quarta-feira, 20 de novembro de 2019

No que vai dar o papo de Lula com militares?



Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net
Siga-nos no Twitter - @alertatotal

A petelândia volta a divulgar, com intensidade, que o companheiro $talinácio quer buscar um diálogo com militares ou interlocutores deles. A intenção do corrupto condenado é amenizar a animosidade da maioria esmagadora dos integrantes das Forças Armadas contra ele e o PT. Lula sai no lucro, antecipadamente, com esta manobra política.

Lula cumpre três objetivos táticos. Primeiro, dissimular “nacionalismo”, alinhando o discurso com generais que criticam as privatizações. Segundo, reunir e “tirar do armário” alguns militares “melancias” que simpatizam com o populismo socialista do PT. Terceiro, tirar proveito dos ruídos de Bolsonaro com a ala militar que o ajudou a se eleger.

No fundo, Lula atua para atrapalhar a mínima hipótese de que os militares aceitem partir para uma repressão contra um eventual retorno da esquerda ao poder. O fato objetivo é que são ainda improváveis, na projeção momentânea de cenários, tanto a tese da “Intervenção” quanto uma nova ascensão eleitoral da sinistra canhota. Também é baixo o risco de uma “revolta popular”, a não ser que ocorra um desastre econômico (hoje, sem chance, muito pelo contrário).

Apesar dos muitos apelos de aliados, Jair Bolsonaro, com toda sinceridade, só quer seguir governando normalmente. Este comportamento do Presidente é tudo que a esquerda não quer. Lula prefere um Bolsonaro raivoso, autoritário, com quem possa estabelecer um contraponto. Se Bolsonaro deixar Lula falando sozinho, sem dar exagerada importância a ele, fica apenas com o discurso radical vazio o corrupto que sabotou e promoveu a roubalheira no Brasil.

Assim, as eventuais conversinhas de Lula com os militares tende a ter importância alguma na realidade da governabilidade. Felizmente, $talinácio não é o problema mais grave do Brasil. A desgraça real é o comportamento político, quase militante, da metade (quase maioria) dos componentes do Supremo Tribunal Federal. As decisões equivocadas de cinco ou seis milistros têm capacidade de desestabilizar o País, na medida em que enfraquece o combate à corrupção e, por extensão, beneficia a bandidagem institucionalizada.

Em Brasília, não tem feriado neste 20 de novembro. O plenário do Supremo se reúne neste Dia da Consciência Negra para decidir se mantém ou não a decisão de seu presidente José Dias Toffoli suspender todos os casos em que os órgãos de controle compartilharam dados fiscais e bancários com o Ministério Público sem antes ter a permissão de um juiz. A canetada de Toffoli paralisou 935 procedimentos de investigação, inquéritos e ações penais em todo o Brasil. A sessão do STF promete ser tensa...

Resumindo: O problema mais  grave não é Lula conversar com militares que topem ouvi-lo... Perigo real é a Corte Constitucional do Brasil entrar no joguinho de Lula...

Colabore com o Alerta Total

Jorge Fernando B Serrão

Itaú - Ag 9155 cta 10694 2

Banco do Brasil - Ag 0722-6 cta 209.042-2

Caixa (poupança) - 2995 013 00008261-7






Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

Jorge Serrão é Editor-chefe do Alerta Total. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.  A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Apenas solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 20 de Novembro de 2019.

16 comentários:

Vox disse...

Como disse Dr. Moro:"NÃO RESPONDO a CRIMINOSOS, PRESOS ou SOLTOS" que sigam o exemplo do Dr. Moro se quiserem manter o respeito que a nação brasileiro lhes tem. Esse elemento faz tempo ultrapassou todos os limites da ética, moral e nunca teve respeito com ninguém. Já passou da da hora de lhe impor limites.

Anônimo disse...

