sexta-feira, 7 de fevereiro de 2020

Efemérdies (Não confundir com efemérides)


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

A esquerda canalha está perdendo a guerra de comunicação contra nosso querido Mito.

Relembremos a instrução final na batalha do Riachuelo: “Sustentar o fogo qua a Vitória é nossa !”

Por ironia, ambos sinais tinham a cor vermelha.

A palavra “vermelha” vem do latim vermiculum.

Usou-se muito no Brasil o sinônimo “encarnado”; o esmagamento do verme (inimigo) mostrou bem como a luta foi cruenta.

A gloriosa Marinha do Brasil teve como sua maior batalha, uma fluvial.

Ironia ou premonição.

Hoje nosso maior patrimônio são os rios navegáveis.

Criar uma defesa efetiva de nossa Amazônia é urgência urgentíssima.

Talvez ainda haja mágoa pela Proclamação da República, seguida da Revolta da Armada.

É necessário virar a página e estarmos unidos contra o inimigo externo. Os implantadores da Nova Ordem Mundial bem sabem que é preciso dividir para dominar.

Certa vez um sargento do exército dos Estados Unidos da América perguntou aos recrutas que seriam treinados e enviados aos campos de batalha na Segunda Guerra Mundial, qual era a maior arma de sua nação; ouviu várias respostas sobre equipamentos. Então disse: “Nossa melhor arma é o soldado americano que é um homem livre e um patriota !”

Deixemos a merda com os traidores!

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

Nenhum comentário: