segunda-feira, 16 de setembro de 2019

É preciso muito mais que lavar a toga



Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net
Siga-nos no Twitter - @alertatotal

Um analfabeto político atrapalha muita gente. Pior que ele só quem tem a pretensão, mas não que sabe ou não usa os conceitos corretos para fazer leitura da conjuntura e da estrutura. As redes sociais da Internet estão repletas de “especialistas” com magníficas exposições de charlatanismo, imbecilidade ou “raciocínio” produzido pelo fígado, pelo intestino ou, pior de tudo, por um cérebro emburrecido e embrutecido pelo fanatismo ideológico.

O problema do Brasil é estrutural: o Estado-Ladrão, sob regime Capimunista Rentista (alta usura improdutiva), com uma Constituição-Vilã que se finge de “cidadã”. O regramento excessivo, a cultura da impunidade e a falta de Educação (Base moral familiar + Ensino de qualidade) formam a base para a prevalência do Crime, da Injustiça e da Impunidade. Assim, Crise é Institucional – e não apenas conjuntural. Os poderes refletem os defeitos e vícios da estrutura social. Temos Democracia (Segurança do Direito) só na formalidade, mas não na vida real dos “sobreviventes”.

Executivo, Legislativo e os Militares já tomaram bastante pancada dos críticos. Agora, acentuam-se as críticas ao Judiciário. Abusos de Autoridade e de Impunidade saltam aos olhos da maioria insatisfeita e prejudicada da população. Tudo a ver com a explosão da corrupção que acaba produz impunidade ou só alguma punição a uns operadores do Mecanismo que caem em desgraça perante o Comando do Crime Institucionalizado.

É por tudo isso que o jurista Modesto Carvalhosa tem inteira razão quando adverte: “Estão soltando uma série de boatos dizendo que a CPI da Lava Toga é Inconstitucional, que ela não tem nenhum efeito, nenhuma utilidade. Isso tudo é mentira”. O jovial octogenário Carvalhosa, militante anticorrupção, já entrou com uma representação contra o Presidente do Senado para que instale a Comissão Parlamentar de Inquérito que irá apurar se membros da cúpula do Judiciário brasileiro estão abusando de sua autoridade e, por isso, ficando passíveis de impeachment.

No senso comum do ceticismo da maioria dos brasileiros, CPIs geralmente acabam em nada ou em muito pouco. Alguns até ainda acreditam na tese de que sempre se sabe como começa uma CPI, mas nunca se tem certeza do que pode render no final das contas. Agora, a CPI da Lava Toga vem acompanhada de uma novidade histórica: ela tem o apoio dos 27 membros do grupo “Muda Senado” – que resolveu eleger o Judiciário como alvo preferencial. Assim, o “mar” de Brasília não está para magistrado peixe grande...

A CPI é uma necessidade urgentíssima. Da mesma forma como um processo de renovação do Supremo Tribunal Federal e do Superior Tribunal de Justiça. No entanto, durante a confusão que estes processos devem gerar, é preciso que os brasileiros pensantes formulem um inédito Projeto Estratégico de Nação – que será a base para definir os princípios fundamentais de uma Nova Constituição para um Brasil focado no Capitalismo Democrático.

Os brasileiros batem recordes de ansiedade e preocupação porque a crise econômica persiste e porque o Governo de Transição de Jair Bolsonaro ainda não deu sinais seguros de que vai avançar no processo de reformas estruturantes que viabilizem mudanças estruturais, a partir do debate aberto que irá desenhar o Projeto Estratégico de Nação (um sonho dos mais competentes militares e patriotas).

Temor que fazer muito mais que lavar a Toga, no processo de passar o Brasil a Limpo, lutando sem parar contra um Mecanismo do Crime Institucionalizado que se reinventa em alta velocidade. Mas como o ótimo quase sempre é inimigo do bom, o mais recomendável é conquistar pequenas vitórias gradualmente contra os organizados bandidos. Daí a importância da manifestação de 25 de setembro, na Praça dos Três Poderes, em Brasília, em apoio ao trabalho dos 27 membros do grupo “Muda Senado”.

Estamos diante de um legítimo Movimento pela Legalidade com alta capacidade de mudar o rumo do Brasil. As pré-condições para uma Revolução Brasiliana estão em andamento, como nunca antes na História deste País... Como prega o samba, bota fé que vai dar pé... Mas, no meio do caminho, como diria Bolsonaro, é bom se preparar para muita canelada...

Releia o artigo: O Crime Institucionalizado quer a ruptura?


Dilma Rousseff dormiu e sonhou que tinha dormido


Sensacional Cordel do Roberto Celestino: Ela merece...





Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

Jorge Serrão é Editor-chefe do Alerta Total. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.  A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Apenas solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 16 de Setembro de 2019.

8 comentários:

Rodrigo Almeida disse...

A pergunta de 1 milhões de dólares no momento é: o Presidente apoia ou não a CPI ???

Anônimo disse...

Só um adendo ao que vem acontecendo recentemente sob o que se convencionou chamar de rentismo. Rentismno é a poupança popular, o dinheiro que a maioria da população mais pobre deixa nos bancos e que agora só os bancos não perdem. Acabem com os juros extorsivos dos bancos e vamos conversar sobre rentismo. Se não falo a maus estrangeiros ou os amantes do lucro a qualquer custo, estes entenderão.

Luciano disse...

Mesmo com a composição do Muda senado incluindo Alessandro Vieira, Randolph Rodrigues, Kajuru e alguns outros amigos do foro de São Paulo?

Anônimo disse...

Primeiro leio os comentários. Se tiver (comentários), leio o post; se não tiver (comentários), vou escutar musica (que é mais democrático). https://www.youtube.com/watch?v=Jzox-4KkdI4

Unknown disse...

Domingo com a fundamentação definição de uma estratégia de nação. Ela é definidora, de fato

Anônimo disse...

O INIMIGO DA DEMOCRACIA

Reinaldo "Verdevaldo" Azevedo, "O Senhor das Bufas", "O Amigo dos Amigos do Amigo do Meu Pai", "O Maluco do Penico na Cabeça", é contra a CPI da Lava Toga. Isso dissipa todas as minhas dúvidas e me faz tomar uma decisão irrevogável: sou radicalmente a favor da CPI da Lava Toga!

Anônimo disse...

Pode não haver comentários porque o artigo é convincente ou esgota o assunto que se propõe tratar.

Anônimo disse...

Ao anônimo das 1:37 PM.

Mesmo que o comentário seja do seu "artigo" 171, e ainda seja de esgota (opinião de esgoto), eu fico feliz em tentar entender seu neurônio (se meus filhos forem igual a Dilmandioca, e tiverem dois neurônios, eu já ficarei feliz. Vamo de outra musica; saiba que o sistema (googroo, yutube) não contabiliza todos os seu wius (cliques). https://www.youtube.com/watch?v=rUAZpU4I1P8