NUTAVAEL DIZ...
DUVI DE O DO QUE ALGUM ALMIRANTE, BRIGADEIRO OU GENERAL DE OUVIDOS, FAÇA CONTINENCIA E MUITO MENOS ACEITE FALAR COM ESTE IMUNDO VEGETAL DE NOSSO PLANETA.
ATE O MUNDO MINERAL SABE QUE ESTA CORJA PT, PMDB, PSDB, PSOL, PDT, FREDE, PSOL, PC DO B, PC E PQP SAO USEIROS E VESEIROS EM DESMORALIZAR NOSSO PAIS PORQUE O INTERESSE DELES SEMPRE FOI DO PODER PELO PODER.
MUITOS PENSAM QUE NOSSOS GENERAIS, BRIGADEIROS E ALMIRANTES SAO FURRECAS COMO O CONGRESSO FEDERAL, ESTADUAL E MUNICIPAL. SENADO E SUPREMAS CORTES DE BOSTA TANTO A FEDERAL COMO A ELEITORAL.
OS MILITARES DE NOSSO PAIS ESTUDAM, SABEM O MOVIMENTO DE TUDO E DE TODOS. QUEM APOSTAR NA IGNORANCIA DELES ESTA MAIS POR FORA DO QUE BUNDA DE INDIO.
NOSSOS MILITARES SEMPRE FORAM REFERENCIA MUNDIAL, ALEM DA SABEDORIA ELES RESPEITAM AS LEIS E A SOBERANIA DE NOSSO PAIS.
ELES SAO DISCIPLINADOS E NUNCA SE APOSENTAM. ISTO E UM FATO. TODOS OS DEBEIS MENTAIS DE NOSSO PAIS QUE E O PAIS DAS CHUTEIRAS SE ESQUECEM DOS SERVIÇOS PRESTADOS POR NOSSOS MILITARES QUE A PODRIDAO DA MERDIA MORTA NUNCA OVACIONARAM PORQUE VIVEM AFOCINHADA DENTRO DAS FAVELAS, AJUDANDO OS FAVELADOS E TRAFICANTES DE DROGAS.
ENQUANTO NOSSOS MILITARES SEMPRE CONSTRUIRAM NOSSO PAIS A MERDIA MORTA SEMPRE RETARDOU NOSSO AVANÇO DANDO PESSIMOS EXEMPLOS PARA OS JOVENS COM PROGRAMAS DE GENTE SURTADA QUE NAO TEM MORAL, NAO SE IMPORTAM COM A FAMILIA E MUITO MENOS COM AS RELIGIOES,
NOSSO PAIS CAVOU ELE MESMO ESTE DESERTO DE IDEIA, ESTE DESERTO DE CIDADANIA E ESTE DESERTO DE DESENVOLVIMENTO EM TODOS OS SENTIDOS.
A MERDIA MORTA SEMPRE CAVOU O FATIAMENTO DE NOSSA NAÇAO DIVIDINDO A VIADAGEM, A SAPATONAGEM OS NEGROS E OS VARIOS E VARIOS SEGUIMENTOS MENOS DOTADOS INTELECTUALMENTE A DIVISAO DE NOSSO POVO,
BRASILIA VIVEU E VIVE O FACTOIDE BRASILEIRO, O PAIS DAS CHUTEIRAS PATROCINADA COM MAOS DE FERRO POR PLIM,PLIM.
POR QUE PLIM PLIM QUE USA UM CANAL BRASILEIRO E A UNICA A PODER TRANSMITIR O FUTEBOL? ALGUEM JA SE PERGUNTOU ISSO? POR QUE ELES DEFENDEM COM UNHAS E DENTES ESTA AUTONOMIA DE USAR UM CANAL BRASILEIRO PARA INFRINGIR DIREITOS DO POVO BRASILEIRO DE ASSISTIR SEU CLUBE FAVORITO A NAO SER QUE TENHA QUE PAGAR RIOS E MAIS RIOS DE DINHEIRO PARA PODER ASSISTIR AOS JOGOS. QUANTO ESTA VAGABUNDAGEM DE PLIM PLIM COM PROGRAMAS SORDITOS, MENTIRAS E MAIS MENTIRAS ATRAVEZ DE JORNAIS TERCEIRO MUNDISTA VIVEM ESPALHANDO MENTIRAS E IDIOTICES PARA NOSSA JUVENTUDE QUE PRECISAM SE ADEQUAR AO MUNDO DAS COMPETIÇOES PARA PODER TER SEU LUGAR AO SOL. POR QUE TEMOS QUE TOLERAR ESTA MERDIA FURRECA COMO OUTRAS TANTAS TRATANDO O POVO BRASILEIRO FOSSE UM BANDO DE IMBECIS SEMPRE DE BOCA ABERTA ESPERANDO SUAS NOVIDADES E NOVELAS TERCEIRO MUNDISMO AJUDANDO A CRIMINALIDADE E VAGABUNDAGEM DO PAIS, CONTINUA.....

Anônimo disse...



NUTAVAEL DIZ II E TERMINA......

POR QUE LEIS ESPECIAIS PARA NEGROS, VIADOS, SAPATOES,MULHERES E OUTRAS DESIGUALDADE E OUTRAS ESPECIFIDADES SE TODOS SOMOS OBRIGADOS A OBEDECER AS LEIS DOS HOMENS E AS LEIS DE DEUS. DESDE QUE O MUNDO E MUNDO SEMPRE SE CONVIVEU E CONVIVE COM AS DIFERENÇAS, MAS OS DIFERENTES NAO PODEM TER TRATAMENTO ESPECIAL INFRINGINDO LEIS QUE DEVEM SER PARA TODOS, FOI CRIADO UM PACTOIDE DA SUPREMA SINFONIA INACABADA DA CORTE DE FARAOS DI EGITO PARA BENEFICIAR LADROES E EXECUTAR OS AGENTES DAS LEIS. ESTAMOS VIAJANDO NUM PAIS DE MERDA, SEM LENÇO SEM DOCUMENTO EM QUE CADA MINORIA FAZ SUAS PROPRIAS LEIS AFOCINHADOS DENTRO DO PODER MANDANDO E DESMANDANDO. ESTA NA HORA DE AJUSTE NESTE MODELITO MAMBEMBE QUE SO AJUDA VAGABUNDOS DO MERDA SUL, MERDA EUROPA E MERDA AFRICA DESPEJANDO SEUS DEJETOS EM CIMA DOS CIDADAOS DE BEM QUE TOCAM ESTE PAIS A SANGUE, SUOR E LAGRIMAS ENQUANTO OS VAGABUNDOS DO PODER QUE SAO SEMPRE OS MESMOS E A MERDIA DE MERDA COM A MESMA GESTAPO CONTINUAM OS MESMO GOZANDO DE PRIVILEGIOS QUE O CIDADAO COMUM JAMAIS, JAMAIS MESMO ALCANÇARA.
OU APROVEITAMOS O MOMENTO PARA DAR UM CHOQUE CIVILIZATORIO NO NOSSO PAIS OU ELE SEMPRE SERAM O ACORDO DRACONIANO EM QUE O CIDADAO E FERRADO E OS QUARENTA MULAMBENTOS QUE NAO EXISTEM EM NENHUM PAIS DO MUNDO CONTINUARAM DANDO AS CARTAS QUE SERAO TRANSFORMADAS AMANHA EM MAIS CINQUENTA QUE ESTAO ESPERANDO PARA ENTRAR NO MAR DE IDIOTICES DE FUNCIONARIOS PUBLICOS DE BOSTA ATRAVANCADORES DE NOSSO DESENVOLVIMENTO. CHEGA DE MARIAS CANDELARIAS E BARNABES., NOSSO PAIS ESTA FALIDO E NAO TEM DINHEIRO PARA SUPORTAR FALACIAS, VAGABUNDAGENS E MUITO MENOS FARAOS COM TANTA GENTE PASSANDO FOME. ABAIXO O CRETINISMO DO FORO DE SUM PAULO TRAFICANTES DE INFLUENCIA E DE DROGAS E VENDILHOES DE NOSSA PATRIA. O PAIS ESTA ATRAZADO EM SECULOS E A DEPENDER DOS DOENTES DOS QUARENTA PARTIDINHOS MEIA BOCA JAMAIS, JAMAIS MESMO SAIREMOS DO LUGAR. BERMUDES E ASSOCIADOS, KAKAIS E ASSOCIADOS E RAÇA PODRE DO SUPREMO FEDERAL E ELEITORAL ESTAO AI PARA CONTINUAR A DESMANTELAR NOSSO PAIS COM ASPONES CHEIOS DE CONVERSA FIADA PARA BOI DORMIR OBRANDO DENTRO DA CONSTITUIÇAO NAO CIDADA PARA BENEFICIAR CRIMINOSOS DO SERVIÇO PUBLICO. ISTO E CRIME CONTRA A NAÇAO E O POVO BRASILEIRO. TEM QUE DESVINCULAR NOSSO PAIS DESTA OPERETA FUNEBRE. ORDEM E PROGRESSO. TEM QUE FECHAR O PUTEIRO. NOSSAS FFAA NAO ESQUEÇAM QUE O SAPO BARBUDO E CACHACEIRO DISSE – EU DOU QUALQUER MIGALHA AS FFAA E ELES SAEM COM O RABINHO ENTRE AS PERNAS SEM DIZER NADA. ESTE E O SAPO BARBUDO QUE COMETEU COM A PUTA PORCA TODO O MALABARISMO JURIDICO AJUDADO PELA SUPREMA CORTE DE BOSTA. FALEI. ESPERO QUE NENHUM GENERAL, BRIGADEIRO E ALMIRANTE DA RESERVA OU DA ATIVA DE PAPO AO SAPO BARBUDO CACHACEIRO QUE VENDEU NOSSO PAIS PARA TRAFICAR INFLUENCIA COM MERDA SUL, MERDA EUROPA E MERDA AFRICA. ESTA NA HORA DE BALANÇO GERAL. CRIME DE GUERRA TEM QUE SER APLICADA A PENA MAXIMA PARA AGENTES DO SERVIÇO PUBLICO QUE PREVARICARAM E ROUBARAM. GRAÇAS A ESTA PROSTITUIÇAO VERIFICADA EM NOSSO PAIS DE AGENTES FABRICAREM ESTE MONTE DE IMPECILIOS AO NOSSO DESENVOLVIMENTO, VARIOS CONTINUARAM NA POBRESA, SEM SANEAMENTO, SEM SAUDE E MORRERAM NOS HOSPITAIS. CRIME DE GUERRA NAO PRESCREVE E A PENA TEM QUE SER A MAXIMA. CONSTITUIÇAO NOVA SEM ESCANINHOS PARA AJUDAR A BANDIDAGEM.

Anônimo disse...

https://pinheirochumbogrosso.blogspot.com/
quarta-feira, 20 de novembro de 2019

LULA LIVRE É GOLPE: DERAM UM CAVALO DE PAU NA LEI

Guilherme Fiuza

O Supremo Tribunal Federal se reuniu para rasgar sua própria decisão de apenas três anos antes sobre prisão após condenação em segunda instância por quê? De onde veio a motivação? Qual foi a divindade que instou os companheiros togados a dar esse cavalo de pau na aplicação da lei?

Como no período não houve qualquer mudança de conjuntura em termos de jurisprudência, leis ou Constituição, não é difícil identificar que divindade foi essa: Luiz Inácio Lula da Silva, O BOM LADRÃO – que, por uma coincidência divina, é o padrinho dessa vergonhosa corte, montada à imagem e semelhança do seu amo e senhor.

Exatamente isso: a única coisa que mudou no cenário judicial brasileiro entre 2016 e 2019 foi a prisão de Lula – e de vários de seus comparsas. Foi por isso que o STF foi desenterrar uma matéria sobre a qual já decidira em plenário – e não cabe a uma corte suprema ficar mudando suas decisões ao sabor do vento, como quem muda de toga. O Supremo se desdisse para soltar Lula.

E veja que detalhe eloquente no julgamento que ficará na história da Justiça (sic) como o casuísmo mais escancarado em favor de uma quadrilha: o ministro Gilmar Mendes, que em 2016 tinha votado com grande convicção a favor da prisão em segunda instância – lembrando inclusive que esta era a regra vigente nos países mais civilizados do mundo – deu uma PIRUETA e não apenas votou contra si mesmo, como fez questão de atacar ostensivamente, no seu voto, o juiz responsável pela prisão de Lula, Sergio Moro.

E o eminente Gilmar fez isso da forma mais subterrânea possível: citando as mensagens roubadas por hackers de procuradores da Lava Jato em conversas com Moro – muamba esta que rendeu um novelão na imprensa marrom, tentando incriminar Moro com interpretações fantasiosas a partir de um conteúdo que não comprometia absolutamente nenhum processo da força-tarefa. Pois veja que atestado inegável de boa fé: o ministro muda o seu voto ornando-o com alegorias do submundo da arapongagem petista, jogando esse balde de leviandade sobre o juiz que prendeu aquele que a imaculada corte estava reunida para soltar. Contando ninguém acredita.

Estão dizendo por aí que foi mais uma vergonha protagonizada pelo STF. Não, essa descrição está imprecisa. Tamanho e manifesto abuso de poder com a consequência única de beneficiar criminosos ligados inegavelmente a membros desse tribunal não é só uma vergonha – é um ataque à democracia. Onde está aquela estridente resistência contra o autoritarismo? Enjoou do teatro democrático? CONTINUA..

Anônimo disse...



CHUMBO GROSSO – CONTINUA II E TERMINA.....

Parece que sim. Sobre essa gente esclarecida que está celebrando uma manobra imunda para soltar o homem que vendeu o Brasil a um cartel de empreiteiras – um presidente que virouadespachante da Odebrecht para ficar milionário chupando o sangue do povo – o que se pode dizer é que, no eterno dilema entre ignorância e canalhice, são pessoas condenadas ao drama perpétuo de não pode alegar que não sabem ler.

Então é melhor mesmo se jogar com tudo no autoengano e beber até se esquecer de si na rave LulaLivre. Aliás, onde é a festa? No PT, na OAB, no PCC ou na P...?

Diante desse escândalo com um baralho inteiro de cartas marcadas – guerra declarada ao Direito – a força-tarefa pode e deve continuar o cerco a essa gangue, visando sua recaptura por flagrante tráfico de influência. Lava Jato, peça a prisão preventiva de Lula. Demonstre que ele permanece à frente da quadrilha que tenta obstruir a Justiça – nas investigações decorrentes das delações de Antonio Palocci e Léo Pinheiro. O modus operandi é conhecido – e já foi flagrado diversas vezes, como nos conluios e coações que resultaram no sepultamento da operação Castelo de Areia. A liberdade de Lula ameaça o combate à corrupção no Brasil."
Postado por Altamir Pinheiro às 11/20/2019 08:33:00 AM

Anônimo disse...

SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL: A BANDA PODRE TRIUNFOU
Josias de Souza

O Supremo Tribunal Federal atravessa uma fase de inédito desprestígio. Encontra-se sob ataque implacável. Mas, ironicamente, o desgaste da Corte não decorre das críticas vindas do Congresso, do noticiário, das ruas ou das mesas de bar. O Supremo é o único responsável pela desconstrução da reputação do Supremo.

Graças a uma liminar subscrita por Dias Toffoli há quatro meses, a tese segundo a qual movimentações financeiras suspeitas só podem ser compartilhadas após decisão judicial transformou o velho Coaf num arquivo morto. Se for avalizado pelo plenário no julgamento que começa nesta quarta-feira (20), esse entendimento aprofundará o processo de autodestruição do Supremo.

Criado em 1998, o Coaf tornou-se peça central da engrenagem anticrime. Casos de corrupção são intoleráveis. Ninguém gosta de dar de cara com a podridão. Mas os escândalos, quando desvendados, são bons. Oferecem a sensação de que criminosos foram desmascarados. Quando resultam em punição, são muito bons. Quando delinquentes poderosos tornam-se presidiários impotentes, os escândalos são ótimos. O Coaf ajudou a transformar a punição de larápios em algo corriqueiro.

Não há na legislação exigência de autorização judicial para comunicar ao Ministério Público transações com cheiro de crime. Mudar regras no meio de um jogo que corre há duas décadas é ruim. Alterar as normas num instante em que a corrupção perdia de goleada é muito ruim. Fazer isso a pedido de um filho do presidente da República que foge de uma investigação cabeluda é péssimo.

No processo autodestrutivo a que se dedica o Supremo, a investida contra o Coaf é apenas mais um golpe da Corte contra sua própria reputação. Chega nas pegadas de uma notável sequência de decisões corrosivas. Por exemplo:

1) O Supremo transferiu a competência para o julgamento dos crimes de corrupção, quando conexos com delitos eleitorais, de uma Justiça Federal crescentemente implacável para uma Justiça Eleitoral cujo desaparelhamento conduz à impunidade.

2) Considerou inconstitucional a condução coercitiva, que vigorava havia quase 80 anos.

3) Transferiu para o Legislativo a palavra final sobre medidas cautelares – afastamento do mandato, por exemplo – impostas a parlamentares pilhados na prática de crimes (pode me chamar de Aécio Neves). CONTINUA......

Anônimo disse...


CHUMBO GROSSO – CONTINUA II E TERMINA.....
4) Concedeu mais de 50 habeas corpus para abrir as celas de gente graúda. Sobretudo no Rio de Janeiro, um estado devastado pela corrupção.

5) Valeu-se de uma norma não prevista em lei para atrasar o relógio de processos em que réus delatores e delatados juntaram suas alegações finais nos processos simultaneamente. Decidiu-se que os dedurados precisam falar por último.

6) Alterando jurisprudência que havia confirmado em quatro julgamentos, o Supremo revogou a regra que permitia a prisão de larápios condenados na primeira e na segunda instância. Abriu dezenas de celas, entre elas a de Lula. E restabeleceu o cenário em que a concretização da justiça é um momento infinito, que os advogados caros e a prescrição impedem de chegar.
Se houvesse uma unidade entre os 11 ministros que compõem o plenário do Supremo essas decisões seriam ruins. Num colegiado marcado pelas concepções diferentes sobre a aplicação do Direito, as deliberações são muito ruins. Sacramentados em votações nas quais a maioria prevalece por 6 votos a 5, os veredictos proporcionam uma sensação de insegurança jurídica que é péssima.

O problema não é saber se a opinião pública deve pautar ou não o Supremo. A questão é que, com o seu processo decisório confuso e imprevisível, o Supremo premia corruptos e joga no lixo o trabalho de juízes de instâncias inferiores, de procuradores e de policiais federais.

A plateia fica tentada a interrogar os seus botões: Ora, se os temas são controversos a ponto de atear divisão no plenário, por que diabos a maioria não opta pela interpretação desfavorável aos criminosos?

No julgamento do mensalão, o Supremo amealhara um prestígio social jamais visto em sua história centenária. Hoje, o mesmo Supremo leva sua reputação pela trilha que conduziu a vaca para o brejo. As decisões do Supremo geram uma impressão de que não adianta.

A um escândalo sempre se sucederá outro. Políticos condenados reincidirão nos crimes enquanto recorrem em liberdade aos tribunais de Brasília. Empresários corruptores não voltarão a abrir o bico em acordos de delação, pois nenhuma premiação será maior do que a liberdade perpétua.

Num cenário assim, tão desolador, é impossível o Supremo ter de volta a simpatia da sociedade. A sensação é de cansaço. Aquilo que alguns ministros do Supremo chamam de reputação constitui, na verdade, a soma dos palavrões que seus veredictos inspiram nas mesas de bar. Ali, prevalece a impressão de que a banda podre triunfou.

Postado por Altamir Pinheiro às 11/20/2019 07:44:00 AM

Anônimo disse...

BLOG DO ALUIZIO AMORIM
terça-feira, novembro 19, 2019

BANCADA COMUNISTA NA CÂMARA FEDERAL TRAVA APROVAÇÃO DA LEI DO SANEAMENTO. PREFERE ESGOTO A CÉU ABERTO!

Uma das ameaças mais dramáticas à saúde da população brasileira é a precariedade do sistema de esgoto de nossas cidades! Sim, porque na verdade as cidades brasileiras, em dramática maioria, não possuem sistemas de tratamento de esgoto. Incrível é que o movimento ambientalista jamais lançou uma campanha em defesa do meio ambiente que contemple esta dramática realidade. A grande mídia, igualmente, não pauta esse assunto. Tanto é que me chamou a atenção um artigo no site da Gazeta do Povo assinado por Pedro Menezes, que não integra a redação do jornal.

O articulista alerta para este fato: a bancada dos comunistas na Câmara Federal, como não poderia deixar de ser, impede que o Projeto de Lei do Saneamento avance porque prevê a abertura de participação da iniciativa privada. Sim, porque a participação de empresas privadas quebra o monopólio estatal e, com isso, a dominância do sindicalismo comunista nessas empresas estatais. E, convenhamos, o estatismo é merda pura! Portanto, reputo esse assunto por demais importante e transcrevo o texto de Pedro Menezes, cujo título original é: "Em defesa do cocô, esquerda atrasa PL do Saneamento". Leiam:

"Poucas políticas públicas são tão unânimes quanto a provisão de água e esgoto para quem não tem acesso. Com mais de 90% da sua massa formada por bactérias, muitas delas associadas a doenças graves, o cocô pode ser fatal. Infecções causadas por esgoto inadequado estão entre as principais causas de morte inevitáveis, sendo muito frequente nos países emergentes.

Além de matar, o contato com cocô não-tratado prejudica o desenvolvimento cognitivo das crianças. Por exemplo: um estudo de Dean Spears e Sneha Lamba, do Banco Mundial, mostra que um bebê com acesso a saneamento básico tem maior probabilidade de reconhecer letras e números já no primeiro ano de vida.

O leitor consegue imaginar muitas coisas mais cruéis do que restringir o potencial de um bebê logo no início da vida por conta de um problema social evitável? Eu tenho dificuldade. A falta de acesso a água limpa (realidade de 35 milhões de brasileiros, segundo o Instituto Trata Brasil) e esgoto tratado (cerca de 100 milhões) deveria estar entre as maiores vergonhas nacionais.

Segunda a Organização Mundial da Saúde, 1 real investido em saneamento gera de 3 a 34 reais em benefícios diversos, como aumento da produtividade e redução drástica da ocorrência de diarreias. Talvez a diarreia soe banal para você, mas é uma das doenças que mais matam no planeta.

O Brasil tem um plano de metas para universalizar o saneamento até 2033. No ritmo atual de investimentos, isso não deve ocorrer antes da década de 2060. Atualmente, o Estado é dono de mais de 90% das empresas que operam no setor, geralmente através de estatais estaduais, como Sabesp e Sanepar. CONTINUA....

Anônimo disse...


BLOG DO ALUIZIO AMORIM – CONTINUA II......

O modelo baseado em estatais estaduais atrasa a expansão do saneamento no Brasil. Um estudo da CNI indica que, na média entre 2013 e 2015, São Paulo investia anualmente cerca de R$ 1.558,25 para cada habitante em acesso a esgoto. Em Rondônia, o investimento foi de R$ 36,80. Como os estados mais ricos têm estatais mais ricas e maior acesso a saneamento, os locais que menos precisam de investimentos são justamente os que mais recebem.

