domingo, 29 de dezembro de 2019

Judas de Ocasião


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Certa vez recebi um conselho de sábio: “Vive na correnteza; não teme as cachoeiras nem as pedras; afasta-te das águas remansosas onde prolifera a imundície e , ao chegar ao mar, não hesita, pois é o destino de todos os que bem viveram a travessia !”

Meu único parâmetro é a Verdade; talvez a minha verdade.

Sempre me lembro desses lindos versos: “En este mundo engañoso no hay verdad ni mentira; todo está subjugado al prisma por que se mira !”

A poucos é dado o discernimento; a menos ainda, a prudência e, a raríssimos, a humildade.

O Brasil vive dias conturbados. Um punhado de patriotas, é atacado sistematicamente pela ralé; em trajes de corte, mas ralé.

Dona Onça já deu mostras de que não sairá do berço esplêndido. Hélas !

A limpeza far-se-á sem ela.

Facta non verba.

C'est l'argent que fait la guerre!

Querido Mito, recusa falar com o cão egresso e com o judas ciário.

Não dá o mau exemplo; não “negocie”, não tergiverse, não transija!

Tudo dentro do estrito limite da Lei, trate-os a pão e água; como no tango.

Verás que todos, mijarão na rabichola. Despreze as bravatas, desouça os xingamentos e fale com o povo. De seu jeito simples e franco.

Feliz 2020!

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

Um comentário:

Vanderlei Lux disse...

Grande Mantiqueira, um otimista e romântico incurável.

Ainda depositando esperanças em lendas e "mitos". Eu sei... seu sei! Sou um cético incurável. Minhas décadas de existência nesse mundo me fizeram assim. Vi as melhores intenções trazerem as piores tragédias. Vi a idéia de controlar o átomo virar a arma mais devastadora nas mãos de loucos incuráveis. Vivi para ver um medicamento tido como cura para várias doenças virar um horror químico destruidor de corpos.

Dá ao homem uma pá, e ele a usará para arar a terra... e também para abrir a cabeça do seu vizinho.

Já vivi o suficiente para saber que o "mito" de fato virou um mito, perdido nas areias do tempo. O homem ainda tem mais 3 anos de governo, mas é como se já tivesse acabado. Alguns observadores já afirmam, de pés juntos, que de fato acabou, quando o mesmo já anda praticando o velho mal da política brasileira: se propagandeando para as futuras eleições, ainda faltando 3 anos de governo...

Feliz 2020 Mantiqueira!