quinta-feira, 19 de setembro de 2019

Etelvina, o PT acertou na Megasena...


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net
Siga-nos no Twitter - @alertatotal

Um samba sucesso, cantado pelo imortal Moreira da Silva (o kid Morengueira), agora vai precisar ser reescrito. O original, começava assim: “Etelvina, acertei no milhar... Ganhei 500 contos... Não vou mais trabalhar...”. A nova versão é: “Petelvina, o PT acertou na Megasena... A liderança do partido na Câmara ganhou R$ 120 milhões, e agora a turma do Partido dos Trabalhadores vai precisar trabalhar menos ainda...”.

Não é brincadeira, não... Só faltou o número 13 entre os sorteados... Um bolão de 49 funcionários da liderança petista na Câmara dos Deputados faturou o prêmio do concurso 2189 da mais lucrativa loteria da Caixa. Os petistas vão dividir a bolada... Vai render a merreca de R$ 2,4 milhões para cada um... O investimento foi de R$ 10 reais para cada apostador. O “azar” é que nenhum parlamentar petista quis participar da “fezinha”. Seria uma baita ajuda para reforçar o financiamento da eleição municipal...

Não se sabe se os ganhadores, como filiados, terão de pagar um dízimo ao partido... Mas o PT, certamente, sofrerá pressão interna dos novos milionários para não aprovar qualquer proposta de Imposto sobre Grandes Fortunas... Esta foi a gozação ouvida ontem à noite, no plenário da Câmara, quando a novidade sobre os novos-ricos foi divulgada. Por coincidência, os parlamentares votavam o destino e finalidade da grana pública dos fundos Eleitoral e Partidário.

Por falar nisso, suas excelências aprovaram ontem uso da grana do fundão eleitoral para pagamentos de multas aplicadas pela Justiça Eleitoral em irregularidades de campanhas. Nossos políticos profissionais também mantiveram a maior parte das benesses aos partidos. Tipo: a autorização para usar recursos públicos para construção de sede partidária e a anistia a multas eleitorais, além da volta do tempo de propaganda partidária em rádio e TV.

O texto aprovado ontem abre brecha para aumentar o valor destinado ao fundo eleitoral, principal fonte de recursos para as campanhas. O fundo poderá ser usado para pagar serviços advocatícios em processos individuais dos candidatos que tenham relação com as eleições. Se tudo isto não é um estelionato democrático prévio, nada mais é...

O presidente jair Bolsonaro tem 15 dias para decidir se sanciona ou veta o escroto pacote que legitima o caixa-dois e inunda os partidos de dinheiro público – em mais uma aberração de nosso modelo estatal Capimunista. A tendência é que não crie embaraços, seguindo os conformes de um acórdão para deixar as coisas do jeitinho como sempre estiveram.

Na economia, tudo segue esquisito... O Comitê de Política Monetária do Banco Central baixou os juros básicos da economia para 5,5%. O mercado já especula que a Taxa Selic baixe ao patamar de 4,5% até o final deste ano. O assunto serve para as divertidas apostas dos rentistas... Na economia real, segue o comércio travado, cada vez mais gente endividada, muito calote empresarial e um gigantesco nível de emprego.

E, para irritar a galera, a Petrobrás reajustou os valores da gasolina em 3,5% e do óleo diesel em 4,2% em suas refinarias. A desculpa esfarrapada para o aumento é o atentado contra a refinaria da Arábia Saudita. A rotina não muda... No fim, nosso dinheiro é usado para eleger um bando de malandros e nós pagamos a conta dos fracassos governamentais e econômicos.

Mas vamos em frente, em um cenário que já regride da cautela para uma objetiva apreensão. O Crime Institucionalizado se reinventa muito rapidamente... O Brasil segue como um feudo, uma Banana Republic, um lugar com excesso de leis, e cada vez menos respeito às regras. Salve-se quem puder...








Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

Jorge Serrão é Editor-chefe do Alerta Total. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.  A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Apenas solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 19 de Setembro de 2019.

6 comentários:

Anônimo disse...

è assim mesmo?

"Na economia real, segue o comércio travado, cada vez mais gente endividada, muito calote empresarial e um gigantesco nível de emprego."

Vanderlei Lux disse...

"O POÇO, NO BRASIL, POSSUI UM PORÃO!"

A frase não é minha. Não sei de quem é, vi no 'feice', justamente sobre essa notícia dos 'ganhadores' da mega-sena. O hilário é que, mesmo assim, muitos perguntavam: "é zoeira né?".

Não meus amigos! No Brasil nada mais é zoeira. Aqui, o pobre ri no enterro do próprio pai ao invés de chorar. E isso não é zoeira! É a realidade.

Eu tive de ler a notícia 3x para entender que a impunidade do crime no Brasil realmente não tem limites! É como a frase de um boneco do desenho 'Toy Story': "AO INFINITO E ALÉM!".

Os petistas conseguem ir além! Eles continuam a roubar descaradamente, bem embaixo do narigão do 'Mito' e do queixo de vidro do seu 'super-man' ministro da justiça, ex-juiz de Curitiba, que, sinceramente, nem sei o que ainda faz nesse 'governo'.

Meu pai dizia: "filho, no Brasil governo 'bom' é aquele rouba quieto". Nem vou comentar sobre a 'outra mega-sena' que foi ganha, ontem a noite, também, pelos nossos nobres representantes ao aprovarem o caixa 2.

Anotem aí o que eu direi: ainda será aprovado, algum dia, o 'caixa 3' e, se bobear, o 'caixa 4' também.

Mas e a mega-sena? Sempre vai ter otár... ops, gente apostando.

Augusto disse...

MEGA SENA “ACUMULADA” ...
Acho que as Loterias da Caixa do cassino Brasil e mais uma CAIXA PRETA a ser ABERTA.
Num pais com tantos políticos corruptos precisando LAVAR dinheiro, vocês acreditam mesmo que essa "gente" deixaria passar essa "OPORTUNIDADE" de "APOSTAR"...


Anônimo disse...

Se não me falha a memória o último sorteio milionário da mega também foi para Brasília e como foi pela internet, ninguém sabe, ninguém viu, mas a má fama dos sorteios continua.

Anônimo disse...

Lavar dinheiro usando loteria é coisa muito antiga por aqui. Quem não conhece, pesquise o caso talvez mais notório, o dos Anões do Orçamento.
E sempre houve aqueles casos em que os grandes prêmios saem para localidades que só Deus sabe onde ficam, perdidas nos grotões.

Anônimo disse...

Se for feita investigação para saber se a premiação dos petistas foi legal, será que Lula impulsionará investigação de um esquema que pode ter beneficiado muitos que hoje poderiam ajudar o presidente Bolsonaro a aprovar projetos?