terça-feira, 24 de dezembro de 2019

Zeromil, Zerocentos e Zerento Zero



Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Antes de postar um novo artigo, em respeito aos amáveis leitores, faço uma busca no santo Google.

Para minha surpresa, encontrei um vídeo com o título muito semelhante ao deste artigo.

Numa fração de segundo, compreendi que preciso fazer um curso de “emburrifação” se quiser continuar a escrever estas mal traçadas linhas.

O anti-herói tem quase duzentos mil inscritos em seu canal!

Em 2.020, se Deus quiser, escreverei mais crônicas de conteúdo relevante.
Verbi gratia: como usar um desumidificador de focinho de cachorro; a falta que um desentortador de banana faz em nossa vida ou ainda, técnicas de enxugamento de gelo.

Até lá, irei ao sabor do vento, por aqui ou ali, como uma folha morta.

Se a dita se chamar Inês, acautelai-vos ! Paixão de Pedro, o Cru, será rainha depois de morta e enviada como santa à Sublime Porta. Já que com a Última Flor do Lácio, ninguém mais se importa.

Depois de padecer por várias reformas ortográficas, resisto impávido e sem pecado, passeio pelo Chiado.

Até o Vate sabe que o purismo é disparate.

Que as tágides encantem meus sonhos e livrem-me de batorés e nhônhos.

Que algum dia floresça semente espargida ao léu. Quando o molusco já tiver ido ao beleléu.

Nenúfares adornem meu jardim e não um reles capim.

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

Nenhum comentário: