segunda-feira, 11 de novembro de 2019

A Bolívia pode ser aqui, STF?



Edição Extra do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net
Siga-nos no Twitter - @alertatotal

Quase em silêncio obsequioso, nos bastidores, Generais brasileiros avaliam que o sexteto fantástico do Supremo foi o grupo que ficou mais apavorado com a velocidade da queda de Evo Morales. O Presidente boliviano caiu após um duro e direto recado dos comandantes militares. As legiões de lá apenas demonstraram que “suprema”, de verdade, é a vontade legítima do povo. O resto pode ser substituído. Legionários daqui interpretam que o recado foi entendido na Praça dos Três Poderes, em Brasília, principalmente em pelo menos seis salas do prédio do STF.

Tudo bem que os generais bolivianos têm tradição de intervenção. Mas o que chamou a atenção foi a rapidez com que “Las Fuerzas Armadas del Estado Plurinacional de Bolívia” agiram para resolver a crise institucional criada pela quarta reeleição fraudada do Morales. Os oficiais apenas “sugeriram” que o Presidente renunciasse ao mandato presidencial. Fizeram por escrito e lendo um comunicado de 12 linhas à imprensa. Os militares bolivianos deram uma resposta imediata à falência moral do Judiciário na questão eleitoral e institucional, “para não manchar com sangue, dor e luto às famílias”.

Na Bolívia, ocorreu o que agora se chama de “Golpe Popular”. O Supremo Povo na Rua pressionou, houve radicalização, o Presidente  perdeu a sustentação e os militares “sugeriram” que renunciasse. Detalhe importante: os militares não promoveram “intervenção” diretamente. Invocaram o artigo 20 da legislação das Forças Armadas bolivianas (uma espécie de artigo 142 da nossa Constituição, kkk), e os Generais cumpriram seu dever institucional. Os militares não tomaram o poder... Evo Morales, seu vice, os presidentes da Câmara e do Senado é que se viram forçados a “pedir para sair”...

Além do sexteto supremo, quem também deve ter entendido o recado militar/popular boliviano foi o companheiro $talinácio. Ao ganhar liberdade, radicalizou e esculachou as instituições, ao reclamar que foi condenado pelo "lado podre do Estado brasileiro, o lado podre da Justiça, o lado podre do Ministério Público, o lado podre da Receita Federal, o lado podre da Polícia Federal, que trabalharam para tentar criminalizar o PT, criminalizar o Lula".

Uma reação às bobagens ditas pelo $talinácio veio do presidente do Supremo Tribunal Federal. Sem citar o ex-companheiro, Dias Toffoli mandou um recado aos radicalóides: “O Judiciário e a Justiça são feitos para a pacificação social. Se alguém quer se valer da Justiça para uma luta social, não vai conseguir. A Justiça não tolerará uma crise institucional e saberá agir a tempo e a hora”. Toffoli acrescentou: “Radicalismo não leva a lugar nenhum. O que se espera é que as pessoas tenham serenidade e pensem no Brasil”. Também lembrou e frisou: “A nação brasileira é devedora das Forças Armadas para a construção do Brasil e para a unidade nacional, assim como o Judiciário”. E completou: “O Judiciário saberá agir no momento certo”. 

Depois do que disse Toffoli, vamos desenhar para quem ainda insiste em não entender: A queda do cocaleiro Evo Morales indiretamente mandou um recado claríssimo ao nosso onipresente Sexteto Supremo: nas sociedades do século 21 somente o POVO e a Vontade Popular é de fato SUPREMA.

Alto Comando do Exército Brasileiro
e o General Villas-Bôas: Atentos...

Além de Toffoli, os militares também detestaram a verborragia do condenado por corrupção. Inclusive, nos bastidores, generais mandam recados de que terão tolerância zero com protestos radicais e violentos como os que acontecem em países vizinhos. Por isso, $talinácio bota as barbas de molho em relação aos Generais. Aliás, Lula já avisou a aliados que está “intrigado” com a posição dos militares no Governo Bolsonaro. O provocador $talinácio pensa em indagar qual é a postura dos militares em relação à soberania nacional...

As repugnantes autoridades das Republiquetas das Bananas demoram a aprender que a paciência da população tem limites. Nos anos 80 e 90 as oligarquias brasileiras se revezaram no poder utilizando-se do aparelhamento financeiro das mídias tradicionais: TVs, Rádios e Jornais.

BILHÕES de dinheiro dos contribuintes foram repassados aos coronéis das mídias jornalísticas, com a desculpa de informar à população o que o poder público estava fazendo pela Nação Brasileira. Hoje, esses mesmos coronéis da mídia brasileira, investem milhões em propagandas e reportagens para “alertar aos contribuintes brasileiros” que as redes sociais só divulgam “fake News”.

O poder de controle destes coronéis da mídia foi mortalmente abalado pelas Redes Sociais. Países sem tradição de mobilizações populares como a Bolívia e até mesmo o Chile explodem as oligarquias que as reprimem e enganam. A classe média ganha protagonismo.

Desenvolvimento econômico e social é algo que tem de existir na prática. Emprego, Educação, Saúde e Segurança para nossas famílias. Essa é a obrigação do poder público republicano em qualquer lugar civilizado da redonda Terra.

Enriquecer e proteger uma elite perdulária, corrupta e criminosa afronta a vontade do povo – que agora reage.

A queda veloz de Evo Morales enviou um alerta a todos as oligarquias latino americanas: a mobilização popular é a verdadeira SUPREMA CORTE DEMOCRÁTICA.

Sexteto e outros mais ou menos votados, entendam esse recado. Enquanto ainda é tempo... Pois a Bolívia pode ser aqui...

Poder? Tudo ilusão... “Oh quam cito transit gloria mundi”...

Boa vida capitalista do socialista Morales



A invasão da casa de Evo Morales, em Cochabamba, confirmou que o discurso socialista/comunista só vale para os outros, pobres e favelados, e não para os dirigentes políticos da cúpula...

Releitura recomendada

Vale reler o artigo de Renato Sant’Ana, ´publicado aqui em 23 de outubro: "Desmascarandomentira de segunda".

Releia o artigo: IBRASG em Defesa do Dinheiro Público


Colabore com o Alerta Total

Jorge Fernando B Serrão

Itaú - Ag 9155 cta 10694 2

Banco do Brasil - Ag 0722-6 cta 209.042-2

Caixa (poupança) - 2995 013 00008261-7

Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

Jorge Serrão é Editor-chefe do Alerta Total. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.  A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Apenas solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 11 de Novembro de 2019.

11 comentários:

Vanderlei Lux disse...

Meu caro Jorge Serrão, só em sonhos (devaneios, na realidade) é que essa atual conjuntura das FFAA brasileiras fariam algo análogo ao que fizeram as FFAA bolivianas.

O tetraplégico do exército, que é tido como 'herói' da nação, nada mais fez aquilo que reza a cartilha petista: "se vai atrapalhar, melhor não fazer nada!".

Ou tu acha que o tal 'sexteto fantástico' teria tido a animação toda da semana passada se tivesse recebido um recado parecido como aquele que os militares bolivianos passaram ao índio cocaleiro?

Loumari disse...

Quem mesmo ainda crê que Brasil é uma nação? Terra de homens concebidos de espermatozóides MEDÍOCRE, vivem a vida na condição de medíocres e perecerão sendo MEDÍOCRES.
Não constrói nada mas tem muita garganta para falar mal dos outros e amaldiçoar homens que queiram ou não, entraram para os anais da História e seus nomes gravados para sempre.
O vosso Brasil dentro de muito pouco vai pegar fogo e nada vão poder fazer para frenar flagelo destrutivo que se avizinha. BANDO DE MEDÍOCRES. INÚTEIS.

Loumari disse...

CORAÇÃO DE MARIA TRIUNFARÁ

Se eu caio nesta ou naquilo, certo que me sentirei triste, mas de coração humilhado terei que aceitar o que se segue; se estes dois sentimentos pudessem ser separados, me alegraria com a humilhação e rejeitaria o mal e o pecado. Mas, tendo em conta a caridade, devemos as vezes ocultar a nossa fraqueza para edificar os outros. Neste caso, devemos ser discretos a vista dos outros para que não se escandalize, mas não de nosso coração, pois servirá para edificá-los.


OBS: Muitas pessoas empenhadas nas obras de caridade, nas acções de graça, muitas vezes fazem passar a sua própria pessoa no último das prioridades. Quantas vezes, muitos destes bons samaritanos esquecem até de comer, para não fazer esperar aquele que clama por ajuda?
Como diz a Palavra Divina: 1 CORÍNTIOS 13:4 A caridade é sofredora; é benigna; a caridade não é invejosa; a caridade não trata com leviandade; não se ensoberbece;
5 Não se porta com indecência; não busca seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;
6 Não folga com a injustiça, mas folga com verdade;
7 Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
8 A caridade nunca falha,

aparecido disse...

Seria lindo ver o Tofoleco fugir vestido de mulher... rsrsrsrsrsrsrsrsr

aparecido disse...

Para o carecão fugir é mais fácil.. basta uma boa peruca....nem precisa de vestido....

Anônimo disse...

Esse artigo do Serrão desperta em nós uma preocupação:Será que nossos queridos generais entenderam mesmo o recado dos bolivianos? O povo brasileiro com sua índole pacífica,já deu o recado! Ou será que estão esperando confronto,pessoas do bem morrendo numa luta fratricida,para acabarem com esse sexteto? O Centrão já está querendo acabar com a prisão em segunda instância!Até quando?

Sérgio Alves de Oliveira disse...

Estão muito "engraçados" esses LADOS PODRES citados por Lula. Têm LADOS PODRES, o (1)Estado Brasileiro; (2)a Justiça ; (3) o Ministério Público; (4) a Receita Federal,e ; a (5) Policia Federal. Parece que só não tem "lado podre" as Forças Armadas. Será que ele esqueceu? O que teria havido para essa omissão? Alguém consegue desvendar esse "mistério"? Ou será que o valentão balaqueiro teria sido interrompido por uma brutal diarreia que o teria forçado a omitir esse último "lado podre"?

ARS disse...

Os supremos meretríssimos abriram as portas do inferno. Agora, que provem do seu próprio veneno. Os criminosos que, por ventura, queiram eliminar alguns delles poderão ficar livres até o dia do juízo final, se tiverem nobres advogados que peçam recursos ad aeternum.

Anônimo disse...

A casa de Evo Morales não é luxuosa. O banheiro é minúsculo, como os de apartamentos pequenos nas cidades brasileiras.

CRISTÃO INDIGNADO disse...

Confesso que não estou suficientemente informado para um juízo de valor sobre os acontecimentos na Bolívia, a depender dos canais de televisão no Brasil, continuarei desinformado. No século XXI tendo a acreditar que povo na rua é golpe, por incrível que pareça. Povo hoje é sinônimo de massa de manobra, o “povo” vai à rua sob os comandos do Facebook e do Whatsapp. É incrível como estes conseguem, da mesma forma, retirar o povo da rua depois de cumprida a missão. Dito isto, a espera do nosso Exército pela convocação popular é de uma ingenuidade absurda, o Exército deve liderar, ao contrário de ser liderado pelo “povo” (Facebook, Whatsapp, etc.). As ameaças à Nação estão aí pra quem tem olhos para enxergar...

O casamento gay, as cotas raciais, o uso desregulamentado de banco de sêmen humano, a proibição de livros (é verdade, o STF tem uma lista de livros proibidos), a iminente aprovação do aborto, são motivos mais do que suficientes para a utilização da Força no intuito de arrumar a casa. Não vamos esquecer que algumas cobras criadas do STF só não foram pra casa devido a um golpe branco conhecido, eufemisticamente, como PEC da bengala.

Voltando ao assunto Bolívia, segue abaixo um artigo em inglês escrito por um brasileiro que vive em São Paulo, chamado Marcos. Foi publicado no site do Henry Makow, judeu canadense.

https://www.henrymakow.com/2019/11/good-riddance-evo-morales.html

Espero que gostem, caros leitores.

Unknown disse...

Babaca, tu não deve ser brasileiro,eu não me escondo,mas tu deve ser um covarde que não se identifica.O espermatozóide do qual fui formado é bem mais do medíocre. Respeito é bom e conserva os dentes.