Esse modelo tem um detalhe ainda pior. Nele, as estatais não precisam se incomodar com planos de longo prazo ou interesse público. Isto porque a legislação em vigor permite que prefeitos contratem estatais de saneamento sem a necessidade de licitação ou qualquer tipo de concorrência pública. Basta utilizar um instrumento chamado “contrato de programa”, que exige pouca contrapartida. Em alguns contratos, a prefeitura pode até exigir novos investimentos, mas não há meio adequado para a fiscalização.

O contrato de programa é um instrumento precário sob o ponto de vista do cidadão. Com frequência, as prefeituras topam mesmo assim, o que acaba sendo politicamente conveniente para municípios que dependem de dinheiro estadual e de favores ao governador.

Num contrato de concessão, por exemplo, há um leilão aberto a todas as empresas. Ganha quem oferecer as melhores condições de preço, qualidade do serviço, limpeza da água e outros critérios técnicos. A maioria das empresas privadas opera por esse tipo de contrato. Quem descumpre o combinado sofre processos milionários e é acompanhado de perto pelo Ministério Público. Não por acaso, o investimento por habitante praticamente dobra nas poucas cidades brasileiras que realmente privatizaram o saneamento.

Há algum tempo, desde 2018, o Congresso discute uma mudança na lei que rege o setor. Ao contrário do que diz parte da imprensa, o projeto não privatiza nenhuma empresa. Em manchetes, a Folha tem chamado o projeto de lei (PL) de “privatização do saneamento”. É mentira.

Na prática, o trecho do texto que causa essa polêmica é o fim dos contratos de programa. Caso o PL seja aprovado, todos os novos contratos serão em regime de concessão, com concorrência, fiscalização e critério. Enquanto o Brasil sofre com um problema do século 19, o Congresso sentou no texto e se recusa a discuti-lo.

Há esforços notáveis em sentido contrário. A presidência da Câmara tem se preocupado com o assunto e, há mais de um ano, insiste na pauta. No Senado, um esforço hercúleo de Tasso Jereissati (PSDB-CE) conseguiu aprovar uma versão desidratada, que ainda permite a renovação dos contratos de programa existentes sem limites para nova aprovação.

Os governadores lideram a oposição à proposta. Nem todos são de esquerda – o goiano Ronaldo Caiado (DEM), por exemplo, é feroz opositor do PL. Alguns deputados do PSDB paulista, como Samuel Moreira, são ligados à Sabesp e não gostam da ideia. A maioria, porém, integra partidos de esquerda. E não são apenas alguns governadores do Nordeste. O PSOL talvez seja o partido mais ativo na oposição ao PL do Saneamento.

“Somos radicalmente contrários a essa privatização do saneamento básico no Brasil. Vamos estabelecer uma resistência frontal”, promete Ivan Valente, líder do PSOL na Câmara. O discurso, é claro, sempre vem embalado em tons de justiça social e rebeldia jovem. Quando Ivan Valente fala em “resistência frontal”, ele deve imaginar que está em Paris, 1943, resistindo contra a ocupação nazista. A realidade se parece mais com uma favela em Maceió, onde um bebê ingere cocô diluído e sofre danos permanentes por isso. CONYINUA....

Anônimo disse...



BLOG DO ALUIZIO AMORIM – CONTINUA III E TERMINA.....

Na França, Alemanha, Japão e em grande parte do mundo, as estatais de saneamento existem, mas concorrem com um número expressivo de empresas privadas. Não há um domínio que supera 90% da oferta, como no Brasil. Também não há contratos de programa e outras brasilidades por lá.

É sintomático que a oposição ao projeto tenha tanto sucesso. O PL do Saneamento anda a passos de tartaruga justamente porque uma ala ideológica do Congresso se aliou às corporações estaduais para proteger seus feudos políticos.

