sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Percorrendo o campo de batalha no “Dia Seguinte”...



Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Esse é o momento que vivemos. É o lado menos glamouroso da guerra.

O governo brasileiro já ultrapassou o ponto de não retorno.

Desafiou os mais poderosos do reino das sombras.

Tentarão, de novo, matar o Presidente Bolsonaro?

Enquanto não for esclarecida a questão dos mandantes da facada, ainda estamos vivendo na republiqueta do passado.

Pessoalmente vivo um dilema.
Será melhor a Intervenção Constitucional saneadora de imediato ou esperar que os canalhas se enforquem na própria tripa ?

O linchamento público tem uma vantagem; não poderá ser manipulado pela mídia prostituta e traidora da Pátria. Sofreremos mais algum tempo na mão do Crime Organizado mas não seremos “carimbados “ de golpistas nem de qualquer outra coisa.

Se a opção das gloriosas Forças Armadas for pela Intervenção, que a limpeza seja completa: “ampla, geral e irrestrita !”

Daí em diante, que mal haverá em ser xingado se a Pátria já estiver salva ?

Empalados alguns urubus e cães egressistas, levará muito tempo até que alguém mais ouse roubar ou trair o Brasil.

A palavra comove mas o exemplo arrasta.

Hoje vemos tombados no campo de batalha, os que estrebucham, ansiando pelo tiro de misericórdia. Rezemos a São Nuno de Santa Maria. Guerreiro e Santo.

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

3 comentários:

ducamillo disse...

Poís é Sr. Carlos, na minha modesta opinião, este país não tem outra saída que não seja uma intervenção. Porem fico na dúvida: quem irá intervir? Seriam os ET's? Seriam o povo das sombras? Ou os zumbis que cultuam as mentes de muitos estudantes secundários? Acredito em qualquer um dos mencionados só não creio nos militares.
A tal mudança da previdência vai ficar para ser aprovada no ano que vem para entrar em vigor em 2021 ou sej, vão quebrar a país antes forçando o Mito a aumentar impostos e cair no desagrado dos seus eleitores e, sem este apoio, será o fim do que nem começou.
O negócio e fazer meme's enquanto a casa cai, afinal vou socorrer-me a quem? Se Deus é mesmo Brasileiro. esqueceu-se onde fica o Brasil.

Abs.
Robertho Camillo

Anônimo disse...

Allan dos Santos mostrou página do ministério onde constam 18 mil militares filiados ao PT. Já ouvi afirmação de que Intervenção Constitucional não existe. Se o artigo 142 tem o apoio da esquerda, deve ser nefasto ao Brasil (antes de defendê-lo é prudente pesquisar o motivo de a esquerda concordar com ele).

ducamillo disse...

OK. Vamos acreditar que o Alan tem razão e que a esquerda apoia uma intervenção.
Vamos cruzar os braços e esperar a queda do Bolsonaro. Sair para as ruas aos domingos e fingir que os políticos nos temem. A reforma da previdência será aprovada (se for) em 2020 e entrará em vigor em 2021, o Brasil quebra, Bolsonaro aumenta os impostos ou pedala, cai de qualquer forma.
Se a esquerda apoia uma intervenção e conta com 18 mil filiados ao PT, porque não a fizeram ainda?
OK. Vamos continuar lendo revista eletrônica e ouvindo TL e suas soluções filosóficas para os nossos problemas.

Abs Senhor anonimo.

Robertho Camillo