosto de 2019

Estamos cegos e não conseguimos ver?

Uma convivência entre traficantes e terroristas, foi assim que tudo começou até chegar ao estágio em que se encontra o crime organizado no Brasil e em especial no Rio de Janeiro, onde num curto período seis pessoas foram mortas por "balas perdidas" durante confrontos entre narco terroristas e a polícia.

(TEM INFORMAÇAO DA COMUNIDADE VIA CELULAR SOBRE OS TIROTEIOS NA PAGINA DO RVCHUDO)=

O Rio de Janeiro teve pelo menos seis jovens mortos em comunidades carentes ou perto delas em cinco dias - desde a última sexta-feira (9) até esta quarta. As vítimas foram atingidas por balas perdidas ou baleadas diretamente - a maioria enquanto aconteciam operações policiais. Segundo parentes de todas as vítimas, nenhuma delas tinha qualquer envolvimento com o crime.

Os mortos são:

Gabriel Pereira Alves, 18 anos;

Lucas Monteiro dos Santos Costa, 21 anos;

Tiago Freitas, 21 anos;

Dyogo Costa Xavier de Brito, 16 anos;

Henrico de Jesus Viegas de Menezes Júnior, 19 anos;

Margareth Teixeira, de 17 anos.

Link: GLOBO

Na época, década de 60, uma intima relação entre os chamados "presos políticos" e "vagabundos" em geral, possibilitou troca de informações onde um grupo poderia se beneficiar com a atividade de outro. Assim o tráfico passou a sustentar a militância esquerdista que se infiltrou nas comunidades e o tráfico assimilou conhecimentos da "militância", que "os fins justificam os meios" e qualquer iniciativa é válida quando o objetivo é conquistar algo importante para eles. Neste caso matar um inocente durante confronto armado para culpar as Forças de segurança Pública.

Dificilmente o culpado dessas mortes serão apontados, projéteis de fuzis além de causar grande estrago não é encontrado para pericia, continuou seu trajeto após atingir sua vítima.

Há décadas existem relatos em que traficantes em sua correria pelas vielas das comunidades, na iminência de serem presos, disparam contra pessoas para que a polícia deixe de persegui-los para fazer o socorro do ferido, hoje a situação não é diferente, dentro do "slogan" de desmilitarizar a Polícia Militar, a arma selecionada para este objetivo é provocar um confronto armado para quando houver a reação da polícia, um inocente ser alvejado e a polícia ser culpabilizada.CONTINUA....

Anônimo disse...




RVCHUDO II E TERMINA....
as emissoras de televisão são acionadas, moradores mibilizados para incendiar ônibus em protesto e vários "policiólogos" formados nos porões de universidades infestadas por militância esquerdistas se apressam em dar entrevistas dizendo que a polícia se precipitou, que fez disparos sem alvo específico, que não houve planejamento.

Ora, uma simples análise põe fim a esse discurso! Os narco traficantes-terroristas não têm nenhum compromisso com o destino do projétil disparado por seus fuzis, não possuem treinamento especifico para lidar com armamento de guerra e seu objetivo é sempre culpar a polícia por mortes ocorridas nesses confrontos. O policial tem treinamento, discernimento e sabe o momento certo de efetuar disparos.

Visualizando imagens e vídeos que circularam nas redes sociais é possível perceber a real intenção desses confrontos, carros perfurados por dezenas de projéteis, granadas encontradas dentro da casa de moradores, que só não causou mais mortes por terem falhado. A intenção é desestabilizar a segurança pública perante a sociedade, mas, será que estamos tão cegos assim que não conseguimos ver?

Postado por Ricardo Oscar vilete Chudo às 04:08

Anônimo disse...

Essa nova lei vai prender os congressistas que algemaram o trabalhador comum, o obrigando a aceitar os direitos adquiridos dos funcionários públicos ?

Anônimo disse...

Eu sou a favor da lei e espero que o Bolsonaro não use o veto!

O Judiciário (me recuso a chamar de "Justiça") fugiu conpletamente do controle, não respeitam mais as leis! Democracia é feita com pesos e contra-pesos, O Judiciário e o MP estão livres, leves e soltos.

O Estado não pode ser um leviatã onde um mero agente, bem remunerado, destrói a sua vida com uma canetada, antes mesmo de você abrir a boca ou ser acusado formalmente. E quanto ao confisco de patrimônio até que se prove o contrário na "Justiça", sem comentários. Qulquer um pode ser vítima de arbitrariedade Estatal, acorda cidadão!

Primeiro eles pegaram os anarquistas, não liguei pois não sou anarquista...

Anônimo disse...

Otimo artigo:
Fique rico com democracia - FERNÃO LARA MESQUITA

Nela a natureza humana não se altera, mas você só paga pelos erros que insistir em perseverar.
Aqui: http://avaranda.blogspot.com/2019/08/fique-rico-com-democracia-fernao-lara.html



Anônimo disse...

Conforme o Moro já adiantou, ele não deve vetar o projeto, mas tão somente fazer o mesmo que a câmara faz, ou seja, anular toda e qualquer iniciativa vetando em parte aqueles pontos que tornam inócua a iniciativa do legislativo, ou seja: Para a rejeição do veto é necessária a maioria absoluta dos votos de Deputados e Senadores, ou seja, 257 votos de deputados e 41 votos de senadores, computados separadamente. Registrada uma quantidade inferior de votos pela rejeição em umas das Casas, o veto é mantido (art. 66, § 4º, CF e art. 43 do RCCN).

Unknown disse...

Fecha tudo e joga a chave fora rsrs