Na prática, o que PT, PSOL e PCdoB defendem é a ausência de licitação e transparência nos contratos de saneamento. Querem que a empresa estatal tenha prioridade em detrimento do serviço público. Nossa esquerda floreia seu discurso com ilusões de resistência, mas muito do que defendem é apenas o atraso puro e simples. Do site do jornal Gazeta do Povo
NUTAVAEL DIZ...
ELES SAO CONTRARIOS A PRIVATIZAÇOES PORQUE DEFENDEM OS EMPREGOS DE SEUS CORRELIGIONARIOS EM TODAS ESSAS ENTIDADES AGREGADAS E PENDURADAS NO ERARIO PUBLICO. DE LA ELES DAO EMPREGOS PARA OS VAGABUNDOS QUE NAO FAZEM NADA MAS NA HORA DO APERTO SAO DISPENSADOS PARA PODER FAZER AS BADERNAS DO PAIS.
DE LA ELES RECEBEM TAMBEM DINHEIRO PARA PODER MANTER SEUS ESTATUS QUO DE DEFENSORES DA PODRIDAO DOS QUARENTA PARTIDINHOS MULAMBENTOS PENDURADOS EM BENESSES E MAIS BENESSES E SERVIDORES ETERNOS DO MESMO MUTIRAO DE MERDA DE FABRICANTES DE FALACIAS DO PODER. NENHUM PAIS NO MUNDO DA DINHEIRO PARA OS QUARENTA MULAMBENTOS E MAIS QUARENTA QUERENDO ENTRAR NA FARRA DO BOI. A DEPENDER DE QIS E FALACIAS DE DEPUTADOS, SENADORES E SUPREMOS BESTEIROL JAMAIS SAIREMOS DA ESTAÇAO FICAREMOS SEMPRE SENDO PAIS DO FUTURO E NUNCA CHEGANDO A NADA. E MUITA CARNIÇA FEDORENTA FABRICANDO FALACIAS DENTRO DE CONGRESSO E SENADO E A FABRICA DE FAZER MUTRETAS PARA BENEFICIAR AGENTES DO MAL. ESTA NA HORA DE FFAA DEIXAR DE SEREM SUBALTERNOS A ATIVAREM A DEFESA DO PAIS. DEFESA DO JUIZ MORO, BRETAS E GAROTADA DA DEFENSORIA PUBLICA DE CURITIBA DE POLICIA FEDERAL DE CURITIBA QUEM ESTIVER CONTRA ELES NOS QUARENTA PARTIDINHOS MULAMBENTOS TAMBEM FAZEM PARTE DA MOLESTIA QUE ACABOU COM NOSSO PAIS. A MOLESTIA E PAIS DO FUTURO E FALACIA E AÇAO NADA. NAO TEM CONVERSA DO MEIO E MUITO MENOS DEFESA DE CRIMINOSOS DE GUERRA. A PALAVRA CERTA E TRABALHO E VERDADE E A CONSTITUIÇAO PERNETA TEM QUE SER JOGADA NO ESGOTO PORQUE SO SERVE PARA AJUDAR BANDIDOS DO PODER.ESTA NA HORA DE CRIAR UM PAIS E LEIS NOVAS PARA UM PAIS QUE PRECISA CRESCER E NAO CONTINUAR NO PAIS DO FUTURO QUE NUNCA CHEGOU NO PASSADO, NUNCA CHEGOU NO PRESENTE E NUNCA CHEGARA NO FUTURO A CONTINUAR A MARCHA DA DESTRUIÇAO DE TUDO E TODOS. AMANHA TEREMOS QUE DIVIDIR NOSSO PINICO COM OS INTRUSOS DO PAIS.

Anônimo disse...

No máximo, o corrupto e lavador de dinheiro, condenado forro, vai oferecer mais migalhas para alguns miltares melancias, como fazia no tempo em que desgovernava o País.
Ainda tem "milico-estrume" que, se cair de quatro, sai pastando e não levanta mais.

Anônimo disse...

O Larápio já descobriu que a ideia de caravanas pelo Brasil não vai dar certo e então agora tentará acordos por detrás dos panos. O que será que vai propor para que ele possa voltar a pilhar os Cofres Públicos.

Anônimo disse...

Excelente artigo! Vale a leitura.
Será que Toffoli queria mesmo preparar um dossiê financeiro para dar munição a Lula?
Aqui:
http://www.tribunadainternet.com.br/sera-que-toffoli-queria-mesmo-preparar-um-dossie-financeiro-para-dar-municao-a-lula/#comments

Anônimo disse...

O texto citado pelo anônimo das 2:59 PM é uma merda.
Mas, pior que o texto, é o site tribuna da falcatrua. O site citado, censura comentários pró (a favor) Bolsonaro, e falsifica FALSIFICA comentários contra Bolsonaro. PS: Lá o loumari assina com outro nick.

Anônimo disse...

Ao loumari das 2:59 PM

https://www.youtube.com/watch?v=DooS5AS5LzU

Anônimo disse...

NÃO FOI LULA QUE DECLAROU QUE ESTAVA CAGANDO E ANDANDO PARA OS MILITARES DAS FORÇAS ARMADAS?