quarta-feira, 25 de setembro de 2019

E se STF “livrar” Lula por 6 a 5?


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net
Siga-nos no Twitter - @alertatotal

As feras loucas da extrema mídia não sabem, até agora, como conter os faniquitos pelo bom desempenho do Presidente Jair Bolsonaro na abertura da Assembléia Geral da ONU. Bolsonaro leu, corretamente, um discurso de estadista, extremamente bem escrito e focado nos pontos de interesse do Brasil como nação que tenta ser soberana. Quem esperava pelo desempenho ruim e medíocre de Bolsonaro, simplesmente se ferrou...


Dia de notícia boa costuma ser véspera de péssima. Vazou nos bastidores do Judiciário que Luiz Inácio Lula da Silva conquistará, nesta quarta-feira, sua tão esperada libertação. O Supremo Tribunal Federal vai mandar Lula para o regime semi-aberto, no eufemismo da prisão domiciliar. A vitória dos caríssimos defensores do companheiro $talinácio será pelo apertadíssimo placar de 6 a 5. Nem que seja “meio livre”, Lula será mais derrota das muitas que a Lava Jato tende a sofrer daqui para frente.

Bolsonaro fez muito bem em aproveitar o discurso na ONU para exaltar o papel pretérito do juiz Sérgio Moro. A previsão, nada otimista, é que o ministro da Justiça sofra ataques duríssimos – principalmente do supremo magistrado Gilmar Mendes, destaque entre os críticos mais ferozes do “herói-símbolo da Lava Jato”. O Mecanismo do Crime Institucionalizado se reinventa para travar a onda anti-corrupção. A aposta é na prescrição dos crimes daqueles que sequer foram investigados e processados até agora, mesmo sendo citados nas “colaborações premiadas”.

A manobra pela impunidade pode ter um efeito colateral indesejado pela ditadura do Crime. A figura de Sérgio Moro pode ser ainda mais exaltada, a ponto de viabilizá-lo como o nome mais forte para suceder Jair Bolsonaro. A opção Moro agrada aos militares. Muitos ministros do STF também torcem para que o juiz da República de Curitiba não vá trabalhar lá. A preferência dos inimigos de Moro é que ele embarque na aventura política. Até agora, não há qualquer sinalização de Moro que ele prefira abrir mão da vaga suprema para encarar uma sempre arriscada disputa eleitoral.

Resumindo: Lula “solto” ou “meio-livre” será um grande cabo eleitoral do ainda incerto projeto Sérgio Moro 2022. Lula até aceita ficar preso, mas só se for ao casamento.

Feliz Aniversário?

O Alerta Total completa 14 anos de existência neste 25 de setembro.

Nosso agradecimento aos 13 leitores e meio, nos altos escalões do poder político e econômico.
Torcemos para passar dos 15 de forma sustentável...

Se não der, vamos iniciar a contagem regressiva para a parada geral forçada, no fim deste ano...

Colabore com o Alerta Total

Jorge Fernando B Serrão

Itaú - Ag 9155 cta 10694 2

Banco do Brasil - Ag 0722-6 cta 209.042-2

Caixa (poupança) - 2995 013 00008261-7





Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

Jorge Serrão é Editor-chefe do Alerta Total. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.  A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Apenas solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 25 de Setembro de 2019.

9 comentários:

Q disse...

Parabéns pelos 14 anos.

Anônimo disse...

No jornal da TV "cultura" (do Doria), o careca "Marcelo" que deve "taz" com a promessa de ser ministro de um suposto governo doria (Ô dó), comparou a leitura do Bolsonaro á de alunos de quinta serie.

Leo Santos disse...

Cumprimentos com votos de perenidade pelos 14 anos do Alerta Total.

Vanderlei Lux disse...

É inegável que o discurso de Bolsonaro na ONU foi um 'Mito', considerando o histórico de discursos de presidentes brasileiros naquele lugar.

Bolsonaro foi 'cirúrgico' como diria um amigo.

Entretanto, não deixa de ser irônico constatar que entre discurso e realidade, existe um abismo. E ontem mesmo, enquanto Bolsonaro 'mitava' na ONU, Davi Alcolumbre 'mijava' no povo brasileiro, derrubando, obviamente, os vetos de Bolsonaro à famigerada lei de abuso de autoridade, e aumentando ainda mais o tal abismo.

- "Eles estão cozinhando Bolsonaro em banho maria" - afirma meu amigo. - "Já viste um sapo sendo cozinhado em banho maria?" - continua ele.

Sim. A cada veto derrubado, os poderosos se sentem cada vez mais poderosos, e os fracos... mais fracos. E isso estimula a continuidade e o fortalecimento dessa injustiça. Já deram a letra à Bolsonaro: "nós vamos derrubar TUDO o que você fizer sem ter negociado conosco!".

Antes de mais nada, por favor, não me entendam mal. Eu votei em Bolsonaro, mas esse voto foi análogo ao voto que dei em Aécio Neves em 2015. Ou seja, votei no 'menos pior', como sempre, aqui no Brasil.

O discurso de Bolsonaro na ONU é bonitinho pra gringo ver, mas aqui dentro do Brasil, no 'caldeirão', o discurso é outro. Aqui o discurso verdadeiro fala de impunidade total, de uma máfia de criminosos poderosos encastelados no governo que só sairão pela 'ponta da bala', literalmente.

Não existem 'alternativas', nem à esquerda, nem à direita, nem no centro, tampouco em cima e embaixo que resolva o problema do Brasil sem passar por um paredão de fato. Isso poder soar como 'ditadura' para donzelos e donzelas que abundam nas redes sociais, figuras frágeis e delicadas que se machucam horrivelmente ao ouvir palavras duras e poderosas. Fale em 'intervenção militar' para aqueles "NOVOS" riquinhos que fundaram um partido liberal de nome bem sugestivo, e você verá nestes a mesma fúria revolucionária de daqueles que apanharam no lombo em 1964 e hoje posam de 'democráticos'. Todos, em uníssono, acreditam piamente no arranjo criminoso que eles próprios criaram.

Como diz, frequentemente, meu amigo:

- "O venezuelanos só conseguirão se livrar de Maduro na ponta da bala".

Mas que bala, se o tirano confiscou todas?

Anônimo disse...

🇧🇷 Se bolsonaro for inteligente indica O herói Sérgio Moro para o supremo tira um importante concorrente a presidência da República penso que o único com chances reais de batê-lo numa disputa ainda fica muito bem com milhões de eleitores de Sérgio Moro.

Rodrigo Almeida disse...

É claro que Lula vai ser solto.
Não é parte do acordão ???

Anônimo disse...

Ele terá problemas com a perda do lugar com segurança, obviamente.

Capote disse...

Parabéns 👏👏👏👏👏👏👏

franklin disse...

Parabéns e Sucesso sempre.